Principais Notícias de Heavy Metal e Rock´n´Roll

Republica lança o clipe “Broken” e embarca para a Europa onde abrirá shows para o Scorpions e Alice Cooper
17/11/2017

Antes de cair na estrada para a tour europeia, onde abrirá os shows dos Scorpions e Alice Cooper, Republica lança o clipe “Broken” que registra o clima das gravações do álbum Brutal & Beautiful. Feito em Los Angeles e produzido pelo americano Matt Walace, o videoclipe foi gravado no estúdio Sound City, lugar de criação do álbum Nevermind, do Nirvana. Os fãs do Republica ganham a oportunidade de assistir como foi o clima da gravação do quarto álbum solo da banda através do videoclipe. Matt Walace, produtor, é reconhecido pelos seus trabalhos com grupos como o Maroon 5, Faith No More, Deftones, 3 Doors Down e R.E.M. “O projeto marcou um momento muito especial para a banda, pois foi um mês totalmente dedicado ao trabalho de gravação com um produtor super renomado, Matt Wallace, no estúdio Sound City, onde já pisaram grandes nomes do rock como Nirvana, Red Hot Chili Peppers, Rage Against The Machine e Slipknot”, declarou LF Vieira. Confira: https://www.youtube.com/watch?v=V2vx0ad5Gk4.
Formada por Leo Beling (vocais), LF Vieira (guitarras), Marco Vieira (baixo), Jorge Marinhas (guitarras) e Mike Maeda (bateria), a banda brasileira com seu Rock’n roll universal tem dado passos consistentes no mercado nacional, onde Brutal & Beautiful recebeu uma das mais altas avaliações pela revista Rolling Stone, e também no mercado internacional, onde vem recebendo críticas muito positivas em países como Itália, França, Holanda, Inglaterra, Bélgica e Finlândia. Music Waves (França) As faixas “Intimacy Of Your Soul” e “Tears Will Shine” atestam que o tom emocional também encaixa muito bem com a banda, enquanto a bucólica “Everything” nos lembra um pouco do que o Led Zeppelin fazia.
Metalhead (Itália): “O frontman da banda paulista, Leo Belling, imprime com seus ótimos vocais uma característica única às músicas”.
Metal Hammer (Itália) “‘Brutal & Beautiful’ é um álbum de coração doce… com musicas cativantes e pulsantes como ‘Black Wings’ e “The Maze”… com um enorme potencial, para ser apreciado em pequenas doses… e que com certeza irá fazer com que a banda atinja um reconhecimento maior fora do Brasil“
My Revelations (Alemanha): “O canto de Leo Belling me lembra um jovem Blaze Bayley (ex-vocalista do Iron Maiden)“
White Room (Holanda): “As onze músicas deste disco mostram que esses senhores brasileiros sabem como vender rock de forma cativante. Além disso, Republica também é abençoada com um cantor, Leo Beling, que sabe como entreter uma ampla audiência…”
Rock Portaal (Holanda): “Leo Beling tem uma voz sólida e inteligente e atrai toda a atenção para as músicas. A banda traz um som bonito e completo, apoiado por um lindo baixo.“
Sufisso Core (Itália): “Finalmente chega às lojas um grande álbum de rock alternativo e post grunge, capaz de gerar novas emoções nas gerações mais antigas e ao mesmo tempo suscitar o interesse dos mais jovens.”
Preparados para a turnê na Europa, o Republica abrirá os shows de alguns dos maiores nomes do rock internacional. Nos dias 24 e 25, a banda será responsável pelo show de abertura do grupo alemão Scorpions, que apresenta a turnê mundial Crazy World 2017. No dia 24, o grupo abrirá o show de Gothenburgo, no famoso estádio Scandinavium, e ,dia 25, na arena Ericsson Globe, na cidade de Estocolmo. Na sequência, a banda se junta ao ícone americano Alice Cooper, que encontrou nos bastidores do Rock In Rio antes da sua apresentação no Palco Sunset. Cooper segue em turnê mundial com o álbum Paranormal e o Republica abrirá os shows no dia 3 de dezembro, no teatro Salle Pleyel, em Paris (na França); dia 5, no Brielpoort, em Deinze (na Bélgica), e dia 07, na famosa sala de espetáculos Olympia, em Paris (França). A MIDIORAMA é responsável somente pela ASSESSORIA DE COMUNICAÇÃO deste evento, não tendo qualquer envolvimento ou responsabilidade sobre a produção, organização, venda de ingressos, agenda ou programação.

Queens Of The Stone Age: Clipe "The Way You Used To Do" disponível em todo o mundo
17/11/2017

Depois de ser lançado com exclusividade pela Apple Music, o Queens Of The Stone Age disponibilizou o satânico e divertido clipe de "The Way You Used To Do" para todos, confira: https://www.youtube.com/watch?v=3lw6MZBmY-U.  Escrito por Joshua Homme, dirigido por Jonas Akerlund e produzido por Serial Pictures, "The Way You Used To Do", apresenta um sonho doentio com a extravagância de um ritual satânico dançante que só o Queens of the Stone Age poderia apresentar para o igualmente diabólico e contagioso primeiro single de seu novo álbum, Villains. http://smarturl.it/Villains.

Joshua sobre a colaboração única com Akerlund: “Dançar e headbangear são expressões verdadeiramente individuais de se perder plenamente na apreciação musical. Quem mais para combinar estas duas coisas em uma visão singular do que a pessoa que dirigiu os vídeos da Madonna e Lady Gaga - e que também faz parte do Bathory?” - Joshua Homme. A colossal turnê de Villains termina 2017 com uma apresentação no próximo mês e com ingressos esgotados no KROQ Almost Acoustic Christmas, e a banda estará pronta para destruir 2018 com as datas confirmadas que já estão todas à venda, exceto Austin, que a venda começa hoje, 17 de novembro. Para saber tudo sobre a turnê fique ligado em www.qotsa.com.
QUEENS OF THE STONE AGE - VILLAINS ON TOUR

11/18/17 SSE Arena Wembley, London UK ~
11/19/17 Manchester Arena, Manchester UK (SOLD OUT) ~
11/21/17 The O2 Arena, London UK ~
11/23/17 Usher Hall, Edinburgh UK (SOLD OUT) ~
11/24/17 3Arena Dublin, IE (SOLD OUT) ~
12/02/17 WKQX The Nights We Stole XMAS, Chicago, IL (SOLD OUT)
12/03/17 93X Nutcracker, St. Paul, MN (SOLD OUT)
12/09/17 KROQ Almost Acoustic Christmas, Los Angeles, CA (SOLD OUT)

1/22/18 Save On Foods Memorial Centre, Victoria BC #
1/24/18 Pacific Coliseum, Vancouver, BC #
1/25/18 KeyArena at Seattle Center, Seattle, WA #
1/26/18 Rose Quarter - Veterans Memorial Coliseum, Portland, OR #
1/27/18 Hult Center For the Performing Arts - Silva Concert Hall, Eugene, OR #
1/29/18 Selland Arena at Fresno Convention Center, Fresno, CA #
1/30/18 Sacramento Memorial Auditorium, Sacramento, CA #
2/1/18 Bill Graham Civic Auditorium, San Francisco, CA *
2/16/18 The Cosmopolitan of Las Vegas - The Chelsea, Las Vegas, NV
2/17/18 The Forum, Los Angeles, CA +
2/21/18 Movistar Arena, Santiago, Chile
2/25/18 Maracana, Rio De Janeiro, Brasil ^
2/27/18 Allianz Parque, Sao Paulo, Brasil ^

3/02/18 Pedreira Paulo Leminski, Curitiba, Brasil ^
3/04/18 Estadio Beira-Rio, Porto Alegre, Brasil ^
3/07/18 Velez, Buenos Aires, Argentina ^
3/10/18 Palacio de Los Deportes, Bogota, Colombia
3/17-18/18 Vive Latino, Mexico City, Mexico
3/21/18 The Observatory North Park, San Diego, CA (SOLD OUT)
3/22/18 The Observatory North Park, San Diego, CA (SOLD OUT)
3/28/18 The Republik, Honolulu, HI
4/24/18 Austin360 Amphitheater, Austin, TX ** on sale 11/17 at 10am local
4/25/18 The Pavilion at the Irving Music Factory, Irving, TX **
4/26/18 Municipal Auditorium, Shreveport, LA **
4/27/18 Saenger Theatre, New Orleans, LA **
4/27-29/18 Welcome to Rockville, Jacksonville, FL
5/1/18 Bayfront Park Amphitheater, Miami, FL **
5/2/18 Mahaffey Theater, Saint Petersburg, FL **
5/17/18 Scotiabank Saddledome, Calgary, AB +
5/18/18 Rogers Place, Edmonton, AB +
5/20/18 MTS Centre, Winnipeg, MB +
5/22/18 Breese Stevens Field, Madison, WI +
5/24/18 Budweiser Gardens, London, ON +
5/25/18 Rochester Dome Arena, Rochester, NY +
6/7-9/18 Northside Festival, Aarhus, Denmark
6/12/18 Bergenfest, Bergen, Norway
6/25/18 InMusic Festival, Zagreb, Croatia
7/12-14/18 Mad Cool Festival, Madrid, Spain
7/13/18 Nos Alive, Lisbon, Portual

^ w/ Foo Fighters // ~ w/ Broncho // + w/ Royal Blood // * w/ Ty Segall // ** w/ Wolf Alice // # w/ Eagles of Death Metal. Links: www.qotsa.com. Fonte: Marketing e Promoção no Brasil ForMusic e Catto Comunicação: Simone Catto Joia e Denise Catto.

WRY lança clipe de “Life is Like a Dream”
17/11/2017

A banda WRY lança hoje em todas as plataformas digitais a música “Life is Like a Dream” (Deck). A canção em inglês fala sobre o quanto é bom sonhar. O clipe, dirigido e produzido pela Seven Cats Filmes, também já está disponível no YouTube. O vídeo foi roteirizado por Mario Bross (vocal, guitarra e sintetizador) e Vinícius Vidal e traz a participação do dançarino sorocabano Jorge Fernando. Para assistir, acesse: https://www.youtube.com/watch?v=p_hHlBwtKpw&feature=youtu.be.
Sobre WRY: Na primeira parte de sua carreira, o WRY manteve residência em Londres e Sorocaba (SP), lançando discos, vídeos, tocando em festivais e shows importantes. Na Inglaterra já dividiram palco com The Subways, The Cribs, ASH, The Joy Formidable e Connan Mockasin; trabalharam com Tim Wheeler (Ash) e Gordon Raphael, produtor dos primeiros discos dos Strokes. No Brasil tocaram com Forgotten Boys, Jota Quest, Ira!; foram headliners no Goiânia Noise em 2005 e fizeram o show principal no Auditório do Ibirapuera em 2006, no São Paulo Fashion Week. Em 2009 retornaram ao Brasil de forma definitiva com a turnê do disco “She Science”. Em 2010, por questões pessoais, anunciaram o fim.
No segundo semestre de 2014, a banda decidiu voltar com uma turnê pelo Brasil. Em 2015, a convite do Festival Primavera Sound (Espanha), realizaram 3 apresentações dentro da programação, que teve também The Black Keys, Alt-J, Ride, Caribou e Patti Smith. Essa turnê europeia os levou também de volta aos palcos de Londres e Liverpool, finalizando a viagem com apresentações em diversas cidades de Portugal. Entre 2015 e 2017 fizeram mais de 100 shows, lançaram 5 clipes, a cassete “Deeper in a Dream” e o vinil “Whales, Sharks and Dreams”, com músicas em português e inglês. Atualmente, além de realizar shows pelo Brasil, como o Festival Bananada, Circadélica, Woodgothic e Lobotomia, estão na pré-produção do sétimo álbum - que promete ser algo diferente para o grupo e fãs - explorando arranjos mais trabalhados e uma estética musical eclética, e mais uma vez com letras em português e inglês. O WRY é formado por Mario Bross (vocal, guitarra e sintetizador), Luciano Marcelo (backing vocal e guitarra), William Leonotti (backing vocal e baixo) e Ítalo Ribeiro (backing vocal, bateria e samplers). Ficha técnica Videoclipe: Direção, fotografia: Vinicius Vidal e Felipe Botti (Seven Cats Filmes)
Roteiro: Mario Bross e Vinicius Vidal // Produção: Vinicius Vidal e Simone Nolé
Beauty: Simone Nolé // Figurino: Simone Nolé // Operador de câmera: Felipe Botti
Assistente: Thiago Roma // Montagem, finalização e color grading: Felipe Botti // Dançarino: Jorge Fernando
Música: Produção: João Antunes e Mario Bross // Gravação: João Antunes, Lu Marcello e Mario Bross // Mixagem e masterização: João Antunes.

AttracthA: confira o lyric video de “Victorious”
17/11/2017

O ATTRACTHA lançou um lyric video para “Victorious”, terceira música de trabalho em divulgação ao álbum de estreia “No Fear to Face what’s Buried Inside You” (2016). O vídeo foi produzido por Tiago Curti da In Mídia Digital, confira: https://youtu.be/k0ItTS0Aob4. “No Fear to Face what’s Buried Inside You” teve produção a cargo de Edu Falaschi, mixado e masterizado por Damien Rainaud no Mix Unlimited Studios em Los Angeles/EUA. A capa e conceito de arte foram criados em parceria com o artista João Duarte. Acompanhe Attractha no facebook www.facebook.com/AttracthA.

Miragem é música-tema de novo clipe da Trayce
17/11/2017

A banda Paulista Trayce prepara apresentação de mais um vídeo clipe para a era do álbum lançado em abril. Miragem, faixa que batiza o terceiro disco do grupo, ganhará vídeo oficial dia 30 de Novembro. Dirigido pelo vocalista da banda, Raphael Castejon, Miragem é a terceira música do CD a ganhar videoclipe e será disponibilizado no Youtube. Os antecessores na videografia são Domadores e O Culto. Miragem fala de pessoas que se apoiam nos paradigmas religiosos contra os problemas materiais e ilustra a dualidade entre o conceito de sagrado e a coerência científica. “No clipe uma atriz simboliza a personificação da natureza como Ser. Uma brincadeira, pois o Ser que me refiro é o Todo e o Todo não pode ser representado. Ela elucida a lei natural da vida, já que a musica cita "seu santo se quebrou" uma metáfora as pessoas que se apoiam em crenças esperando que seus problemas materiais se resolvam, explica Castejon.
O clipe de Miragem coroa a boa fase da banda que vem de recente apresentação no Rock na Praça para cerca de 10 mil pessoas. O festival se consolidou como um dos maiores do gênero em São Paulo. Antes do lançamento do clipe Miragem, Trayce que além de Castejon conta com Rafael Palmisciano (baixo), Fabricio Modesto (guitarra), Cadu Gomes (bateria) e Alex Gizzi (guitarra), cumpre agenda de show em 03 de dezembro no 46 Fest III, evento que marca o lançamento de “TR3S” disco novo do Project 46, no Tropical Butantã. Links relacionados: www.trayce.com.br; www.youtube.com/trayceband; www.facebook.com/trayceoficial e Spotify: bit.ly/trayce-albuns

Open The Road Festival: Confira informações completas sobre local, camping e ingressos
17/11/2017

O Open the Road Festival será realizado nos dias 10, 11 e 12 de fevereiro, na Xákara Eventos, em Londrina/PR. Nesta sexta edição, o festival será no formato open air (ao ar livre) e terá 18 bandas dos mais variados estilos do Rock e Heavy Metal de diversos países da América Latina. Ainda contará com camping, food-trucks, cervejas e chopps artesanais, drinks exclusivos, restaurante, cafés especiais e mais surpresas. Os ingressos para o festival podem ser adquiridos através do site Ticket Brasil e dos pontos de venda físicos divulgados no site da Open the Road Agency. A entrada para o festival é vendida em ingressos combo para os três dias de festival, que inclui camping e estacionamento, e também os individuais que são comprados separadamente. Adquira seu ingresso via Ticket Brasil: https://ticketbrasil.com.br/festival/5483-opentheroadfestival-londrina-pr/.
Já foram anunciadas 16 bandas que farão parte do Open the Road Festival Open Air: Anal Vomit, Atomic Aggressor, Arcano, Axecuter, Biter, Burn the Mankind, Conquistadores, Dominus Praelii, Genocídio, Holocausto, Interceptor, Mandrágora, Masacre, Metaluria, Leviaethan e The Force. Organizado pela Open The Road Agency, o Open The Road Festival promove a diversidade cultural e promete ser uma reunião de fãs de todo o continente, além de ser uma opção atrativa para aproveitar os dias de feriado de Carnaval.
Sobre o festival:  As cinco primeiras edições foram marcantes, com diversos nomes de peso de todo o mundo como Benediction, Nile, Satan, Tokyo Blade, D.R.I., Assassin, Ratos de Porão, Violator, Manilla Road, Vulcano, Mystifier, Farscape, Metalucifer, Morcrof, entre outros. Outra grande novidade é que o festival fará sua migração de São Paulo para Londrina, cidade sede da agência e administradora do festival. O motivo é devido à agência contar com diferentes apoios e patrocinadores em sua cidade, que farão possível a realização desta edição. O festival mantém o mesmo formato das edições anteriores, que é mesclar diferentes estilos de Rock/Metal e unir bandas de todo o mundo. Nesta edição daremos ênfase na união de todo o continente latino-americano, tendo como meta tornar o evento uma referência de união entre os países do México ao extremo sul da América do Sul.
Redes sociais & contatos: Hotsite: www.openroadagency.com/open-the-road-open-air; Facebook: www.facebook.com/opentheroadfestival; Instagram: www.instagram.com/opentheroadfestival. Site: www.openroadagency.com. E-mail: contato@openroadagency.com.

Humberto Gessinger lança hoje a música inédita Pra Caramba
17/11/2017

Um dos grandes nomes do rock nacional, Humberto Gessinger lança hoje a inédita “Pra Caramba”. A canção de sua autoria estará no seu novo trabalho solo, previsto para março do próximo ano. Além do lançamento digital em todas as plataformas pela Deck, a canção também já tem seu clipe disponível no YouTube: https://www.youtube.com/watch?v=SB8-x3mRP8s. O vídeo foi gravado em Porto Alegre, em agosto de 2017, com direção de Pietro Grassia.

Humberto Gessinger, cantando, tocando piano e harmônica, é acompanhado por Nando Peters no contrabaixo e Filipe Rotta no bandolim e voz. "Pra Caramba" é a primeira das quatro canções inéditas que Humberto Gessinger apresenta ao público. As canções serão lançadas uma a cada mês e farão parte do DVD, que incluirá também o registro do show “Desde aquele dia - 30 anos da Revolta dos Dândis”. Para ouvir, acesse: https://HumbertoGessinger.lnk.to/PraCarambaSinglePR.  Fonte: Batucada Comunicação - www.batucadacomunicacao.com.

Losna: confirmada em importantes festivais no Rio Grande do Sul
17/11/2017

A LOSNA neste final de ano marcará presença em quatro festivais recheados de grandes bandas do cenário nacional. O primeiro acontece neste sábado, 18 de novembro, na cidade de Pelotas. O festival é o Sounds Of The Grave 9 e conta ainda com as bandas Carcinosi, Escöria e Iniciate Decay. Mais infos: https://goo.gl/PkRzbq. O segundo acontece um dia depois, 19 de novembro, agora em São Leopoldo. O festival foi criado pela União Metalpunk RS e conta também com as bandas Manger Cadavre? e Evilcut. Saiba mais: https://goo.gl/QfALCp. Na outra semana, no dia 25 de novembro a LOSNA volta a São Leopoldo e toca no Ataque Ao Fígado Fest #2. O evento ainda apresenta as bandas Brutal Morticínio, Imortal Perséfone e Deathwatch. Saiba mais: https://goo.gl/mpCbUf. Fechando, no dia 10 de dezembro a banda viaja para Novo Hamburgo e se apresenta no festival In Underground W eTrust IV. O fest conta ainda com as bandas Nephilim, Ossos, Hon-ra, Imortal Perséfone e Methodos. Saib mais: https://goo.gl/vaVShf.
A LOSNA divulga ‘Another Ophidian Extravaganza’ ( leia resenha ) foi lançado no final do ano passado em parceria com a UGK Discos. O álbum foi gravado no Estúdio 1000, com produção de Fabio Lentino (Nephasth e The Ordher) e arte da capa por Tiago Medeiros. Contando com a acidez de sempre, uma gravação de alto nível e Thrash Metal da melhor qualidade, o terceiro disco do trio foi reconhecido não apenas como o melhor disco de sua carreira até o momento, mas também um dos grandes lançamentos brasileiros de 2015. Um clipe para a música ‘Back To The Grotto’ está disponível: https://www.youtube.com/watch?v=7GswADz608k. Contato: losnabanda@yahoo.com.br. Sites Relacionados: www.losna.com.br; www.facebook.com/losnametal e www.metalmedia.com.br/losna. Fonte: Metal Media.

Metalmorphose: vinil de ‘Máquina dos Sentidos’ está à venda!
17/11/2017

As cópias destinadas ao Brasil da versão em vinil do clássico ‘Máquina dos Sentidos’ do METALMORPHOSE já estão à venda no país. A versão em vinil foi lançado pelos selos Metal Soldiers (Portugal), Route 55 Records (Brasil - Pernambuco) e Musitrax (Brasil - Rio de Janeiro). São 500 cópias pelo mundo todo, com vinil colorido (diversas tonalidades peroladas) fabricado na Alemanha, encarte duplo com fotos, letras e capa envernizada feita na Itália. O trabalho, assim como outros materiais oficial do METALMORPHOSE, pode ser comprado diretamente com a banda Facebook ou pelo e-mail contato@metalmorphose.com.br. O baixista André Bighinzoli fez um vídeo mostrando a qualidade do material: https://www.facebook.com/Metalmorphose/videos/1632258426794567/.
Além do vinil, o METALMORPHOSE segue divulgando o recém-lançado álbum ‘Ação & Reação’, que está disponível para venda nas principais lojas especializadas. O material também pode ser conferido gratuitamente pelo link: https://www.youtube.com/watch?v=sQdCehC_seA. ‘Ação & Reação’ também está disponível nas plataformas digitais para audição e compra via download. PlayStore: https://goo.gl/PBRoaT; Amazon: https://goo.gl/SNxUuX; iTunes: https://goo.gl/RkUooF; Spotify: https://goo.gl/a9O6Sx. Contato: contato@metalmorphose.com.br. Sites relacionados:
www.facebook.com/Metalmorphose e www.metalmedia.com.br/metalmorphose. Fonte: Metal Media.

Sodoma: cravando seu nome no underground
17/11/2017

Chegando aos quinze anos de história, o SODOMA é, sem dúvidas, um dos nomes do Metal Negro mais respeitado e querido no underground nacional e sua mais recente obra vei para ratificar essa posição. ‘Mutapestaminação’ foi lançado pelo selo Altera Pars e mais uma vez apresentou o que a banda sabe fazer de melhor: Death/Black Metal poderoso com letras de conotação sexual, mas de forma única, com a expressão que o grupo criou nessa década e meia, tudo de uma forma ainda mais madura e ácida. A reação ao disco não poderia ser diferente: extremamente positiva. Entre citações de um dos grandes disco do ano e o melhor trabalho do SODOMA até o momento, ‘Mutapestaminação’ foi unânime, confira alguns excertos:
“Um dos melhores lançamentos do underground nacional” - Dark Radio
“Deve ser conferido por todos os fãs do Metal extremo” - Arte Metal
“Um disco infernal em todos os sentidos” - Metal Samsara
“Faz da banda uma das mais ‘perigosas’ do nosso underground” - Aclamatur Zine
“Devassidão em forma de música!” - Cangaço Rock
“A força do metal negro nacional” - Whiplash
“Se coloca na ponta de lança do cenário Death/Black brasileiro” - A Música Continua a Mesma
“Um material muito bem feito e bem trabalhado” - Arrepio Produções
‘Mutapestaminação’ conta com nove faixas e foi produzido por Victor Hugo Targino da VH Records. A capa ficou nas mãos do artista Rafael Tavares (Desdominus, Luxuria de Lillith, etc). Ele está disponível em formato físico, embalado por um belíssimo digipack e pode ser comprado diretamente com o SODOMA por e-mail ou Facebook. Assista aos vídeos retirados do álbum:
‘Ramaerata’ - https://www.youtube.com/watch?v=N3fPmQSczYo; Pesthereticanonica - https://www.youtube.com/watch?v=BYrPL5sg-Z0; Viperovz Papisa - https://www.youtube.com/watch?v=BFh9bHlmDYI; Mutapestaminação - https://www.youtube.com/watch?v=N_C_O4zazk0 e 7Strega - https://www.youtube.com/watch?v=OidiXKpyP3E. Contato: libertinos666@gmail.com. Sites Relacionados: www.facebook.com/matilhasodomafornix e www.metalmedia.com.br/sodoma. Fonte: Metal Media.

Maverick Inc: preparando novo single; saiba detalhes
17/11/2017

Um dos nomes mais queridos surgidos nos últimos tempos no Metal nacional, o paulista MAVERICK INC está preparando um novo single. O single recebe o título de ‘Culturally Disfigured’ e está previsto para o final deste mês de novembro. ‘Culturally Disfigured’ foi gravada no tradicional Under Studio em Ribeirão Preto,interior de São Paulo, e produzido pelo renomado músico e produtor Romulo Ramazini. Este será o primeiro lançamento depois do álbum ‘The Motor Becomes My Voice’, de 2015, o debut colocou o jovem grupo entre os mais queridos da nova geração, citado várias vezes com um dos lançamentos do ano! A versão física está à venda diretamente com a banda. O disco pode ser encontrado também em formato digital, confira alguns links: iTunes - https://goo.gl/w2fy24; Spotify - https://goo.gl/N7aiI7; Google Play - https://goo.gl/Xlt8Vs; YouTube - https://goo.gl/ALZtVF e SoundCloud - https://goo.gl/PxHPQM. Contato: contato@metalmaverick.com.br. Sites relacionados: www.metalmaverick.com.br; www.facebook.com/maverickthrash e www.metalmedia.com.br/maverick. Fonte: Metal Media.

Miasthenia: ‘Antípodas’ ganhará uma versão em vinil
17/11/2017

O novo trabalho do MIASTHENIA, ‘Antípodas’, vai receber também uma versão em vinil. O trabalho também será lançado em parceria com a Mutilation Records. O disco será em vinil 180 gramas e está em pré-venda pelo site da Mutilation com envio para todo o Brasil: https://goo.gl/3XTewB. ‘Antípodas’ também está à venda em digipack e pode ser comprado pelo e-mail: miasthenia.vendas@gmail.com.  Ele também está disponível em formato digital:

Spotify: https://open.spotify.com/album/7ssQnatSCdTKWBU7KE8GZe
iTunes: https://itunes.apple.com/br/album/ant%C3%ADpodas/1265122369
Google Play: https://goo.gl/fwpJrC
Amazon: https://www.amazon.com/Ant%C3%ADpodas-Miasthenia/dp/B074CG6WB3/
Deezer: http://www.deezer.com/br/album/45497941
O álbum foi gravado, mixado e masterizado no BroadBand Studio em Brasília por Caio Cortonesi. Desenhos das capas do digipack e do livreto foram produzidas por Márcio Menezes (Blasphemator Art) e o layout e edição do encarte foi feito por Slanderer Crowley. Um show especial de lançamento está marcado para Brasília. Será um evento intimista com entrada restrita a 60 pagantes com ingressos custando R$13,00! Ele acontece no dia 8 de dezembro, sexta-feira, no Palco Pró Estúdio, QND 20, Praça do Bicalho, fundos do Mercado Martinez, em Taguatinga Norte. Não haverá reservas, a ordem de chegada será respeitada. Para a abertura foi convidada a banda CALIGO. Um lyric video para a faixa-título do trabalho foi lançado: https://www.youtube.com/watch?v=LsRIy_n9AWc.
Anteriormente um videoclipe para ‘Coniupuyaras’ fora lançado. O trabalho é uma grande produção audiovisual com direção de Caio Cortonesi. Assista: https://www.youtube.com/watch?v=KjfZsvMwucY. Contato: miasthenia.horda@gmail.com. Sites Relacionados: www.miasthenia.com; www.facebook.com/miasthenia e www.metalmedia.com.br/miasthenia. Fonte Metal Media.

Pato Junkie: novo álbum também está disponível nas plataformas digitais
17/11/2017

Além de lançar seu novo trabalho, ‘The Rag Doll’, no YouTube, o PATO JUNKIE também liberou o disco nos principais aplicativos de música digital do mundo. Para ouvir o disco, basta fazer uma busca em sua plataforma de preferência ou seguir um dos links: Spotify: https://open.spotify.com/album/5oOVbJcgGQYPsde1bOnXpb; iTunes: https://itunes.apple.com/br/album/the-rag-doll/1309938618; Google Play: https://goo.gl/bf9i3X e Deezer: http://www.deezer.com/br/album/51399552.
‘The Rag Doll’ conta com sete faixas, incluindo os singles ‘The Rag Doll’, ‘Atos Terroristas’ e ‘Bad Memories’, além de um regravação de ‘De Pião pra Pião’, retirada de seu primeiro disco ‘Doido e Violento’. O álbum foi gravado pela própria banda, mixado e masterizado pelo guitarrista Alan Franklin a capa ficou nas mãos do artista Diogo Alcântara em parceria com a Mortuus T-Shirt. Uma versão física está sendo preparada para o ano que vem. O álbum também pode ser ouvido gratuitamente pelo YouTube: https://www.youtube.com/watch?v=92XSmAa5sI4. Contato: patojunkiecrew@gmail.com. Sites relacionados: www.patojunkie.net; www.facebook.com/patojunkie e www.metalmedia.com.br/patojunkie. Fonte: Metal Media.

Several Eyes: banda está confirmada no Rock Beer 2017
17/11/2017

O SEVERAL EYES é uma das atrações da edição de 2017 de festival Rock Beer, que acontece neste fim de semana em Irati, interior do Paraná. Esta é a quarta edição do ROCK BEER IRATI, um evento temático que mescla variedade de Cervejas, Chopp Artesanal e muito Rock N’ Roll. O festival contará ainda com as bandas Zabilly, Murdeath, SR3 e TN She. O evento acontece neste dia 18 de novembro no Clube Operário. Mais informações pelo link: https://www.facebook.com/events/137763030170157/.  O SEVERAL EYES segue finalizando seu debut, ‘Several Eyes’, gravado no estúdio do grupo e produzido pelos próprios músicos. A capa é uma arte da empresa brasileira Obze Artwork (Project46, A Última Theoria e Mugo). O trabalho está previsto para breve. A banda procura parceiros para o lançamento do disco. Recentemente o SEVERAL EYES lançou uma nova faixa retirado álbum para audição. A música escolhida é ‘Final Front’, belíssima mistura de Heavy Tradicional com uma pegada Thrash e pitadas de riffs modernos: https://www.youtube.com/watch?v=Z1akohCytx0. Contato: contact@severaleyes.com. Sites Relacionados: www.severaleyes.com; www.facebook.com/severaleyes e www.metalmedia.com.br/severaleyes. Fonte: Metal Media.

Pandemmy: Lançado o videoclipe de “Circus Of Tyrannies”
17/11/2017

Os pernambucanos do PANDEMMY acabam de apresentar seu novo videoclipe para a faixa “Circus Of Tyrannies”, do atual álbum “Rise Of A New Strike”. O trabalho audiovisual, que apresenta de forma oficial Rayanna Torres nos vocais, traz uma mescla de imagens da apresentação no “II Hellcifest” e cenas do documentário “Loose Change 9/11”, do diretor americano Dylan Avery, abordando os questionamentos até hoje não respondidos sobre os atentados do 11/09/2001, casando perfeitamente com o tema lírico da música. O processo de edição ficou a cargo novamente de Jeovani Morais (Demoniah). Confira: https://www.youtube.com/watch?v=6ax2SWFv0aI. “Rise Of A New Strike” é o segundo full length do PANDEMMY, divulgado oficialmente em 2016, o álbum será lançado no formato físico ainda em 2017 e já pode ser encontrado nas principais plataformas de streaming. Confira alguns links:
Spotify: https://open.spotify.com/album/0G8tDRYt4z5ojkq1NLmkbY 
Dezzer: http://www.deezer.com/br/album/43325941 
iTunes/Apple Music: https://itunes.apple.com/br/album/rise-of-a-new-strike/1249745548 
Claro Musica: http://us.napster.com/artist/pandemmy/album/rise-of-a-new-strike-explicit
Contato para assessoria de imprensa: www.sanguefrioproducoes.com/contato. Sites relacionados: https://www.facebook.com/pandemmyofficial/; http://pandemmy.blogspot.com.br/ e http://www.sanguefrioproducoes.com/artistas/Pandemmy/44. Fonte: Sangue Frio Produções.

Khrophus: Novamente em terras argentinas, grupo se apresenta em renomado festival neste fim de semana
17/11/2017

O ano de 2017 vem sendo extremamente produtivo para os catarinenses do KHROPHUS. Depois de inúmeros shows nacionais e internacionais, o grupo se prepara novamente para pisar em território argentino. Serão três shows, começando por Buenos Aires (17/11), depois Rosário (18/11) e finalizando em Córdoba (19/11). Este último terá um gosto especial, pois trata-se do conhecido “Criminal Metal Camp 2017”, onde ao lado do KHROPHUS, outras 30 bandas estarão se apresentando. Evento no Facebook para mais informações: https://www.facebook.com/events/407745882928324/. Vídeo de divulgação: https://www.facebook.com/CriminalMetalCamp/videos/1949528288637384/. Para mais detalhes dos outros shows na Argentina acesse: http://www.sanguefrioproducoes.com/n/1124.
Em paralelo, o KHROPHUS anunciou também as datas restantes para este final de 2017, incluindo uma turnê super especial ao lado dos argentinos do Mortuorial Eclipse e com shows contendo participação especial do ex-frontman Alex Pazetto. Contato para assessoria de imprensa: www.sanguefrioproducoes.com/contato. Sites relacionados: https://www.facebook.com/Khrophus/; http://khrophus.com/site/  e http://www.sanguefrioproducoes.com/bandas/Khrophus/30. Fonte: Sangue Frio Produções.

Warfield Death é destaque no quadro “Upcoming” do blog Metal Samsara
17/11/2017

Os sergipanos do WARFIELD DEATH ganharam novamente destaque no blog Metal Samsara, desta vez o grupo figurou no quadro “Upcoming” do portal. Em um breve bate papo, conduzido pelo editor Marcos Garcia, a banda falou um pouco sobre seu início, atuais trabalhos, dificuldades encontradas no cenário, visão do grupo sobre o momento do underground brasileiro, projetos futuros e muito mais.Leia a entrevista completa aqui: https://metalsamsara2.blogspot.com.br/2017/11/warfield-death-death-metal-aracajuse.html.

Em paralelo, o WARFIELD DEATH segue trabalhando na divulgação do atual álbum “Sucumbindo ao Medo”, laçado início de 2017, e recentemente liberou um novo videoclipe para a faixa-título do trabalho, assista: https://www.youtube.com/watch?v=mCcQDQUjMec.
Produtores interessados em mais informações sobre shows escrevam para contato@sanguefrioproducoes.com ou warfieldeath@gmail.com. Contato para assessoria de imprensa: www.sanguefrioproducoes.com/contato. Sites relacionados: https://www.facebook.com/WarfieldDeath/ e http://www.sanguefrioproducoes.com/bandas/WarfieldDeath/49. Fonte: Sangue Frio Produções.

Armum é confirmada no ‘Prodreira RS Metal Fest Open Air’
17/11/2017

Os goianos do ARMUM estarão novamente no estado do Rio Grande do Sul no próximo mês de dezembro com sua turnê “Infernal Domain Tour”. Isso acontecerá devido a confirmação do grupo no “Prodreira RS Metal Fest Open Air”, que ocorre entre os dias 01 e 03 do último mês de 2017. Além do AMUM, estão confirmadas outras 34 bandas, dentre elas estão Leviaethan, Leech Eclipse, Penitence, Infected Sphere, Khrophus e muito mais. Link do evento no Facebook para mais informações: https://www.facebook.com/events/1981470492139444/. Em outras notícias, o ARMUM segue com datas disponíveis para a referida turnê. Produtores interessados em saber mais escreva para contato@sanguefrioproducoes.com ou armumdeath@gmail.com e solicite um orçamento. O EP “Infernal Domain” foi disponibilizado nas plataformas digitais via Sangue Frio Records, confira alguns links:
Spotify: https://open.spotify.com/album/4y1z3Z4dBHs0kUbqboorTz
Deezer: http://www.deezer.com/br/album/44605051
iTunes/Apple Music: https://itunes.apple.com/br/album/infernal-domain-ep/id1258830489
Napster: http://us.napster.com/artist/armum/album/infernal-domain
Claro Música: https://www.claromusica.com/album/3186681
Tidal/Wimp: https://listen.tidal.com/album/77166728
Contato para assessoria de imprensa: www.sanguefrioproducoes.com/contato. Sites relacionados: https://www.facebook.com/armumdeath/ e http://www.sanguefrioproducoes.com/bandas/Armum/45. Fonte: Sangue Frio Produções.

Atlantis: ‘SC Metal Fest’ acontece neste fim de semana
17/11/2017

O power trio catarinense ATLANTIS estará em Otacílio Costa/SC neste fim de semana para mais uma apresentação da “Lost In Tour 2017”. A primeira edição do “SC Metal Fest” acontece nos dias 18 e 19 de novembro, na referida cidade. Ainda se apresentarão neste evento outras 19 bandas, dentre elas estão Slasher, Fire Strike, Battalion, Crucifixion BR e muito mais. Link do evento no Facebook para mais informações: https://www.facebook.com/events/452031335178914/. Em outras notícias, o ATLANTIS segue divulgando seu mais novo trabalho “Lost in Time”, que além de estar presente nas principais plataformas de áudio do mundo, a faixa também foi disponibilizada para venda digital no site oficial da SANGUE FRIO RECORDS, onde junto ao single, acompanha o EP “Hotter Than A Burning Church” como bônus, além de um caprichado trabalho gráfico contendo capa, contracapa, encarte e rótulo do CD, extremamente bem feitos pela Fug Design. Adquira agora o download do atual trabalho do ATLANTIS por apenas R$ 8,00 e apoie a banda: https://goo.gl/pyoj1W.
Ouça o single “Lost in Time”:
Spotify: https://open.spotify.com/album/4e4C35M0OPI4dMBq3Zy8iD
Deezer: http://www.deezer.com/br/album/45001771
iTunes/Apple Music: https://itunes.apple.com/br/album/lost-in-time-single/id1261528476
Claro Música: https://www.claromusica.com/album/3236651
SoundCloud: https://soundcloud.com/atlantis-official/lost-in-time
Bandcamp: https://atlantis3.bandcamp.com/album/lost-in-time-single
YouTube: https://youtu.be/I_ryLqcJZX0
Contato para assessoria de imprensa: www.sanguefrioproducoes.com/contato. Sites relacionados: https://www.facebook.com/AtlantisHeavyMetal e http://www.sanguefrioproducoes.com/bandas/Atlantis/18. Fonte: Sangue Frio Produções.

Xakol: Bruno Sutter convida fãs para conferir a música “Metal For Demons”
17/11/2017

O humorista e músico Bruno Sutter registrou um vídeo inédito, convidando seus fãs para conferirem o mais novo lyric vídeo do projeto catarinense XAKOL, recentemente lançado no seu YouTube oficial. Trata-se da música “Metal For Demons”, que teve as vozes gravadas pelo Detonator, personagem de Bruno Sutter, o qual também é vocalista da banda Massacration. Confira: https://www.youtube.com/watch?v=XstPie1gg8M e https://www.youtube.com/watch?v=rWoRQT2uBPM.
A gravação deste trabalho ocorreu no Estúdio Beretta, em Florianópolis, e foi lançado no formato físico através da MS Metal Records, no último mês de agosto, já sendo um dos campeões de vendas da gravadora. O XAKOL está registrando dois CDs, ambos a serem lançados pela MS Metal Records no Brasil, e contarão com participações especiais de grandes nomes do Metal nacional como Bruno Sutter (Detonator, Massacration), Marcelo Moreira (Circle II Circle, ex-Almah), Rafael Pensado (Mindflow), além da produção de Edu Falaschi (Almah, ex-Angra) em um dos álbuns. Para mais informações sobre as atividades da banda XAKOL e dos demais artistas da empresa, basta entrar em contato com a MS Metal Press através do e-mail contato@msmetalagencybrasil.com.

Warcursed: confirmado importante show em Surubim/PE
17/11/2017

A banda paraibana WARCURSED se apresentará em Surubim, Pernambuco, no próximo dia 25 de novembro (sábado), após uma bem sucedida turnê brasileira, em suporte ao seu novo álbum “Stages Of Death”, e ao lado dos veteranos do Torture Squad. O referido evento acontecerá na casa de shows Arena Gol, às 20h00, com ingressos fixados em R$15,00. Para mais informações sobre o evento, basta entrar em contato com a assessoria do grupo através do e-mail contato@msmetalagencybrasil.com. Para mais informações sobre as atividades da banda WARCURSED e dos demais artistas da empresa, basta entrar em contato com a MS Metal Press através do e-mail contato@msmetalagencybrasil.com.

Circo de Fantoches: lançada versão digital do seu debut álbum
17/11/2017

Intitulado "Do Justo ao Novo Ideal", o debut álbum da banda CIRCO DE FANTOCHES apresenta uma sonoridade direta e agressiva, esta que surgiu naturalmente com o amadurecimento musical do grupo, trazendo consigo o peso e a melodia do Heavy Metal, aliados a letras com críticas políticas e sociais, cantadas em Português, algo dificilmente encontrado no gênero.

A banda aposta nas letras em português com o objetivo de trazer algo novo para o gênero, afim, também, de enfrentar uma parte do preconceito que ainda dita regra no cenário musical brasileiro, com o Rock e, principalmente, com o Heavy Metal, expondo realmente a mensagem do grupo para todas as pessoas do Brasil, excluindo a barreira da linguagem.
A capa do disco, produzida por Edson Lovatto, reflete bem a agressividade das músicas, com detalhes que podem ser associados a trechos encontrados nas letras do disco. O álbum foi gravado entre os anos de 2016 e 2017 no estúdio Fusão, por Thiago Bianchi, com todas as músicas de autoria própria da banda, este agora está disponível em todas as plataformas digitais, ouça em:
Spotify: https://open.spotify.com/artist/5y201aZGB3b4Y6sJmgF468?si=pum98-os.
Deezer: www.deezer.com/artist/13399131.
Google Play: https://play.google.com/store/music/artist/Circo_de_Fantoches?id=A7uznroxeb43mvvuwil2kll6rky.
Apple Music: https://geo.itunes.apple.com/br/album/id1298147775?at=1000lpDm&mt=1&app=music.
Track List: 01. 500 Anos; 02. O Circo Tá Pegando Fogo; 03. O Jogo; 04. Feridas Abertas; 05. Terra Nossa (Até o Amanhã); 06. Cinza; 07. Topo do Mundo; 08. Do Justo ao Novo Ideal; 09. Caminhos; 10. O Último Que Restou e 11. Eikasia (bonus track).
“Do Justo Ao Novo Ideal”, produzido por Thiago Bianchi (Noturnall, ex-Shaman), será lançado em dezembro no formato físico através da Alternative Music Records, com distribuição da Voice Music. CIRCO DE FANTOCHES é um grupo paulistano de Heavy Rock, formado em 2012, composto atualmente por Rodrigo Airom (vocalista), Jorge Fernando e Renato Godinho (guitarristas), Maurílio Vizin (baixista) e Vinícius Pontes (baterista), tendo como seu diferencial um som pesado e ao mesmo tempo melódico, com letras em português. Para mais informações sobre as atividades da banda CIRCO DE FANTOCHES e dos demais artistas da empresa, basta entrar em contato com a MS Metal Press através do e-mail contato@msmetalagencybrasil.com.

Maieuttica: finalizadas sessões de bateria do seu novo álbum
17/11/2017

A banda carioca MAIEUTTICA finalizou recentemente as sessões de gravação da bateria do seu novo álbum, intitulado “Hiatus: Ausência”, sob a condução do músico Vitor Arante. Segundo Vitor: “Imagine que durante 1 ano você tocou as suas composições autorais quase que todos os dias.
Isso resume bastante o que foram os dias da gravação das baterias e percussões do ‘Hiatus: Ausência’, o tempo em que nós 6 do MAIEUTTICA ficamos criando, experimentando e finalizando as novas composições serviu como um exercício de fixação para as músicas em nossas cabeças. Quando ligou o click na mesa de som e veio a contagem da primeira música para gravar, eu sabia exatamente o que fazer, quando fazer e também sabia exatamente o que os meus amigos de banda fariam com seus instrumentos.
Além de todo esse momento de segurança com nosso som que estamos vivendo também pudemos botar um pouco de escolha pessoal na maneira que gravaríamos, e isso fez com que eu escolhesse gravar as baterias no Estúdio AM, bairro do Grajaú, Zona Norte do Rio de Janeiro. A bateria de lá é a mais sinistra de todas da galáxia! Fora que também já havia gravado lá em duas situações anteriores e sempre fiquei de cara com a qualidade e possibilidades de timbres que a aquela Premier (modelo da batera) poderia tocar. Contei com o auxílio do próprio técnico de som e proprietário do estúdio Fernando Campos, e de um cara que está sempre junto com a banda, o grande Vinicius Behring! O cara é o cara! Fez uma afinação absurda pra batera, tirou um som monstro, pesado! Com essa soma de profissionais e de possibilidades, vocês já podem imaginar como que o nosso novo trabalho vai soar gigantesco”. “Hiatus: Ausência” será lançado no primeiro semestre de 2018 através da MS Metal Records, com distribuição da Voice Music. Para mais informações sobre as atividades da banda MAIEUTTICA e dos demais artistas da empresa, basta entrar em contato com a MS Metal Press através do e-mail contato@msmetalagencybrasil.com.

Toto: ouça faixa inédita do próximo álbum, que chega em 2018
17/11/2017

O próximo disco da banda TOTO ja tem nome e data de lançamento. '40 Trips Around The Sun' chegará em 9 de fevereiro e conta com 17 faixas. Esse disco será uma espécie de 'greatest hits', o nome do álbum remete aos 40 anos de estrada da banda, trazendo faixas clássicas como 'Hold the Line' e 'Africa' além de algumas faixas inéditas. A música Alone, que abre o disco, foi disponibilizada em áudio, confira: https://www.youtube.com/watch?v=UlFU8fPGezk.
Formada em 1977, a banda ja lançou 13 álbuns de estúdio, além de discos ao vivo e compilações, sendo o último lançamento de estúdio em 2015 com o disco 'Toto XIV'. O guitarrista Steve Lukather comentou sobre o trabalho: "Este álbum (a parte inédita) foi feito apenas pela banda. Apenas nós na sala, ninguém mais. Nós queríamos começar com uma música 'pra cima' em termos de groove para abrir o álbum. A letra é diferente das letras passadas, mas agora nós somos caras mais experientes, ja vivemos na vida o lado bom, o mal... e falamos sobre isso, que ja vivemos muita coisa mas, no fim das contas estamos sozinhos. Estou orgulhoso desse trabalho, aconteceu de forma natural."
A banda inicia turnê em 11 de Fevereiro em Helsinki (Finlandia) e a agenda por enquanto vai até 08 de Abril em Glasgow. Em 2016, Lukather havia dito em entrevista que a turnê iniciada em 2018 deveria ter uma duração de 1 ano e meio, portanto mais datas serão adicionadas em breve. Confira a lista de faixas: Alone; Spanish Sea; I'll Supply The Love; I'll Be Over You; Stranger In Town; 99; Struck By Lightning; Pamela; Afraid Of Love; I Won't Hold You Back; Jake To The Bone; Stop Loving You; Lea; Hold The Line; George Porgy; Rosanna e Africa.

America: álbum de demos e inéditas resgata a herança do grupo
17/11/2017

America é uma banda britânica de folk rock muito popular no início e meio dos anos 1970, muito conhecida por seus sucessos como A Horse with No Name e Sister Golden Hair. Embora não fossem muito aceitos pelos críticos, tiveram excepcional sucesso comercial. Apesar de cantores consagrados como James Taylor e Rod Stewart fazerem parte da Warner Brothers Records, o grupo que mais vendeu discos neste selo na década de 70 foi America. Agora, a Onnivore Recordings, em conjunto com os fundadores sobreviventes - Dewey Bunnell e Gerry Beckley - lança Heritage: Home Recordings/Demos 1970-1973. Como indica o nome, o álbum abrange material inédito - dez das dezesseis canções - consistindo em gravações caseiras, demos anteriores ao primeiro álbum, enfim, para colecionadores, uma preciosidade, confira uma: https://www.youtube.com/watch?v=1QGHxe5fLiY.
Olha a tracklist: 1. Riverside (Demo - Chalk Farm Studios, 1970); 2. Here (Demo - Chalk Farm Studios, 1970)*; 3. James Holladay (Demo - Chalk Farm Studios, 1970); 4. How Long (Demo - Chalk Farm Studios, 1970)*; 5. Sea Of Destiney (Demo - Chalk Farm Studios, 1970)*; 6. Rainy Day (Alternate Mix - Chalk Farm Studios, 1970); 7. Satain (Donkey Jaw) (Demo - Chalk Farm Studios, 1970); 8. When I Was Five (Demo - Buzz Studios, 1972)*; 9. Mitchum Junction (Demo - Buzz Studios, 1972); 10. Goodbye (Demo - Buzz Studios, 1972)*; 11. Wind Wave (Demo - Buzz Studios, 1972)*; 12. Ventura Highway (Early Take - Record Plant West, 1972)*; 13. Man Of Pride (Demo - Buzz Studios, 1973)*; 14. Rainbow Song (Demo - Buzz Studios, 1973); 15. Monster (Demo - Buzz Studios, 1973)* e 16. A Horse With No Name (A Cappella) (Bonus Hidden Track)*.

Geezer Butler tem 120 riffs para novo projeto
17/11/2017

Geezer Butler disse para a Rolling Stone que ele tem cerca de 120 riffs compostos para seu próximo projeto musical, e contou ainda que vai arrumar um guitarrista pra trabalhar neles. O último álbum solo de Geezer foi o "Ohmwork", creditado ao projeto GZR. Em fevereiro, o Black Sabbath finalizou a turnê "The End" com uma apresentação em sua cidade natal, Birmingham. "Se fosse por mim, ainda estaríamos excursionando. Foi por causa da doença de Tony que limitamos o giro a 81 datas. Eu teria seguido para sempre, se pudesse. Se acontecer de algum show no futuro eu estarei presente, se não rolar estou feliz em deixar as coisas como estão", disse o baixista.

Motorhead: edição especial de 40 anos do primeiro disco
17/11/2017

Em dezembro, a Hellion Records lançará a edição de aniversário de 40 anos do primeiro álbum do MOTORHEAD, o homônimo "Motorhead" lançado em 1977 - ao contrário do que muita gente pensa, "On Parole" foi o primeiro a ser gravado em 1976, porém a gravadora da banda segurou o disco até 1979. Essa edição será expandida, contendo além das 8 faixas originais que incluem 3 covers do HAWKWIND, o EP "Beer Drinkers & Hellraisers" com 4 músicas e mais 7 faixas bônus com versões diferentes encontradas. A versão será em digipack com o mascote Snaggletooth impresso na cor prata sob um fundo vermelho. O encarte terá 24 páginas com fotos e a história do surgimento da banda.

Tony Iommi: filha do cantor aposta em carreira na música
17/11/2017

Toni Marie Iommi é filha do lendário guitarrista do Black Sabbath, Tony Iommi, e está dando seus primeiros passos rumo a uma carreira musical. A jovem cantora, que aposta na música pop, divulgou um clipe para a canção "Feeling High". A faixa tem a participação de Jere Karalahti. Confira: https://www.youtube.com/watch?v=RSi_NyDS5Ms.

Gene Simmons: confrontando músico de grindcore que interrompeu show
17/11/2017

O vocalista e baixista do Kiss, Gene Simmons, confrontou um sujeito impertinente (heckler) presente na plateia de um show solo realizado em Providence, nos Estados Unidos, no último dia 12 de novembro. Curiosamente, o heckler em questão era ninguém menos que o ex-guitarrista do Anal Cunt, Josh Martin. Na ocasião, Gene Simmons foi presenteado com a chave da cidade. Um conselheiro legislativo discursava no microfone, de forma elogiosa ao músico, quando a voz de Josh Martin começou a ecoar pelo salão. "Isso é uma p*rra de uma piada? Cale a boca e toque sua guitarra. Não paguei para ver um político. Ace (Frehley) é melhor do que isso", gritou Martin. Simmons, então, pede para que sejam colocadas luzes sobre o fã inconveniente. Em seguida, ele desce do palco e vai de encontro a Martin. No fim das contas, Josh Martin acabou expulso do local. Veja, a seguir, um vídeo que registra o momento: https://www.youtube.com/watch?v=M7_VuQANEdE.

Pantera: assista a teaser do aguardado "Home Video 4"
17/11/2017

O vocalista Phil Anselmo liberou, em seu perfil no Facebook, um teaser do aguardado quarto home video do Pantera. Aparentemente, o registro contará com filmagens inéditas da era "Reinventing The Steel" (2000). Habituada a divulgar os chamados home videos (em VHS), a banda lançaria um quarto registro do gênero. Entretanto, as atividades do grupo foram encerradas antes das filmagens chegarem a público. Veja: https://www.facebook.com/philipanselmo/videos/10155961673909697/.  O quarto home video ainda não tem data prevista para lançamento. Em sua carreira, o Pantera divulgou os home videos "Cowboys From Hell: The Videos" (1991), "Vulgar Video" (1993) e "3 Watch It Go" (1997).

Gene Simmons: banido para sempre da Fox News por seu comportamento
17/11/2017

Gene Simmons, vocalista e baixista do Kiss, foi banido para sempre da Fox News, nos Estados Unidos. De acordo com o site do jornal The Guardian, a medida foi tomada após Simmons ter, supostamente, insultado e provocado funcionários da emissora. Simmons esteve na emissora para participar de dois programas. Em determinado momento, ele entrou em uma reunião de funcionários sem ser convidado, desabotoou sua camisa, expôs o seu torso e gritou: "ei, garotas, me processem!". Ainda segundo o The Guardian, Gene Simmons também contou piadas inapropriadas sobre Michael Jackson e pedofilia, além de ter zombado da inteligência dos funcionários da Fox News. Graças ao seu comportamento, o músico foi declarado "eternamente banido" da emissora. Até o momento, Simmons não se pronunciou sobre as acusações.
A Fox News pode ter tomado uma medida mais enérgica em resposta ao escândalo em torno de seu ex-apresentador, Bill O'Reilly. Ele foi acusado de assédio sexual e acabou demitido pela emissora - antes disso, a rede de notícias teria tentado comprar o silêncio das mulheres responsáveis pelas alegações para abafar o caso.

Machine Head: ouça música nova da banda, "Beyond The Pale"
17/11/2017

Confira a seguir "Beyond The Pale", faixa do novo álbum do Machine Head, "Catharsis", que sai no dia 26 de janeiro pela Nuclear Blast: https://www.youtube.com/watch?v=MVdflCH76t4. "Catharsis", cuja capa pode ser vista acima, traz as seguintes músicas: 01. Volatile; 02. Catharsis; 03. Beyond The Pale; 04. California Bleeding; 05. Triple Beam; 06. Kaleidoscope; 07. Bastards; 08. Hope Begets Hope; 09. Screaming At The Sun; 10. Behind A Mask; 11. Heavy Lies The Crown; 12. Psychotic; 13. Grind You Down; 14. Razorblade Smile e 15. Eulogy.

Jeff Scott Soto: veja o vídeo de "Retribution"
17/11/2017

Trata-se da faixa título do seu álbum mais recente, lançado em 10 de novembro pela Frontiers Music Srl, confira: https://www.youtube.com/watch?v=2qhr4hvHvEs. "Retribution" conta com as seguintes faixas: 01. Retribution; 02. Inside/Outside; 03. Rage Of The Year; 04. Reign Again; 05. Feels Like Forever; 06. Last Time; 07. Bullet For My Baby; 08. Song For Joey; 09. Breakout; 10. Dedicate To You e 11. Autumn.
Os membros da banda de Jeff Scotto Soto: Jeff Scott Soto: vocals, teclados; Howie Simon: guitarra, baixo (exceto em "Reign Again" e "Song For Joey"); Edu Cominato: bateria; August Zadra e Stephen Sturm: guitarra em "Reign Again"; Carlos Costa: baixo em "Reign Again"; Paul Mendonca: guitarra, teclado e baixo em "Song For Joey".

Whitesnake: grandalhões com camisas do Maiden amam "Is This Love"
17/11/2017

O vocalista David Coverdale comentou sobre um dos grandes clássicos do Whitesnake, a power ballad "Is This Love", em um vídeo que promove o relançamento de 30 anos do álbum "1987". As falas foram transcritas pelo site Ultimate Guitar. Inicialmente, Coverdale lembra que "Is This Love?" seria gravada por Tina Turner. "Estava mexendo com essa ideia para a incrível Tina Turner - ainda adoraria ouvi-la cantando essa música. Estava tocando no piano e John (Sykes, guitarra) ficou acordado durante a noite toda. Toquei a música e ele perguntou o que era. Eu disse: 'não é para a gente, é para Tina Turner'", afirmou. O cantor, então, descreve um "movimento natural" que transformou "Is This Love?" em uma música do Whitesnake. "Ele (John Sykes) sentou-se, pegou sua guitarra Les Paul, ligou sua pequena caixa de som Rockman e começou a tocar os arranjos mais incríveis de forma espontânea. Era assim que a música deveria ser, ela se desdobrou de uma bela maneira", disse.
Coverdale disse que nunca pensou no Whitesnake gravando uma "balada por completo". "Quando (o empresário David) Geffen ouviu, disse para ficarmos com a música. Fiquei nervoso até o momento em que se transformou em um grande sucesso", afirmou, aos risos. O vocalista destacou que "Is This Love" segue fazendo sucesso nos shows do Whitesnake. "Às vezes, tocamos nesses festivais obscuros, de heavy metal, e eu penso: 'devemos tocar Is This Love?'. Mas não, eles estão todos ali, os grandalhões com jaquetas de couro, camisetas do Iron Maiden, cantando: 'is this loooove...'. É adorável. É uma música de vibração muito positiva", disse. Veja a entrevista: https://www.youtube.com/watch?v=IUsDFyuwo1E. Ouça "Is This Love": https://www.youtube.com/watch?v=RILtZi1kcj0.

Limp Bizkit: "o metal de hoje é chato", diz guitarrista
17/11/2017

O guitarrista Wes Borland, do Limp Bizkit, foi questionado, durante entrevista à Metal Hammer, se ele está se mantendo atualizado com relação ao metal nos últimos anos. E a resposta do músico, que hoje comanda uma banda de "comedy death metal" chamada Big Dumb Face, teve um tom, no mínimo, saudosista. "Não, não estou interessado. Gosto de Gorgoroth e black metal, e não acho que alguém tenha conseguido algo que me faça ter vontade de parar para conferir, tal como Death e Carcass fizeram nos anos 1990", afirmou. Segundo Borland, as bandas de metal dos dias de hoje "são chatas". "Sempre que ouço uma nova banda de metal, penso: 'não, obrigado'. Tento fazer o oposto de tudo que está sendo feito no metal, porque o metal se leva muito a sério e isso é tão estúpido. A menos que você seja Gaahl (Gorgoroth), não faça isso. Ou o Waitin - eu gosto muito do Waitin!", disse.
Em seguida, Wes foi questionado se "não ser sério demais" é o segredo para o Limp Bizkit manter-se popular. Em resposta, ele disse: "Não acho que a banda seja popular agora (risos). Ela é? Não estivemos ativos o bastante, eu acho. Gostaria que estivéssemos fazendo mais e acho que vai acontecer ano que vem". Ele complementa: "Acho que a razão de ainda podermos fazer shows é a desvalorização da música. Toda a indústria musical está miserável e saturada. Todo mundo tem uma banda agora, mas ninguém está ganhando dinheiro com isso". Confira a entrevista: https://www.youtube.com/watch?v=gd3Y4o95ObU.

Black Sabbath: o que Geezer Butler pensa sobre o fim da banda
17/11/2017

Geralmente, o baixista Geezer Butler não é muito questionado com relação ao fim do Black Sabbath. Pergunta-se muito sobre o assunto ao guitarrista Tony Iommi, que manteve a banda ativa mesmo sem integrantes originais por algum tempo - e, recentemente, sofreu com um linfoma - ou ao vocalista Ozzy Osbourne, que manteve sua carreira solo mesmo após voltar ao Sabbath. O site da Billboard resolveu quebrar o protocolo e perguntar a Geezer Butler o seu sentimento com relação ao fim do Black Sabbath. "Senti alívio por tudo ter acabado, que fizemos um bom show - e um tanto triste por pensar que nunca faríamos de novo", afirmou. Apesar da tristeza, Butler pondera que "não foi tão ruim" quanto ele pensou que seria. "Senti ser o correto. Estivemos por aí durante 49 anos, é hora de parar. Senti que era certo que essa fosse a última turnê", disse.
O músico destacou que as grandes turnês chegaram ao fim, principalmente, pela saúde de Tony Iommi. "Ele sentia que não poderia excursionar mais. Fosse por mim, faria turnês pelos próximos cinco anos, porque adoro viajar. Mas pela doença de Tony, ele não poderia fazer isso por muito tempo", afirmou. Segundo Butler, o problema não era o show em si, mas, sim, as viagens e os diferentes hotéis onde se hospedavam. "Ele não conseguiu lidar com isso depois de ter seu câncer tratado. Todos nos simpatizamos com ele e somos gratos por termos feito a última turnê juntos", disse. O baixista destacou, ainda, que não pensou muito sobre o fato de a turnê "The End" ter sido a última, senão, "ficaria emocional demais". "Sentimos que seria uma turnê especial. Parecia que cada show deveria ser o melhor de todos, porque seria a última vez que as pessoas nos veriam naquele lugar. Psicologicamente, colocamos um esforço extra em cada show. Acho que Ozzy soou melhor do que em muito tempo, assim como a banda", afirmou.

Saxon confirma única apresentação no Brasil em maio com repertório de nova turnê mundial
16/11/2017

2018 nem começou e já promete superar todas as emoções que os fãs de heavy metal sentiram este ano. A lendária banda Saxon, um dos nomes mais cultuados do seminal movimento NWOBHM (New Wave of British Heavy Metal), acaba de confirmar oficialmente retorno ao Brasil, quatro anos após arrebatadora passagem pelo País. O tradicional grupo inglês se apresenta, no dia 3 de maio, no palco da Tropical Butantã, em São Paulo.

O show faz parte da turnê mundial do tão aguardado novo álbum “Thunderbolt”, que tem lançamento previsto para 2 de fevereiro, pela gravadora Militia Guard (Silver Lining Music). Este evento que conta com produção da Top Link Music, em parceria com a Rádio & TV Corsário, terá a abertura do Armored Dawn, um dos novos expoentes do metal brasileiro no exterior. Como esta será o único show de Biff Byford (vocal), Nibbs Carter (baixo), Nigel Glockler (bateria), Paul Quinn (guitarra) e Doug Scarratt (guitarra), espera-se que o setlist seja bastante especial assim como ocorreu em todas as últimas passagens do grupo pelo Brasil.
Os ingressos para esta performance estarão disponíveis, a partir desta quinta-feira (16/11), pelo site da Ticket Brasil (www.ticketbrasil.com.br) e pontos autorizados pela empresa na capital paulista, Santo André, São Caetano do Sul, São Bernardo do Campo, Barueri, Osasco, Sorocaba, S. João da Boa Vista, Rio Claro, Jundiaí e Campinas.
“Thunderbolt” novamente manteve a parceria de sucesso com o renomado produtor Andy Sneap, que já trabalhou com outros grandes nomes como Megadeth, Exodus, Testament, entre outros. Este trabalho traz 12 poderosas composições, que tem todos os predicados para superar a bela repercussão conquistada com os álbuns “Sacrifice” (2013 leia resenha) e “Battering Ram” (2015). Os singles “Nosferatu”, “Predator”, “Sniper” e a faixa-titulo são bons exemplos do que está por vir. Além disso, o tracklisting ainda conta com “They Played Rock And Roll”, música escrita e dedicada ao Motörhead. Formado em 1976, em South Yorkshire, na Inglaterra, o Saxon é reconhecido como um dos pilares da New Wave of British Heavy Metal, movimento musical que começou em 1970 e catapultou grupos como Iron Maiden, Venom, Def Leppard, Diamond Head, Raven, Avenger, Girlschool, Grim Reaper, Satan, Tank, e até hoje influencia diversas a bandas por todo mundo. A banda gravou mais de 20 discos, sendo que oito chegaram ao UK Singles Chart e estabeleceram-se como um dos maiores grupos de metal dos anos 1980. Ao longo da carreira, eles já venderam mais de 20 milhões de cópias de álbuns e influenciaram inúmeros artistas como Metallica, Mötley Crüe, Pantera, Sodom, Skid Row e Megadeth. Links relacionados: http://www.facebook.com/saxon; https://www.facebook.com/ArmoredDawn; https://www.facebook.com/toplinkmusicoficial; https://www.facebook.com/RadioTvCorsario e https://www.facebook.com/UltimateMusicPR. Fonte: Costábile Salzano Jr - THE ULTIMATE MUSIC - PR - https://www.facebook.com/UltimateMusicPR; http://twitter.com/ultimatemusicpr e https://www.facebook.com/costabile.salzano.

Apocalyptica em Porto Alegre (21/11): fazer música é um trabalho fantástico, diz violoncelista Paavo Lötjönen
16/11/2017

Os finlandeses do Apocalyptica tocam em Porto Alegre na próxima terça-feira, 21 de novembro, às 21h, no Opinião (José do Patrocínio, 834). A banda faz sua estreia na capital gaúcha promovendo a turnê de 20 anos do primeiro disco, Plays Metallica By Four Cellos. Em entrevista exclusiva ao site da Abstratti Produtora - que promove o show no Rio Grande do Sul -, o violoncelista e integrante original Paavo Lötjönen afirma que ser músico e poder dividir bons momentos com os fãs é algo fantástico. “Realizamos as coisas aos poucos e trabalhamos duro para fazer acontecer - sempre ouvindo nossos corações e atentos ao que sentimos. E isso ainda nos faz sentir bem e nos levou à plateias cada vez maiores. Ver os olhos das pessoas vivendo a música com a gente faz aflorar o sentimento de que tocar é um trabalho fantástico a se fazer. Confira: http://abstratti.com/reinventando-classicos-com-requinte-entrevista-paavo-lotjonen-apocalyptica/. Fonte: Homero Pivotto Jr. -  Assessor de Imprensa - Abstratti Produtora - www.abstratti.com.br; www.facebook.com/abstratti; www.twitter.com/abstratti e www.youtube.com/abstratti.

Tacy de Campos e Amanda Lyra lançam novo show em evento da Mídia Brasil na cidade de Bonito
16/11/2017

Um dueto de vozes e violões que traz a essência das compositoras em um show sobre amizade, superação e autoaceitação abre o IV Fórum Nacional de Jornalistas de Mídia Eletrônica e Turismo. Promovido pela Mídia Brasil Associados, o IV Fórum Nacional dos Jornalistas de Mídia Eletrônica e Turismo acontecerá de 20 a 23 de novembro em Bonito no Mato Grosso do Sul. Bonito é um polo do ecoturismo em nível mundial, suas principais atrações são as paisagens naturais, os mergulhos em rios de águas transparentes, cachoeiras, grutas, cavernas e dolinas. No Zagaia Eco Resort acontecerá o jantar de boas-vindas e em seguida os convidados poderão curtir o lançamento do novo show das cantoras Tacy de Campos e Amanda Lyra que tem o patrocínio da Valesul Chevrolet.
Sucesso nos palcos com Cássia Eller, O Musical, a curitibana Tacy de Campos se uniu a artista cadeirante Amanda Lyra para trazer um show em formato acústico onde as duas trazem as composições de seus respectivos discos “O Manifesto da Canção” e “Pro que der e vier”. Com letras que falam de protesto, amor, superação e autoaceitação, o show mostra como a amizade pode superar as barreiras das limitações físicas e das amarras que rondam a vida das pessoas na sociedade atual. Um duo com violões e vozes poderosas que fogem dos padrões sopranos femininos, levantando a bandeira da igualdade de gênero, com intervenções poéticas entre as músicas em um show para se fazer pensar.
Sobre Tacy
Cantora e compositora, Tacy foi a intérprete de Cássia Eller no musical que rodou todas as capitais do Brasil, e teve diversas temporadas nas metrópoles Rio de Janeiro e São Paulo. Já prestou varias homenagens à cantora em prêmios e festivais, como o Rock in Rio em 2015. Participou da música de trabalho de Nando Reis em um especial para o Fantástico, além de ser convidadas para programas como Faustão, Encontro com Fátima Bernardes e Canal Bis. Lançou esse ano seu primeiro trabalho solo "O Manifesto da Canção" onde mostra a que veio com muita atitude, destacando toda sua singularidade e disparidade do suas composições. Participou do projeto “Músicas para sempre”, voltado para pessoas diagnosticadas com Alzheimer. Faz parte da banda paulista Os Pitais, uma banda voluntária que toca em hospitais, escolas carentes e para refugiados, formada por diversos artistas, como Kiko Zambianchi, Márcio Mello, Andreas Kisser do Sepultura, entre outros.
Sobre Amanda
Cantora e compositora, aos 27 anos já é uma veterana dos palcos curitibanos, tocando em bares desde os 16 anos. Abriu o show do projeto Ira! Folk, da banda Os Titãs e da cantora Luiza Possi, além de participar do Projeto Canta Curitiba(RPC TV - Globo Paraná) onde fizeram o encerramento do show do Toquinho no aniversário de Curitiba para milhares de pessoas. Já realizou diversos shows autorais em Teatros da cidade e participou de inúmeros programas de tv e rádio. Foi convidada para abrir o clipe do Projeto Internacional Marcha das Mulheres pela paz que teve o show onda Amanda cantou ao lado de Elba Ramalho, além de cantoras israelenses e paranaenses junto com a Orquestra Sinfônica do Paraná. Está gravando seu novo disco “Pro Der e Vier” no Old Black Records em Curitiba com lançamento previsto para início de 2018. Criou com Jordana Soletti, o Projeto SoLyra, iniciado em maio de 2017 que leva música semanalmente a diversas escolas especializadas em deficientes.
Links: https://globoplay.globo.com/v/6123424/; https://www.youtube.com/watch?v=8Px7pHgCcQQ; https://www.youtube.com/watch?v=y82IxsO_5BA; https://www.youtube.com/watch?v=t2aAnsMWy6c e https://www.youtube.com/watch?v=3Joe4BrZ2UU.
Agendamento de shows e entrevistas: Vera Rosa (41) 99114-0097 e (41) 98505-2569.

Newd lança cd Reversão no Positive Music Bar em São Paulo/SP em noite que fecha show do NX Zero
16/11/2017

NX Zero é uma banda brasileira de rock, formada em 2001 na cidade de São Paulo-SP. Composta por Diego “Di” Ferrero (vocal), Leandro “Gee” Rocha (guitarra e segunda voz), Daniel “Dani” Weksler (bateria), Conrado “Caco” Grandino (baixo) e Filipe “Fi” Ricardo (guitarra). A banda lançou seu álbum de estreia pela gravadora Urubuz Records intitulado “Diálogo?” em 2004. Após este, a banda assinou contrato com a Universal Music e lançou mais sete álbuns (6 de estúdio e 1 remix): “NX Zero”, em 2006, “Agora”, em 2008, “Sete Chaves”, em 2009, “Projeto Paralelo”, em 2010, “Em Comum”, em 2012 e “Norte” 2015. ,O mais recente lançado com a gravadora Deckdisc. No último dia 10 de novembro, a banda NEWD lançou seu novo álbum, intitulado “Reversão”, que conta com dez músicas inéditas, incluindo o single “Sempre”, lançado em maio. O lançamento foi digital pela Beelyper, empresa do Rio de Janeiro. A música marcante do álbum se chama “Há Verdades”, que tem chance de ser o primeiro clipe deste trabalho. A capa é da autoria de Rafael Mascarello.
Escute em algumas plataformas digitais: YouTube: goo.gl/rwUenY; Spotify: goo.gl/Jh5tMS; Deezer: goo.gl/DSJeG5; Napster: goo.gl/2CEFMn; iTunes: goo.gl/xUvDDG e Google Play: goo.gl/bMsR8G.
SERVIÇO:
Quando: 17/11/2017 - Sexta-feira às 23hs
Local: POSITIVE MUSIC BAR (Rua Dona Carlinha, 548, Canela-RS)
Página do evento: https://www.facebook.com/events/1320096824775862/.
INGRESSOS: Disponível apenas o 2º Lote - R$50,00
PONTO DE VENDAS: STAR VÍDEO CANELA-RS e CAXIAS DO SUL - NEWD (54) 99949-1465
INGRESSOS ONLINE: https://www.sympla.com.br/nxzero-saidera-tour-no-positive__178900.  
INFORMAÇÕES: (51)98643-5117
Acompanhe a banda NEWD: Facebook: https://www.facebook.com/NEWDoficial; Soundcloud: https://soundcloud.com/newdoficial; Youtube: https://www.youtube.com/channel/UCJmBBiSPVZUgfOP6_sRRGLQ e Instagram: @newdoficial. Agência: www.beelyper.com.
Fonte: ALEX CHAGAS  - alexchagas@beelyper.com | www.beelyper.com - Beelyper Agência | Resende-Rio de Janeiro.

Impéria: se apresentará no projeto Quem Sabe Faz Autoral
16/11/2017

A IMPÉRIA realizará show no Gillans Inn Rock neste domingo (19/11) a partir das 18h. O repertório será composto por músicas do álbum “Em Dias Assim” ( leia resenha ), além do single “Liberte seus Instintos”. É provável que a banda também execute músicas novas, pois está trabalhando em novas composições.  “De repente, a gente pode colocar algum som novo no set, pois estamos compondo muitas coisas novas”, conta Felippe Deliberalli, guitarrista. A apresentação integra o projeto Quem Sabe Faz Autoral, idealizado por Elizabeth Queiroz (Tibet). Além da banda IMPÉRIA, estão previstos shows com as bandas Lee Recorda, Saigon Saints e Kamboja. Os ingressos custam R$ 20 (R$ 30 a partir das 20h) e estarão a venda na bilheteria do Gillans Inn Rock. A casa está localizada na Avenida Luiz Dumont Villares, 628 - Jd. São Paulo, São Paulo - SP. O evento tem apoio da Rock Brigade e das rádios A Marca do Rock e Stay Rock Brazil. Acompanhe Impéria no facebook: www.facebook.com/bandaimperia.

Gods & Punks repercute sucesso do debut Into the Dunes of Doom, que está disponível em serviços de streaming e em formato CD
16/11/2017

Apenas um mês após lançado em serviços de streaming e em formato físico (CD), “Into the Dunes of Doom”, o primeiro full length do Gods & Punks, recebeu somente críticas positivas da mídia brasileira e estrangeira, que destacaram principalmente a capacidade da banda carioca em apresentar composições que fundiram com precisão os gêneros stoner, doom e progressivo a partir de andamentos bem sacados e muitos riffs.

As músicas do disco também funcionaram ao vivo e a repercussão veio na mini turnê realizada entre os meses de outubro e início de novembro. Unânime quanto à relevância do trabalho do Gods & Punks na ainda em formação cena stoner nacional, as resenhas divergiram, no entanto, sobre os destaques do álbum. “Achei muito legal que o pessoal diversificou ao apontar as suas músicas favoritas. Ouvi todas sendo apontadas como favoritas em algum momento. A receptividade foi muito melhor do que a gente esperava, tanto em resenhas quanto opiniões de pessoas que ouvimos”, comenta o vocalista Ale Canhetti.
A volta aos palcos com material novo também promoveu sentimentos exaltados à banda, que é completada por Pedro Canhetti, Rafael Daltro (guitarra), Danilo Oliveira (baixo) e Arthur Rodrigues (bateria). “Agendar a mini turnê do disco foi muito mais trabalhoso que gravar ele. Foi muito bom tocar as músicas pro pessoal, elas foram super bem recebidas e nossos melhores shows foram nesse tempo”, destaca o vocal. Na opinião de Canhetti, a música de "Into the Dunes of Doom" que melhor funciona ao vivo é “Subatomic Wormhole”. “O peso dela ao vivo é outra coisa. Em termos de contagiar o público, acho que seria ‘Mushroom Cloud’. Quando a gente toca Mushroom, eu costumo sair do palco e falar com o pessoal, beber uma água etc., e eu sempre fico observando as pessoas nesse momento, e vejo elas bem animadas”.
O entusiasmo do sucesso imediato de "Into the Dunes of Doom", disponível em CD e online pelo esforço da banda junto às gravadoras Abraxas, Dinamite Records e Red House (Chile), animou o quinteto a já pensar em novas composições, e consequentemente, um novo álbum que deve trazer novas referências musicais ao stoner progressivo. “O plano é lançar o próximo disco no primeiro semestre do ano que vem. Já começamos a compor e queremos fazer algo diferente. Dunes teve muito prog, muito stoner. Vamos pegar o núcleo do nosso som, que a gente apresentou no EP, e misturar com outras influências tipo doom, thrash, space etc. A gente não quer deixar a bola cair, além disso, nos divertimos muito compondo”, enfatiza Canhetti.
Gods & Punks - Into the Dunes of Doom - (Abraxas/Red House/Dinamite Rec.) - Ouça aqui: https://onerpm.lnk.to/GodsAndPunks.
1. Dunes of Doom (05:31); 2. Civilization (06:59); 3. Rise from the Sand (00:54); 4. Signs of Life (03:57); 5. Mushroom Cloud (04:16); 6. Subatomic Wormhole (06:03) e 7. The Encounter (14:01).
Todas as músicas compostas por Gods & Punks // Todas as letras escritas por Alexandre Canhetti
Mixado por Arthur Rodrigues // Masterizado por Andre Leal e Kleber Mariano no Estúdio Jukebox
Gravado ao vivo no Estúdio MATA (RJ) em 29 e 30 de julho de 2017
Fonte: Erick Tedesco - Assessoria de imprensa - www.facebook.com/tedesco.midia.

Taurus, Nervochaos, Coldblood e Velho, Bandas consagradas do metal nacional juntas em dezembro no Rio de Janeiro
16/11/2017

Quatro consagradas e respeitadas bandas nacionais de metal estão escaladas para uma noite de peso no próximo mês de dezembro no Rio de Janeiro. No domingo do dia 17, a partir das 16 horas, Taurus, Nervochaos, Coldblood e Velho prometem incendiar o La Esquina, na Lapa. Os ingressos antecipados para este evento na capital carioca estão à venda, online, por R$ 20 pelo site da Ticket Brasil; na hora, custará R$ 30. Prata da casa e considerada um dos pilares do metal brasileiro, o lendário Taurus foi concebido em meados da década de 1980 como uma banda de speed/thrash metal influenciada principalmente pela prolífera cena da Bay Area (Estados Unidos), unindo peso e melodia, com letras em português. Mais de 30 anos depois, continuam motivados e em ótima forma para trazer ao palco do La Esquina os clássicos “Fissura”, “Signo de Taurus”, “Massacre”, “Dias de Cão”, entre outras.
Outro respeitado nome do metal nacional, e recém-chegados de mais uma vitoriosa turnê mundial, o Nervochaos atualmente divulga o sétimo álbum “Nyctophilia”, que acrescenta velocidade e obscuridade ao sempre eficiente metal extremo da banda. Além disso, a atual formação é considerada pela mídia especializada como a mais técnica de toda a carreira. O profissionalismo e rodagem do Nervochaos são a certeza de um retorno ensandecido ao Rio de Janeiro no dia 17/12 após shows por diversos cantos da Europa, América do Sul, América Central e Ásia. Coldbood, também do Rio de Janeiro, está na ativa desde a década de 1990 e constantemente incrementando o death metal que praticam com temáticas satânicas e escancarando críticas diversas. Contra a estagnação, a banda se reinventa a cada lançamento e o mais recente, “Indescribable Physiognomy of the Devil”, intensifica a pegada extrema com doses de black metal. Completa o lineup a banda Velho, a formação mais nova do festival, mas que desde a criação em 2009 impressiona pelo vigor de um black metal ríspido e intrigante nos diversos EP, demos, álbuns e split lançados. Os cariocas - de Duque de Caxias - também cantam em português e abusam de riffs dilaceradores. Fonte: Erick Tedesco - Assessoria de imprensa  - www.facebook.com/tedesco.midia.

Matakabra anuncia seu próprio festival para o lançamento de seu novo EP “Marginal”
16/11/2017

Uma das maiores revelações pernambucana do Death Metal moderno, MATAKABRA, acaba de anunciar a realização de seu primeiro festival o “MTK Fest” para promover o lançamento digital do segundo EP “Marginal”, que sucede o aclamado “Prole” (EP) lançado em 2016. Após a grande repercussão do primeiro EP na mídia especializada, o que garantiu a abertura de portas, dividindo palco com grandes nomes do metal nacional como Project46, Nervochaos, Torture Squad e participando de grandes festivais pelo Brasil: Mosh Pit Never Die (RJ), Sexta Rock (CE) e Brasinha Core (RN) e por fim a “Prole Maldita Tour”, com mais de 20 shows em 07 estados da região Nordeste. Para o lançamento de “Marginal” (EP) resolveram realizar tal evento para impulsionar o movimento underground local e promover o próprio trabalho no melhor estilo “faça você mesmo”. Tracklist: 1. Ogum (Intro); 2. No Açoite  3. Mordaça.
O “MTK Fest” será realizado no Estelita, no dia 26 de novembro, em Recife (PE) e conta com um line up composto por tradicionais bandas do metal extremo pernambucano: Matakabra, Pandemmy e Decomposed God. Quem comparecer ao evento concorrerá a sorteio de dois descontos de 50% em tatuagens, promovido pelo baterista da banda MATAKABRA ‘Theo Espíndola’. O primeiro sorteio será realizado no inicio do evento e o segundo no final. Links relacionados: https://www.facebook.com/matakabra/; https://www.instagram.com/matakabra/; https://matakabra.bandcamp.com/releases e https://www.youtube.com/channel/UCYGsQF4-mf03hDnV-zPVYXA.  Assessoria de Imprensa: www.facebook.com/cangacorockcomunicacoes/. Fonte: Cangaço Rock Comunicações - Cristiano Borges.

Joao Suplicy e Big Band na Gaveta no Bar Brahma dia 18 de novembro
16/11/2017

Dando continuidade à temporada de sucesso, João Suplicy e Big band na Gaveta retornam ao palco do bar Brahma para mais uma eletrizante apresentação. Eles apresentam um repertório com músicas da autoria de João, como ”Um abraço e um olhar”, “Solteiro e vagabundo”(com Gabriel Moura) “Deixa o tempo trabalhar”, “Liga a cabeça” e “Sede que dá”, e também versões para sucessos de Roberto Carlos, Elvis Presley, Baden Powell, Tom Jobim, entre outros. “Estou gostando muito de fazer parte desse projeto, pois além de ser algo diferente de tudo que já fiz e ao mesmo tempo me sentir super a vontade, conto com arranjos fantásticos por parte da banda. Me sinto privilegiado de estar tocando com eles e poder apresentar um show desse porte pras pessoas. O público pode esperar uma apresentação com muita entrega da nossa parte e um repertório muito rico, com artistas e canções que são muito importantes pra mim e que são muito bem executadas com a Big Band junto”, declarou. A banda é dirigida e idealizada por Tiago Pallone e composta por 12 músicos, entre eles oito sopros (Jorge Cirilo, Edmar Pereira, Fernando Sagawa, Eduardo Furtado, Bruce William, Lucas Joly, Marco Almeida Jr. e Glaucio Sant'Ana), no contrabaixo, Tiago Pallone, na guitarra, Bruno Mothe, na bateria, Danilo Moura, e, na gaita, Paulo Gazela.
ingresso: 40 Reais. confirmando presença no evento do Facebook: 30 Reais.  Local: Avenida Sao Joao, 677 - Centro. show 22.00 horas

Morcrof concede entrevista exclusiva ao blog “Metal Samsara”
16/11/2017

A banda Morcrof vem ganhando grande destaque na mídia especializada e recebendo vários convites para conceder entrevistas em rádios, blogs, zines e revistas. Desta vez a banda concedeu uma entrevista intensa e detalhada ao renomado blog “Metal Samsara” que durante a conversa, conduzida pelo redator Marcos Garcia, o baixista Paullus Moura fala sobre o inicio das atividades, dificuldades para manter a mesma formação, shows, primeira demo (“A Future Not So Far”), novo álbum (“.:.codex.gnosis.apokryphu.:.arcano.verba.revelatio.:.”), conservadorismo no metal e muito mais. “BD: Hora de falar do futuro: a banda parece estar preparando mais um álbum para breve, certo? Se sim, o que poderiam nos adiantar em termos de informação (nome, tracklist, etc)? E há uma previsão para o lançamento dele?
Paullus: Sim, estamos na reta final da produção do novo álbum, que trará o título “.:.codex.gnosis.apokryphu.:.arcano.verba.revelatio.:.” e apresentarão, dito em primeira mão, as faixas: “invocatio spiritus antiquis”; “in monolitus ex auorum spiritus mundus”; “preconceptual genesis circularis elementarum existentiam”; “preludium.:. apretit portae”; “portae ex solis sursum aquilonem”; “existentia imperfecta es”; “ad infernum exilio meam”; “gratiam aeon sapientia mundi”. O álbum trará algo que sempre quisemos fazer: cantar em latim na íntegra. Embora estejamos próximo da conclusão dos áudios, infelizmente ainda não temos a previsão exata do lançamento... ”. Leia a entrevista completa: https://metalsamsara2.blogspot.com.br/2017/11/escuridao-sul-americana-que-assombra-o.html. Contato: morcrof@hotmail.com. Links relacionados: www.soundcloud.com/morcrof; www.facebook.com/morcrofdarkmetal/; www.morcrofdarkmetal.bandcamp.com/ e www.youtube.com/channel/UCr3849Wewn3fCnwFwse0aDQ. Assessoria de Imprensa: www.facebook.com/cangacorockcomunicacoes/. Fonte: Cangaço Rock Comunicações - Cristiano Borges.

Tankard: best of limitado será lançado em 2018
16/11/2017

Os beberrões alemães do TANKARD anunciaram para 2018 seu best of, o "Hymns For The Drunk". Há uma versão de apenas 500 kits que conterá: CD com 17 faixas "Hymns For The Drunk";  Vinil duplo cor de cerveja "Hymns For The Drunk"; Boneco/cofrinho alien; Porta-copos com a capa do disco e Cartão autografado. "Este best of resume nosso período criativo de 2002 a 2010, enquanto estávamos na AFM Records. Henner (R.I.P.) deu a Tankard uma chance no início dos anos 2000, quando ele nos contratou.

Eu literalmente revivi a banda. O lançamento do “B-Day” em 2002 foi um ponto de virada na história da banda, porque finalmente estávamos de volta ao circo do Metal. Os anos na AFM sempre serão uma parte importante da história da Tankard. Divirta-se com isso!” Quem interessar, o kit custa completo sai por €44.99 (sem taxas) ou uma versão apenas com vinil mais em conta por €19.99 (sem taxas).
Faixas:
CD: 1. Rectifier; 2. Need Money For Beer; 3. New Liver Please!; 4. Slipping From Reality; 5. Die With A Beer In Your Hand; 6. We’re Coming Back; 7. We Still Drink The Old Ways; 8. The Beauty And The Beast; 9. Metaltometal; 10. Zombie Attack; 11. (Empty) Tankard; 12. The Morning After; 13. Medley (Alcohol, Puke, Mon Cheri, Wonderful Life); 14. Octane Warriors; 15. Stay Thirsty!; 16. Time Warp e 17. Rules For Fools.
Vinil
Side A: 1. Rectifier; 2. Need Money For Beer; 3. New Liver Please; 4. Slipping From Reality; 5. Die With A Beer In Your Hand
Side B: 6. We’re Coming Back; 7. We Still Drink The Old Ways; 8. The Beauty And The Beast e 9. Metaltometal
Side C: 10. Zombie Attack; 11. (Empty) Tankard; 12. The Morning After e 13. Medley (Alcohol, Puke, Mon Cheri, Wonderful Life)
Side D: 14. Octane Warriors; 15. Stay Thirsty; 16. Time Warp e 17. Rules For Fools

Guns N' Roses: Dave Grohl sobe ao palco com a banda
16/11/2017

Dave Grohl se juntou Guns N' Roses para uma performance de "Paradise City", música que encerrou o set da banda no BOK Center em Tulsa, Oklahoma, na noite do dia 14 de novembro. O Foo Fighters estava presente pois eles se apresentam no local no dia seguinte. Veja abaixo um vídeo mostrando a parceria publicada no facebook oficial do Guns N' Roses mas que mostra apenas os dois primeiros minutos da canção: https://www.facebook.com/gunsnroses/videos/10155939979348069/. Veja o setlist completo da apresentação do Guns N' Roses no BOK Center em Tulsa, Oklahoma, no dia 14 de novembro de 2017: It's So Easy; Mr. Brownstone; Chinese Democracy; Welcome to the Jungle; Double Talkin' Jive; Better; Estranged; Live and Let Die (Wings); Rocket Queen; You Could Be Mine; New Rose (The Damned); This I Love; There Was a Time; Civil War; Yesterdays; Coma; Slash Guitar Solo; Speak Softly Love (Love Theme From The Godfather) (Nino Rota); Sweet Child O' Mine; Wichita Lineman (Jimmy Webb); Used to Love Her; My Michelle; Wish You Were Here (Pink Floyd); November Rain; Black Hole Sun (Soundgarden); Knockin' on Heaven's Door (Bob Dylan) e Nightrain.
Encore: Patience; Madagascar; Don't Cry; The Seeker (The Who) e Paradise City (com Dave Grohl).

Dave Grohl: como é a relação do músico com o dinheiro?
16/11/2017

Durante conversa com a Red Bull, Dave Grohl contou como gasta sua fortuna, que em 2016 era estimada em cerca de 260 milhões de dólares (aproximadamente 850 milhões de reais):
O que você faz com todo seu dinheiro?
Dave: "Vai direto pra minha conta no banco, onde fica lá parado, pegando mofo."
Você não investe ou faz algo assim?
Dave: "Não perco meu tempo pensando como fazer mais dinheiro pois já tenho o suficiente. Não sou um banqueiro e sim um músico. Mas por outro lado isto compra a minha liberdade, claro. Me permite ser e fazer o que eu quero sem me preocupar com mais nada".
Nada de casas ou carros luxuosos?
Dave: "Dirijo um carro familiar - não uma SUV monstruosa mas um carro que comporta cinco pessoas. Também moro em uma casa suficientemente grande. Meu único símbolo de status é o 606, meu estúdio no San Fernando Valley em Los Angeles, onde investi uma fortuna para que ficasse idêntico ao lendário Atlantis estúdio do ABBA. Não estou brincando: era o que eu queria e me custou muito para realizar este sonho".

Joe Perry lançará novo álbum solo em janeiro
16/11/2017

Joe Perry lançará seu novo álbum solo, "Sweetzerland Manifesto", em 18 de janeiro de 2018. O disco traz 10 faixas e a produção executiva ficou por conta de Johnny Depp, seu parceiro no Hollywood Vampires, além de contar com a participação de Robin Zander (Cheap Trick), David Johansen (New York Dolls), Terry Reid, Zak Starkey e os filhos de Perry, Tony e Roman. Veja o tracklist de "Sweetzerland Manifesto", primeiro disco solo de Joe Perry desde o "Have Guitar, Will Travel" de 2009: ‘Rumble In The Jungle’ (instrumental); ‘I'll Do Happiness’ (com Terry Reid); ‘Aye, Aye, Aye’ (com Robin Zander); ‘I Wanna Roll’ (com David Johansen); ‘Sick & Tired’ (com Terry Reid); ‘Haberdasher Blues’ (com David Johansen); ‘Spanish Sushi’ (instrumental); ‘Eve Of Destruction’ (com Joe Perry); ‘I'm Going Crazy’ (com David Johansen) e ‘Won't Let Me Go’ (com Terry Reid).

Dio: veja nova filmagem de holograma do cantor
16/11/2017

Foi divulgado um vídeo promocional da "Dio Returns Tour", que começa em dezembro na Europa e segue para vários outros países em diversos continentes, incluindo o Brasil, em datas e locais ainda não anunciados, confira: https://www.youtube.com/watch?v=xyeqgmqKg4w. Além do holograma de Ronnie no vocal, a banda vai contar com Craig Goldy na guitarra, Simon Wright na bateria e Scott Warren nos teclados, juntamente com Bjorn Englen no baixo. Tim "Ripper" Owens e Oni Logan (Lynch Mob) participação de algumas datas. No setlist, clássicos como "Rainbow In The Dark", "We Rock", "Neon Nights", "King Of Rock And Roll", "Man On The Silver Mountain", "Heaven And Hell", "Holy Diver" e muito mais.

Manowar: Brasileiro Marcus Castellani assume posto de baterista
16/11/2017

Marcus Castellani, baterista brasileiro, estreou com a banda em Norrköping, na Suécia. No Brasil ele tinha sua banda própria, Stubbornness, e tocava no Hell Patrol Judas Priest Cover, entre outros projetos. Entre 2004 e 2008 ele tocou com o Kings Of Steel Manowar Cover. Veja uma performance de "Ride The Dragon" em tributo a Rhino, disponível no YouTube: https://www.youtube.com/watch?v=QBGFyK0QOdY.

Operation Mindcrime: confira a música "Under Control", do próximo álbum
16/11/2017

A banda OPERATION: MINDCRIME, liderada por Geoff Tate, ex-vocalista do QUEENSRYCHE, vai lançar o álbum "The New Reality" no dia 1º de dezembro, via Frontiers Music Srl. Confira a seguir a música "Under Control": https://www.youtube.com/watch?v=KhyRP83xR-Y.
Tracklist de "The New Reality": 01. A Head Long Jump; 02. Wake Me Up; 03. It Was Always You; 04. The Fear; 05. Under Control; 06. The New Reality; 07. My Eyes; 08. A Guitar In Church?; 09. All For What?; 10. The Wave; 11. Tidal Change e 12. The Same Old Story.

Bruce Dickinson: quando Johnny Cash lhe pediu um autógrafo
16/11/2017

Durante conversa com a Fox News, Bruce Dickinson falou sobre a ocasião em que se encontrou com o lendário Johnny Cash: "Foi uma coisa rápida e inspiradora, pois sempre admirei Johnny Cash pela sua coisa meio rebelde. O encontrei há muito tempo atrás em Toronto (Canadá) quando ele e sua banda vieram e ficaram nos assistindo durante uma passagem de som. Depois que terminamos ele foi até os bastidores, e eu não sou exatamente um cara alto (Bruce tem 1,68m e Cash tinha 1,88m), ele me pareceu como um poste vestido com um casaco. Foi como encontrar John Wayne... apenas 'wow'. E ele era o cara mais tranquilo e calmo possível... ele disse 'Oi, meu nome é Johnny Cash... escuta, você poderia dar um autógrafo pra minha filha? Ela é uma grande fã'. Eu dei, é claro. E foi isto. Mas ele era fantástico, exatamente como uma lenda deve ser".

Black Sabbath: assista "War Pigs" do DVD "The End Of The End"
16/11/2017

O Black Sabbath liberou nesta quarta-feira (15), em seu canal oficial no Youtube, mais um vídeo ao vivo extraído de "The End Of The End”. Assista abaixo o clássico "War Pigs", confira: https://www.youtube.com/watch?v=zY5nYmTUfnQ. "The End Of The End” é o registro do último show da carreira da banda, em Birmingham, na Inglaterra, no dia 04 de fevereiro de 2017. Nesta apresentação histórica, estiveram no setlist da banda clássicos como “Iron Man”, “Paranoid” e “Children Of The Grave”. O registro ao vivo desse show tem data de lançamento marcado para o dia 17 de novembro em diversos formatos: CD duplo, LP triplo, Blu ray e DVD, além de uma edição de luxo com material extra.
Veja o tracklist: 01 - Black Sabbath; 02 - Fairies Wear Boots; 03 - Medley: Under The Sun / Every Day Comes And Goes; 04 - After Forever; 05 - Into The Void; 06 - Snowblind; 07 - Band Introductions; 08 - War Pigs; 09 - Behind The Wall Of Sleep; 10 - Medley: Bassically / N.I.B.; 11 - Hand Of Doom; 12 - Medley: Supernaut / Sabbath Bloody Sabbath / Megalomania; 13 - Medley: Rat Salad / Drum Solo; 14 - Iron Man; 15 - Dirty Women; 17 - Children Of The Grave; 18 - Crowdcheering; 19 - Paranoid e 20 - Credits.
Na edição especial de luxo, o box trará CD duplo, DVD e Blu Ray, acrescidos de um livro, réplica do programa da turnê e outros ítens para fãs, incluindo um disco extra com quatro músicas clássicas gravadas ao vivo no Angelic Studios em 2017: "The Wizard", "Wicked World", "Sweet Leaf", "Tomorrow's Dream" e "Changes".

Joe Satriani: confira a nova música "Cherry Blossoms"
16/11/2017

Confira a seguir a música "Cherry Blossoms", que estará presente no décimo-sexto álbum do guitarrista Joe Satriani, intitulado "What Happens Next" e que será lançado no dia 12 de janeiro de 2018, via Sony/Legacy Recordings, confira: https://www.youtube.com/watch?v=8mmuFjBJjzI. Tracklist de "What Happens Next": 01. Energy; 02. Catbot; 03. Thunder High On The Mountain; 04. Cherry Blossoms; 05. Righteous; 06. Smooth Soul; 07. Headrush; 08. Looper; 09. What Happens Next; 10. Super Funky Badass; 11. Invisible e 12. Forever And Ever.

Linkin Park lança "One More Light Live" em dezembro
16/11/2017

O Linkin Park vai lançar em 15 de dezembro "One More Light Live", trazendo dezesseis músicas gravadas ao vivo durante a turnê "One More Light", realizada no verão norte-americano. "Dedicamos este disco ao vivo ao nosso irmão Chester que entregou seu coração e alma no 'One More Light'". Veja o tracklist do "One More Light Live": 01 - Talking To Myself; 02 - Burn It Down; 03 - Battle Symphony; 04 - New Divide; 05 - Invisible; 06 - Nobody Can Save Me; 07 - One More Light; 08 - Crawling; 09 - Leave Out All The Rest; 10 - Good Goodbye (feat. Stormzy); 11 - What I've Done; 12 - In The End; 13 - Sharp Edges; 14 - Numb; 15 - Heavy e 16 - Bleed It Out.

Mike Portnoy diz que entende por que o Avenged preferiu outro baterista
16/11/2017

Após a trágica morte Jimmy "The Rev" Sullivan, o Avenged Sevenfold recrutou Mike Portnoy para tocar no álbum e na turnê do "Nightmare", de 2010. Depois a banda chamou o baterista Arin Ilejay que foi substituído em 2015 por Brooks Wackerman, e a Metal Wani perguntou para Portnoy o que ele acha do atual baterista, com quem o Avenged gravou "The Stage", lançado em 2016: "Adoro o álbum e adoro Brooks. Sempre fui seu fã, há muitos e muitos anos, desde quando ele tocava com o Infectious Grooves passando por sua fase mais recente quando ele gravou um álbum chamado "Farmikos" (a banda contava com Joe Holmes, guitarrista da banda de Ozzy Osbourne e David Lee Roth). Sempre fui fã de seu estilo de tocar e acho que ele é a escolha perfeita para aqueles caras", responde.
Depois o baterista diz: "Acho que quando toquei com eles, não estavam prontos ainda para assumir alguém, e eu carregava muita história e chamava atenção. Então entendo por qual motivo, após meu compromisso de um ano chegar ao fim, eles preferissem um baterista mais desconhecido como o Arin; eu compreendo totalmente. E por motivos quaisquer, não funcionou e eles chamaram Brooks, o que é algo que diz respeito a eles. Mas acho o máximo o ponto onde chegaram, e estou feliz pelo sucesso que atingiram". Veja a conversa na íntegra no player abaixo (em inglês, sem legenda).https://www.youtube.com/watch?v=tRtffqymJCk.

Dave Grohl: "música eletrônica não faz o meu tipo"
16/11/2017

Em uma entrevista para o site da Red Bull, dentre vários assuntos o frontman do FOO FIGHTERS, Dave Grohl, foi questionado sobre o seu gosto por música eletrônica.
A cantora LORDE está fazendo música pelo modo analógico. Este método está se tornando uma arte perdida?
Dave Grohl: Espero que eu não pareça um velho ranzinza aqui, mas vamos ser honestos, cara... Nunca machucou ninguém ficar praticando o seu instrumento para desenvolver a sua audição para um certo ritmo e melodia.
Então, o que você acha da EDM?
Dave: Mas que porra você está falando? Não fale em enigmas, cara!
Eletronic Dance Music, tipo SKRILLEX, DEADMAU5 e etc...
Dave: Ah, é assim que se chama? Não é simplesmente o meu tipo de música, sabe? Além disso, também não é nenhuma novidade, porque artistas como SUICIDE ou ATARI TEENAGE RIOT estão fazendo isso há décadas e ainda estão fazendo do melhor jeito.

Moonspell: "Espero que os fãs de Paralamas gostem desta inusitada homenagem"
16/11/2017

Em entrevista para o Source Webzine, Fernando Ribeiro, vocalista da banda portuguesa Moonspell, falou sobre "1755" o novo álbum da banda e comentou a escolha de "Lanterna dos Afogados" do Paralamas do Sucesso para o repertório do disco.
SOURCE - Liricamente como você apresentaria 1755 ao público?
Fernando Ribeiro: É uma espécie de teatro, de tragédia. É a história de como um evento natural, uma catástrofe, também permitiu a Portugal sair da Idade Média e avançar para uma nova Era, mais moderna e humana, livre da opressão católica e dos nobres. Tentei que tudo fosse uma espécie de dialogo entre os Homens e Deus, que alguém percorresse as ruas e desse conta do que se passou e quão grande era o desespero, a revolta, a confusão.
SOURCE - Como foi a escolha de Lanterna dos Afogados para a inclusão da faixa ao novo álbum?
Fernando Ribeiro: Polêmica. A banda não queria acreditar quando eu propus esse tema para fechar o disco. Mas, depois, conseguiram ver porque. A Lanterna é um hino, é muito mais que uma canção de novela, é uma canção triste com uma letra que podia ser fado, ou Portuguesa. sobre quem fica à espera, sobre quem regras (ou não) do mar. Achei perfeito e orgulho-me muito de ter tido essa ideia. Espero que os fãs de Paralamas gostem desta inusitada homenagem.
SOURCE - Recentemente a banda cancelou uma tour em comemoração de 25 anos que faria pela América Latina. Alguma previsão de apresentar uma nova tour pelo Brasil em 2018?
Fernando Ribeiro: Foi uma decisão muito dura, que nos custou muito dinheiro e muitos fãs. Mas teve de ser, pelas razões que apresentamos e mantemos como verdadeiras. O Brasil é um público que está apenas a crescer agora conosco. Sempre tivemos muito mais sucesso em todos os outros países da América Latina que no Brasil. Esperamos que o 1755 quebre essa tendência e vamos confirmar ainda este ano as datas Brasileiras e da América Latina para a Primavera de 2018.

Barão Vermelho: Rodrigo Santos deixa a banda
16/11/2017

Uma noticia, postada no facebook oficial do BARÃO VERMELHO, nos deixou surpresos, o baixista RODRIGO SANTOS, deixou a banda. Confira a nota: "Devido à incompatibilidade de agenda e projetos pessoais, o baixista RODRIGO, na banda desde 1992, deixa o BARÃO VERMELHO para se dedicar integralmente à carreira solo. O BARÃO VERMELHO segue com: GUTO GOFFI e MAURÍCIO BARROS, fundadores da banda; FERNANDO MAGALHÃES, no grupo desde 1985, e RODRIGO SURICATO (2017). Os " barões " estão fazendo ensaios para escolher o baixista que vai acompanhá-los nos shows da turnê que segue pelo país e preparam um novo álbum de inéditas previsto para o primeiro semestre de 2018. Boa sorte a todos nesta nova fase !"

Chuck Mosley teria morrido de overdose
16/11/2017

O que muita gente imaginou deve mesmo se confirmar em breve: Chuck Mosley, ex-vocalista do FAITH NO MORE, teria morrido de overdose de heroína, segundo o site de entretenimento TMZ. O corpo de Chuck foi encontrado por sua parceira Pip Logan por volta das 20 horas no dia 9 de novembro caído no chão. Segundo a polícia de Cleveland/EUA, foram encontradas duas seringas, um recipiente e uma colher próximo ao corpo de Chuck.

Um laudo oficial de toxicologia que determinará a causa da morte deve demorar semanas ainda. Chuck gravou os dois primeiros discos do FAITH NO MORE: "We Care A Lot" (1985) e "Introduce Yourself" (1987). Ele foi demitido pela própria banda para ser substituído por Mike Patton. Chegou a processar a banda e anos depois se reconciliaram, se reunindo com a banda em 2010 e fazendo algumas participações ao vivo em 2015 e 2016. Também chegou a participar do icônico BAD BRAINS, projetos solos e um banda de metalfunk, o CEMENT - nenhuma com muito sucesso.

Slipknot: Corey Taylor ainda não ouviu nada do novo material
16/11/2017

Recentemente Clown disse que já existem 30 trechos de músicas compostas para o novo álbum do Slipknot, sucessor do "The Gray Chapter" de 2014. E durante participação no programa de rádio Full Metal Jackie, perguntaram ao vocalista Corey Taylor como estes trinta trechos definem o novo álbum: "Não tenho ideia. Não ouvi nada deste material. Ao melhor 'estilo Slipknot de ser', eu fiquei sabendo disto através da imprnesa. Então é o que é. Mas posso garantir que é uma coisa muito criativa. Posso garantir que é sombrio. Posso garantir que será diferente de tudo que você já ouviu antes. Sei como funciona a cabeça (de Clown), sei como funciona a cabeça de Jim (Root). Estou realmente ansioso para ouvir assim que for possível."

Armored Dawn é atração do Dark Dimensions Folk Fest em São Paulo e Curitiba
15/11/2017

Após impressionantes shows ao lado do De La Tierra em São Paulo e Buenos Aires, o Armored Dawn, um dos novos expoentes do metal brasileiro no exterior, está de volta aos palcos e mais do que preparado para continuar mostrando o seu poderio musical. O grupo é uma das atrações mais esperadas das edições do Dark Dimensions Folk Festival em São Paulo (19/11 - Carioca Club) e Curitiba (20/11 - Hermes Bar). O evento ainda traz no line-up as bandas Ensiferum (Finlândia), Elvenking (Itália) e Kalevala (Rússia). Os ingressos promocionais "Pague 1, leve 2" continuam à venda pelo site do Clube do Ingresso (http://www.clubedoingresso.com) e pontos autorizados pela empresa em São Paulo, Osasco, São Caetano do Sul, Santo André, Curitiba e Rio de Janeiro (http://www.clubedoingresso.com/ondecomprar). Formado em 2014, em São Paulo (capital), o Armored Dawn já alçou voos exemplares para um grupo com tão pouco tempo de estrada. Eles já dividiram palco com nomes importantes como Megadeth, The Offspring, Tarja, Sabaton, Symphony X, Rhapsody, Marillion e até Texas Hippie Coalition. Além disso, realizaram importante tour pela Europa ao lado do Fates Warning e, até então, foram a única banda brasileira a tocar no Motörboat, o tradicional e concorrido Cruzeiro do Motörhead.
Neste momento, Eduardo Parras (vocal), Timo Kaarkoski (guitarra), Tiago de Moura (guitarra), Fernando Giovannetti (baixo), Rafael Agostino (teclado) e Rodrigo Oliveira (bateria) estão definindo os últimos detalhes para o lançamento do novo álbum “Barbarians in Black” já no começo de 2018. Este trabalho tem 10 poderosas composições e traz toda a responsabilidade de superar a bela receptividade do elogiado debut “Power Of Warrior”. A produção teve a assinatura de Bruno Agra (We are Harlot) e do renomado Kato Khandwala (The Pretty Reckless, Papa Roach), além de masterização por Ted Jensen (Metallica, AC/DC, KISS, Muse, Duran Duran, The Rolling Stones, Madonna, Eric Clapton, Frank Sinatra, a-ha, Alice in Chains, Pantera, entre outros).
Recentemente, o grupo bateu a marca de 1 milhão de views, no Youtube, com o videoclipe de “Sail Away”, primeiro single do tão aguardado novo álbum “Barbarians in Black”. O vídeo contou com épica superprodução cinematográfica em clima medieval, com a participação de atores, figurantes e até um falcão, que trabalharam sob a direção de Micka, da produtora Ideia House. Confira o clipe: https://www.youtube.com/watch?v=STM8NaGKCmM. Links relacionados: https://www.facebook.com/ArmoredDawn; https://www.facebook.com/darkdimensionsbrasil; https://www.facebook.com/Ensiferum; https://www.facebook.com/elvenking.official; https://www.facebook.com/Kalevalafolk e https://www.facebook.com/UltimateMusicPR.

Firegun: novo disco “Inheritance Of A Blind Nation” está cada vez mais próximo de seu lançamento
15/11/2017

Os músicos da banda Firegun estão muito próximos de lançar seu novo álbum, “Inheritance Of A Blind Nation”, com quase tudo pronto o grupo trabalha a ansiedade e uma possível data para liberar oficialmente o primeiro registro full lenght da carreira. Algumas ideias sobre o disco já possuem divulgação, entre elas, a capa do álbum e o conceito do “Cristo Vendado”, o grupo quer transmitir todos os problemas ocorridos no país e as grandes divisões sociais que ocorrem com a desigualdade econômica, política e cultural no Brasil, tornando o cidadão um ser alienado e cego aos direitos igualitários que possuem na esfera social. O que se sabe até o momento, é que o álbum está praticamente pronto restando apenas alguns reajustes finais para liberação, com a capa pronta, a banda trabalha ao lado do designer Jean da Designations o conceito interno de toda a arte gráfica do disco. Outro ponto importante é que “Inheritance Of A Blind Nation” será distribuída primeiro pelas plataformas digitais e possivelmente logo a seguir em formato físico.
O grupo também está trabalhando em um site profissional com todos os detalhes e informações atualizadas, para que o fã do grupo sempre se mantenha informado com todas as novidades relacionadas ao Firegun. Firegun início seus trabalhos em 2009, no ano de 2013 lançou seu EP “What’s the Reason” que chamou atenção de grande parte dos fãs do estilo que mescla Thrash com Groove Metal. Para o novo registro mais peso e distorção estão sendo preparadas, a ideia da banda é causar um forte impacto no público e imprensa, assim como ocorreu no lançamento de “What’s the Reason”.
Firegun é formado por: Raimundo Rodriguês - Lead Vocals; Ricardo Oliveira - Lead Guitars; Ivan Santos - Rhythm Guitars/ Backing Vocals; Samuel Martins - Bass Guitar e Fernando Ornellas - Drums. Mais informações: Facebook: https://www.facebook.com/firegunofficial/ e Roadie Metal Press: http://roadie-metal.com/press/firegun/.

Josh Homme QOTSA: "Vontade de queimar certos músicos com ferro quente".
15/11/2017

O frontman do QUEENS OF THE STONE AGE, Josh Homme, revelou por que ele quer "queimar" certos músicos que dizem estar "trabalhando com as suas marcas", em uma nova entrevista para a Billboard. "Eu bebo muita tequila, por isso tenho certeza de que posso me imaginar concordando com algo que tenha a ver com tequila, mas do mesmo jeito penso que muitas vezes as pessoas dividem o seu foco tentando vender champanhe ou água engarrafada, o que para elas também podem ser o maior negócio do mundo, sabe? Mas no meu caso, não estou interessado necessariamente em vender qualquer coisa para você ou outra pessoa. Quando certos músicos falam: ‘Estou trabalhando na minha marca que criei’, isso me faz querer pegar um ferro quente e queima-las... Eu não fico invejando tal pessoa pelo seu sucesso e do que elas querem fazer na vida, sendo que a maneira que apoiávamos os artistas que amávamos foi eliminada ao longo dos anos... Eu também tenho que lidar com as crianças na internet que pedem para que eu dê um autógrafo para depois ganharem um dinheiro com os meus fãs. Estas pessoas estão entrando no caminho do nosso relacionamento sem pedir licença e não há nada que possamos fazer”.
“E muito das pessoas neste mundo se auto-intitulam com grandes expectativas, mas são facilmente desapontadas. Isso é uma postura meio aleijada de ser, sabe? Mas ao mesmo tempo, eu não fico apontando o dedo para ninguém e isso não me faz perder o sono à noite... Eu entendo por que alguns músicos querem se preservar e possuir certas coisas, porque eles não estão simplesmente dependendo somente da sua música e isso pode ser uma coisa assustadora, difícil e desafiadora. Eu sempre estou esperando que alguém apareça e me diga: ‘Ah, tal pessoa não gosta mais da sua música, acabou, pode ir para casa agora’. É por isso que eu tento aproveitar esse momento agora, porque eu ainda não cruzei o limite para começar a vender água engarrafada". Será que se trata de uma resposta ao recente comentário de Noel Gallagher (ex-guitarrista do OASIS, que em entrevista criticou o QUEENS OF THE STONE AGE e o FOO FIGHTERS)? QUEENS OF THE STONE AGE está atualmente em turnê nos EUA divulgando o seu novo álbum de estúdio, “Villains” (7º disco, 2017). Após passarem pelo Japão, Oceania e Europa, ano que vem a banda virá para a América do Sul junto com o FOO FIGHTERS.

Kamala divulga nova formação, Isabela Moraes é a nova baterista
15/11/2017

"Chegou a hora de anunciar oficialmente quem assume a bateria no Kamala, mas sabemos que muitos de vocês vão falar “mas isso era óbvio...eu já sabia!” Com muita felicidade gostaríamos de anunciar que a Isabela Moraes é a nova baterista, e realmente foi algo extremamente natural para nós também!

Ontem, completou exatamente um ano do primeiro show que ela fez junto com a gente, que aconteceu em Tours/França, durante nossa quarta turnê européia e desde de lá, ela assumiu todas as datas até então. E ontem depois de um ano, ela gravou todas as músicas do nosso quinto álbum de estúdio que vem por aí...com lançamento para início de 2018, novamente gravado, feito no Estúdio RG Produções em Americana/SP e produzido pelo Guilherme Malosso." FOTO POR C.CHARBONNIER (THRONE OF THANATOS).Facebook: www.facebook.com/kamalaofficial. Instagram: @kamalaofficial.

Stone Temple Pilots: ouça single com novo vocalista
15/11/2017

Confira no player abaixo a primeira música inédita do Stone Temple Pilots em quatro anos, "Meadow", novo single do Stone Temple Pilots, primeiro a contar com o novo vocalista, Jeff Gutt, ex-integrante da banda Dry Cell que participou da edição norte-americana do "The X Factor" em 2013, confira: https://www.youtube.com/watch?v=F9wln-KgIeA. Inicialmente pareceu que "Meadow" seria o novo álbum da banda, mas agora não está claro se é "apenas" o novo single ou se será também o título do novo trabalho, que deve sair em 2018.Sua estreia ocorre durante um programa especial da rádio SiriusXM apresentado por Eddie Trunk. Gutt já está desde o ano passado compondo e gravando novo material em Redondo Beach, na Califórnia, com os membros do STP - Dean e Robert DeLeo e Eric Kretz. O Stone Temple Pilots está sem vocalista desde novembro de 2015, quando Chester Bennington, que estava com a banda desde o início de 2013, saiu para se dedicar em tempo integral ao Linkin Park.

Rafael Bittencourt: "Eu nunca fui tão feliz", making of #23
15/11/2017

Mais um making of das gravações do novo álbum do Angra, o 23º vídeo da série, confira: https://www.youtube.com/watch?v=zehPPXhH1vk. O novo álbum do Angra, sucessor do "Secret Garden" de 2014, deve sair no início de 2018, e está sendo gravado no Fascination Street Studios na Suécia, com o produtor Jens Bogren. A banda conta atualmente com Fabio Lione no vocal, Rafael Bittencourt na guitarra e vocal, Marcelo Barbosa na guitarra, Felipe Andreoli no baixo e Bruno Valverde na bateria.

Iron Maiden anuncia turnê Legacy of the Beast em 2018
15/11/2017

Após a turnê mundial The Book of Souls (2016-17), o IRON MAIDEN vai pegar a estrada novamente em 2018, porém para a tristeza dos fãs brasileiros, os shows serão na Europa. Após a divulgação de um vídeo misterioso na página da banda, eles anunciaram hoje (13 de novembro) a Legacy Of The Beast World Tour, que terá início em Tallinn, na Estônia em 26 de maio de 2018 e terminando no O2 Arena, em Londres, em 10 de agosto, com o Killswich Engage como banda de apoio. Embora não haja nenhuma informação se mais países serão inclusos além dos divulgados abaixo, espera-se que a tour se prolongue para 2019 e que venham ao Brasil. Confira o vídeo divulgado anteriormente: https://www.youtube.com/watch?v=9OYAC9GRH78. O conceito da turnê foi inspirado pelo jogo e comic book de mesmo nome e o cenário contará com uma série de "mundos" diferentes, mas interligados, trazendo no set vários sucessos dos anos oitenta além das músicas do álbum recente.
Rod Smallwood disse sobre a turnê: "Para esta turnê decidimos basear o tema em torno do Legacy Of The Beast, que se adequa perfeitamente aos nossos objetivos, dando-nos o alcance para mostrar criatividade em termos visuais e trazer entretenimento, especialmente com Eddie! Eu não quero falar muito no momento, mas estamos trabalhando em vários tipos de palcos diferentes, todos de acordo com a tradição do Maiden e esperamos dar aos nossos fãs uma experiência fantástica quando eles vierem aos shows".

Ivan Moody do Five Finger Death Punch: "Eu estava mentindo para mim constantemente "
15/11/2017

O vocalista do Five Finger Death Punch, Ivan Moody, diz que "aprendeu muito" sobre si mesmo enquanto ele passava um tempo em um centro de tratamento para dependentes químicos , por causa dos seus problemas com álcool. Moody não subiu ao palco em uma série de shows da turnê européia da banda, devido a suas batalhas com álcool. Ele foi temporariamente substituído pelo vocalista Tommy Vext. Em uma recente entrevista à Metal Hammer, Ivan diz: "Aprendi muito sobre mim. Eu cheguei a um ponto em que eu estava mentindo para mim constantemente, então eu tive que enfrentar isso", ele continuou." Tive que desistir de quem eu pensava que era e começar de novo, e perceber o homem que eu sou." Enquanto isso, o guitarrista do Five Finger Death Punch, Zoltan Bathory, revelou que a banda não conseguiu usar pirotecnia durante suas apresentações ao vivo quando Moody estava bebendo para evitar acidentes.

Max Cavalera: músico, mas acima de tudo, um grande fã de Metal
15/11/2017

Durante conversa com a Loudwire, perguntaram para Max Cavalera por qual motivo ele está sempre apoiando o underground e procurando coisas novas, e o que o empolga a ir atrás destas bandas: "Em primeiro lugar: sou fã de Metal. Sou músico, artista, mas nunca perdi aquela coisa de fã que eu tinha aos 13 ou 14 anos, aquilo continua em mim. Sempre procuro novas bandas. Ano passado o Bölzer (o disco chama-se "Hero") foi o álbum do ano.

Este ano ouvi muita coisa fantástica tipo Leng T’che, Origin, Dying Fetus - sempre há grandes discos por aí. Também gosto de Gatecreeper, Homewrecker, Genocide Pact, Necrot - existe muita coisa legal no Metal. Isto me empolga, buscar coisas novas é algo que nunca acaba. All Pigs Must Die - o novo álbum, 'Hostage Animal', adoro este disco, é matador".

Geezer Butler: "Não tenho pressa em fazer nada"
15/11/2017

Geezer Butler diz que ele está "curtindo a aposentadoria", nove meses após o término da turnê "The End" na cidade natal da banda em Birmingham, na Inglaterra, encerrando a carreira de 49 anos do quarteto. "Não tenho pressa em fazer nada", disse o baixista à Billboard. "Estou viajando muito, passando por lugares onde a banda ficou apenas uma noite e voltando e ficando algum tempo lá. Recentemente mudei de casa este ano e vou construir meu estúdio lá. No próximo ano, vou ver se posso voltar para a música ". Como membro fundador do Black Sabbath, Butler também é responsável por escrever clássicos como "War Pigs", "Iron Man", "Paranoid" e entre outros.

Bruce Dickinson: em crise existencial, quase abandonou tudo nos anos oitenta
15/11/2017

Em papo com a FOX News tendo como assunto a sua autobiografia, "What Does This Button Do?", Bruce Dickinson revelou os motivos que por pouco fizeram com que ele abandonasse tudo, ainda em 1984: "Foi simplesmente um colapso. Estava na estrada fazia 3-4 anos, e além dos roadies e das pessoas que conhecia na loucura do rock'n'roll, a única coisa que mantinha minha sanidade eram os clubes de esgrima, para onde eu escapava com meu kit e passava dias longe de tudo... cheguei a questionar de fato se música, fama, dinheiro e tudo mais valiam a pena. E estive bem perto de decidir que não valia, e simplesmente abandonar tudo", conta.

Foo Fighters: "Espero que haja um gênio irritado para recuperar o rock"
15/11/2017

Os membros do FOO FIGHTERS, o baterista Taylor Hawkins e o guitarrista Pat Smear, falaram sobre o estado atual do rock em uma nova entrevista para o site Fuse.
Taylor Hawkins falou: "Eu acho que há coisas boas lá fora, mas você realmente precisa sair à caça para achar. Quando eu estava na escola, o NIRVANA era a maior banda do mundo e a melhor coisa que tocava na rádio. Obviamente, esse não é o tipo de coisa que está acontecendo agora... Eu sempre gosto de pensar que há um Kurt Cobain em algum lugar no porão da sua casa, odiando os seus pais, odiando o mundo e se preparando para reescrever o rock’n roll com uma guitarra, baixo ou bateria. Porque eu amo o rock’n roll, cara, e gosto da sensação que me proporciona. Eu sei que nós dois somos assim e a nossa banda em geral, porque nós gostamos da sensação humana para fazer música. Eu sinto que há muita falta disso atualmente, sabe? Está acontecendo agora mesmo com o hip hop e o tipo de música pop descartável... Eu sei que os meus filhos não pensam assim, mas eu chamo de música pop descartável. Acontece que está no topo das paradas em qualquer ranking, com exceção de algumas semanas atrás quando o nosso último álbum chegou ao nº 1, ‘Concrete and Gold’ (9º disco, 2017)”.
Pat Smear acrescentou: "Não me lembro onde estava, aqui nos EUA ou em outro lugar, mas as pessoas ficavam nos perguntando: ‘O rock está morto?’ ou ‘Vocês estão mantendo o rock vivo?', mas o nosso álbum foi nº 1, sabe? Cheguei a ver num certo ranking onde os 03 melhores discos de música eram todos álbuns de rock. Eu fiquei, tipo: ‘O que aconteceu para dizerem que o rock está morto?’"
Hawkins finalizou: "Eles estão dizendo isso desde o final da década de 90... Quero dizer, eu lembro de ter feito entrevistas para o nosso 3º álbum de estúdio, ‘There is Nothing Left to Lose’ (1999), sendo que um jornalista da Alemanha havia nos perguntado: ‘Então, por que vocês ainda tocam música rock? É uma forma de arte morta, porque vocês sabem que é a música eletrônica quem manda agora, certo? Vocês não sabem disso ainda, que vocês tocam música morta?’ E nós respondemos: 'Bem, não está morto em nossos shows. Está muito vivo e passando bem’. É como eu disse, espero que haja algum gênio irritado no mundo pronto para recuperar tudo novamente".

Saxon retorna ao Brasil em 2018 para show em São Paulo
14/11/2017

Segundo o jornalista José Norberto Flesch, do jornal Destak, o Saxon retorna ao Brasil em 2018 para um único show, em São Paulo, no dia 3 de maio, ainda sem local definido. A banda traz ao país a turnê de divulgação do novo álbum "Thunderbolt", que tem lançamento agendado para 2 de fevereiro, pela Militia Guard (Silver Lining Music). A nova turnê da banda começa na Europa, em fevereiro. Em março, a banda segue para os EUA onde toca ao lado de Judas Priest e Black Star Riders, antes de vir para a América Latina.

Thiago Caurio: baterista lança single ‘Thawing The Brain’
14/11/2017

O talentoso baterista, multi-instrumentista e produtor THIAGO CAURIO, conhecido por seus trabalhos com o Astafix e o Keep Them Blind, acaba de lançar um novo single, que leva o título de ‘Thawing The Brain’. O trabalho foi gravado em seu estúdio BLACK STORK, onde Thiago registrou todos os instrumentos, além de produzir o áudio.  A mixagem ficou nas mãos de seu parceiro de estúdio, Benhur Lima (ex-Hibria), um dos maiores nomes do baixo brasileiro e também em crescente renome na produção musical.

A belíssima capa tem uma história singular, que o próprio Thiago Caurio conta: “A música foi gravada no inverno, em um dia muito frio, tive que usar bastante o cérebro para compor e gravar esse som, por isso esse nome. Meu sobrinho de 10 anos Davi Rodrigues Nora fez esse desenho que posteriormente foi trabalhado pelo artista Xtudo Obze.” O single pode ser conferido gratuitamente pelo link: https://www.youtube.com/watch?v=m4mwao8zI5s.
Thiago Caurio segue trabalhando com suas bandas Keep Them Blind e Astafix e também em seu estúdio Black Stork. O estúdio, em Caxias do Sul/RS, foi fundado no finalzinho de 2014, por Thiago e Benhur e de lá pra cá tem produzido, gravado e/ou mixado várias bandas da região como BloodWork, Worsis, Mortal Touch, Dyingbreed, Sasha Z., Cristian Rigon, André Viegas, Distraught, Hibria, entre outras. Sites Relacionados: www.facebook.com/thiagocauriodrummer; www.facebook.com/astafix e www.facebook.com/KeepThemBlind. Fonte: Metal Media.

Absolute Master: quatro anos de história, conheça um pouco da empresa
14/11/2017

A empresa especializada em masterização, ABSOLUTE MASTER, um dos nomes mais fortes do segmento na América do Sul, celebra quatro anos de vida e faz uma recapitulação de seus passos. Acostumada a trabalhar com grandes nomes do cenário Pop nacional, há dois anos a ABSOLUTE MASTER decidiu não apenas abrir as portas para a masterização de bandas de Rock/Metal, mas focar no setor e investir pesado no apoio aos seus clientes. E o resultado vem sendo melhor que o esperado, bandas de todas as partes do país, de todos os estilos dentro da música pesada, de renomes a novas promessas, vêm procurando os serviços da empresa.
“Muita gente ainda não entende a importância de uma masterização de alto nível e muitos outros apostam que masterizar lá fora é essencial. Felizmente estamos conseguindo mudar isso e mostrar que podemos oferecer um trabalho de mesmo nível ou superior, já que aqui, além dos mesmos equipamentos, tratamos cada cliente individualmente e não como um número, além, claro, de termos um profissional experiente e capacitado para a masterização, o engenheiro de áudio Neto Grous” - afirma Eraldo Cobra, diretor da empresa.
Nesse tempo foram mais de uma centena de bandas e artistas relacionados ao Rock e ao Metal. Para conhecer todos os clientes que já passaram por lá, basta visitar o site e o Facebook da ABSOLUTE MASTER: www.absolutemaster.com.br e www.facebook.com/masterizacao. A ABSOLUTE MASTER segue investindo nos melhores equipamentos do mundo e no treinamento internacional de seu engenheiro, Neto Grous, e mesmo com todo este investimento pesado em equipamentos de primeiro mundo, a ABSOLUTE MASTER sabe da realidade dos músicos brasileiros, em especial os independentes e sempre trabalha com um preço justo para o alcance de todos que procuram o máximo de qualidade. Ente em contato: administracao@absolutemaster.com.br. Fonte: Metal Media.

Creptum: EP também disponível no Facebook e Bandcamp
14/11/2017

Além do YouTube, o novo EP ‘Reborn in Flames’ do CREPTUM também está disponível para audição em seus canais do Facebook e Bandcamp. Para ouvir a música nova, ‘Reborn In Darkness’ e o cover para o Depeche Mode, ‘Black Celebration’, no Facebook, visite os links: https://www.facebook.com/creptum/videos/2267678540110305/ e https://www.facebook.com/creptum/videos/2273661242845368/.
Quem preferir ter o material em alta qualidade, pode comprar o EP através do Bandcamp, pelo link: https://creptum.bandcamp.com/album/reborn-in-flames. Claro que além destes canais, a versão para o YouTube também está disponível: https://www.youtube.com/watch?list=PLM9iDYg9UwN2ACEYMlden7AVq1sA04M2b&v=IiYvI-iGuO4.  ‘Reborn In Flames’ foi gravado no Wax Studio, produzido pela banda, com capa por Raphael Grizilli (Tanatos) e é sucessor do álbum ‘of lies, curses and blood’, lançado no ano passado pela Mutilation Records e extremamente bem-recebido pela crítica e pelos fãs. Contato: creptum@gmail.com. Sites relacionados: www.creptum.com; www.facebook.com/creptum e www.metalmedia.com.br/creptum. Fonte: Metal Media.

Anfear: em uma série de vídeos. Confira como foi o primeiro show da história da banda
14/11/2017

No ano de 2016, a banda Anfear lançava seu primeiro registro oficial, chegava ao cenário o EP “Plays of Destiny”, um registro marcante do Metal Nacional e apresentando conteúdo abordando temas diversos, mas com a base calcada na história e no folclore brasileiro. Comemorando pouco mais de um ano do lançamento do EP, o grupo Anfear está preparando novidades para 2018 e o vindouro full lenght da carreira. Enquanto isso está sendo trabalhado longe dos holofotes, a banda começa a destacar uma séria de filmagens de shows que ocorreram entre os anos de 2016 e 2017. O primeiro vídeo da série “Anfear On The Road”, enviado pelo grupo, é o show de lançamento oficial de “Plays of Destiny”. Nas filmagens é possível ver imagens da intimidade de toda a banda antes de subir aos palcos, a preparação, o cuidado com os instrumentos, as conversas e claro as resenhas entre os integrantes.
As músicas apresentadas pelo grupo no evento que aconteceu no dia 17 de julho de 2016 na “Fábrica de Cultura Belém” em São Paulo foram, além das canções do EP, as inéditas “May 13th, 1888” e “Iracema”. Assista ao vídeo no link: https://www.youtube.com/watch?v=H1hFTheM80U&feature=youtu.be. Saiba mais sobre Anfear nos links: Facebook: https://www.facebook.com/bandaanfear/ e Roadie Metal Press: https://roadie-metal.com/press/anfear/.

Obituary: Gigantes do Death Metal retornam a SP no sábado
14/11/2017

No próximo sábado, 18/11, o Obituary toca em SP, no Fabrique Club (R. Barra Funda, 1075 - próximo a Clash Club), depois de 2 anos sem se apresentarem por aqui. A banda disponibilizou para venda, 20 entradas de Meet & Greet. Para adquirir, acesse o link abaixo (R$80,00 + ingresso para o show!): https://ticketbrasil.com.br/show/5480-obituary-saopaulo-sp/ingressos/. Quem for ao show, e doar 1 quilo de ração (para cães ou gatos), estará concorrendo a um Meet & Greet - que será sorteado no local. As doações serão entregues para a ONG Arca dos Bichos, de Mairiporã/SP, que está necessitando muito de doações (para cada quilo doado, será entregue um número, que será sorteado antes do show dos americanos).
Embora essa iniciativa seja da produção local, muitos não sabem que o baterista do Obituary, Donald Tardy é engajado em causas animais (quase sempre com resgates de gatos!). Recentemente ele esteve envolvido num episódio que estampou diversos sites, quando o furacão Irma causou muitos estragos na Florida. Donald abandonou o abrigo e se meteu no meio do furacão, em meio salvamento de um gato, passando por granes apuros.  No domingo passado (12/11), o programa “Pegadas de Andreas Kisser” da 89FM, entrevistou o baterista Donald Tardy, que falou sobre a expectativa para os shows, e sobre seu trabalho com o resgate de gatos na Flórida. Ouça, aqui: https://soundcloud.com/user-912278236/pegadas-12-11-17-drowned-donald-tardy-obituary-e-project-46. A banda é considerada como um dos maiores nomes do Death Metal, e retornam ao Brasil, para divulgar seu novo álbum, o auto intitulado, “Obituary”, seu décimo álbum de estúdio. Para mais informações sobre o show, siga a página do evento no Facebook: https://www.facebook.com/events/1512708178788109/.
Formado em 1988, na Flórida, o Obituary é responsável por pérolas como “Slowly We Rot” (88), “Cause Of Death” (90) e “The End Complete” (92). “Obituary” lançado no início de 2017 traz as características dos primeiros trabalhos, e já é considerado um dos melhores de sua discografia. A formação do Obituary traz os irmãos John Tardy (vocal) e Donald Tardy (bateria), Trevor Peres (guitarra), Terry Butler (baixo, ex-Death, ex-Six Feet Under, ex-Massacre) e Kenny Andrews (guitarra). Assista o vídeo de “Tem Thousand Ways To Die”, divertida animação que foi lançada neste ano: https://www.youtube.com/watch?v=tEznVpX4MBE. Páginas relacionadas: www.facebook.com/ObituaryBand; www.facebook.com/tc7producoes; www.facebook.com/livecolive e www.facebook.com/lanciare.

Seven Days War  lança sua marca de café!
14/11/2017

A banda gaúcha SEVEN DAYS WAR resolveu fazer algo inusitado e lança sua marca na bebida favorita de dez entre dez músicos durante as longas madrugadas de composição e gravação: o café! “Já tínhamos essa ideia de fazer um café da banda, afinal ele é um aliado nas batalhas diárias, porém não havíamos achado o modelo certo ainda. Depois de falar com o pessoal da Maraná, este blend foi a decisão mais acertada.” Comenta Josué Monteiro Antunes, baixista da banda.

O Café 7DWAR conta com notas complexas, retro gosto persistente e um corpo imponente desenvolvido pela Maraná Cafés Especiais (www.facebook.com/maranacafesespeciais). O café terá venda pelo site da banda e está disponível para venda nos shows. Lembrando que o grupo é uma das atrações da terceira edição do festival Projeto Unificação Underground Além do SEVEN DAYS WAR, se apresentam as bandas WEAKLESS MACHINE, CERVICAL e PANIC. O evento acontece no dia 1º de dezembro no tradicional Embaixada do Rock, em São Leopoldo, Rio Grande do Sul. Mais informações pelo link: https://goo.gl/6d5A7p.
O SEVEN DAYS WAR segue trabalhando em seu novo material, que será lançado pela Roman Roads Records. Recentemente a banda lançou um lyric video retirado de seu primeiro EP, ‘A New Beginning’, para a música ‘Blood on Canvas’, assista: https://www.facebook.com/RomanRoadsArtistsEnabler/videos/1693768020648048/. Contato: contato.7dwar@gmail.com.br. Sites Relacionados: www.facebook.com/7dwar e www.metalmedia.com.br/sevendayswar. Fonte: Metal Media.

Zakk Sabbath inicia hoje série de cinco shows pelo Brasil
14/11/2017

O ZAKK SABBATH, impressionante tributo de luxo que conta com Zakk Wylde (Black Label Society, Ozzy Osbourne), Blasko (Ozzy Osbourne, Rob Zombie) e Joey Castillo (Eagles Of Death Metal, Queens Of The Stone Age, ex-Danzig, Bl’ast!, Scott Weiland and the Wildabouts), já começou a sua primeira longa turnê pela América Latina. Após históricas e devastadoras apresentações nas capitais do Chile e Argentina, um dos dream teams mais respeitados do rock pesado mundial toca hoje (14/11), no Hermes Bar, em Curitiba. O grupo também vai encantar o público de Porto Alegre (15/11 - Opinião), Rio de Janeiro (17/11 - Circo Voador), São Paulo (18/11 - Carioca Club) e Belo Horizonte (19/11 - Music Hall BH) com a execução de clássicos de uma das maiores bandas da história do heavy metal de todos os tempos. Ainda há ingressos à venda em todas as capitais. Logo após a performance em Buenos Aires, o power trio fez questão em postar alguns videos na página oficial do Facebook justamente para exemplificar toda a brutalidade que deve devastar literalmente cinco países da América Latina. Confira os videos nos links abaixo:
https://www.facebook.com/officialzakksabbath/videos/2052166925028217
https://www.facebook.com/officialzakksabbath/videos/2052179598360283
https://www.facebook.com/officialzakksabbath/videos/2052628108315432
O repertório base geralmente contam com os seguintes clássicos e algumas surpresas: Snowblind; Children of the Grave; War Pigs; Fairies Wear Boots; Into the Void; Supernaut; N.I.B.; Lord of This World; Wicked World; Behind the Wall of Sleep; A National Acrobat; Hand of Doom; Sabbra Cadabra; Under the Sun e Every Day Comes and Goes.
Em São Paulo, as entradas estão disponíveis na Galeria do Rock (Loja 255), no site Clube do Ingresso (http://www.clubedoingresso.com) e pontos autorizados pela empresa na capital paulista, Osasco, São Caetano do Sul, Santo André, Curitiba e Rio de Janeiro (www.clubedoingresso.com/ondecomprar). Já na Cidade Maravilhosa, os tickets podem ser adquiridos na bilheteria do Circo Voador e pelo site Ingresso Rápido (https://www.ingressorapido.com.br) e pontos autorizados. A turnê do Zakk Sabbath pela América Latina consiste nas seguintes datas: 11/11 - Hipódromo Chile - Santiago, Chile; 12/11 - Groove - Buenos Aires, Argentina; 14/11 - Hermes Bar - Curitiba, Brasil; 15/11 - Opinião - Porto Alegre, Brasil; 17/11 - Circo Voador - Rio de Janeiro, Brasil; 18/11 - Carioca Club - São Paulo, Brasil; 19/11 - Music Hall - Belo Horizonte, Brasil; 21/11 - Royal Center - Bogotá, Colômbia; 23/11 - Teatro Ramiro Jimenez - Coyoacán, México; 24/11 - Cafe Iguana - Monterrey, México e 25/11 - C3 Stage - Guadalajara, México.
Zakk comentou como surgiu o nome desta homenagem. “Obviamente que para qualquer músico de heavy metal, você precisa aprender a tocar clássicos do Sabbath. Estávamos fazendo um desses divertidos Metal All-Stars e eu perguntei: ‘Blasko, quais músicas você quer tocar?’. Ele respondeu: 'Vamos apenas fazer o Zakk Sabbath!'. Portanto, só queremos continuar a rezar falar o evangelho”. O artista também falou sobre a sua decisão em realizar este tributo. “A música que você ouve em sua juventude, você carrega para o resto da vida. Então, não há diferença em tocar essas músicas no palco agora ou para nossos amigos quando tínhamos 15 anos de idade... Black Sabbath só mostra como a música é atemporal e estamos aqui para perpetuar ainda mais esta obra”. Zakk Wylde, nome artístico de Jeffrey Phillip Wiedlandt, é um dos guitarristas mais importantes das últimas décadas. O músico se tornou ícone do heavy metal ao figurar o line-up do projeto solo de Ozzy Osbourne entre 1987 e 1995, no ano de 1998, entre 2001 e 2004, entre 2006 e 2009, retornando ao seu posto nas últimas semanas. Foram sete discos de estúdio e três álbuns ao vivo, dividindo seu tempo com o Black Label Society, em que já lançou elogiados 12 registros. Recentemente, o Zakk Sabbath lançou LP ao vivo “Live In Detroit”. A banda já disponibilizou um clipe para “War Pigs”. O novo trabalho, que terá também “Supernaut” e “Fairies Wear Boots”. Links relacionados: https://www.facebook.com/officialzakksabbath; https://www.facebook.com/liberationmcofficial; https://www.facebook.com/circovoadorlapa e https://www.facebook.com/UltimateMusicPR.  Fonte: Costábile Salzano Jr - THE ULTIMATE MUSIC - PR - https://www.facebook.com/UltimateMusicPR; http://twitter.com/ultimatemusicpr e https://www.facebook.com/costabile.salzano.

The Dawn After The Storm terá versão remasterizada com faixa bônus e faz show no Rio de Janeiro/RJ
14/11/2017

Exigentes em estúdio, perfeccionistas ao vivo, a Tempus Fugit constituiu uma sólida formação, sincronizada o bastante para novas experiências em palco tão espetaculares como a do ProgFest 2000, em Los Angeles, como a única representante da América do Sul, e no Buenos Aires Prog '99, como a banda principal do evento assim como em outros grandes palcos no país, como na I Mostra Internacional de Rock Progressivo, no CCBB, do Rio de Janeiro, em janeiro de 2014, atuando na programação junto a Carl Palmer, Premiatta Forneria Marconi (PFM), dentre outras grandes bandas nacionais. Outra novidade da Tempus Fugit é o lançamento da edição remasterizada do segundo álbum, o consagrado The Dawn After The Storm, considerado um item brilhante do rock progressivo nacional devido aos solos memoráveis, variações rítmicas bem estruturadas e amarradas, além das harmonias refinadas. Já neste material será possível sentir mais uma das tantas revoluções da banda, que é a contribuição de sonoridades mais contemporâneas do baixista Marquinhos, na formação desde o final de 2012. “E suas ideias e composições vão também acrescentar muito a sonoridade da banda no próximo trabalho”, completa André Mello, tecladista e um dos criadores da banda.
Apesar das dificuldades em fazer rock progressivo no Brasil, Mello, Moura e toda a banda continuam esforçados para produzir música que é, acima de tudo, uma paixão. “A Tempus Fugit sempre preservou seu som. O que importa para nós e mantermos a chama acesa, o respeito aos nossos admiradores e fãs e é principalmente o som que amamos fazer e que nos lança sempre novos desafios de que podemos ir cada vez mais longe com nossas habilidades”, exalta o baterista. E o vocalista/tecladista acrescenta: “É legal fazer parte de universo progressivo, ser um pequeno pedaço dessa bela história musical”.
“Levar o nosso som à Zona Oeste, especificamente na Lona Cultural Elza Osborne é sempre gratificante, pois o público, desde 1997, nossa primeira apresentação, sempre nos acolheu bem”, diz o tecladista André Mello, um dos fundadores da Tempus Fugit. A Tempus Fugit se apresenta no dia 17 de novembro, às 21 horas, na Lona Cultural Elza Osborne, em Campo Grande. Retornando a este palco em que estiveram presentes pela primeira vez em 1997, espaço este já teve o rock progressivo em seu cenário de programação de forma frequente e que agora vem retomando esta identidade musical do espaço e acolher o rock progressivo neste universo musical vivo da cidade carioca. Assim, encerrando a turnê de pré-lançamento do trabalho Dawn After The Storm”, que foi todo remasterizado e ainda apresenta faixas bônus ao final, já introduzindo o futuro trabalho ao público presente à Lona Cultural. Fonte: Fábio Cezanne - Assessoria de Imprensa em Cultura e Arte - www.cezannecomunicacao.com.br e cezannedivulgacao@yahoo.com.br.

Bull Control: a intolerância política fez mais uma vítima
14/11/2017

Todos sabemos que a partir do momento que ouvimos música, compramos a camisa de uma banda ou procuramos conhecer os gêneros mais a fundo, que cada um tem a sua ideologia, você conhece a do Hardcore? Muitas bandas do Hardcore registram sua posição política, as vezes até assiduamente, não é o caso do Bull Control. O Bull Control é uma banda formada por veteranos do Hardcore, sabendo das filosofias de cada um que segue a banda, o grupo prefere se abster de discussões políticas até em suas redes pessoais. Recentemente a banda foi contratada para tocar em um festival na cidade de Limoeiro do Norte/CE, a organização criou alguns folders com protestos como em apoio ao LGBT e também um "morte ao mito", lembrando que a confecção dos cartazes de divulgação é de responsabilidade da organização. Mesmo com o festival estando com todos os alvarás para o evento ocorrer, e tinha acatado as recomendações do ministério público, não teve conversa, o evento teve que ser encerrado com um dia antes.
Em um vídeo ao vivo em sua página oficial, o membro Giovanni Feitosa, guitarrista da banda, deixou claro que: "Não aconteceu por "ser frouxo" / alguns partidários foram atrás para cancelar o evento e o prefeito que "queria manter o voto dessas pessoas talvez", acatou a solicitação da minoria" e ainda para finalizar o mesmo disse: "Se você não apoia a temática, o flyer ou o evento, fique em casa e não prejudique quem está na luta...". Como a vida segue e a banda mantém sua cabeça erguida e consciência tranquila, se preparam para a próxima apresentação no 4º Quintal Abrigo no Abrigo Nuclear Estúdio. Links relacionados: Groove Music: http://migre.me/wzEF6; Deezer: http://migre.me/wzEFy; Play Store: http://migre.me/wzEHj; ONErpm: http://migre.me/wzEJc; Bandcamp: http://migre.me/wzEO9; SoundCloud: http://migre.me/wzEMW; Spotify: http://migre.me/wzEP8 e Napster: http://migre.me/wzEQw. Redes sociais: Facebook: http://facebook.com/bullcontrolhcce; Instagram: http://instagram.com/bullcontrolhccebr e YouTube: https://youtube.com/channel/UCAeh4mHuEd0rg74u8qTqMtw.
Bull Control agradece os apoios: Gambiarra Homestudio, Estúdio Esconderijo, Pea Muita Produções, Associação Cearense de Rock, Movimento Underground Fortaleza e a todos os amigos que os acompanham nessa jornada. Fonte: MK Assessoria.

Obscurity Vision é destaque na nova coletânea do site O Subsolo
14/11/2017

A banda catarinense de Death/Black Metal OBSCURITY VISION é um dos destaques na terceira edição da “Coletânea O Subsolo - Heavy Metal”. Organizada pelo site O Subsolo, a compilação têm como foco a distribuição física unindo, em 20 faixas, grandes nomes e também revelações do Metal nacional. Dentre os participantes, figuram neste compilado nomes como Threzor, The Undead Manz, Cavera e muitos outros. O OBSCURITY VISION está presente com a música “Last Chance to Life”, que foi regravada com a nova formação especialmente para este trabalho. Saiba mais pelo link: http://www.osubsolo.com/2017/10/coletanea-o-subsolo-absorvendo-todas-as.html. Em outras notícias, o OBSCURITY VISION já inicia os preparativos para o lançamento oficial do debut álbum. Gravado e produzido no estúdio “A Todo Volume” em Forquilhinha/SC, “Dark Victory Day” está previsto para novembro/dezembro de 2017 e será lançado pelos selos Corvo Records (versão física) e Sangue Frio Records (versão digital). Confira agora a música “Violência”, faixa destaque deste full length: https://www.facebook.com/obscurityvision.br/videos/2031159123766253/.
Contato para assessoria de imprensa: www.sanguefrioproducoes.com/contato. Sites relacionados: https://www.facebook.com/obscurityvision.br; http://www.obscurityvision.com/ e http://www.sanguefrioproducoes.com/bandas/ObscurityVision/40. Fonte: Sangue Frio Produções.

Warshipper: Divulgando o single "Glowworm Dragon"
14/11/2017

O WARSHIPPER está lançando o single "Glowworm Dragon", que fará parte do álbum "Black Sun", previsto para janeiro de 2018. No início de 2017 o WARSHIPPER fechou uma importante parceria com a Lab6 Records, Brutaller Records e Estúdio Casanegra, para viabilizar a produção, gravação, prensagem e distribuição de "Black Sun". Ouça: https://www.youtube.com/watch?v=RQa8X-E7bq0. Desde então, Renan Roveran (guitarra/vocal), Rafael Oliveira (guitarra) Rodolfo Nekathor (baixo/vocal) e Roger Costa (bateria) tem disponibilizado vídeos das gravações, mostrando um pouco do processo de produção do disco, que já teve sua capa divulgada, desenvolvida por Alcides Burn (Burn Artworks - www.burnartworks.com), inspirada pela pré-concepção da banda e promove o conceito relativo a abordagem abstrata do "conto astrológico" sobre "Nemesis".

A capa de "Glowworm Dragon" foi criada pelo artista Manoel Hellsen, da MH Design Art (www.facebook.com/designartmh). O WARSHIPPER também promete um novo vídeo clipe para breve, e no dia 04/12 participarão do SoroHell Fest, na cidade de Sorocaba/SP, ao lado das bandas Voodoopriest, Hatefull Carnage, Speed Metal Hell e Valveline. O evento será realizado no Oficina Rock Bar a partir das 19h. Mais infos em: https://www.facebook.com/events/137509233551588/. Contatos: Facebook: www.facebook.com/warshipper; Twitter: www.twitter.com/warshipper; Soundcloud: www.soundcloud.com/warshipper-deathmetal e Youtube: www.youtube.com/warshipperband.

Axecuter se apresenta em São José dos Pinhais/PR neste fim de semana, confira!
14/11/2017

Em reta final com a “Corotour 2017 - Headbangers Afterweekend”, a banda paranaense AXECUTER segue para mais um show neste mês de novembro. Depois de dividir palco com a lenda do metal canadense, The Exalted Piledriver, o grupo vai até São José dos Pinhais/PR, neste fim de semana - 17/11, para se apresentar na “Sexta Autoral Sesi”. Ainda se apresentarão no evento as bandas Hell Gun e Dragonheart. Link do evento no Facebook para mais informações: https://www.facebook.com/events/1405902579503112/. Em paralelo, o AXECUTER segue divulgando o atual trabalho, “Headbangers Afterlife”, e com isso, afirma que no dia do evento estará disponibilizando o mesmo para venda nas versões de LP no valor de R$ 75,00 e em CD no valor de R$ 15,00. Interessados de outras regiões, podem adquirir pelo e-mail axecutermetal@gmail.com com frete a calcular. “Headbangers Afterlife” também foi disponibilizado para streaming. Confira alguns links: Spotify: https://open.spotify.com/album/2C4zpelmzkVTAB63bQlFgZ e Deezer: http://www.deezer.com/br/album/15500688. Contato para assessoria de imprensa: www.sanguefrioproducoes.com/contato. Sites relacionados: https://www.facebook.com/axecuter/ e http://www.sanguefrioproducoes.com/bandas/Axecuter/24. Fonte: Sangue Frio Produções.

Torturizer é destaque no quadro “Upcoming” do blog Metal Samsara
14/11/2017

Um dos portais mais influentes do Metal na atualidade, o Metal Samsara, destacou o TORTURIZER em seu mais novo quadro, intitulado “Upcoming”. Em um breve bate papo, conduzido pelo editor Marcos Garcia, a banda falou um pouco sobre seu início, atuais trabalhos, dificuldades encontradas no cenário, visão da banda sobre o momento do underground brasileiro, projetos futuros e muito mais. Leia a entrevista completa aqui: https://metalsamsara2.blogspot.com.br/2017/11/torturizer-thrashdeath-metal-sao-luisma.html. O TORTURIZER também falou sobre o atual lyric vídeo do single “Slaughterhouse” que fora disponibilizado em sua conta oficial no YouTube, assista: https://www.youtube.com/watch?v=tM8lZ6hh4YI.
Ouça “Slaughterhouse” nas plataformas digitais:
Spotify: https://open.spotify.com/album/658N9TNsuspZAolxW3eY8E
Deezer: http://www.deezer.com/br/album/47783932
iTunes/Apple Music: https://itunes.apple.com/br/album/slaughterhouse-single/id1280741417
Claro Música: https://www.claromusica.com/album/3525391
Tidal/Wimp: https://listen.tidal.com/album/78803959
Todas as resenhas, entrevistas e matérias especiais relacionadas ao TORTURIZER você pode conferir no CLIPPING da banda disponibilizado pela Sangue Frio Produções: http://www.sanguefrioproducoes.com/upload/clipping/Torturizer.pdf. Contato para assessoria de imprensa: www.sanguefrioproducoes.com/contato. Sites relacionados: https://www.facebook.com/Torturizer/ e http://www.sanguefrioproducoes.com/bandas/Torturizer/39. Fonte: Sangue Frio Produções.

Ghost: Tobias Forge e antigos membros discutem acordo na Justiça
14/11/2017

Os advogados do vocalista do Ghost, Tobias Forge, e dos quatro ex-integrantes da banda discutem, nesta segunda-feira (13), um acordo diante da Justiça em Linköping, Suécia. A informação foi divulgada pelo site Norrköpings Tidningar (tradução para o inglês via Blabbermouth). Esse pode ser o primeiro encontro entre Tobias Forge e os ex-integrantes do Ghost (Simon Söderberg, Mauro Rubino, Henrik Palm e Martin Hjertstedt) desde que eles deixaram a banda, em 2016. O quarteto de músicos acusou judicialmente o cantor de tomar posse do controle do grupo, incluindo direitos e finanças que deveriam ser compartilhadas. Segundo a publicação, não é certo o encontro entre o quinteto porque não se sabe, exatamente, se Tobias Forge e os ex-integrantes do Ghost participarão da audiência ou se eles serão apenas representantes por seus advogados. A negociação de segunda é chamada de sustentação oral e tem dois propósitos: esclarecer incertezas para uma negociação principal e investigar condições para um acordo.

Nickelback: clipe lançado para uma de suas músicas mais pesadas
14/11/2017

O Nickelback divulgou um novo videoclipe para a música "The Betrayal Act III". A canção, considerada uma das mais pesadas do grupo até então, faz parte do álbum mais recente de Chad Kroeger e companhia, "Feed The Machine", lançado neste ano. Confira: https://www.youtube.com/watch?v=zZ9FciUx6gs.

Affront: banda carioca é destaque na seção “Cenário”, da revista Roadie Crew
14/11/2017

A banda Affront vem cada vez mais consolidando o seu nome junto às grandes representantes do Metal extremo nacional. Tendo a frente o vocalista/baixista M. Mictian, do Unearthly, e tendo lançado o conceituado álbum “Angry Voices” ( leia resenha ), o trio carioca fechado com o guitarrista Rafael Rassan (Imago Mortis, Unearthly) e com o baterista Thiago Caneda (Forkill) figura como destaque na seção “Cenário”, da revista Roadie Crew, onde o grupo concedeu uma entrevista.

Segundo as palavras do redator Heverton Souza, da Roadie Crew: “AFFRONT: A VOZ RAIVOSA - O trio carioca Affront rapidamente despontou na cena com o debut Angry Voices, lançado apenas poucos meses após a formação da banda, ocorrida em abril de 2016. O thrash/death metal ouvido no álbum mostra uma experi­ência enorme em composição, execução e produção.
Porém, isso não é à toa. À frente do Affront está ninguém menos que M. Mictian, baixista e fundador do Unearthly, um dos mais tradicionais nomes do metal extremo brasileiro e que se encontra inativo até segunda ordem, apesar de vir numa cres­cente nos últimos anos. Mictian mostrou que sabe ir além do black metal não apenas com ótimas composições e tocando seu baixo, mas agora também como vocalista e frontman. A formação atual ainda conta com o exímio guitarrista R. Rassan e o baterista Thiago Caneda, substituto de Jedy Najay.”
“Angry Voices”, o debut do Affront, foi lançado em 2016, e ainda traz os registros do primeiro baterista da banda, Jedy Najay, que foi substituído por Rafael Rassan este ano. O álbum conta com a participação de Marcello Pompeu (Korzus) na faixa “Under Siege” e teve sua arte de capa elaborada pelo brasileiro Marcelo Vasco, conhecido por elaborar capas para bandas como Slayer, Kreator, Dimmu Borgir, Testament e Venom Inc., dentre várias outras bandas conhecidas do Metal mundial. ACOMPANHE O AFFRONT: Facebook: https://www.facebook.com/profile.php?id=100011567313090; Roadie Metal Press: https://roadie-metal.com/press/affront/ e https://www.youtube.com/watch?v=TbhhWkrS2fw.

Alice Cooper: membros originais se reúnem em show; veja vídeo
14/11/2017

Três membros da Alice Cooper Band original juntaram-se ao rei do shock rock em uma apresentação realizada, no último sábado (11), em Leeds, Inglaterra. O baixista Dennis Dunaway, o guitarrista Michael Bruce e o baterista Neal Smith tocaram algumas músicas com Alice Cooper. As canções tocadas foram "I'm Eighteen', "No More Mr. Nice Guy", "Muscle Of Love", "Billion Dollar Babies" e "School's Out". Entre os membros originais, a única ausência foi a de Glen Buxton, falecido em 1997. Os músicos da Alice Cooper Band têm se reunido com certa frequência nos últimos tempos. Além de participarem de alguns shows, eles também gravaram duas músicas no álbum mais recente de Alice, "Paranormal" - "Genuine American Girl" e "You And All Of Your Friends". Um fã registrou, em vídeo, a parte da performance que rola a reunião. Veja: https://www.youtube.com/watch?v=fzqpXP1-Frg.

Lars Ulrich: com qual banda ele adoraria que o Metallica saísse em turnê?
14/11/2017

Durante participação no quadro "Music Ruined My Life" do programa "Rock Show With Daniel P. Carter" da BBC Radio 1, Lars Ulrich revelou qual banda ele gostaria que voltasse a ativa para sair em turnê com o Metallica: "Rage Against The Machine, para mim é... Eles não são apenas uma das minhas bandas favoritas de todos os tempo, eles não apenas fizeram... Provavelmente seus três primeiros discos são, eu acho, o essencial de um catálogo. Digo, isso é o máximo que se pode querer para os três primeiros discos", disse Ulrich. "E o Rage Against The Machine, eles são tão atemporais, e a maior parte disso é ainda mais revelante hoje do que há 20 anos."
"Quando você faz um turnê, você quer estar perto de bandas que te inspiram, você quer se animar e se inspirar e estar pronto para sair por aí", explicou. "Então fazer turnê com alguém que te inspira é algo bom. E o Rage Against The Machine me inspira, então tocar shows com eles seria muito legal. Nós tocamos alguns shows com eles no Lollapalooza em 1996, por aí; eles fizeram cerca de metade do Lollapalooza com a gente. Então já tocamos shows com eles. Vamos colocar desta forma: se eles voltarem, um das primeiras pessoas de quem eles ouvirão será eu falando, 'Ei, eu sou o baterista no bla bla bla. Talvez a gente possa fazer alguns shows juntos?'. Então veremos."

Saxon: Biff Byford faz unboxing de "Decade Of The Eagle"
14/11/2017

No vídeo a seguir, Biff Byford faz um unboxing de "Decade Of The Eagle", que sai no dia 17 de novembro: https://www.youtube.com/watch?v=eY4ygYIDI04. "Decade Of The Eagle" é uma compilação luxuosa trazendo 34 músicas dos dez primeiros anos do Saxon, que estará disponível em LP quádruplo (vinil de 180g) e em CD duplo, trazendo uma luva gatefold com uma moeda em relevo metálico especial na capa. Essas edições também incluem anotações do frontman Biff documentando a década inicial da banda e são acompanhadas por fotos clássicas e raras da época.
Veja o tracklist: 01. Stallions Of The Highway; 02. Big Teaser; 03. Backs To The Wall; 04. Militia Guard; 05. Wheels Of Steel; 06. 747 (Strangers In The Night); 07. Suzie Hold On; 08. Motorcycle Man (live); 09. Strong Arm Of The Law; 10. Heavy Metal Thunder; 11. 20,000ft (live); 12. Dallas 1PM; 13. And The Bands Played On; 14. Never Surrender; 15. Denim And Leather; 16. Fire In the Sky (live); 17. Princess Of The Night; 18. Power & The Glory; 19. This Town Rocks; 20. The Eagle Has Landed; 21. Midas Touch; 22. Sailing To America; 23. Crusader; 24. Devil Rides Out; 25. Back On The Streets; 26. Rockin' Again; 27. Rock N' Roll Gypsy; 28. Broken Heroes; 29. Waiting For The Night; 30. Rock The Nations; 31. Northern Lady; 32. Battle Cry; 33. Ride Like The Wind e 34. Red Alert.

Prophets of Rage: banda lança vídeo de "Hands Up"
14/11/2017

"Hands Up" está no auto-intitulado álbum de estreia da banda, lançado no dia 15 de setembro, confira: https://www.youtube.com/watch?v=9nWmvf1soTY. Prophets of Rage é um supergrupo norte-americano de rap rock. Formada em 2016, a banda é composta pelos três membros do Rage Against the Machine e Audioslave (o baixista Tim Commerford, o guitarrista Tom Morello e o baterista Brad Wilk), dois membros do Public Enemy (DJ Lord e o rapper Chuck D), e o rapper B-Real do Cypress Hill. Morello declarou à Rolling Stone: "Somos uma força de elite de músicos revolucionários determinados a confrontar essa montanha de mentiras de ano de eleição, e confrontaremos isso com rajadas de Marshall." O nome da banda deriva do título de canção do Public Enemy Prophets of Rage, do álbum de 1988, It Takes a Nation of Millions to Hold Us Back. Para coincidir com o concerto de protesto da banda na Convenção Nacional Republicana, onde foi lançado seu primeiro single, intitulado "Prophets of Rage".

American Head Charge: baixista Chad Hanks morre aos 46 anos
14/11/2017

Chad Hanks, baixista do American Head Charge, diagnosticado com um câncer terminal algumas semanas atrás, faleceu ontem (12/11), aos 46 anos. Para homenagear o músico, a banda marcou para 26 de Novembro, um show em sua memória, na First Avenue, em Minneapolis. O baixista era um dos fundadores da banda, com a qual gravou quatro álbuns, incluindo o último Tango Umbrella, lançado em 2016, após a banda ter ficado longos 11 anos sem gravar.

Ozzy confirma que turnê será a última, mas não vai parar completamente
14/11/2017

Recentemente Ozzy Osbourne anunciou uma turnê de despedida que começará agora em 2018 e irá até 2020, sendo que um dos primeiros países a receber a turnê será o Brasil. E ao ser perguntado pela US Weekly se ele vai se retirar completamente, Ozzy respondeu: "Não enquanto não me colocarem num caixão. Eu anunciei minha última turnê mundial, mas não acredito que vou parar completamente. Farei alguns shows aqui e ali, apenas não sairei mais em turnê.

RedeTV!: programa Sonoridades entrevista a banda Angra nesta quinta-feira
14/11/2017

Nesta quinta-feira, 16 de novembro, o programa Sonoridades, exibido ao vivo na fanpage da RedeTV! no Facebook, terá mais um convidado de peso - a banda Angra. Rafael Bittencourt, Felipe Andreoli e Bruno Valverde vão falar sobre o Angra Fest, festival organizado pelo grupo e que terá a presença das bandas de ex-integrantes, como a Noturnall, além do grupo Massacration e outras surpresas. Os apresentadores Maurício “Java” e Gabriela Di França também vão abordar as gravações do vindouro trabalho “Omni”, o segundo com Fabio Lione nos vocais e primeiro com Marcelo Barbosa como guitarrista do Angra, entre outros assuntos que envolvem o grupo. Com muita informação, bom humor e interatividade, Sonoridades estreou com o pé direito na última quinta-feira, na fanpage da RedeTV. Elogios e críticas positivas vieram de toda a parte - fãs, músicos e jornalistas. Sonoridades é exibido ao vivo, todas as quintas-feiras, a partir das 13 horas. Imperdível! Assista na fanpage da RedeTV! - https://www.facebook.com/REDETV/.

Lars Ulrich: Há muita música boa por aí que não tem penetração
14/11/2017

Saiu no Metallica Remains: o baterista do Metallica, Lars Ulrich, partipou do quadro "Music Ruined My Life" do programa "Rock Show With Daniel P. Carter" da BBC Radio 1. No segmento, Ulrich fala sobre as músicas que o inspiraram e mudaram sua vida. Questionado se apresentar seu próprio programa de rádio, "It's Eletric!", mudou sua perspectiva de músicas novas que estão saindo, Ulrich respondeu: "Eu posso te dizer o que isso já fez - isso rejuvenesceu minha conexão com a música e meio que me reinspirou." "Eu tenho sido bem aberto sobre isso: eu tenho um relacionamento de altos e baixos com a música há anos, pois há momentos em que eu fico muito inspirado por outras músicas, e então há momentos em que estou tão deprimido com o fato de que não há nada legal acontecendo", continuou.
"Na verdade, há muita música boa por aí. Essa é a notícia boa. A notícia ruim é que é tão difícil para a música boa se destacar das outras músicas que não são tão boas, por conta do óbvio desaparecimento da indústria da música. Eu me sento lá e encontro alguma banda, e eu amo essa música e eu a tocarei no programa, e ocasionalmente, eu vou até o YouTube ou algo assim e essa música em particular tem 1200 visualizações, e você apenas fica lá e pensa, 'isso deveria ter 1,2 milhão de visualizações, não 1200'. Digo, 1200 visualizações - essa é a família estendida dos membros da banda, entende? Então há muita música boa que, infelizmente, não tem penetração. Então isso é meio que o bom e o ruim de onde toda essa jornada nos levou. Mas há muita música boa. Muitas das coisas que eu toco... Muitas das ótimas bandas da Inglaterra, muitas das ótimas músicas que aparecem de todos os cantos do mundo. Então definitivamente há muitas coisas legais e inspiradoras por aí."

Mike Portnoy falou que  perdeu a vontade de tocar com o Dream Theater
14/11/2017

A rádio australiana Triple M perguntou a Mike Portnoy se ele um dia pode voltar a tocar com o Dream Theater, talvez algo tipo um show único tal qual aconteceu em 2004 quando eles convidaram o vocalista original Charlie Dominici e o tecladista Derek Sherinian a subir ao palco em Los Angeles: "Não tenho esperança, desejo ou interesse a esta altura, e acho que eles também não. Quando fizemos o show de 15 anos (do álbum de estreia, "When Dream And Day Unite") eu que chamei Derek e Charlie. Cheguei a falar com o (tecladista) Kevin Moore, então eu sempre fui o cara que ligava para este tipo de coisa. Pessoalmente acho que ninguém hoje faria um convite disto. Faz parte da personalidade dos caras e da minha, esta é a diferença." Em outro ponto da conversa, Portnoy disse que está de boa com os ex-companheiros de banda, o guitarrista John Petrucci e o tecladista Jordan Rudess: "Mantemos contato, trocamos mensagens legais e já me encontrei pessoalmente com ambos. Então sim, eu mantenho contato próximo com estes dois caras".

Blaze Bayley: disco novo e turnê mundial para 2018
14/11/2017

O vocalista BLAZE BAYLEY (ex-IRON MAIDEN, WOLSBANE), que irá lançar o terceiro álbum da trilogia "Infinite Entanglement" dia 02 de março de 2018, divulgou o pré-lançamento do seu novo disco e uma turnê com algumas datas já agendadas para Europa, EUA, Canadá e América Latina. Há três opções de pacotes de pré-lançamento do novo disco: Regular, Membership e Ultimate Membership, sendo que este foi esgotado nas primeiras horas enquanto os demais continuam a venda no site BlazeBayley.net. Os pacotes oferecem aos fãs diversos itens de merchandising e alguns itens on line, assim como um DVD bônus exclusivo.

O novo álbum, chamado "The Redemption Of William Black", é a terceira parte da trilogia, finalizando o conceito de ficção científica criado por BLAZE. Esse será o décimo álbum da carreira solo de BLAZE BAYLEY depois da ascensão a fama global como vocalista do IRON MAIDEN (1994-1999). Ele foi escolhido para o MAIDEN depois de ter aparecido com sua primeira banda, WOLFSBANE, radicada em torno da cidade de Birmingham, Inglaterra, que é agora a base para gravação de todos seus discos solo.
Os últimos três ou quatro anos tem sido um período excitante na carreira de BLAZE, com um sentido real, vendas crescentes e atenção pela mídia, sem falar na recente capa para a revista Powerplay (edição novembro de 2017), junto com a cobertura de três páginas dos shows pela América do Norte. BLAZE também obteve reconhecimento quando foi eleito por fãs como o 67º melhor vocalista de todos os tempos pela Sweden Rock Magazine, enquanto uma performance como convidado com o DISTURBED na premiação inglesa do Download Festival foi outro ponto alto. "The Redemption Of William Black" foi escrito junto com Chris Appleton, da banda de metal inglesa ABSOLVA. Chris, que também produziu o álbum, é guitarrista e backing vocal na gravação e turnê, junto com seus colegas de ABSOLVA Martin McNee (bateria) e Karl Schramm (baixo e backing vocals). Participações especiais no álbum incluem o vocalista do FOZZY Chris Jericho, para quem BLAZE criou especialmente um personagem em "Infinite Entanglement" . Também participaram Luke Appleton (ICED EARTH baixista e ABSOLVA guitarrista), Michelle Sciarrotta (coro/ator), Jo Robinson (coro), Mel Adams (coro), Liz Owen (backing vocals/coro), Aine Brewer (voz/ator) e Rob Toogood (coro/ator).
A turnê mundial de "The Redemption Of William Black" começará no final de fevereiro em Glasgow e terminará pela Europa em 25 e 26 de maio quando um DVD e CD ao vivo serão gravados em duas noites em Chez Paulette, perto de Nancy, França. Depois de um pequeno número de shows em festivais no verão, mais uma pequena rodada de shows no Reino Unido ainda a serem confirmados, a turnê chegará aos EUA e Canadá em setembro, na carona do sucesso da turnê norte-americana de 2017. Então, na primeira metade de 2019, a agenda continua pela América Latina e de novo retorna aos EUA para locais não visitados em 2018, sendo que nessa época é que serão lançados o DVD e CD ao vivo citados antes. Convidados especiais para os shows no Reino Unido (exceto no Hammerfest) será a banda FAITH IN GLORY, enquanto que ainda na Europa, de 1º de abril até 26 de maio, o convidado especial será Luke Appleton (ICED EARTH, ABSOLVA) com seu show solo-acústico.

Smashing Pumpkins: "Gente no 'mundo' do Nirvana queria me boicotar"
14/11/2017

O frontman do SMASHING PUMPKINS, Billy Corgan, falou sobre questões que ele teve com pessoas ligadas ao NIRVANA, mas não especificamente com os membros da banda - em uma nova entrevista para o jornalista Joe Rogan. Corgan disse: "Estas rivalidades da cena interna nunca terminam... Eu tive experiências estranhas com - não com os membros do NIRVANA - mas pessoas que estavam ligadas a banda, sabe? Ainda é estranho porque eu sou do ‘mundo’ do SMASHING PUMPKINS e sei que às vezes também passei por situações estranhas, mas depois de 27 anos descobri que era alguém que costumava trabalhar no ‘mundo’ do NIRVANA que estava tentando denegrir a imagem da minha banda ou coisa do tipo... Muito estranho saber disso”. Corgan também falou de quando o SMASHING PUMPKINS estava num clube noturno em Boston no ano de 1992 para fazer um show junto com o NIRVANA, alegando que o local não estava lotado. "Uma vez tocamos num clube noturno que ficava na frente do Fenway Park (estádio de baseball), não me lembro do nome..., acho que se chamava Axis? Nós tocamos lá em 1992 e nem sequer os ingressos esgotaram. Tinha umas 700 pessoas naquela noite...”

Red Hot Chili Peppers: "foi emocionante ver o Nirvana crescendo"
14/11/2017

O baterista do RED HOT CHILI PEPPERS, Chad Smith, detalhou a turnê que a sua banda havia feito junto com o PEARL JAM e NIRVANA no ano de 1991 - em uma nova entrevista para o programa Build. "Conheci Dave Grohl antes dele ser o baterista do NIRVANA. Com o RED HOT CHILI PEPPERS fizemos um show em Los Angeles no centro da cidade no ano de 1990 - perto da prefeitura ou algo assim - e junto conosco para fazer a apresentação neste mesmo local estava a sua banda na época, SCREAM, junto com o L7, e me lembro de ter pensado quando estava assistindo a performance da sua banda: ‘Esse garoto é muito bom na bateria, ele não é ruim’. Em menos de 01 ano, ele era o novo baterista do NIRVANA”.
“No final de 1991, saímos em turnê na costa oeste dos EUA junto com o PEARL JAM e NIRVANA. O PEARL JAM estava abrindo os shows e nós sempre fechávamos a noite, sendo que o NIRVANA era a banda que tocava entre nós. Foi bem na época em que o NIRVANA estava explodindo, sabe? Foi realmente emocionante ver eles crescendo. Então, Dave e eu nos tornamos amigos e avançando rapidamente para 1999, o FOO FIGHTERS saiu em turnê conosco também. Nós fizemos muitas turnês pelos EUA e Austrália juntos, tocando muitas vezes... Temos uma boa história juntos".

Rock On Stage: Resenha do cd Leviatã do Exorddium
13/11/2017

Os mineiros da cidade de Contagem, que são criadores da banda de Heavy Metal Exorddium disponibilizaram em 2016 o seu segundo álbum de estúdio com o nome de Leviatã, onde vamos encontrar oito faixas com vocais em português e a linhagem mais tradicional do estilo com bases oitentistas. Confira mais detalhes deste lançamento na resenha de Fernando R. R. Júnior para o Rock On Stage  no link: http://www.rockonstage.org/resenhas/cds/exorddium-leviata.htm.

Attomica lança novo vídeo "Kill The Hero" e revela nome do novo álbum
13/11/2017

A lendária e renovada banda ATTOMICA (Thrash Metal - São José dos Campos/SP) lançou um novo vídeo "Kill The Hero" em seu canal no YouTube. Kill The Hero será uma das faixas do novo álbum que será lançado no início de 2018. A banda também revelou o nome do quinto álbum de estúdio. Este novo álbum será chamado "THE TRICK", o mesmo foi gravado na Oversonic Estudio (São José dos Campos/SP) e tem a produção de Vagner Alba e Oversonic, mesmo estúdio e produção do último álbum de estúdio Attomica 4 (2012). Andre Rod (Baixo/Vocal) líder e fundador da banda falou sobre este novo vídeo:
" Kill the Hero tem uma composição mais objetiva comparado com o restante das faixas que irão fazer parte do novo CD e a letra retrata a incansável luta pelo poder onde um herói pode se tornar vilão e vice versa." O novo vídeo marca a nova fase Power Trio da banda que vem recebendo muitos elogios por onde a banda passa e atraído novos fãs pela evolução técnica e entrosamento, mostrando uma banda renovada e coesa tanto em estúdio quanto no palco ao vivo. No início de 2018 o novo álbum THE TRICK será lançado e o ATTOMICA já planeja shows de lançamento deste novo álbum por todo o Brasil e outros países. Para agendamentos de shows o contato é: Phill Lima https://www.facebook.com/PhillOverMetal. Tel/Whats: +55 12 99116-4664 e E-Mail: phillmanager@overmetal.com.br. Se Inscreva no canal da banda e assista Kill The Hero novo vídeo clipe do Attomica: https://youtu.be/FKDyFamVu28. SIGA O ATTOMICA: Facebook: https://www.facebook.com/AttomicaOficial; YouTube: https://www.youtube.com/attomicametal e Instagram: https://www.instagram.com/attomicaoficial.
CONFIRA OS RECENTES VÍDEOS: Three Decades - Live (Mini Doc): https://youtu.be/rVAbaLZbhc4  e Marching Over Blood - https://youtu.be/jsczQWmPPzA. FONTE: OVER METAL AGENCY - Phill Lima

Medrar: banda sorocabana lança o EP Luzia, produzido por Guilherme Kastrup
13/11/2017

A banda sorocabana Medrar lançou recentemente o EP Luzia, que conta com duas faixas: "Alarde" e "Luzia". O registro foi gravado no Teatro Sesc Sorocaba e produzido por Guilherme Kastrup, que entre outros feitos assina a produção do consagrado A Mulher do Fim do Mundo, de Elza Soares. Ouça Luzia: https://www.youtube.com/watch?v=JASd0cdgB7I&feature=youtu.be.

Formada em 2013, em Sorocaba-SP, a Medrar conta atualmente com Mya Machado (voz/guitarra), Ari Holtz (baixo), Zé Aquiles (bateria) e Rafael Ferraz (guitarra). O grupo aposta em uma sonoridade experimental, com influências de rock alternativo e música brasileira. As referências vão de Gal Costa a John Frusciante, passando por Patti Smith, Jair Naves, La Carne e Juçara Marçal.
A banda tem como uma das principais características performances viscerais e a estrutura não linear de suas músicas. Luzia ganhou vida através do Projeto Demorô, realizado pelo Sesc Sorocaba. Na ocasião, Guilherme Kastrup selecionou duas bandas que se inscreveram no projeto para serem produzidas por ele, sendo a Medrar uma das escolhidas.  O EP está disponível também em formato físico junto a um belo poster da artista Ella Vieira, que assina a arte do registro. Luzia estará em breve nas principais plataformas de streaming.

Krucipha: show de lançamento de ‘Inhuman Nature’ e distribuição via Shinigami Records
13/11/2017

Está é uma semana de muita alegria para os paranaenses do KRUCIPHA, além de celebrar o lançamento de seu segundo disco, ‘Inhuman Nature’, o grupo anuncia uma parceria para a distribuição nacional do trabalho. ‘Inhuman Nature’ será distribuído pela Shinigami Records, uma das principais gravadoras da América Latina, que possibilitará ao KRUCIPHA levar seu disco aos quatro cantos do Brasil! “Estamos muito felizes com essa parceria, o público tem nos ajudado com o financiamento, mas ainda não tínhamos uma empresa que realmente distribuísse o álbum, agora está completo!” Além da distribuição, o KRUCIPHA também anuncia que nesta quarta fará um show de lançamento de ‘Inhuman Nature’ no festival Curitiba Metal Reunion, no Blood Rock Bar, com as bandas Mythologyca, Macumbazilla, Corram para as Colinas, Rot Remains, Fearless Woman, Murdeath e Slammer. Mais informações sobre o evento pelo link: https://www.facebook.com/events/316157558793360/.
Mesmo com essas belas notícias, o KRUCIPHA ainda precisa do apoio de seus amigos, fãs e apoiadores! O dinheiro arrecadado pelo financiamento ajudará o KRUCIPHA a terminar de pagar os investimentos feitos na gravação e prensagem do disco. Não deixe de apoiar o projeto. Novas recompensas estão sendo adicionadas semanalmente e podem ser conferidas pelo Facebook oficial do grupo: https://www.facebook.com/krucipha/. Quem ainda não apoiou a campanha, assim como quem já o fez, mas quer mais uma dessas recompensas, pode fazer visitando o link: https://www.catarse.me/krucipha_inhuman_nature. Um teaser que apresenta trechos de todas as faixas e o tracklist de ‘Inhuman Nature’ foi disponibilizado: https://www.youtube.com/watch?v=AQagTXJLCzQ. Contato: krucipha@krucipha.com. Sites Relacionados: www.krucipha.com; www.facebook.com/krucipha e www.metalmedia.com.br/krucipha. Fonte: Metal Media.

Worsis: versão física do novo álbum já está disponível!
13/11/2017

Já está à venda a versão física do primeiro álbum do WORSIS, ‘Blinded By The System’, que já havia sido lançado digitalmente e que vem sendo muito elogiado pelos fãs de Thrash Metal. O trabalho já está sendo vendido diretamente com a banda por e-mail ou Facebook e também na loja oficial do grupo, onde é possível usar várias opções de pagamento e envio para todo o Brasil: http://loja.worsis.com/. Quem preferir, a versão digital também está à venda. Confira alguns links:
Spotify: http://open.spotify.com/album/0hYpAaESBGhSOCFHZ2sDvP;
Amazon: https://www.amazon.com/Blinded-System-Worsis/dp/B075W48K8K/;
Deezer: http://www.deezer.com/br/album/48934662;
iTunes: https://itunes.apple.com/br/album/blinded-by-the-system/1289649015.
‘Blinded By The System’ foi gravado no Black Stork Studio com o produtor Thiago Caurio. A mixagem ficou nas mãos de Benhur Lima e a masterização por Marcel van der Zwam. A arte da capa foi criada por Hugo Silva, da Abacrombie Ink. ‘Sisyphus’, primeira música retirada do disco, está disponível para audição: Facebook: https://www.facebook.com/worsis/videos/1751122315185452/ e YouTube: https://www.youtube.com/watch?v=E6TGpCunELs. Contato: contato@worsis.com. Sites Relacionados: www.facebook.com/worsis e www.metalmedia.com.br/worsis. Fonte: Metal Media.

Endrah: novo single ‘Your Life Deleted’ também no Spotify
13/11/2017

O ENDRAH acaba de lançar o novo single/clipe, ‘Your Life Deleted’, que apresentou ao mundo seu novo baterista, Henrique Pucci (ex-Project46, Paura) e agora o disponibiliza no principal serviço de streaming do momento, o SPOTIFY. ‘Your Life Deleted’ não apresenta apenas a nova formação, mas uma banda ainda mais técnica, complexa, coesa e muito pesada. Para ouvir o single no Spotify visite: https://open.spotify.com/album/644J1IJeTLsi687MxjTbmO.
Quem preferir assistir a performance incrível dos músicos, pode conferir o vídeo de ‘Your Life Deleted’ pelo link: https://www.youtube.com/watch?v=MF1xxvnhU6w. O trabalho foi produzido por Tiago Hospede e conta com arte de capa por Hugo Silva (Abacrombie Ink). A banda está com uma nova loja virtual onde conta com diversas opções de pagamento e envio para todo o Brasil. Todo o merchandise oficial, que vão desde camisetas, moletons, bermudas, CDs, está disponível por lá, confira pelo link: https://www.facebook.com/pg/endrah/shop/. Contato: contato@endrah.com. Sites relacionados: www.endrah.com; www.facebook.com/endrah e www.metalmedia.com.br/endrah. Fonte: Metal Media.

Darkship: ‘We Are Lost’ está disponível mundialmente em formato digital
13/11/2017

Finalmente o premiado disco ‘We Are lost’ ( leia resenha ), debut oficial do DARKSHIP, está disponível em formato digital. O trabalho foi lançado originalmente em 2016 de forma independente e agradou aos fãs com sua mistura única de Dark Electro Symphonic Modern Metal, sendo citado entre os melhores lançamentos de 2016 no Brasil e fora. Agora ele pode ser ouvido, baixado e comprado em sua plataforma de música digital de preferência, basta fazer uma busca, ou se preferir, visite um dos links abaixo:
Spotify: https://open.spotify.com/album/22tSkKZe9iMDkVk1d6VNXK
iTunes: https://itunes.apple.com/br/album/we-are-lost/1308939944
Google Play: https://goo.gl/KhW7jb
Amazon: https://www.amazon.com/gp/product/B0777LPV4W/
Deezer: http://www.deezer.com/br/album/51209082
A versão digital já conta com a regravação de ‘You Can Go Back’. Esta é a mesma versão que ganhou um belíssimo videoclipe dirigido por Douglas Castilhos Coutinho: https://www.youtube.com/watch?v=qjViTNo8FTI. Quem preferir material físico, o disco ‘We Are Lost’ e todo o material oficial da DARKSHIP podem ser comprados pelo link: https://goo.gl/Fwj56n. Contato: darkship.banda@gmail.com. Sites relacionados: www.officialdarkship.com; www.facebook.com/bandadarkship e www.metalmedia.com.br/darkship. Fonte: Metal Media.

Crystal Gates lança lyric vídeo para o novo single “Shadowborn”
13/11/2017

A banda uruguaia Crystal Gates acaba de divulgar o novo single e lyric vídeo da música “Shadowborn”. O grupo que já havia lançado seu EP de estreia em 2015, “A Quest For Life”, masterizado por Mika Jussila nos estúdios Finnvox da Finlândia, e com uma bela capa desenhada pelo artista francês JP Fournier, agora lança uma poderosa faixa com todas as influências clássicas que o Crystal Gates apresentou anteriormente. “Shadowborn” foi mixado por Jacob Hansen no Hansen Studios na Dinamarca, com um som moderno e agressivo, perfeitamente equilibrado com arranjos orquestrais e delicadas linhas vocais.

A obra de arte da capa foi mais uma vez confiada ao talentoso JP Fournier, trazendo de forma requintada o conceito por trás da música. Esta música prepara o cenário para uma era nova para a banda, mostrando o que se espera do primeiro álbum da banda, que será gravado em 2018. Escute o single também no Band Camp: https://crystalgatesuy.bandcamp.com/album/shadowborn-single.
A banda Crystal Gates foi formada por Benjamín Machín e Carolina Pérez em Montevidéu, Uruguai, em 2013. O primeiro processo de composição deu à luz muitas músicas que poderiam ser descritas como Power Metal sinfônico influenciados por Nightwish, Avantasia, Sonata Arctica e similares. Depois de dois anos de trabalho duro, seis dessas músicas foram selecionadas e gravadas no primeiro lançamento da dupla: “A Quest For Life”, que conta com a masterização feita por Mika Jussila nos estúdios Finnvox e capa do artista JP Fournier (Edguy, Avantasia, Dragonforce e muito mais).
Os músicos já se apresentaram com alguns artistas de renome internacional como Masterplan, Anneke van Giersbergen e Xandria, tanto no Uruguai como na Argentina, recebendo uma resposta incrivelmente calorosa do público. Em 2017, a banda se concentrou na pré-produção das músicas para o primeiro álbum completo, precedido pelo lançamento do single “Shadowborn” acima mencionado. Assista o lyric vídeo de “Shadowborn”: https://www.youtube.com/watch?v=Osuo8z47kpA. Line-up atual: Benjamín Machín - Guitarras; Carolina Pérez - Vocal; Guillermo Albano - Baixo; Juan José Leyton - Teclados e Gastón Lorenzo - Bateria
Crystal Gates Online: http://www.crystalgates.uy; https://www.facebook.com/CrystalGatesUy; https://www.instagram.com/crystalgatesuy/ e https://twitter.com/CrystalGatesUy.

Dudé e a Máfia confirma show na Estação Paraíso do Metrô
13/11/2017

A banda Dudé e A Máfia realizará mais um show pela Virada Inclusiva. Dessa vez, o evento acontecerá na estação Paraíso do metrô no dia 1 de dezembro, sexta-feira, a partir das 18h. A Virada Inclusiva é realizada há mais de 10 anos e engloba uma série de eventos culturais que comemoram o Dia Internacional de Luta Pelos Direitos da Pessoa Com Deficiência, organizado pelas secretarias estadual e municipal da pessoa com deficiência de São Paulo. “É um evento que tem um sabor especial pra todos nós. Foi durante a edição de 2013 da Virada Inclusiva que nasceu o embrião do que viria a ser a banda Dudé e A Máfia”, ressalta o vocalista Dudé. A entrada para esse show será franca.
Atualmente formado por Dudé (vocal), Lennon Fernandes (baixo), Ed Navarrette (guitarra), Luiz Cazati (guitarra), Sérgio Navarrette (bateria) e Leandro Voinschi Lantin (teclado), a banda Dudé e a Máfia mergulhou de cabeça no velho e bom Hard Rock das décadas de 70 e 80, tudo temperado com uma pegada Blues na medida certa e letras em Português. A banda segue a estrada do Rock desde 2013 produzindo seu próprio material. Links relacionados: http://www.dudeeamafia.com.br/ e https://www.facebook.com/dudeeamafia.

Death Chaos: novo clipe liberado e com letra inspirada no clássico do terror, “O Massacre da Serra Elétrica”
13/11/2017

Os músicos da banda Death Chaos acabam de disponibilizar seu novo vídeo clipe oficial, a música escolhida fará parte do novo disco de estúdio do grupo curitibano, “Hammerdown” é uma das faixas exclusivas liberadas que antecedem o lançamento do aguardado álbum “Bring Them To Die” que será lançado oficialmente no início de 2018. A faixa escolhida retrata com exatidão todo o contexto criado pelo grupo em suas letras, abordando conteúdos relacionados a violência, assassinatos em séria e filmes de terror, a música “Hammerdown” tem sua ideia retirada do clássico filme de 1974, “O Massacre da Serra Elétrica”. Especificamente a letra de Hammerdown constrói a cena em que uma das vítimas da família de canibais é colocada sobre uma bacia e assassinada com golpes de martelo. Assista ao clipe “Hammerdown”: https://www.youtube.com/watch?v=jyWSYlksCbo&feature=youtu.be.
O clipe teve toda sua direção e produção feitas por Karina Schwitzky da “Nekro Produções”, tudo com auxilio e supervisão dos músicos da banda que aparecem na maioria das filmagens executando seus instrumentos no decorrer de todas as cenas gravadas. O novo álbum “Bring Them To Die” será o primeiro full lenght da carreira da banda Death Chaos, o grupo possui um EP intitulado de “Prologue In Death & Chaos” ( leia resenha ) lançado em 2016 que chamou a atenção de público e imprensa pela brutalidade imposta em toda a construção harmônica da banda. Ainda sem uma data especifica, o novo álbum será lançado em formato físico e digital nas principais plataformas de streaming do mundo, para acompanhar os trabalhos da Death Chaos, basta seguir a banda nos links: Facebook: https://www.facebook.com/deathchaosmetal/ e Roadie Metal Press: https://roadie-metal.com/press/death-chaos/. Death Chaos é formada por: Denir “Deathdealer”: Vocal; Julio Bona: Guitarra; Edson “Mamute”: Baixo e Ueda: Bateria.

Iron Maiden anuncia turnê pela Europa em 2018
13/11/2017

O Iron Maiden anunciou a turnê "Legacy Of The Beast World Tour" com datas na Europa entre 26 de maio e 10 de agosto de 2018. A turnê será baseada no jogo homônimo, e dentre as bandas de abertura já está definida a presença do Killswitch Engage. Os ingressos estarão a venda a partir do dia 24 de novembro, com pré-venda no dia 20 para membros do fã-clube. Legacy Of The Beast 2018 Tour Dates:

May
26 Saku Arena, Tallinn, ESTONIA *
28 Hartwall Arena, Helsinki, FINLAND *
June
01 Tele2 Arena, Stockholm, SWEDEN *
03 Dahls Arena, Trondheim Rocks, NORWAY
05 Royal Arena, Copenhagen, DENMARK *
07 Sweden Rock Festival, Solvesborg, SWEDEN
09 Rockavaria, Königsplatz, Munich, GERMANY
10 Expo Plaza, Hannover, GERMANY *
13 Waldbuhne, Berlin, GERMANY *
16 Firenze Rocks, ITALY
17 Novarock Festival, Nickelsdorf, AUSTRIA
20 Letnany Airport, Prague, CZECH REPUBLIC *
22 Graspop, Dessel, BELGIUM
24 Hellfest, Clisson, FRANCE
26 Geneva Arena, Geneva, SWITZERLAND *
28 Volt Festival, Sopron, HUNGARY
30 Messegelaende, Freiburg, GERMANY *

July
01 Gelredome, Arnhem, HOLLAND *
05 AccorsHotel Arena, Paris, FRANCE
09 San Siro Ippodromo, Milan, ITALY
10 Hallenstadion, Zurich, SWITZERLAND
13 Altice Arena, Lisbon, PORTUGAL
14 Wanda Metropolitano Stadium, Madrid, SPAIN
17 Piazza Dellà Unita D'Italia, Trieste, ITALY
20 Rockwave Festival, Athens, GREECE
22 Hills Of Rock, Plovdiv, BULGARIA
24 Zagreb arena, Zagreb, CROATIA
27 Tauron Arena, Krakow, POLAND
31 Metro Radio Arena, Newcastle, ENGLAND *
August
02 SSE Arena, Belfast, NORTHERN IRELAND *
04 Exhibition & Conference Centre, Aberdeen, SCOTLAND *
06 Manchester Arena, Manchester, ENGLAND *
07 Genting arena, Birmingham, ENGLAND *
10 O2 Arena, London, ENGLAND *

Quintessente se apresenta amanhã (14/11) no evento “Headbanger Force” na cidade do Rio de Janeiro
13/11/2017

Nessa próxima terça, 14/11, a banda Quintessente se apresenta ao lado de grandes bandas brasileiras pelo festival “Headbangers Force”. Ao todo serão quatro apresentações, as bandas Tamuya Thrash Tribe, Facing Fear, Decifra Me e Quintessente, levam sua musicalidade e conceitos ao “Planet Music”. A banda Quintessente que recém lançou seu primeiro full lenght, o muito bem criticado pela mídia e fãs da banda, “Songs From Celestial Spheres”, prepara um show pesado e focado nas novas composições que fazem parte de seu atual registro. O evento será realizado no “Planet Music” em Cascadura com ingressos vendidos por R$20,00. Os shows estão programados para começarem as 21h. Mais informações no link: https://www.facebook.com/events/146702042609358/.

Backyard Babies confirma show no Brasil para promover o álbum "Four By Four", lançado em 2015
13/11/2017

Quando o grupo sueco Backyard Babies resolveu dar uma pausa em suas atividades após o lançamento do álbum homônimo em 2008, os fãs chegaram a questionar se aquele seria o fim de uma trajetória que colocou a pequena cidade de Nässjö nos holofotes da música. Porém, o retorno com "Four By Four", sétimo disco de estúdio, provou que Nicke Borg (vocal e guitarra), Dregen (guitarra e backing vocals, Michael Monroe, The Hellacopters), Johan Blomqvist (baixo) e Peder Carlsson (bateria) ainda tinham muito gás. "Quando demos uma pausa e retornamos não queríamos apenas voltar para tocar.

Para nós o importante era ter um novo álbum e então partir para a estrada. Não queríamos demorar muito, apenas nos divertirmos enquanto criávamos as músicas. Esta foi uma decisão acertada, porque os fãs ficaram empolgados e nós também", revelou Nicke Borg ao canal Heavy TV. "Th1rt3en Or Nothing", o primeiro single, trouxe alguns dos elementos que caracterizam a musicalidade dos suecos: cowbell martelando na cabeça, bases ganchudas bem rock'n'roll e energia hard rock pulsando. Mais que isso, o quarteto não perdeu a herança do punk rock e os toques mais pop. Agora, depois de shows pelo mundo ao lado de nomes como Guns N'Roses e Black Star Riders, além de presença em importantes festivais de rock, será a vez da América do Sul vê-los pela primeira vez em ação e comprovar por que o Backyard Babies se tornou um dos mais influentes grupos da Suécia e um dos responsáveis pelo revival do hard rock e sleaze em seu país.
Os ingressos para o show no Brasil, que será realizado no Manifesto Bar (SP) em 25 de março de 2018, estão à venda. "Coincidentemente, teremos duas atrações vindas da Suécia para tocar no Manifesto. Depois do Mile em fevereiro, será uma honra ter uma banda tão influente e icônica como o Backyard Babies em nosso palco", comentou Silvano Brancatti, um dos proprietários da casa. Tendo referências a nomes como Guns N'Roses, Sex Pistols, New York Dolls, The Dogs D'amour e The Stooges, o grupo surgiu há trinta anos, quando ainda atendia por Tyrant. Dois anos depois, mudou o nome para Backyard Babies, gravou algumas demos e estreou com o EP "Something to Swallow", gravado de forma independente. O álbum de estreia, "Diesel & Power", saiu em 1994 pela Megarock Records. De lá para cá, a banda não olhou mais para trás e, mesmo trabalhando em um cenário desfavorável para o hard rock, chegou ao estrelato, tendo ganhado dois prêmios Grammy e uma legião de fãs pelo mundo.
Além de faixas recentes, como "Th1rte3n or Nothing" e "Bloody Tears", o grupo traz no repertório dos shows músicas de toda a carreira, incluindo os singles "Bombed (Out of My Mind)" (1997), "Highlights" (1998), "Brand New Hate" (2001), "The Clash" (2001), "Minus Celsius" (2003), "A Song for the Outcast" (2004), "Dysfunctional Professional" (2006) e "Nomadic" (2008). Sites relacionados: http://manifestobar.com.br; http://backyardbabies.com/ e https://www.facebook.com/backyardbabies/. Fonte: Ricardo Batalha - ASE Music - www.asepress.com.br/music.

“Walk On Water”, single do Thirty Secondos To Mars ganha vídeo oficial
13/11/2017

A espera acabou! O clipe oficial de “Walk On Water”, novo single do Thirty Seconds to Mars, já está disponível. Assista aqui: https://youtu.be/44NYFvhXmW8. O vídeo é uma prévia do documentário “A Day In The Life Of America”, gravado no dia 4 de julho de 2017, que mostrará o dia da independência norte-americana, com imagens gravadas em diversas partes do país. O clipe foi dirigido pelo ator e vocalista da banda, Jared Leto. Lançada em agosto, “Walk on Water” já conta com mais de 20 milhões de streams no Spotify e o lyric video passa dos 13 milhões de visualizações no YouTube. Ouça e baixe o faixa aqui: https://umusicbrazil.lnk.to/WalkOnWater. Fonte: Universal Music Brasil: Departamento de Imprensa e Comunicação / PR - Jennifer Mello - Links Relacionados: www.instagram.com/umusicbrasil; www.twitter.com/umusicbrasil; www.facebook.com/umusicbrasil www.youtube.com/universalmusicbrasil e www.universalmusic.com.br.

Os maiores hits da Tears For Fears estão reunidos na nova coletânea Tears For Fears Rule The World The Greatest Hits
13/11/2017

A banda britânica Tears For Fears, formada pela dupla Curt Smith e Roland Orzabal, acaba de lançar nas plataformas de streaming o álbum “Tears For Fears, Rule The World: The Greatest Hits”. Ouça e baixe aqui: https://umusicbrazil.lnk.to/RuleTheWorldTGH . A banda, que está em atividade desde 1981, já lançou uma coletânea de sucessos em 1992, intitulada “Tears Roll Down: Greatest Hits 82-92”, relançada em 2005. A diferença dessa vez é que “Tears For Fears, Rule The World: The Greatest Hits” traz músicas que marcaram toda a história da banda e não apenas um período especifico. São 16 canções retiradas de todos os álbuns, incluindo duas novas: “I Love You But I'm Lost” (https://umusicbrazil.lnk.to/ILYBIL) e “Stay” (https://umusicbrazil.lnk.to/TFFStay). Confira o repertório completo: 1. Everybody Wants To Rule The World / 2. Shout / 3. I Love You But I’m Lost / 4. Mad World / 5. Sowing The Seeds Of Love / 6. Advice For The Young At Heart / 7. Head Over Heels / 8. Woman In Chains / 9. Change / 10. Stay / 11. Pale Shelter / 12. Mothers Talk / 13. Break It Down Again / 14. I Believe / 15. Raoul And The Kings Of Spain / 16. Closest Thing To Heaven. A versão física do álbum chega nas lojas no dia 8 de dezembro. Fonte: Universal Music Brasil: Departamento de Imprensa e Comunicação / PR - Jennifer Mello - Links Relacionados: www.instagram.com/umusicbrasil; www.twitter.com/umusicbrasil; www.facebook.com/umusicbrasil www.youtube.com/universalmusicbrasil e www.universalmusic.com.br.

Décimo álbum de Marilyn Manson Heaven Upside Down chega à lojas nacionais
13/11/2017

Um mês após o lançamento digital de “Heaven Upside Down”, décimo disco de estúdio de Marilyn Manson, o álbum já está disponível nas principais lojas do país. O novo trabalho do cantor chega dois anos após o bem recebido “The Pale Emperor” (2015) e, mais uma vez, foi feito em parceria com Tyler Bates - guitarrista da banda e muito conhecido por compor trilhas sonoras para filmes como “Guardiões da Galáxia”, “300” e “John Wick” - que produziu e co-escreveu o disco. Algumas das canções que compõem o projeto foram lançadas previamente ao álbum. Manson convidou o ator Johnny Depp para participar do vídeo de “SAY10”. Assista aqui: https://youtu.be/otSSwS_Nh9A. Com imagens polêmicas, comuns nos vídeos do cantor, os dois artistas são Deus e o Diabo, no clipe que já passa dos 3 milhões de visualizações no YouTube e que no Spotify conta com mais de 1.4 milhões de plays. Para ouvir e baixar o disco “Heaven Upside Down”, acesse: https://umusicbrazil.lnk.to/HeavenUpsideDown. Fonte: Universal Music Brasil: Departamento de Imprensa e Comunicação / PR - Jennifer Mello - Links Relacionados: www.instagram.com/umusicbrasil; www.twitter.com/umusicbrasil; www.facebook.com/umusicbrasil www.youtube.com/universalmusicbrasil e www.universalmusic.com.br.

Carnal Desire: assista ao novo vídeo clipe da faixa “Cabeça de Baixo”
13/11/2017

Acaba de ser liberado o novo vídeo clipe da banda Carnal Desire, o vídeo filmado e dirigido por Lucas Siqueira da “20Age Produções, apresenta os músicos ao vivo executando a música “Cabeça de Baixo”. A banda da baixada santista é um dos nomes fortes do estilo Horror/Sexy Metal no país, nesse ano já liberou outro clipe oficial em março para a música “Chupeta Zumbi, também dirigida por Lucas Siqueira. Confira o clipe de “Cabeça de Baixo”: https://www.youtube.com/watch?v=yk83wcjBv-c. Carnal Desire é formado por: Tarso Wierdak: Guitarra/Voz; André Monteiro: Baixo e Vítor MV: Bateria. Mais informações: Facebook: https://www.facebook.com/carnaldesireband/.

Álbum que comemora o centenário de Ella Fritzgerald já está disponível nas principais lojas do país
13/11/2017

O centenário do aniversário de Ella Fitzgerald foi celebrado ao longo do ano e para fechar a comemoração, chega às lojas nacionais o disco “Someone To Watch Over Me”, que inclui gravações da cantora com vocais remasterizadas que a trazem para os dias atuais. O repertório do álbum foi pensado com cuidado e apresenta Ella, a “Primeira Dama da Canção”, de forma magistral. Tudo foi feito para melhorar as gravações originais sem modificá-las. Os produtores tiveram o cuidado de não comprometer os vocais da artista.

O resultado é um projeto maravilhoso e imperdível que apresenta a maior cantora de Jazz de todos os tempos em canções orquestrais modernas e atemporais. O instrumental ficou por conta da London Symphony Orchestra e o cantor Gregory Porter aparece em um dueto com Ella no clássico “People Will Say We're In Love”. Confira o repertório completo: 1. People Will Say We're In Love / 2. Someone To Watch Over Me / 3. They Can't Take That Away From Me/ 4. Bewitched / 5. I Get A Kick Out Of You / 6.Misty / 7. Makin' Whoopee! / 8. These Foolish Things / 9. Let's Call The Whole Thing Off / 10. What Is There To Say / 11. Let's Do It (Let's Fall In Love) / 12. With A Song In My Heart.
Fonte: Universal Music Brasil: Departamento de Imprensa e Comunicação / PR - Jennifer Mello - Links Relacionados: www.instagram.com/umusicbrasil; www.twitter.com/umusicbrasil; www.facebook.com/umusicbrasilwww.youtube.com/universalmusicbrasil e www.universalmusic.com.br.

Megadeth: a pegada jazz pós-Metallica e a bateria de Dirk Verbeuren
13/11/2017

O frontman do Megadeth, Dave Mustaine, falou sobre os recentes bateristas da banda, Chris Adler (Lamb Of God) e Dirk Verbeuren (Soilwork), em entrevista à rádio RQP 104.3 FM, na Argentina (transcrição por Blabbermouth). O músico também comentou sobre o estilo de composição do grupo, mais ligado ao jazz do que o Metallica, grupo integrado por Mustaine no passado. Inicialmente, Mustaine foi questionado sobre o processo de seleção de um novo baterista, para substituir Shawn Drover. "Foi muito difícil. A bateria é a parte mais complicada da banda, porque você precisa estar bem fisicamente em todas as noites. Você não pode ficar doente. E a posição de baterista é ingrata. Muitas vezes, os bateristas não são reconhecidos pela dificuldade de seus trabalhos - e, por isso, ficam amargurados", afirmou.
Dave, então, disse ter sorte por ter trabalhado com seus últimos dois bateristas - Chris Adler, que ficou por um tempo para gravar o álbum "Dystopia" (2016 - leia resenha), e Dirk Verbeuren, indicação de Adler para permanecer no posto. "Além deles, o cara antes de Chris, Shawn (Drover), era muito fácil de se lidar. Mas nem sempre foi assim. E Chris nos ajudou a encontrar Dirk, que é muito parecido com Gar Samuelson (ex-baterista do Megadeth), o que é bom, pois foi como tudo começou", comentou. Mustaine destacou que, assim como Gar Samuelson, Dirk Verbeuren tem a pegada dos tempos iniciais do Megadeth. "Eu comecei tocando riffs ao estilo jazz-metal, porque não queria soar como minha banda anterior (Metallica). Compus aquela m*rda, posso compor o que quiser, então sabia o que não fazer e, assim, fiz algo diferente. Dessa forma, o Megadeth nasceu. Queria fazer algo distinto e precisava de um baterista diferenciado para isso", afirmou.

Max Cavalera: "Metal é a melhor terapia do mundo"
13/11/2017

Durante artigo publicado em novembro de 2017 pelo jornalista Joel Gausten no seu site, onde traça uma panorâmica da carreira de Max Cavalera, o músico conta o que o mantém até hoje, passados 35 anos, fiel ao gênero que o consagrou: "Não é pelos prêmios ou pelo lado materialista, não dou a mínima para isto. É pelo amor ao Metal e para ouvir os fãs dizendo que eles realmente gostam do que estamos fazendo. Alguns deles chegam a dizer que isto salvou suas vidas, e minhas músicas são parte importante de suas vidas. Pra mim, esta é a coisa mais legal que posso ouvir de um fã. É o que me mantém de pé. E eu preciso disto tanto quanto eles precisam. Eu uso o Metal em minha vida diária. Quando estou depressivo ou algo assim, coloco coisas pesadas e boas e imediatamente me sinto melhor. Metal é a melhor terapia do mundo".

Skid Row: Dave Sabo revela por que reunião com Bach não rolou
13/11/2017

O guitarrista Dave "The Snake" Sabo abriu o jogo com relação à fracassada tentativa de reunião do Skid Row com o vocalista Sebastian Bach, realizada no ano passado. Em entrevista a Eddie Trunk, transcrita pelo Blabbermouth, o músico revelou os motivos pelos quais as negociações não foram adiante. Segundo o guitarrista, houve um diálogo que "ia de um lado para o outro". "Todos estavam gostando da ideia. E penso, de verdade, que não deu certo porque percebemos que a coisa que nos separou anos atrás ainda existia", afirmou. O problema não foi financeiro, de acordo com o músico. "Ofereceram-nos muito dinheiro. Muitas coisas foram ditas sobre o que aconteceu e turnês agendadas... isso não aconteceu - turnês não foram agendadas. Todas as ofertas vieram por meio de Rachel (Bolan, baixista) e mim, porque é nossa banda. Então, havia muito dinheiro sendo oferecido. E com o diálogo que 'foi e voltou', a coisa ficou feia de novo", disse.
Uma das razões para que a reunião não se concretizasse, segundo Sabo, estava relacionada ao controle do Skid Row. "Outras pessoas tinham desejo de ter mais controle sobre isso do que estávamos dispostos a oferecer. E é a nossa banda. Não é algo impulsionado pelo ego, prometo a você. Não era sobre fazer mais ou menos dinheiro do que o outro. Acho que foram os conflitos de personalidade que existiram antes, há 20 anos, e que ainda estão por aí", afirmou. Eddie Trunk, então, comentou o recente exemplo do Mötley Crüe. A banda fez uma turnê de despedida que durou 18 meses, mas seus músicos viajavam em veículos separados e mal falavam uns com os outros.
O "Snake", então, respondeu: "Sim, mas todos eles estavam tristes. Não sei, vejo isso de forma diferente. Eu realmente gosto da minha vida. Gosto de estar feliz. Tenho prazer em tocar no Skid Row agora. Não digo que não tinha prazer antes, mas agora, estou muito feliz. Minha vida é ótima, assim como meus amigos e as pessoas com quem toco também são. A noção romântica de um reunião e o aspecto monetário são bons, mas, no fim do dia, eu realmente gosto do espaço onde estou inserido". Apesar disso, o guitarrista garante que "nunca dirá nunca". "As chances de acontecer (uma reunião), eu diria que são poucas a nenhuma, mas nunca direi nunca. Mas afirmo: agora, vivemos o momento. Estou vivendo o agora. E amo ter ZP (Theart, vocalista) na banda.

Steve Tucker do Morbid Angel está puto com o sensacionalismo no Metal
13/11/2017

Durante entrevista com a Metal Rules, Steve Tucker, do Morbid Angel, fez um desabafo contra o que considera ser uma tendência da mídia e dos fãs de Metal de se aterem somente ao sensacionalismo, ao invés de procurarem as notícias reais de fato. "Na América, um dos grandes problemas é que as notícias hoje fazem parte da indústria do entretenimento. Há muitas organizações competindo por elas que se preocupam apenas com os números. Então tudo virou sensacionalista e até mesmo o Metal. Há muitos sites e revistas sobre o Metal que se importam apenas com as fofocas e não com o Metal. E eu odeio ter que dizer, mas isto dói em meu coração, pois o Metal sempre foi uma cultura diferenciada. Metal não tinha nada a ver com a cultura Pop, era para pessoas com (no fundo) os mesmos desejos de todos mas que não queriam ouvir musiquinhas doces e bunda-moles, pessoas diferentes com uma certa dose de contracultura."
Ele prossegue: "Por causa dos números, as revistas hoje estão atrás de escândalos procurando aquela manchete chamativa, que faz muitas pessoas clicarem para ler e como acontece a maior parte do tempo atualmente, a verdade é o que menos importa. O que importa mesmo é a chamada que faz as pessoas clicarem para ler... tudo se tornou sensacionalismo, a verdadeira história não é mais interessante, a não ser que exista algo tipo uma treta que possa ser exploradas de forma sensacionalista". "Somos metalheads. Eu realmente achava que éramos melhores que isto", desabafa. "Eu realmente achava que metalheads não fosse apenas mais uma extensão da cultura pop, mas honestamente, agindo como pessoas que leem apenas os títulos e só vão conferir algo por ser uma fofoca ou escândalo, vocês estão sendo exatamente como as demais pessoas". Depois ele finaliza: "Gostaria que os jornalistas de Metal - e não estou querendo ofender ninguém diretamente - eu realmente gostaria que o gênero fosse visto como o que é de verdade, algo parte da contracultura, e agir do mesmo jeito que o resto do mundo Pop age não faz absolutamente nenhum sentido para mim".

Whitesnake: em raro momento, David Coverdale elogia John Sykes
13/11/2017

As rusgas entre o vocalista David Coverdale e o guitarrista John Sykes são de conhecimento público. A dupla trabalhou junto no Whitesnake entre os anos de 1984 e 1987 e foi a principal responsável pela concepção do álbum autointitulado, comumente chamado de "1987", que foi o maior sucesso da carreira do grupo. Apesar disso, Sykes foi mandado embora pela porta dos fundos e, desde então, nunca fez as pazes com Coverdale.

Entretanto, em um raro momento de reconhecimento, David Coverdale teceu elogios ao trabalho de John Sykes em "1987". O comentário foi feito em um vídeo sobre o relançamento do álbum, em edição deluxe, que chegou a público em 27 de outubro em uma coleção com LP, CDs e DVD. A transcrição é do Ultimate Guitar. Durante o vídeo, Coverdale diz: "Os solos e o jeito de tocar de John (Sykes) nesse álbum é algo verdadeiramente histórico e muito influente para muitas pessoas que conheço. Espero que ele tenha muito orgulho disso, porque eu tenho".
Na filmagem, David também fala, especificamente, sobre a música "Straight For The Heart". "É uma música de amor direta e para frente. Nunca a tocamos ao vivo e esse é um dos meus grandes arrependimentos", afirmou. O cantor comentou que o Whitesnake pretendia excursionar tocando o álbum "1987" na íntegra, mas acabou mudando de ideia. "Fizemos turnês em 2015 e 2016, estava exausto, então decidimos fazer um novo disco de estúdio e outros 7 projetos ao mesmo tempo. Deus, ajude-nos", disse. Confira: https://www.youtube.com/watch?v=xnofVjitPOc.

Max Cavalera confirma que novo álbum do Soulfly será conceitual como o "Roots" do Sepultura
13/11/2017

Max Cavalera contou ao "No Limits Music Show" quais suas ideias para o novo álbum do Soulfly, o sucessor do "Archangel" de 2015, com lançamento previsto para meados do próximo ano pela gravadora Nuclear Blast. "Minha ideia é trazer de volta alguns elementos tribais. Muitos sempre pedem... e eu também quero, pois adoro aquele peso das percussões com as guitarras - é fantástico. Tivemos isto no 'Prophecy' (2004), com o 'Primitive' (2000) e com o primeiro disco do Soulfly (1998). E isto meio que se perdeu nas turnês do Soulfly. Depois do 'Dark Ages' (2005) paramos de usar as percussões, então acho muito legal trazê-las de volta - é a hora certa pra isto". Prossegue Max: "O trabalho será profundamente tribal e bastante espiritual. Há um conceito, não posso falar muito sobre isto pois é meio que uma surpresa. Mas há um conceito por trás do disco, e não faço algo conceitual assim desde o 'Roots' (Sepultura, 1996). Então este novo álbum terá o mesmo sentimento do 'Roots'".
Depois Max explica que vai completar o processo de composição assim que terminar com a turnê "Point Blank With Soulfly", onde o Soulfly vem apresentando o único álbum lançado pelo Nailbomb em 1994. "Espero entrar em estúdio por volta de janeiro (de 2018)", diz Max. "Já temos o produtor, Josh Wilber, o cara trabalhou com Killer Be Killed, Lamb Of God, um sujeito incrível, então será fantástico para este álbum. E, claro, serão vinte anos de lançamento do primeiro álbum do Soulfly, então é uma data especial, esperamos que a gente possa fazer um disco especial, tomara que com grandes convidados especiais. Não sei ainda quem vou conseguir, mas tenho certeza que será um pessoal incrível". Confira: https://www.youtube.com/watch?v=-0yHRp6SnrI.

Steven Tyler e 2Cellos: "Dream On" e "Walk This Way" em evento de caridade
13/11/2017

Steven Tyler e 2Cellos se apresentaram em um concerto privado de angariação de fundos de caridade, organizado por Andrea Bocelli. O evento foi realizado na noite de 8 de setembro, como parte da quarta edição do "Celebrity Fight Night in Italy" - https://www.youtube.com/watch?v=RhGrgsYjyIM. Assista também o líder do AEROSMITH cantando uma versão de Imagine (John Lennon) ao lado de Andrea Bocelli e outros convidados especiais - https://www.youtube.com/watch?v=8VgfdLuuIPc. Toda renda arrecadada foi revertida em prol da Andrea Bocelli Foundation e do Muhammad Ali Parkinson Center.

 Melissa Reese e Bryan Mantia tocam remix de "Sorry" e "If The World"
13/11/2017

Aconteceu durante intervalo do jogo entre Houston Rockets e Cleveland Cavaliers neste sábado, 11 de novembro: Melissa Reese, tecladista e backing vocal do Guns N' Roses, juntamente com Bryan "Brain" Mantia, ex-baterista da banda, fizeram uma performance onde tocaram um medley de "Sorry" do GNR, "Do You Love Me?" do Kiss e "If The World", também do Guns N' Roses. Confira no vídeo: https://www.youtube.com/watch?v=l05y4piz7Xg. "Sorry" e "If The World" fazem parte do álbum "Chinese Democracy", lançado pelo Guns N' Roses em 2008.

Faith No More: em nota, banda lamenta morte de Chuck Mosley
12/11/2017

Em nota oficial, os integrantes do Faith No More lamentaram o falecimento do ex-vocalista da banda, Chuck Mosley. O cantor, de 57 anos, faleceu após "sucumbir aos seus vícios", de acordo com a família. "É com muito pesar no coração que confirmamos o falecimento de nosso amigo e colega de banda, Chuck Mosley. Ele era uma força de energia imprudente e atraente, que se entregava com convicção e ajudou a nos estabelecer em um caminho de singularidade e originalidade que não teria se desenvolvido da mesma forma se ele não tivesse sido parte disso", diz a banda. O grupo continua: "Quão afortunados fomos por termos feito um show com ele no último ano, em um estilo de reunião, quando relançamos nosso primeiro disco. Seu entusiasmo, senso de humor, estilo e bravura farão falta para muitas pessoas. Éramos uma família estranha e disfuncional, e ficaremos gratos eternamente pelo período compartilhado com Chuck".
Chuck Mosley participou de dois shows realizados pelo Faith No More em agosto de 2016, para celebrar o relançamento de "We Care A Lot". O cantor integrou a banda entre os anos de 1984 e 1988, sendo sucedido por Mike Patton desde então.

Iron Maiden: assista "The Book Of Souls Live Chapter" na íntegra
12/11/2017

O Iron Maiden transmitiu ao vivo pelo youtube o filme-concerto "The Book Of Souls: Live Chapter" neste sábado, 11 de novembro de 2017. Mas para quem não pôde assistir, a banda disponibilizou o vídeo em sua conta oficial, confira: https://www.youtube.com/watch?v=fRU2avjNU0Y. Veja a relação das músicas, as cidades onde foram filmadas e a hora em que aparecem no vídeo:

If Eternity Should Fail - Sydney, Austrália (0:02:03)
Speed of Light - Cidade do Cabo, África do Sul (0:09:47)
Wrathchild - Dublin, Irlanda (0:14:57)
Children of the Damned - Montreal, Canadá (0:18:00)
Death or Glory - Wroclaw, Polônia (0:22:51)
The Red and the Black - Tóquio, Japão (0:28:06)
The Trooper - San Salvador, El Salvador (0:41:23)
Powerslave - Trieste, Itália (0:45:30)
The Great Unknown - Newcastle, Inglaterra (0:52:59)
The Book of Souls - Donington, Inglaterra (1:00:02)
Fear of the Dark - Fortaleza, Brasil (1:10:33)
Iron Maiden - Buenos Aires, Argentina (1:18:05)
The Number of the Beast - Wacken, Alemanha (1:24:12)
Blood Brothers - Donington, Inglaterra (1:29:26)
Wasted Years - Rio de Janeiro, Brasil (1:36:37)
"The Book Of Souls: Live Chapter" será lançado no dia 17 de novembro nas seguintes versões: edição deluxe limitada com 2 CD's e livro de capa-dura, álbum duplo em formato regular, vinil triplo e download digital.

Metallica: o que Cliff Burton pensaria sobre a banda se estivesse vivo?
12/11/2017

Lars Ulrich conversou com a 92Y de Nova Iorque no dia 5 de novembro e durante o papo, perguntaram de quais músicas dos álbuns "Load", "ReLoad" e "Black Album" o saudoso Cliff Burton teria gostado: "Tenho uma resposta fácil: todas elas. Próxima!", respondeu Lars. Depois ele prossegue: "Olha, é uma grande pergunta, eu realmente gostei. Uma coisa que sempre me intrigou foram as questões tipo 'e se isto não tivesse acontecido?'. E se Cliff ainda estivesse vivo? E se a Terra fosse plana ao invés de redonda? É meio tipo se você estivesse aqui no meu lugar e eu no seu, pois teríamos uma conversa totalmente diferente. Acho que existiria uma evolução", continua Lars, explicando o que teria acontecido se Cliff ainda estivesse na banda. "E, claro, a banda é formada pela soma de suas partes. Então se ele ainda estivesse conosco estes discos teriam algo de diferente. Mas é a mesma coisa que se perguntar como soaria o nosso álbum mais recente, 'Hardwired...' se Jason Newsted estivesse conosco, entende o que quero dizer? Não sou o cara que vai te dar uma resposta definitiva".
Ao final, Lars ainda conta que nunca teve medo que o Metallica encerrasse suas atividades após a morte de Cliff pois a banda nunca lidou com a tragédia pensando nisto como uma saída. "Nossas conversas eram no sentido de 'o quão rápido poderemos nos recompor?'. E percebemos que quanto mais rápido voltássemos à ativa, melhor conseguiríamos lidar com aquilo. E meio que sob a benção de Cliff que teria desejado assim. Sim, eu acho que Cliff iria querer que fizéssemos assim. Talvez tenhamos até discutido um pouco além da conta sobre o assunto na época, mas quando se têm 22 anos você não está preparado para lidar com uma merda destas". Em outubro de 2006, James Hetfield disse ao jornal sueco Dagens Nyheter que Cliff ainda estava presente quando eles escreviam as músicas do então novo álbum ("Death Magnetic", que seria lançado em setembro de 2008): "Nós conversamos sobre o que Cliff pensaria e o que ele acrescentaria. E agora, especialmente com nosso novo baixista Rob (Trujillo) tocando tão energeticamente e com os dedos assim como Cliff, eu tenho um pressentimento de que ele gosta do que estamos fazendo."

Stone Sour: veja show completo da banda na Rússia
12/11/2017

No vídeo a seguir, o show completo do Stone Sour no dia 10 de novembro em Moscou, na Rússia: https://www.youtube.com/watch?v=kFka0lRlMfI. A banda tocou as seguintes músicas no show: Taipei Person / Allah Tea; Knievel Has Landed; Made of Scars; Reborn; Say You'll Haunt Me; 30/30-150; Hesitate; Tired; Rose Red Violent Blue (This Song Is Dumb & So Am I); Do Me a Favor; Cold Reader; Get Inside; Song #3; Through Glass.
Encore: Gone Sovereign; Absolute Zero e Fabuless.

Noel Gallagher: "Foo Fighters, Green Day e QOTSA fazem músicas chatas"
12/11/2017

Noel Gallagher, ex-integrante do Oasis e atualmente em carreira solo, fez críticas ao trabalho de bandas como Foo Fighters, Green Day e Queens Of The Stone Age. Os comentários foram feitos em um trecho de uma entrevista presente no canal Sound Bites no YouTube. "Acho que é fácil demais que caras com guitarras peguem seus instrumentos e cantem sobre o que está no noticiário. Não sei qual o propósito. Acho que, atualmente, escrever músicas repletas de alegria e esperança é algo quase revolucionário", disse Noel. Depois do comentário geral, Gallagher foi mais específico em sua crítica. "A música guiada por guitarra tornou-se sobre gritos, como Dave Grohl, o que ele está fazendo? Green Day... o cara do Queens Of The Stone Age, sobre o que estão gritando? Eles estão gritando sobre a p*rra das notícias. Quem quer cantar sobre notícias?", afirmou.
Noel, então, concluiu que as músicas feitas por essas bandas são chatas porque o noticiário também é dotado dessa mesma característica. "Donald Trump é f*dido de chato. A política é chata. Aquele cara gordinho da Coreia do Norte parece engraçado, mas ele é f*dido de chato. Por que você gostaria de fazer músicas sobre isso? Penso que compor sobre alegria e esperança é muito revolucionário", disse. Confira, a seguir, o trecho da entrevista na íntegra (em inglês e sem legendas):https://www.youtube.com/watch?v=pL7b2LXTyBI.

Marilyn Manson: "Linkin Park soava como Backstreet Boys com Korn"
12/11/2017

O vocalista Marilyn Manson expressou sua opinião sobre suicídio e sobre as bandas dos dois rockstars que tiraram suas próprias vidas recentemente, Chris Cornell (Soundgarden) e Chester Bennington (Linkin Park). Os comentários foram feitos em entrevista ao The Sun. Inicialmente, o cantor foi questionado sobre sua opinião a respeito do Soundgarden e do Linkin Park, pois, segundo o The Sun, "a morte é um tema persistente" no "quarto sombrio" do vocalista. Embora seja fã da banda de Chris Cornell, Manson nunca gostou muito do som praticado pelo grupo de Chester Bennington. "Cresci ouvindo Soundgarden, mas sempre achei que o Linkin Park soava como Backstreet Boys misturado com Korn. Não era para mim", disse.
Aparentemente, percepção de Marilyn sobre o Linkin Park acabou mudando com o tempo. "Depois, fiz alguns shows com eles, saí com todos eles. Acho que os levei ao primeiro bar de strip tease das vidas deles, mas não tenho certeza disso", afirmou. Com relação ao suicídio, Marilyn Manson comentou: "Sempre reprovei a ideia do suicídio. Não quero ser depreciativo, mas acho que isso afeta muitas outras pessoas. Não estou falando isso sobre Cornell ou Bennington, apenas deixando claro. Nunca tentei me matar, porque eu seria ótimo nisso. Até coloquei em meu testamento que quando eu morrer, o que provavelmente nunca acontecerá, quero que meu funeral esteja repleto de dinamite para que se exploda e todos os presentes morram".

Metallica pode usar hologramas no futuro? Lars Ulrich responde
12/11/2017

Tudo começou quando, em 2012, Snoop Dogg se apresentou no Coachella junto com um holograma de Tupac Shakur, e em seguida o Cirque Du Soleil mostrou uma versão holográfica de Michael Jackson. E recentemente foi anunciada a turnê mundial de um holograma de Ronnie James Dio ao lado de músicos de carne e osso que passaram pela sua banda de apoio.

E Lars Ulrich, baterista do Metallica, falou sobre a possibilidade de um dia a banda usar este recurso durante entrevista para a rádio 92Y de Nova Iorque, realizada no dia 5 de novembro de 2017.
"Por mais idiota que possa parecer, e pode parecer meio bobo eu exagerar, o que é um concerto? O que é música? O que é um espetáculo? Pra mim se trata de algo para conectar as pessoas, e é sobre compartilhar uma experiência juntos. E o que tentamos fazer quando saímos em turnê é romper as barreiras entre a plateia e a banda. É basicamente acabar com qualquer divisão que exista entre o público e o artista. E então eu fiquei pensando 'Quem sabe um dia'. Se o objetivo principal é juntar as pessoas para compartilhar uma experiência, por qual motivo precisam do Lars Ulrich, do James Hetfield, do Kirk Hammett ou do Robert Trujillo ali? Se você tem a música, o equipamento, as luzes, o vídeo, com o tempo vai exister uma versão ali onde os técnicos conseguirão fazer com que a inteligência artificial toque tudo que for preciso".
Depois, ao ser perguntado se gostaria de ser um holograma daqui a cem anos, Lars responde: "Não sei sobre os outros caras, mas pra mim quando acabar, acabou. Se houver um jeito de fazer que seja uma coisa legal e não apenas pra faturar uma grana... pois no fim das contas - e estou sendo sério sobre isto - quanto mais penso nesta coisa de música e Metallica... as pessoas perguntam: 'Como é estar no Metallica?' Mas é tipo, todos fazemos parte do Metallica. O Metallica é algo que existe no ar. Lars Ulrich não é dono do Metallica. James Hetfield não é dono do Metallica. O Metallica não é dono de si mesmo - o Metallica é algo que todos compartilhamos, que todos usamos para nos conectar. Acredito que a necessidade humana básica é se conectar com outras pessoas - nos esforçamos para isto de todo jeito possível. Então se houver uma maneira disto acontecer daqui a cem anos e eu for um holograma, pra mim está tudo bem."

Slipknot: Sid Wilson entrou na banda porque socou o palhaço
12/11/2017

DJ Sid Wilson contou ao Brass Knuckles como ele foi chamado para se juntar ao Slipknot, explicando que foi graças ao percussionista M. Shawn "Clown", veja como foi: "Clown me dizia 'Somos loucos, usamos máscaras!', e eu na minha, 'Ok, entendi'. Ele repetia sem parar, 'Acho que você não entendeu'. E eu mandava de volta 'Não cara, você quem não entendeu, eu sou o louco, maluco'", conta Sid. "Daí fui ver o Slipknot pela primeira vez, que aconteceu de ser também a primeira vez que o Ross Robinson veria a banda. O cara produziu Korn and Limp Bizkit e Sepultura, mas eu não sabia quem ele era, nunca tinha visto o sujeito. Eles não me disseram nada, então eu nem fazia ideia do que estava rolando".
Ele continua: "Quando eles tocavam 'Tattered and Torn', Clown descia do palco e ia interagir com os fãs, mas era tipo uma coisa bem punk, agressiva, os caras batiam nele e ele enrolava um cabo de microfone nos caras e os arrastava pelo chão. Então ele decidiu descer logo depois de mim. Eu fui até ele andando nos ombros dos fãs. Ele estava na frente dos monitores e eu o agarrei e comecei a dar cabeçadas nele o mais forte que eu conseguia. Dei seis cabeçadas nele - coincidentemente era o número dele na banda. Ele me puxou, me empurrou e voltou pro palco, indo rastejando até a bateria enquanto eu tentava acertá-lo e ele dizia 'Este cara está tentando me matar!'. E ele virou pro Joey (Jordison) e falou 'Não importa o que digam, esse cara está na banda!'", finaliza. Confira: https://www.youtube.com/watch?v=maQnPcXzg5Q.

Satyricon: baterista fala sobre novo álbum da banda
12/11/2017

Em uma recente entrevista conduzida pela HeavyMetal.dk, o baterista do Satyricon, Frost, falou um pouco sobre o novo álbum da banda: "O que eu ouvi de amigos, colegas, e jornalistas que ouviram o álbum, e a julgar pela resposta que recebemos da audiência todas as noites que estamos tocando, parece ser que as pessoas estão gostando muito dele. Nós e os nossos fãs compartilhamos de um entendimento comum sobre o tipo de álbum que produzimos", continuou ele. "Eles parecem apreciar a atmosfera e a diversidade de espírito do álbum. E também o fato de ser musicalmente muito elétrico e tem muitas novas performances ao vivo, o que dá muita alma e identidade a diferentes músicas. Existe essa conexão imediata entre a banda e a multidão e isso provavelmente diz muito mais do que as pessoas compartilhando opiniões na Internet." O novo disco da banda, "Deep Calleth Upon Deep", foi lançado dia 22 de setembro via Napalm Records, e foi gravado na Noruega e Canadá durante o ano de 2017.

Guns N' Roses: Billy Gibbons sobe ao palco com a banda
11/11/2017

Durante apresentação do Guns N' Roses no Toyota Center em Houston, Billy Gibbons, do ZZ Top, subiu ao palco para uma participação especial em "Patience", a mesma música que contou com a presença de Pink! no Madison Square Garden no mês passado, confira: https://www.youtube.com/watch?v=nIq_YKOmYSo. Não é a primeira vez que acontece a parceria. Em 2013, o ZZ Top estava abrindo o show do GNR em Brisbane, na Austrália, e Billy participou da releitura de "Knockin' on Heaven's Door" do Bob Dylan. Veja o vídeo da participação de Pink! em "Patience", durante o show no Madison Squarte Garden no dia 11 de outubro de 2017: https://www.youtube.com/watch?v=t8sgy0faXyg.

Billy Corgan: "sei de coisas sobre a morte de Kurt que poucos sabem"
11/11/2017

O frontman do SMASHING PUMPKINS, Billy Corgan, foi recentemente entrevistado pelo jornalista Joe Rogan. Segue somente alguns trechos onde Corgan fala sobre a morte de Kurt Cobain, eterno frontman do NIRVANA. O jornalista disse que Cobain morreu de uma maneira estranhamente conspiradora. Ele perguntou a Corgan: "Você já assistiu aquela porra de documentário onde alega que Kurt Cobain foi assassinado, ‘Soaked in Bleach?’"
Corgan respondeu: "Não... Muitas pessoas não sabem, mas eu estava meio que por dentro de muitas coisas na época das quais realmente nunca falei em público e se for para assistir a esse documentário, irá me trazer recordações que não quero me lembrar. Eu sei que muitas das coisas que estão nesse filme não se baseiam na verdade, porque fiquei muito tempo por perto dessa história e ninguém nunca veio falar comigo a respeito. Uma vez, as pessoas tentaram me intrigar em uma entrevista num site de ‘perguntas e respostas’, como se de repente eu fosse falar algo sobre isso".
O jornalista continuou: "Esse documentário foi tão estranho... Como alguém se interessa por isso como se fosse um divertimento? Este filme deveria ser ilegal, especialmente quando você está afirmando que se trata de assassinato e que não foi um suicídio. Se você está pelo menos expondo uma ideia ao público de um possível assassinato, tudo bem, mas a maneira como foi moldado com discursos inventados, sendo que você não sabe se tais palavras foram realmente ditas... Sabe, é uma ficção completa".
Corgan finalizou: "Eu estava sempre por perto antes, durante e certamente muito tempo depois do ocorrido, e sei de muitas coisas que não são de domínio público, então, eu caminho somente com o que eu sei".
Lembrando que antes de Courtney Love se casar com Kurt, ela foi namorada de Corgan e rolam boatos que ela traiu Kurt com Billy pouco antes do seu falecimento. Assim como no dia em que a mídia divulgou a sua morte, Love estava com um "inimigo de Kurt" no quarto de casa, segundo informação concedida pela baterista do HOLE em recente entrevista. Em meados dos anos 2000, Corgan e Love voltaram a se encontrar para compor algumas músicas juntos...

Como Bruce Dickinson define o Heavy Metal?
11/11/2017

Durante participação no "Charlie Rose" da PBS, perguntaram para Bruce Dickinson qual seria a sua definição de Heavy Metal, e eis o que respondeu o vocalista do Iron Maiden: "Não tenho nenhuma, desisti, não há sentido sequer tentar definir. Outras pessoas conseguem melhor que eu. Pois quando comecei a ouvir música era algo que não existia, na verdade foi um termo criado por um jornalista, e acho que veio de uma obra do William Burroughs, mas isto é apenas um pequeno detalhe.

O Metal surgiu de uma coisa que era chamada de Heavy Rock, que era simplesmente uma derivação do Blues Rock - coisas como Led Zeppelin, Deep Purple, Free, todas aquelas bandas. Elas não eram bandas de Heavy Metal, mas meio que orbitavam a coisa, e então o mundo se tornou polarizado, tudo se dividiu em nichos, e isto graças à mídia. Daí as gravadoras perceberam que poderiam catalogar tudo e assim foi. Mas conseguimos sobreviver, e não apenas isto mas também prosperar, de certa forma, por fora disto tudo. Mas as pessoas nos chamam de Heavy Metal e dizemos, okay, tudo bem, aqui estamos". Confira: https://www.youtube.com/watch?v=CrKjLBCteh4.

The Dark Element: projeto de Annete Olzon divulga novo videoclipe
11/11/2017

O projeto THE DARK ELEMENT, que conta com a ex-vocalista do NIGHTWISH Anette Olzon e o guitarrista finlandês Jani Liimatainen (ex-SONATA ARCTICA), lançou ontem (10/11) seu auto-intitulado álbum de estreia, via Frontiers Music Srl. Confira a seguir o vídeo oficial de "The Ghost And The Reaper": https://www.youtube.com/watch?v=SZsuGtv3-co. Tracklist de "The Dark Element": 01. The Dark Element; 02. My Sweet Mystery; 03. Last Good Day; 04. Here's To You; 05. Someone You Used To Know; 06. Dead To Me; 07. Halo; 08. I Cannot Raise The Dead; 09. The Ghost And The Reaper; 10. Heaven Of Your Heart e 11. Only One Who Knows Me.
O projeto é formado por: Anette Olzon - Vocais; Jani Liimatainen - Guitarras, teclados, programação; Jonas Kuhlberg - Baixo e Jani "Hurtsi" Hurula - Bateria.

The Dead Daisies: Deen Castronovo é o novo baterista
11/11/2017

Estamos animados em anunciar que o DEEN CASTRONOVO está se juntando ao The Dead Daisies. Ele já está em Nashville conosco para a gravação do novo álbum. Gostaríamos de agradecer ao BRIAN TICHY, que decidiu seguir novos projetos em 2018. Desejamos à ele tudo de melhor. Mal podemos esperar para vocês ouvirem o novo álbum, que será matador!!! The Dead Daisies.

Linkin Park: Mike Shinoda compartilha memórias de Chester
11/11/2017

De acordo com a The Pulse Of Radio, o vocalista do Linkin Park, Mike Shinoda, compartilhou mais lembranças do cantor Chester Bennington em uma entrevista com a Kerrang!, chegando a comparar Bennington com Freddie Mercury, James Hetfield e Dave Gahan.
Shinoda explica: "Ele foi inspirado por uma grande variedade de cantores em diferentes pontos de sua vida, pessoas como Dave Gahan, James Hetfield e Freddie Mercury. Eu, ocasionalmente, lembrava que ele estava nessa categoria de cantores, mas ele nunca concordou comigo. Ele nunca reconheceu que ele estava, mas nos últimos meses, dezenas de artistas chegaram a público e em particular para nos informar o quanto Chester inspirou suas bandas. Estamos muito agradecidos ". Shinoda acrescentou que Bennington era humilde sobre seu próprio talento, dizendo: "Era engraçado, porque ele era o tipo de cara que, quando você elogiava sua voz, especialmente no começo, ele desviava o olhar. Ele negava, ou ele fazia um comentário auto-depreciativo ".

Project46 lança novo álbum “TR3S” em todas as plataformas de streaming
11/11/2017

​A banda Project46 orgulhosamente lança seu novo álbum de estúdio intitulado “TR3S” em todas as plataformas de streaming como Deezer, Spotify, iTunes, Google Play, entre outras. O disco foi produzido por Adair Daufembach em seu estúdio em Los Angeles e reconstrói uma sonoridade forte e motivadora na maioria das canções.  O trabalho conta com 10 faixas inéditas e contempla o fã com uma musicalidade versátil e toda a essência do Project46. Escute o álbum “TR3S” no Spotify: https://open.spotify.com/album/1Y4XNoZS7f2mYHnptFXrns.
Tracklist do álbum “TR3S”: Terra de Ninguém; Corre; Pânico; Rédeas; Realidade Urbana; Marginal; Pode Pá; Anônimo; Um Passo à Frente e Tr3s. Assista o videoclipe de “Pânico”: https://youtu.be/XGqP7STrc4A. O show de lançamento do novo álbum “TR3S” será realizado em São Paulo, dentro do “46FEST III” no dia 3 de dezembro, no Tropical Butantã. Os ingressos estão à venda no site da Ticket Brasil e na loja 255 sem taxa de conveniência - https://goo.gl/LyAoP3. Links Relacionados: http://www.project46.com.br; https://www.facebook.com/Project46 e http://instagram.com/project46_oficial​. Fonte: DAMARIS HOFFMAN - Hoffman & O'Brian - marketing artístico/entretenimento - www.hoffmanobrian.com.br.

Alice Cooper: morre o baterista Pentti "Whitey" Glan
11/11/2017

Pentti "Whitey" Glan, baterista que tocou com Alice Cooper no álbum e na turnê do "Welcome To My Nightmare", lançado por Alice Cooper em 1975, faleceu aos 71 anos de idade. Ele lutava contra um câncer de pulmão. Pentti passou por bandas como Mandala, Bush (homônima daquela britânica indie famosa), Klaatu e a banda de apoio de Lou Reed, antes de seguir pra tocar com Alice Cooper, que comentou a morte do amigo com uma postagem no facebook oficial:

“Descanse em paz, Whitey! Escolhi Whitey Alan como baterista para a turnê do 'Welcome To My Nightmare' pois ele era simplesmente o melhor baterista que havia, e eu até então não sabia, mas ele era capaz de me vencer na bebida! Ele era uma ótima pessoa, todos que o conheciam o consideravam seu melhor amigo. Ele foi um dos bateristas top do Rock, mas na minha opinião ele foi muito subestimado e recebeu pouca atenção da mídia - ele era, com certeza, um mestre das baterias. O Canadá perdeu um grande músico".

Ponto.CE: Accept e Korzus explicam em vídeo o problema no aeroporto
11/11/2017

Os alemães do Accept e os brasileiros do Korzus, não conseguiram embarcar para Fortaleza onde se apresentariam no Festival Ponto.CE, nesta sexta-feira (10), resultando no cancelamento dos shows. As duas bandas gravaram vídeos com mensagens aos fãs, explicando o que aconteceu. Confira: https://www.instagram.com/p/BbVNx6HF2oM/ e https://www.instagram.com/p/BbVJghIldBA/. Uma nota oficial foi divulgada pelo Festival Ponto.CE.
“O Festival Ponto.CE, marcado para o dia 10 de novembro de 2017 na Barraca Biruta, em respeito ao seu público e de acordo com o Código de Defesa do Consumidor, vem informar o seguinte ocorrido: As bandas Accept e Korzus viajariam juntas de São Paulo para Fortaleza no voo nº 6390 da empresa aérea Avianca, com saída para às 11h e chegada às 13h50min, tempo mais do que suficiente para o perfeito andamento do evento. Já dentro da aeronave, a Avianca informou “problemas técnicos” e que o voo havia sido cancelado. Após muito custo, confusão e tentativas alternativas de resolução do problema de transporte das bandas Accept e Korzus, foi disponibilizado o voo 6370 da Avianca, com saída às 19h40min de São Paulo e chegada às 22h15min em Fortaleza. Ocorre que esse voo encontra-se atrasado mais de 3 horas, o que inviabilizou totalmente a ocorrência do evento.
O Festival Ponto.CE informa que o público não será prejudicado e será designada data, em até 20 dias, para informar o procedimento de devolução dos ingressos. Informa ainda que o Festival foi apenas adiado, que será realizado em data posterior, apenas dependendo de nova disponibilidade das agendas das bandas. Em caso de dúvida e mais informações, foi criado o e-mail devolucao.accept@gmail.com, canal exclusivo de comunicação com os consumidores. O Festival Ponto.CE lamenta profundamente o ocorrido e pede desculpas ao seu público, visto que o adiamento do evento ocorreu por caso de força maior”.

Metallica: Geddy Lee poderia ter produzido o "Master of Puppets"
11/11/2017

Durante conversa com a Rolling Stone, Lars Ulrich e Kirk Hammett falaram sobre a edição deluxe do "Master Of Puppets", que está prestes a sair nos próximos dias, e dentre outras coisas, confessaram que eles tinham muito receio sobre a possibilidade de algum produtor estragar o resultado final. “Éramos muito protetores daquilo que havíamos feito no disco e temíamos que alguém estragassem tudo, não mostramos nada para a gravadora ou os empresários", conta Lars Ulrich. "E eu digo isto com o maior respeito, mas não considerávamos Flemming (Rasmussen) como um produtor no sentido real da coisa. Ele era mais tipo um engenheiro (de som) que estava ali para gravar e fazer o melhor possível com aquilo. Na nossa cabeça na época, um produtor era alguém que ferrava com tudo que você fazia e tentava transformar em algo para tocar nas rádios ou coisas assim. Então nada de produtores. Tanto que se você ouvir as demos vai perceber que não houve muitas mudanças no que foi efetivamente gravado em estúdio".
Daí o entrevistador comenta sobre a história que Geddy Lee, do Rush, teria sido um dos possíveis produtores que eles contactaram antes de fechar com Flemming, e Lars, surpreso, explica que Geddy pode ter sido uma das poucas pessoas com quem eles conversaram sobre o assunto. O próprio Geddy contou que houve sim um contato com eles, durante entrevista com a Noisey: "Houve uma conversa com o baterista Lars Ulrich na época no sentido de eu trabalhar com eles. Foi antes do 'Master of Puppets', acho. Conversamos sobre o assunto. Eu era amigo do empresário deles e encontrei Lars na Inglaterra. Fui assistir a banda quanto tocaram em Toronto, ainda na época do Cliff Burton, antes da tragédia. Então conversamos sobre a ideia pois eu gostava muito da banda. Mas nunca aconteceu".

Destruction: liberado video clip do novo disco
11/11/2017

A Nuclear Blast Records publicou dia 10/11 no seu canal no Youtube o video clip de "United By Hatred", quinta faixa do novo álbum "Thrash Anthems II" do grande DESTRUCTION, confira: https://www.youtube.com/watch?v=o0az1Rsx4V8. "Thrash Anthems II" é a continuação do predecessor álbum lançado em 2007. O lançamento está marcado para 11/11 e irá apresentar 11 novas versões de antigos clássicos da banda além de 1 cover (DEAD KENNEDYS). A arte de capa ficou por conta de Gyula Havancsak (ACCEPT, ANNIHILATOR, GRAVE DIGGER, e TANKARD).
O baixista/vocalista Schmier declarou: "Como é parte do nosso passado relançar músicas clássicas de nossa história com um ar fresco e tínhamos muitas demandas para uma continuação de Thrash Anthems, decidimos fazer uma segunda parte dessa re-animação do material clássico da DESTRUCTION dos anos 80. Para nós, era importante escolher as faixas com os fãs e, primeiro, quando a Nuclear Blast não queria fazer o álbum, decidimos fazer uma campanha para levantar o fundo para a produção, juntamente com os fãs.
Para resumir uma longa história, sabemos que nem todos irão gostar destas novas versões daqueles Thrash (apenas escutem os originais então), mas foi uma tarefa importante para nós mantê-los vivos para uma nova geração de metalheads que amam essas novas e brutais gravações. Estamos muito felizes agora, que nossa gravadora está finalmente liberando essa coleção de clássicos thrash. A vibração neste disco é tão viciosa, não comercial e tem esse sentimento dos anos 80 com uma vantagem, ainda mais agressiva, e aquilo fez o nosso thrash tão especial, nos bons velhos tempos e agora"

Metallica: reveja performance completa em São Francisco
11/11/2017

Caso não tenha assistido online, reveja abaixo a transmissão do show que o Metallica realizou nesta quinta-feira, 9 de Novembro, em São Francisco, CA, como parte do evento beneficente Band Together. Confira: https://www.youtube.com/watch?v=NlbNjQPzPPc. O show contou com o seguinte setlist: Hardwired; For Whom the Bell Tolls; Fade to Black; The Memory Remains; The Unforgiven; Wherever I May Roam; Sad but True; One; Master of Puppets; Nothing Else Matters e Enter Sandman.

Morre, aos 57 anos, Chuck Mosley, o primeiro vocalista do Faith No More
11/11/2017

O vocalista original do Faith No More, Chuck Mosley, morreu ontem, 9 de novembro, aos 57 anos de idade. Leia abaixo a nota da família. “Depois de um longo período de sobriedade, Charles Henry Mosley III perdeu sua vida, em 9 de novembro de 2017, devido à doença do vício. Estamos compartilhando a forma como ele morreu, com esperança de que isso sirva como um aviso ou sinal para qualquer um que esteja com dificuldades em decidir por lutar pela sobriedade. Ele deixou seu parceiro de longa data Pip Logan, duas filhas, Erika e Sophie e seu neto Wolfgang Logan Mosley. A família aceitará doações para as despesas com o funeral. Detalhes serão divulgados.” Confira: https://www.youtube.com/watch?v=LQhX8PbNUWI.

Dark Funeral: baterista Dominator está fora da banda
11/11/2017

O DARK FUNERAL comunicou que seu baterista Dominator está fora da banda - ao menos, temporariamente. Confira na integra o anúncio: “Lamentavelmente, nós temos que informar que tivemos de concordar em dar um tempo para Nils ‘Dominator’ Fjellström lidar com seus problemas pessoais. Obviamente, nós o desejamos o melhor! Já que a vida segue, DARK FUNERAL continuará. Nós contratamos um excelente baterista que vai se encaixar na posição de Nils‘s até que tenhamos mais notícias do mesmo. ‘Jalomaah‘ fará sua estréia ao vivo conosco nessa sexta-feira de hoje, dia 10 de Novembro, no Aalborg Metal Festival na Dinamarca. Todos os show programados manterão suas datas como planejado! Fiquem atentos por mais notícias! 2018 será um épico ano por termos duas comemorações a fazer: nosso clássico álbum "Vobiscum Satanas" fará 20 anos de lançamento e o DARK FUNERAL celebrará 25 anos de banda.
Mais noticias a seguir - estejam atentos!” A banda segue divulgando seu último disco "Where Shadows Forever Reign" de 2016. O último show da banda marcado para 2017 será dia 02 de dezembro no "Into Darkness Festival" na Holanda.

Download Festival: A7X, Ozzy e Guns serão headliners da edição 2018
11/11/2017

O Download Festival, considerado um dos principais festivais de rock/metal do mundo, anunciou essa semana os três headliners da edição 2018. São eles: Avenged Sevenfold, Guns N' Roses e Ozzy Osbourne. Os três fecharão respectivamente os dias 8/6, 9/6 e 10/6. Em breve o festival divulgará o line-up completo.

The Darkness: Ed Sheeran quer levar Taylor Swift a show da banda
11/11/2017

O cantor Ed Sheeran quer levar a amiga Taylor Swift para um show do The Darkness. A informação foi revelada pelo próprio Sheeran, em entrevista à rádio Capital FM. Taylor foi convidada por Ed para a apresentação da banda britânica no no The Eventim Apollo em Hammersmith, Londres, no dia 10 de dezembro - mesmo dia em que a dupla de cantores pop se apresenta em um evento da Capital FM. Sheeran acredita que seja bem provável que Swift goste da banda. "Estou tentando convencê-la de assistir ao The Darkness, eles vão tocar no Hammersmith no mesmo dia e estou tentando levá-la", contou Ed. "Acho que ela realmente gostaria do The Darkness."
Atualmente, o The Darkness promove seu quinto disco de estúdio, "Pinewood Smile", lançado em outubro deste ano. Já Taylor Swift lançou "Reputation" nesta sexta-feira (10) e uma das faixas, intitulada "End Game", tem participação de Ed Sheeran.

One Thousand Dead: Confira a nova data do “Iapussu Rock Fest” 2017
10/11/2017

Por forças maiores, um dos principais festivais de Metal do país, Ipaussu Rock Fest” teve sua data alterada, o que seria realizado nos dias 11 e 12 de novembro, agora será entre os dias 02 e 03 de dezembro na cidade de Ipaussu/SP. Uma das atrações do VI Ipaussu Rock Fest será a banda One Thousand Dead, da cidade paulista de Agudos. Uma das principais forças da cena Thrash Metal do interior paulista, o quarteto formado por Bruno Rondina (vocais), Vagner Pereira (guitarras), Ricardo Quintanilha (contrabaixo) e Robson Pereira (bateria) estará no festival apresentando as músicas de seu EP de estreia, Infernizando, além de novas composições que estarão presentes no primeiro full-length da banda. Para os dois dias de festival, estão escaladas as seguintes bandas:
Sábado, 02 de dezembro: John Wayne, Vandroya, Madame V8, Cavera Trincada, Ozz (Ozzy Osbourne cover), Arkezia, Dark Mind (Cover Metallica), System of A Down (Tributo).
Domingo, 03 de dezembro: Nervosa, One Thousand Dead, Haaley Alves, Iron Heads, Dirty Jack (AC/DC cover), Pantera (Tirbuto), Chidren of the Beast (Cover Iron Maiden).
O VI Ipaussu Rock Fest será realizado às margens do lago municipal da cidade e a entrada será 1 Kg de alimento não perecível. Além das atrações musicais, haverá praça de alimentação, áreas específicas para camping, para motoclubes e para encontro de carros antigos. Fora isso tudo, estará presente no evento Jason Predador, para aterrorizar todos os presentes no Festival. ACOMPANHE O ONE THOUSAND DEAD Facebook: https://www.facebook.com/1000deads/.
Roadie Metal Press: https://roadie-metal.com/press/one-thousand-dead/.

Apresentado por Cartão ELO Ozzy Osbourne celebra cinco décadas de carreira com turnê global de despedida que irá durar até 2020 e vem ao Brasil para suas últimas apresentações
10/11/2017

Os shows são apresentados por Cartão Elo e seus clientes contarão com pré-venda exclusiva entre os dias 25 e 27 de novembro e poderão parcelar os ingressos em até 5x durante a pré-venda e em até 3x durante a venda para o público geral. Cinco décadas. 18.262 dias. Mais de 2.500 shows. Em sua turnê mundial, que será de despedida, OZZY OSBOURNE - Cantor e compositor membro do Rock & Roll Hall of Fame e vencedor do Grammy® - festejará mais de cinco décadas como artista (solo e vocalista do Black Sabbath, formado em 1968). Esta turnê, que irá levar OZZY pelo mundo todo, com datas até 2020, marcará o fim de turnês mundiais para o artista lendário, embora ele continue realizando shows em lugares pontuais.

“As pessoas ficam me perguntando quando eu vou me aposentar”, disse OZZY. “Essa será minha última turnê mundial, mas eu não posso dizer que não farei alguns shows aqui ou ali”. A turnê começará em 2018, com um show no México e depois partirá para a América do Sul, onde OZZY se apresentará em três países.
Clientes cartão Elo contarão com pré-venda exclusiva entre os dias 25 e 27 de novembro, começando às 10h do dia 25 pela internet (http://www.ticketsforfun.com.br/), e 12h na bilheteria oficial (sem taxa de conveniência - Citibank Hall, em São Paulo; no Km de Vantagens Hall BH, em Belo Horizonte; e no Km de Vantangens Hall RJ, no Rio de Janeiro. As informações sobre a bilheteria de Curitiba serão divulgadas em breve) e nos pontos de venda espalhados pelo Brasil, terminando às 18h, do dia 27 de novembro. Para o público em geral, as vendas começam a partir das 00h01 do dia 28 de novembro pela internet e 10h na bilheteria oficial e pontos de venda espalhados pelo Brasil. Clientes cartão Elo poderão parcelar os ingressos em até 5x durante a pré-venda e em até 3x durante a venda para o público geral. Já os clientes de demais cartões podem parcelar em até 2x. Os shows são apresentados por Cartão Elo. O show é realizado pela TIME FOR FUN.
Em seguida, um pulo de seis semanas na Europa para apresentações solo e em festivais, que está programado para 01 de junho de 2018 em Moscou, na Rússia. O amado ícone do rock posteriormente abrirá uma turnê norte-americana produzida pela Live Nation, cujos detalhes serão revelados em 2018. Para essas datas, OZZY será acompanhado pelos colaboradores de longa data Zakk Wylde (Guitarra), Blasko (Baixo), Tommy Clufetos (Bateria) e Adam Wakeman (Teclados).
DATA PAÍS/CIDADE LOCAL
SÁB - 05/05 México A SER DEFINIDO
TER - 08/05 Santiago, Chile A SER DEFINIDO
SEX - 11/05 Buenos Aires, Argentina A SER DEFINIDO
DOM - 13/05 São Paulo, Brasil Allianz Parque
QUA - 16/05 Curitiba, Brasil Pedreira Paulo Leminski
SEX - 18/05 Belo Horizonte, Brasil Esplanada do Mineirão
DOM - 20/05 Rio de Janeiro, Brasil Apoteose
SEX - 01/06 Moscou, Rússia Olympiisky
DOM - 03/06 São Petersburgo, Rússia Ice Palace (Ledovi Dvorets)
QUA - 06/06 Finlândia A SER DEFINIDO
SEX - 08/06 Solvesborg, Suécia Sweden Rock Festival
DOM - 10/06 Donington, UK Download Festival
QUA - 13/06 Praga, República Checa Prague Rocks Airport Letnany
SEX - 15/06 Paris, França Download Festival
DOM - 17/06 Itália A SER DEFINIDO
QUA - 20/06 Halden, Noruega Tons of Rock Festival
SEX - 22/06 Copenhagen, Dinamarca Copenhell Festival
DOM - 24/06 Dessel, Bélgica Graspop Metal Meeting
TER - 26/06 Cracóvia, Polônia Impact Festival
QUI - 28/06 Oberhausen, Alemanha König-Pilsnet Arena
SEX - 30/06 Madrid, Espanha Download Festival
SEG - 02/07 Lisboa, Portugal Altice Arena

Circo de Fantoches: assista agora ao lyric vídeo da música “500 Anos”
10/11/2017

A banda CIRCO DE FANTOCHES confirmou o lançamento do seu primeiro lyric vídeo neste 09 de novembro de 2017. A música escolhida para o registro áudio visual chama-se “500 Anos”, extraída do seu debut álbum “Do Justo ao Ideal”. O lyric vídeo evidência uma relação do Brasil da época do seu descobrimento, com a realidade que nós brasileiros, vivenciamos hoje, de abusos, pobreza, destruição de sonhos e principalmente uma crítica às políticas de exceções. O material foi roteirizado e produzido por Ricardo Melo e com aproximadamente 3:40 de duração, “500 Anos” marcando uma nova fase da banda CIRCO DE FANTOCHES, sendo seu primeiro trabalho oficial lançado neste formato. Confira: https://www.youtube.com/watch?v=7vkLWudQBlg.
Track List: 01. 500 Anos; 02. O Circo Tá Pegando Fogo; 03. O Jogo; 04. Feridas Abertas; 05. Terra Nossa (Até o Amanhã); 06. Cinza; 07. Topo do Mundo; 08. Do Justo ao Novo Ideal; 09. Caminhos; 10. O Último Que Restou; 11. Eikasia (bonus track).
“Do Justo Ao Novo Ideal”, produzido por Thiago Bianchi (Noturnall, ex-Shaman), será lançado em novembro em todas as plataformas digitais e, em dezembro o formato físico será lançado no Brasil através da Alternative Music Records, com distribuição da Voice Music. CIRCO DE FANTOCHES é um grupo paulistano de Heavy Rock, formado em 2012, composto atualmente por Rodrigo Airom (vocalista), Jorge Fernando e Renato Godinho (guitarristas), Maurílio Vizin (baixista) e Vinícius Pontes (baterista), tendo como seu diferencial um som pesado e ao mesmo tempo melódico, com letras em português. Para mais informações sobre as atividades da banda CIRCO DE FANTOCHES e dos demais artistas da empresa, basta entrar em contato com a MS Metal Press através do e-mail contato@msmetalagencybrasil.com.

Silver Mammoth: vocalista convoca fãs para show no Wild Horse em São Paulo
10/11/2017

O vocalista da banda paulista SILVER MAMMOTH, Marcelo Izzo, disponibilizou um vídeo convocando os seus fãs e amigos para mais um importante show, em suporte ao seu novo trabalho, intitulado “Silver Mammoth Singles”, neste final de semana, dia 12 de novembro (domingo), em São Paulo capital. O evento acontecerá no Wild Horse Music Bar, às 19h00, e contará com um set list especial, englobando as principais canções de sua discografia. Confira: https://www.youtube.com/watch?v=g7jKQN6g_uY.
Para adquirir ingressos antecipados, com desconto e concorrer a prêmios, basta acessar a loja online do grupo, através do link ao lado: http://www.silvermammothband.com. Para mais informações sobre o referido evento, basta entrar em contato com a assessoria do grupo através do e-mail contato@msmetalagencybrasil.com.  Em paralelo, o SILVER MAMMOTH confirmou que continua com a sua agenda de shows aberta, em suporte ao lançamento do seu novo trabalho, “Silver Mammoth Singles”. Para mais informações sobre como contratar o grupo, para shows no Brasil e exterior, basta entrar em contato através do e-mail contato@msmetalagencybrasil.com. Para mais informações sobre as atividades da banda SILVER MAMMOTH e dos demais artistas da empresa, basta entrar em contato com a MS Metal Press através do e-mail contato@msmetalagencybrasil.com.

Siriun dividindo o palco com o Obituary na próxima semana
10/11/2017

Aproveitando o bom momento de sua carreira, o SIRIUN tocará junto com a lendária banda americana Obituary no dia 17 de novembro, sexta-feira, ainda com o Gutted Souls no line-up. Prestes a relançar seu primeiro trabalho, “In Chaos We Trust”, com remasterização de Alan Douches (The Black Dahila Murder, Revocation, Cannibal Corpse) e com novo conceito gráfico, criado por Niklas Sundin (Dark Tranquility), que já havia trabalhado com o grupo no vídeo da música “Transmutation”, Alexandre Castellan (guitarra/vocal), Elvis Damigo (guitarra), Ricardo Amorim (baixo) e Braulio Drumond (bateria) colhem os frutos de tanto trabalho com muita dedicação e paixão pelo Death Metal. Assista ao vídeo de “Intent”: https://www.youtube.com/watch?v=XbjY107dJP0.
As três bandas tocarão na tradicional casa de shows carioca Teatro Odisseia, localizada na Av. Mem de Sá, 66, na Lapa, com início previsto para as 19h. O Obituary vem ao Brasil para promover seu novo e aclamado álbum autointitulado, enquanto o Gutted Souls, também carioca, divulga o debut “The Illusion of Freedom”, lançado em agosto. Mais informações sobre o evento: https://www.facebook.com/events/373817156365503. O SIRIUN também anuncia que está entre as 10 bandas finalistas para tocar no 46Fest, festival criado pela banda Project46 para o lançamento de seu novo álbum, “TR3S”. Para escolher a banda que tocará no evento, foi criada uma enquete pela página do Facebook Bandas Independentes. Acesse o link para votar no SIRIUN: https://goo.gl/knSy4e. Contatos: Site oficial: www.siriunband.com; Facebook: www.facebook.com/siriunband e Twitter: www.twitter.com/siriunband.

Fusileer: Primeira parte do Balada Infernal acontece neste fim de semana em Pato Branco/PR, confira!
10/11/2017

Com uma “confirmação relâmpago”, os ‘thrashers’ do FUSILEER viajam para o sudoeste paranaense para uma apresentação neste fim de de semana. Trata-se do, já conhecido, Balada Infernal, que acontece na cidade de Pato Branco/PR, no próximo dia 11/11. Estarão presentes também as bandas Sagrav, Dying Suffocation, Skull Throne, The Fallen e Vomitfication. Link do evento no Facebook para mais informações: https://www.facebook.com/events/173900579816369/. Ingressos online: http://baladainfernal.online/. O festival acontecerá em duas partes, e a segunda já tem data confirmada - dia 16/12, acompanhe a página da organização no Facebook para saber mais: https://www.facebook.com/baladainfernal/. Como já noticiado, o FUSILEER segue com sua agenda de shows aberta para este final de 2017. Produtores interessados em levar a banda para seu evento escreva para contato@sanguefrioproducoes.com ou thrashfusileer@gmail.com e solicite mais informações. Contato para assessoria de imprensa: www.sanguefrioproducoes.com/contato. Sites relacionados: https://www.facebook.com/Fusileer/; http://fusileer.wixsite.com/fusileer e http://www.sanguefrioproducoes.com/artistas/Fusileer/42. Fonte: Sangue Frio Produções.

Guitarrista do Marillion vem ao Brasil para dois shows com setlist especial
10/11/2017

Steve Rothery, uma das personalidades mais importantes da história do rock progressivo mundial, confirmou recentemente duas apresentações especialíssimas da turnê “Ghosts & Garden Parties” no Brasil. Acompanhado de Dave Foster (guitarra), Leon Parr (bateria), Yatim Halimi (baixo), Riccardo Romano (teclado) e Gabriel Agudo (vocal), o famoso guitarrista desembarca em São Paulo (06/12 - Carioca Club) e Rio de Janeiro (07/12 - Teatro Rival) com a formidável The Steve Rothery Band. O imperdivel repertório será dividido em duas partes: um com material do belo disco solo “The Ghosts of Pripyat” (2014) e outro exclusivamente com músicas raramente tocadas ao vivo da “Era Fish”, do Marillion, como “Fugazi”, “Cinderella”, “Sugar Mice”, “Chelsea Monday”, “Incubus”, “Garden Party”, “Market Square Heroes”, “White Russians”, “Kayleigh”, “Lavender” e “Heart of Lothian”.

Os ingressos para ambas as performances continuam à venda pelo site Clube do Ingresso ( http://www.clubedoingresso.com/thesteverotheryband | http://www.clubedoingresso.com/thesteverotheryband-rj) e pontos autorizados pela empresa em São Paulo, Rio de Janeiro, Barueri, Carapicuíba, Curitiba, Jandira, Osasco, Santo André, São Caetano do Sul e São Jose do Rio Preto (www.clubedoingresso.com/ondecomprar). O guitarrista britânico Steve Rothery é mundialmente conhecido por integrar a banda de rock progressivo Marillion, desde sua formação original de 1979. Seu modo de tocar combina o feeling e a melodia com técnica refinada, que resulta em riffs e solos fortemente técnicos, emotivos e reflexivos. Suas principais influências vem de expoentes como Jeff Beck, David Gilmour, Andrew Latimer e Larry Carlton. Seus solos mais exaltados pelo público são os das músicas "Easter", "Sugar Mice", "This Strange Engine", "Lavender", "100 Nights", "Incubus", "Chelsea Monday", "Ocean Cloud", entre outros. Em 2001, Rothery foi eleito o melhor guitarrista da cidade de Yorkshire, o maior condado histórico da Inglaterra, em enquete desenvolvida pela revista inglesa Total Guitar. Steve Rothery também é integrante da banda de folk rock britânica The Wishing Tree. Links relacionados: http://www.steverothery.com; https://www.facebook.com/overloadbrasil e https://www.facebook.com/UltimateMusicPR. Fonte: Costábile Salzano Jr - THE ULTIMATE MUSIC - PR - https://www.facebook.com/UltimateMusicPR; http://twitter.com/ultimatemusicpr e https://www.facebook.com/costabile.salzano.

Pandemmy: Rayanna Torres é destaque em entrevista para o Arte Metal
10/11/2017

Já está disponível mais uma entrevista concedida pela banda pernambucana PANDEMMY, desta vez para o blog Arte Metal. No bate papo, conduzido pelo jornalista Vitor Hugo Franceschin, o guitarrista Pedro Valença falou um pouco sobre a atual formação do grupo - com o ingresso de Rayanna Torres nos vocais, a composição, gravação e amadurecimento musical em “Rise Of A New Strike”, além dos projetos previstos ainda para 2017, confira alguns trechos:
E como é trabalhar com Rayanna logo após o lançamento de um trabalho com outro vocalista, tanto para ela como para o restante da banda?
Pedro Valença - Não houve dificuldades. Apenas subimos no palco e mandamos ver. O ideal seria que a divulgação fosse feita com o vocalista que gravou o álbum, mas isso é um detalhe, apenas. Ela regravou alguns vocais para lançarmos os clipes de divulgação de “Rise Of A New Strike”.
No disco o grupo consegue soar atual sem apelar para os trejeitos tendenciosos e trazer novos elementos. Isso foi uma preocupação ou fluiu naturalmente?
Pedro Valença - Flui naturalmente por termos uma proposta bem definida. Claro que esses novos elementos trazem mudanças na nossa proposta, mas nada que nos descaracterize. Jamais iremos nos repetir como músicos, independente de sermos uma banda underground e sem apelos comerciais. Seremos uma banda de Death/Thrash Metal sem medo de evoluir nossa idade musical.
Leia agora a entrevista completa: http://blogartemetal.blogspot.com.br/2017/11/pandemmy-e-legal-participar-desse.html. “Rise Of A New Strike” é o atual full length do PANDEMMY, lançado digitalmente em 2016, o trabalho ganhará sua versão física neste ano. Você pode ouvi-lo agora e na íntegra pelas principais plataformas de streaming, confira alguns links:
Spotify: https://open.spotify.com/album/0G8tDRYt4z5ojkq1NLmkbY
Deezer: http://www.deezer.com/br/album/43325941
iTunes/Apple Music: https://itunes.apple.com/br/album/rise-of-a-new-strike/1249745548
Tidal/Wimp: https://listen.tidal.com/album/76031606
Napster: http://us.napster.com/artist/pandemmy/album/rise-of-a-new-strike-explicit
YouTube: https://youtu.be/Gm-a3dsSTcc. Contato para assessoria de imprensa: www.sanguefrioproducoes.com/contato. Sites relacionados: https://www.facebook.com/pandemmyofficial/; http://pandemmy.blogspot.com.br/ e http://www.sanguefrioproducoes.com/artistas/Pandemmy/44. Fonte: Sangue Frio Produções.

Apocalyptica em Porto Alegre (21/11): clássicos do rock reinventados para violoncelo
10/11/2017

A energia do rock interpretada com requinte por meio de violoncelos. Essa é proposta do Apocalytica, que faz show em Porto Alegre no dia 21 de novembro, às 21h, no Opinião (José do Patrocínio, 834). O grupo finlandês faz sua estreia na capital gaúcha com a turnê que celebra os 20 anos do disco Plays Metallica By Four Cellos, seu primeiro trabalho. Nesse álbum - assim como em toda sua discografia - o conjunto eleva para outros patamares o termo ‘clássico’. Isso porque faz releituras eruditas para composições históricas criadas pelo ícone thrash de inclinações pop dos Estados Unidos. Os ingressos para a apresentação na capital gaúcha estão no segundo lote. Fonte: Homero Pivotto Jr. - Assessor de Imprensa  - Abstratti Produtora - www.abstratti.com.br; www.facebook.com/abstratti; www.twitter.com/abstratti  e www.youtube.com/abstratti.

Absolem: assista ao videoclipe, “The Bringer of Life”
10/11/2017

A banda carioca Absolem lançou um videoclipe para a música “The Bringer Of Life”, que se trata da segunda faixa do EP já lançado “Ravishers Of Innocence And Purity”. De acordo com o grupo, “The Bringer Of Life” trata de religiosidade vertical e enteogenía. A direção do clipe ficou por conta de Celo Oliveira, com imagens capturadas no estúdio HR, na capital do Rio de Janeiro. O mesmo que foi usado no primeiro vídeo da banda, para a faixa “Not Even All Pain”. Absolem é atualmente formada por Marcelo Coutinho (Vocal), Thiago Freitas (Guitarra), Fábio Azevedo (Baixo), Jean Falcão (Bateria). Confira: https://www.youtube.com/watch?v=9frmE9WAUWo. Acompanhe a Absolem nas redes sociais: SoundCloud: www.soundcloud.com/absolembr; Reverbnation: www.reverbnation.com/absolembr e Facebook: www.facebook.com/absolembr. Links: Facebook: www.facebook.com/blacklegionprod; Oficial: www.blacklegionprod.com e Instagram: BlackLegionProd.

Torture Squad libera nota de agradecimento ao público Argentino
10/11/2017

Entre os dias 02 e 05 de novembro, o Torture Squad, se apresentou na Argentina em quatro shows que ficaram registrados na história e carreira do grupo. Os músicos que se apresentaram no país vizinho, não escondem a honra e orgulho de levarem até o público Hermano todo o peso e energia de uma das principais bandas do Thrash/Death Metal brasileiro, em agradecimento a toda receptividade e energia que receberam do público argentino, o grupo Torture Squad, liberou uma carta aberta em agradecimento aos momentos que viveram no país sul-americano. "Muito obrigado todos hermanos headbangers da Argentina que compareceram aos shows da “Far Beyond Existence Tour” nas 4 datas em Buenos Aires! Queremos muito agradecer ao Christian El Cuervo da Infected Producciones pelo excelente trabalho e por ter nos levados mais uma vez pra Buenos Aires. Um salve especial para o nosso novo hermano Ezequiel “Toto” da banda EL General, aos produtores Juan Pablo (Jerry Producciones) e Laura Sosa (Metal Fox) pela hospedagem e atenção! A equipe Luishi (técnico de som), Nahuel (Cero Ganancia backline) e Junior Oliveira (motorista). Hasta luego hermanos!”
Em breve o Torture Squad estará divulgando novos shows da FAR BEYOND EXISTENCE TOUR que abrangerá vários países da América do Sul e América Central. Torture Squad é formado por: May Puertas - Vocal; Rene Simionato - Guitarra; Castor - Baixo; Amilcar Christófaro - Bateria. Mais informações: Site Oficial: www.torturesquad.net.br; Facebook: www.facebook.com/torturesquad; YouTube: www.youtube.com/torturesquadband e Roadie Metal Press: https://roadie-metal.com/press/torture-squad/.

Curte The Cult? Então assista o vídeo com a versão do Axes Connection para "She Sells Sanctuary"
10/11/2017

O cover do The Cult faz parte de "A Glimpse Of Illumination", debute do novo grupo gaúcho formado por ex-integrantes do Distraught e Apocalypse. O Axes Connection toca Heavy Metal! Pesado e cortante como um machado! Um novo som, contemporâneo, composto e gravado por músicos que acumulam décadas de experiência: o vocalista Márcio Machado, o guitarrista Marcos Machado (ex-Distraught) e o baixista Magoo Wise (ex-The Wise, ex-Distraught, ex-Apocalypse).

Tudo começou ainda na década de 90. Os irmãos Vitor e Marcos Machado compuseram algumas músicas juntos para um novo projeto. O material acabou ficando na gaveta depois que Marcos foi convidado para ser o novo guitarrista da banda gaúcha de thrash metal Distraught. Marcos passou 15 anos com o Distraught, gravou quatro álbuns e fez turnês pelo Brasil, Argentina e Uruguai, além de shows ao lado do Megadeth, Destruction, entre outros. Durante esse período o projeto com o irmão baterista Vitor manteve-se ativo, embora informalmente. Em algumas ocasiões, contaram com a participação do terceiro irmão, o vocalista Márcio Machado.
Em janeiro de 2013, Vitor encorajou Marcos - já fora da Distraught - a levar o projeto em conjunto a sério. Os trabalhos foram retomados com enorme entusiasmo quando, infelizmente, Vitor veio a falecer logo no mês seguinte. Marcos decidiu então dar continuidade ao trabalho e assim honrar a memória do irmão. Márcio Machado juntou-se imediatamente, bem como um amigo de longa data, o baixista Magoo Wise que durante anos havia tocado com Marcos, antes do Distraught. Na bateria, o grupo contou com a colaboração de dois ótimos músicos, Lourenço Gil e Christiano “Hulk”. Assim nasceu "A Glimpse Of Illumination", disco de estreia do projeto agora chamado de Axes Connection - uma referência direta ao sobrenome dos irmãos Machado ("Axe", em inglês). O álbum foi gravado no estúdio Felipe Live em Porto Alegre/RS e reúne 10 faixas autorais: "The Meaning Of Evil", "Rearrange Yourself", "Wisdom Is The Key", "Use The Reason", "Prepare Your Soul", "The Gates", "A Glimpse Of Illumination", "Journey To Forever", "Skyline" e "The True Connection". Também faz parte do tracklist de "A Glimpse Of Illumination" uma versão do grupo para o clássico do The Cult, “She Sells Sancturay”. Devidamente licenciada, a versão ganhou um vídeo. Assista: https://youtu.be/mAqnr0lih_M.
Com a masterização assinada pelo ex-baixista do Hibria, Benhur Lima, e capa desenhada pelo artista Aldo Marcondes, "A Glimpse Of Illumination" foi oficialmente lançado em Agosto no formato digital. Uma edição física, em digipack, também estará disponível nos primeiros meses de 2018. “A Glimpse Of Illumination” do Axes Connection já está disponível nas principais plataformas digitais: Spotify: https://goo.gl/Pb1pDx; Deezer: https://goo.gl/yPtZh3; Google Play: https://goo.gl/UYHL6k; Amazon: https://goo.gl/MsLnXW; iTunes: https://goo.gl/pxnmMH; Youtube: https://goo.gl/JCt2wt. Mais Informações: www.facebook.com/axesconnection; www.twitter.com/axesconnection; www.soundcloud.com/axesconnection e www.instagram.com/axesconnection. Fonte e Gestão Cultural: Eliton Tomasi - SOM DO DARMA - eliton@somdodarma.com.br e www.somdodarma.com.br.

Scorpions: ouça novo single, "Follow Your Heart"
10/11/2017

O Scorpions lança no dia 24 de novembro uma coletânea intitulada "Born To Touch Your Feelings - Best Of Rock Ballads", que traz três faixas inéditas, sendo que uma delas, "Follow Your Heart", está sendo lançada em single e pode ser conferida no link www.scorpions.lnk.to/FollowYourHeart. "Born To Touch Your Feelings - Best Of Rock Ballads" estará disponível em CD, LP duplo com capa dupla, em stream e para download.

Foo Fighters: como foi gravar com Paul McCartney no último disco?
10/11/2017

O baterista do RED HOT CHILI PEPPERS, Chad Smith, havia entrevistado o frontman do FOO FIGHTERS, Dave Grohl, para o documentário da PBS Landmarks Live In Concert. Segue alguns trechos: Dave Grohl falou: "A música ‘Sunday Rain’ lançada em nosso último álbum de estúdio, ‘Concrete and Gold’ (9º disco, 2017), eu a compus e fiz a demo sozinho, onde depois incluímos os instrumentos com toda a banda. Adoro quando Taylor (baterista) canta porque ele tem uma voz tão boa, sabe? Eu iria tocar bateria nesta canção porque Taylor leva os vocais, mas ele havia me dito: ‘Não, não. Você deve colocar Paul McCartney para tocar bateria nessa música’. Muitas pessoas não sabem que Paul McCartney tocou bateria em muitas músicas que nós conhecemos, assim como nas canções dos BEATLES. Eu entrei em contato com Paul e falei: 'Hey, cara, você quer tocar bateria em uma nova música no nosso disco que estamos gravando?' E ele me repondeu: 'Você sempre com essas idéias malucas!' Ele entrou no estúdio, levou o seu conjunto de bateria configurado só para ele e imediatamente começou a tocar. Ele tem um verdadeiro balanço para essas coisas".
Chad Smith respondeu: "Esse é Paul McCartney que conhecemos!"
Grohl continuou: "Mas a melhor parte de tudo foi vê-lo, sabe? Porque ele apenas estava com aquele enorme sorriso em seu rosto... Ele estava tão compenetrado enquanto estava tocando, então, Taylor sentou-se no seu banquinho de bateria e foi lhe conduzindo, falando: ‘Agora vem o pré-refrão! Agora vem o refrão!’ A versão da música que acabou entrando no álbum passa dos 06 minutos, mas a de Paul durava mais de 12 minutos e ele simplesmente não queria parar, cara".
Smith reagiu: "Ele estava se divertindo demais!"
Grohl finalizou: "Pois é, nós a gravamos e depois todos ficamos no estúdio, tipo: ‘Oh, meu Deus! Isso foi incrível!’"
Confira o áudio da canção "Sunday Rain": https://www.youtube.com/watch?v=L7wCa3Qyi7s.

Stone Temple Pilots: mais revelações sobre o novo álbum de estúdio
10/11/2017

Segundo reportado pelo site Alternative Nation, o STONE TEMPLE PILOTS testou mais de 30 cantores durante as sessões de audição para o novo vocalista da banda. Durante as audições, o grupo não tocou apenas as músicas antigas, mas sim novas canções para ver como os candidatos poderiam compor as letras. No entanto, a banda disse aos cantores que mesmo que eles escrevessem com o grupo, não significava que eles estivessem garantidos para conseguir a vaga como o novo vocalista. STONE TEMPLE PILOTS vai se apresentar com o seu novo vocalista agora no dia 14 de Novembro/2017 em Los Angeles. A identidade do cantor ainda não foi revelada...
A banda também postou uma peça de quebra-cabeça em rede social e no site oficial, o que levou os fãs a especularem que poderia ser parte da capa do 7º álbum de estúdio que o grupo já admitiu estar sendo gravado. A URL da imagem é do site da Rhino Records, indicando que o novo disco da banda pode ser lançado através desta gravadora. Lembrando que o relançamento para comemorar o 25º aniversário do álbum de estréia do STONE TEMPLE PILOTS, “Core” (1992), também foi lançado através da Rhino Records agora em Setembro/2017.
O nome do arquivo da peça do quebra-cabeça é: "stp_meadow_single_puzzle", o que significa que é realmente parte da obra de arte para um novo single da banda e que a música pode ser chamada de "Meadow". STONE TEMPLE PILOTS apresenta rumores em ter um novo álbum de estúdio pronto para cair na estrada com o seu novo vocalista e eles são esperados para uma turnê em 2018. O último e 6º disco da banda foi lançado em 2010, “Stone Temple Pilots”, sendo também o último com Scott Weiland nos vocais. Após a sua demissão em 2013, o grupo lançou um EP com 05 músicas inéditas, “High Rise”, com o vocalista substituto, Chester Bennington.
Bennington pediu para sair amigavelmente do STONE TEMPLE PILOTS em Novembro/2015 e Scott Weiland veio a falecer somente 01 mês depois. O grupo lançou uma pesquisa online para achar um novo vocalista em Fevereiro/2016, sendo que Bennington ainda realizou alguns shows esporádicos com o STONE TEMPLE PILOTS depois disso e veio a falecer agora em Julho/2017.

Raimundos: por que Digão se chateou tanto com a saída de Rodolfo
10/11/2017

O vocalista e guitarrista do Raimundos, Digão, falou sobre o principal motivo de sua chateação com a saída de Rodolfo Abrantes da banda. O cantor deixou o grupo em 2001, após converter-se ao protestantismo e declarar-se exausto da rotina de trabalho. "O que mais fiquei chateado foi com a forma. Acho que ele tem o direito dele. Estava mal, queria sair, beleza. Mas acho que ele deveria ter me dado o meu direito de me preparar para o que iria vir. Eu havia acabado de comprar uma casa, tinha feito um financiamento, a gente tinha um contrato de três anos, então, eu estava tranquilo. E o cara puxou o meu tapete, sem me avisar. Se eu soubesse que ele iria sair, não compraria a casa", disse. O músico disse nunca ter entendido a postura de Rodolfo. "De repente, ele quis fazer para sacanear, porque ele sabia que eu estava comprando casa. O cara me tira a minha única fonte de sustento. Isso me prejudicou muito, meus filhos, toda a galera da banda. Todo trabalhador tem direito a um aviso prévio", afirmou.
Digão também falou sobre o momento em que sua relação com Rodolfo mudou. "Desde que o Raimundos foi para São Paulo e começou a puxação de saco de vocalista, que é normal, o Rodolfo começou. Inclusive, briguei com ele logo no segundo disco, quando ele achou que deveria ganhar os direitos só para ele. Falei: 'beleza, você faz a maioria das músicas, mas eu faço 90% também, tem meu nome também'. Quem arrumou o empresário que botou a gente para tocar com o Ramones e fez a coisa acontecer? Foi meu irmão. O Raimundos foi a junção de quatro pessoas e cada um contribuiu com sua parte", disse. O vocalista e guitarrista destacou, ainda, que Rodolfo não conseguiu êxito comercial após sua saída do Raimundos. "Beleza, o cara era um puta compositor - dentro do Raimundos. Depois que ele saiu, ele não estourou nenhuma música. Tentou, mas não estourou. Não estou falando que eu estourei, mas ele também não. E falo de sucesso radiofônico, tipo Frejat, que fez carreira solo e bombou. Ele fazia parte de um conjunto que funcionava", afirmou.
Hoje em dia, Digão afirma que o Raimundos voltou a ser uma banda sólida, que faz turnê com uma equipe de 14 pessoas. "Consigo pagar a pensão dos meus filhos, ter uma casa bacana, sabe? Não tenho do que reclamar. Acho que vencemos e demos a volta por cima", disse. Por fim, o músico disse que não toparia um show de reunião. "Acho pouco. Não vale a pena. Se a gente fizesse o show, cria uma falsa esperança", afirmou. Já para uma turnê, Digão disse que não faria por dinheiro. "Queria conversar com Rodolfo e ele não vir com essa história de Deus e Jesus. Creio em Deus, mas não vou entrar nessa onda. Tenho muitos amigos evangélicos que são maravilhosos e não falam que são evangélicos. Eu gostaria pelo menos de ser brother, mas sem essa onda. E o problema não é só comigo, é com todo mundo, ele não fala com mais ninguém", disse. Assista na íntegra: https://www.youtube.com/watch?v=hvXGVJbOk3M.

Ronnie Montrose: lyric vídeo de música com Sammy Hagar e Steve Lukather
10/11/2017

O último e derradeiro álbum de Ronnie Montrose, "10x10", conta com uma constelação de músicos, conforme era o projeto original do guitarrista, falecido em 3 de março de 2012. Dentre as parcerias do disco está a de Sammy Hagar e Steve Lukather na música "Color Blind", que ganhou um lyric video, confira: https://www.youtube.com/watch?v=69Q2E80hxq0.

Veja a capa e tracklist do "10x10", incluindo os músicos que participam de cada uma das faixas.
"Heavy Traffic" featuring Eric Martin & Dave Meniketti
"Love Is An Art" featuring Edgar Winter & Rick Derringer
"Color Blind" featuring Sammy Hagar & Steve Lukather
"Still Singin’ With The Band" featuring Glenn Hughes, Phil Collen & Jimmy “Z” Zavala
"Strong Enough" featuring Tommy Shaw
"Any Minute" featuring Mark Farner & Ricky Phillips
"The Kingdom’s Come Undone" featuring Ricky Phillips & Joe Bonamassa
"One Good Reason" featuring Bruce Turgon & Brad Whitford
"Head On Straight" featuring Davey Pattison & Marc Bonilla
"I’m Not Lying" featuring Gregg Rolie, Tom Gimbel & Lawrence Gowan

Lars e Kirk relembram último show com Cliff Burton
10/11/2017

Em entrevista à Rolling Stone, o baterista Lars Ulrich e o guitarrista Kirk Hammett relembraram o último show do Metallica com o baixista Cliff Burton. A performance foi realizada em Estocolmo (Suécia), no dia 26 de setembro de 1986, e a gravação está presente no box-set de relançamento de "Master Of Puppets". Cliff faleceu no dia seguinte a esse show, em um acidente com o ônibus da banda. Ao ser questionado sobre o tom emocional ao ouvir as fitas do último show de Cliff Burton, Lars Ulrich disse: "Você para, reflete, pensa e aprecia. Fui tão rápido em várias coisas que eu nunca paro para refletir. Quando você senta para ouvir as duas últimas músicas, ou vê as fotos do último show, isso te faz parar por um pouco". Lars disse lembrar que o Metallica havia tocado em todos os Odeons da Inglaterra antes de ir para a Escandinávia. "O show em Estocolmo foi muito bom. Foi um caso raro onde tocamos uma música adicional que não estava no repertório, pois o show foi realmente bom", afirmou.
Kirk relembrou que o show em Estocolmo marcou a volta de James Hetfield à guitarra, após recuperar-se de uma lesão no punho - ele estava apenas cantando, enquanto o instrumento era tocado por John Marshall (Metal Church). "Lembro de nós cinco, incluindo John Marshall, estarmos impressionados com James estar de volta, tocando e parecendo que estava bem recuperado. Lembro de forma distinta que esse show foi bom e o sentimento era bom e positivo", disse. Hammett, então, falou sobre o momento em que o ônibus saiu de Estocolmo para a estrada. "Os fãs começaram a correr atrás de nós. E Cliff disse: 'veja isso, parecem zumbis!'. Ele curtia zumbis. Todos começamos a rir. Então, começamos a jogar carteado. Tivemos uma longa, longa viagem. E todos sabem o restante disso", afirmou.

Axl Rose lamenta morte de colaborador de "Chinese Democracy"
10/11/2017

Axl Rose, frontman do GUNS N'ROSES, usou o Twitter para lamentar a morte de Paul Buckmaster, co produtor das faixas "Street of Dreams", "There Was a Time", "Madagascar" e Prostitute" do álbum "Chinese Democracy", lançado em 2008. Paul faleceu em 7 de novembro de 2017, aos 71 anos, de causas naturais. "Lamentável saber da morte de Paul Buckmaster. Tive muita sorte em conhecê-lo e por seu envolvimento com o GNR. Minhas profundas condolências a seus amigos, fãs e entes queridos", disse Axl. Buckmaster tem uma extensa lista de colaborações musicais, de vários segmentos, desde os anos 1960. O músico trabalhou com Elton John, David Bowie, Rolling Stones, Celine Dion, Heart, Julio Iglesias Jr, Bon Jovi, entre vários outros grandes nomes da música.

King Crimson: detalhes da edição de 40º aniversário de "Earthbound"
10/11/2017

A banda KING CRIMSON anunciou que irá lançar uma edição de 40º aniversário do seu álbum ao vivo "Earthbound", de 1972, ainda neste mês. O pacote será lançado no dia 17 de novembro em CD e DVD e conterá uma versão expandida do álbum original gravado pela seguinte formação: Boz Burrell, Robert Fripp, Mel Collins e Ian Wallace. Considerado como um dos primeiros lançamentos de "bootleg oficial" por um grande grupo de rock, "Earthbound" foi gravado durante a turnê da banda nos Estados Unidos em 1972. O novo CD terá 12 músicas, expandindo assim a versão original que tinha 5 músicas, enquanto o DVD é apresentado em áudio 24/96 hi-res estéreo. O DVD também inclui um show no Summit Studios com nova mixagem estéreo e em som quadrafônico, além da sequência "Schizoid Men" retirada do álbum ao vivo "Ladies of the Road". "Earthbound 40th Anniversary Edition" será vendido como digipack duplo em um slipcase com novas anotações do biógrafo da banda Sid Smith, além de fotos raras e material de arquivo. A pré-venda está sendo feita http://shop.schizoidshop.com/king-crimson---earthbound--40th-anniversary-series-p1700.aspx.

Kurt Cobain deu dica sobre drogas para Patty Schemel
10/11/2017

O jornal Seattle Times postou um artigo sobre o novo livro autobiográfico da baterista do HOLE, Patty Schemel. Confira: A parte mais triste do livro de Schemel é quando ela fala do seu uso de drogas e se movendo lentamente para o centro do palco para a realização dos shows. Ela não pegou dicas de composições com o ex-frontman do NIRVANA, Kurt Cobain, mas aprendeu com ele como ganhar mais sedativos ao passar pela desintoxicação. As dicas para viagens incluem observações como: “Eu simplesmente carregava uma seringa pré-carregada no meu bolso para que eu pudesse usar no avião". Relações comerciais e amizades ficaram no meio do caminho, mas como poderia ser de outra forma? Schemel deixou claro que o seu relacionamento principal era sempre com substâncias ilícitas, como evidenciado pelos títulos de alguns capítulos em seu livro: "Como comprar drogas em New York" e "A arte da desintoxicação em quatro dias".
Schemel também falou em entrevista sobre o seu vício: "Os meus pais eram alcoólatras, então fiquei predisposta ao alcoolismo. Quando uma criança começa a se sentir estranha, desajeitada e gay, descobri a bateria e ela foi a minha 1ª droga, sabe? Então, eu tomei a minha primeira bebida aos 12 anos de idade e senti quando ela atingiu o meu corpo. Nunca pensei que isso me levaria a usar heroína algum dia, mas uma droga leva a outra, certo? Em 1º lugar, a heroína é como um cobertor ou como a sua mãe lhe abraçando quando somos crianças... Mas a felicidade é temporária e se torna sombria rapidamente, e é quando você percebe que possui uma ‘perseguição’ para voltar àquele sentimento novamente".

Duff McKagan: "Sweet Child O' Mine" mudou tudo no Guns N' Roses
10/11/2017

Duff McKagan explicou para Chris Jericho como o lançamento do single de "Sweet Child O' Mine", em agosto de 1988, foi o ponto de partida para a fama e sucesso do Guns N' Roses. "Fomos pra Londres, e foi legal por lá, era coisa de 2.500 pessoas lotando o Hammersmith Odeon. E voltamos pra América onde tocávamos pra três pessoas", conta o baixista. "Daí seguimos pro Japão onde foi legal como na Inglaterra, e de volta aos Estados Unidos, nada. Foi na Inglaterra que os caras do The Cult nos viram e nos chamaram pra nossa primeira turnê. Eles disseram 'Queremos estes caras conosco, a banda é matadora'.

Sempre serei grato a eles, e todas as bandas que nos apoiaram. Nosso ônibus tinha 20 anos de uso, e não tínhamos um tostão furado, depois dos shows pedíamos trocados para os fãs pra fazer uma ligação. Éramos duros, mas isto não tinha importância".
Continua Duff: "Saímos em turnê com o Aerosmith e então foi lançado o single 'Sweet Child O' Mine'. Foi de 3 pra 30, 300, 3 mil, em questão de semanas todos vinham ver a gente. Passamos a carregar aquele estigma de banda nova que está detonando, as pessoas ficavam empolgadas. O Aerosmith era o Aerosmith, não podíamos nos comparar com eles. Mas tínhamos aquele frescor, e todos vinham nos ver. Foi uma transição interessante, saindo daquilo de pedir trocados pra fazer uma ligação... ainda não tínhamos dinheiro mas de repente todo mundo nos conhecia. De volta a Los Angeles vimos que estávamos na capa da (revista) Rolling Stone. A ficha ainda não tinha caído, nos olhavam e apontavam o dedo 'Olha ali o cara da revista!'. Era tão estranho!".

David Ellefson revela por que Nick Menza foi demitido do Megadeth
10/11/2017

Em entrevista à revista Metal Hammer, o baixista David Ellefson revelou por que o baterista Nick Menza, falecido em 2016, foi demitido do Megadeth. Menza foi dispensado em 1998 e sua saída foi cercada de polêmicas, pois ele afirmou que tudo aconteceu dois dias após ter retirado um tumor de seu joelho. David Ellefson explica que a demissão de Nick Menza teve a ver com questões ligadas à capacidade de se apresentar. "Em 1998, ele estava lutando para fazer os shows. Houve um momento definidor em Macer, Arizona, quando olhei a ele durante 'In My Darkest Hour' e parecia que ele não estava presente. Ele estava acabado, sabe?", afirmou.
O baixista destacou que é fã de Kiss, por isso, tentou manter a formação junta, mas "coisas acontecem". "Pessoas têm estilos de vida, fazem o que fazem na estrada. Eu estava sóbrio naquela época e agora também. Não estou aqui para policiar todo mundo. Se você estiver bem no palco, é o que importa. Se não, é um problema, e estávamos naquele ponto da turnê do 'Cryptic Writings', nos preparando para o Ozzfest, que era algo grande para nós. A transição deveria acontecer", disse. Apesar disso, David Ellefson disse que estava "de boa" com Nick Menza em seus últimos tempos de vida. "Liguei para a família dele quando Nick faleceu. Não conversei com ele no último ano, então, liguei e ofereci ajuda para a família", contou.

Moonspell: banda fala sobre Lanterna dos Afogados em rádio espanhola
10/11/2017

Em um programa de rádio espanhol, na última quinta-feira (08/11), a banda portuguesa Moonspell falou sobre a gravação do cover de Lanterna dos Afogados, dos Paralamas do Sucesso. De acordo com o vocalista Fernando Ribeiro, ele conheceu a música por meio de trilha sonora de uma de novela brasileira. A escolha da música está relacionado ao componente simbólico da letra que, segundo ele, “tem a ver” com a proposta do álbum 1755, e também por suas melodias. “Para mim é uma canção muito bonita. Não interessa se não é metal é uma canção muito importante. Também pelo tratamento que demos à música, é muito mais doom, muito mais cenográfico. Quando pensei em 1755, tinha muitas questões, mas uma coisa era certa, Lanterna dos Afogados iria encerrar o álbum também por causa de sua musicalidade, pois tudo está devastado, mas ainda há uma esperança. [...]” O conceito do mais novo álbum do Moonspell, lançado pela gravadora austríaca Napalm Records, trata do terremoto, seguido de um maremoto, que assolou Lisboa no dia 1º de novembro de 1755 (Dia de Todos os Santos) e deixou milhares de mortos. Confira o trecho da entrevista sobre o assunto: https://www.youtube.com/watch?v=pdqEmV7saN4.

Dream Theater: próximo álbum não sai antes de 2019
10/11/2017

O guitarrista da banda DREAM THEATER, John Petrucci, insinuou que o próximo álbum do DREAM THEATER será inspirado musicalmente pela atual turnê "Images, Words & Beyond" que a banda está fazendo para comemorar o 25º aniversário do seu álbum clássico "Imagens and Words". O guitarrista, que participará da edição de 2018 da turnê do projeto "G3", ao lado do guitarrista do DEF LEPPARD Phil Collen e do fundador da turnê, Joe Satriani, falou sobre os planos futuros do DREAM THEATER durante uma aparição no programa "Trunk Nation". Perguntado quando o DREAM THEATER vai começar a trabalhar no sucessor do álbum conceitual "The Astonishing" de 2016, Petrucci disse: "Esses duas turnês do "G3" (na Europa e nos Estados Unidos) vão me ocupar até a primavera do próximo ano (por volta do final de março), acredite ou não, então não conseguiremos fazer algo até certo ponto no próximo ano e por isso só devemos lançar um novo álbum em 2019. Mas nós já conhecemos a direção do que queremos fazer. Estou muito animado. Sim, mas ainda não vai demorar".
Perguntado sobre uma possível direção musical para o próximo álbum do DREAM THEATER, Petrucci disse: "Eu acho que reconectando a música da época que estamos tocando agora (músicas do "Images and Words") e algo do tipo de onde nossa mente estava no início dos anos 90 e tudo, é um pouco, acho que, por falta de uma palavra melhor, isso nos reconectou com o estilo musical desse período do DREAM THEATER. Então, tem sido muito interessante falar sobre como vamos abordar o próximo álbum e tudo. Então, sim, estamos empolgados!".

Smashing Pumpkins: "cansado da pomposidade da mídia sobre Radiohead"
10/11/2017

Billy Corgan, frontman do SMASHING PUMPKINS, revelou em uma nova entrevista para o site SF Weekly por que a possível reunião com os membros originais da sua banda precisa evitar ser apenas nostálgica, pois poderia encorajar os fãs a escutarem o RADIOHEAD se eles não oferecem algo de novo. "Na verdade estou realmente esperançoso de nos reunirmos de alguma forma, mas o meu interesse nisso é para ser criativo novamente, sabe? Nós tínhamos um relacionamento muito cinético uns com os outros em relação a nossa música e como muitas bandas fantásticas, há uma alquimia que é misteriosa. Gostaria de ver se conseguiríamos reabordar essa alquimia de uma maneira que é digna e com um resultado positivo, de modo que se você ou alguém do outro lado do oceano nos escutar, as pessoas poderiam falar: ‘Não só é legal que eles voltaram a tocar juntos, mas eles realmente conseguiram algo de valor com músicas inéditas. Não que eles simplesmente subiram no palco e começaram a tocar as clássicas músicas juntos novamente, o que foi muito bom e me levou às lágrimas, mas se fosse somente desse jeito, então eu vou para casa escutar um disco do RADIOHEAD'".
Corgan falou sobre o RADIOHEAD em uma entrevista para o site Antiquiet lá no ano de 2012 ao discutir sobre o estado do rock: "Obviamente há um nível de reverência pela mídia, mas também há um nível de ‘inteligência’ que realmente me irrita". "Porque eu não critico o DEEP PURPLE e nem a banda RAINBOW (grupo do guitarrista original do DEEP PURPLE, Ritchie Blackmore), mas eu me irrito com o RADIOHEAD por causa de toda essa pomposidade que a mídia gera sobre eles. Este sistema de valores que diz que Jonny Greenwood (guitarrista do RADIOHEAD) é mais valioso do que Ritchie Blackmore... Não no mundo em que eu cresci, cara”.
Corgan chegou a comparar Jonny Greenwood com Ritchie Blackmore e ele próprio, dizendo que o veterano guitarrista é melhor que ambos: "Ritchie Blackmore é um guitarrista melhor do que eu e Jonny Greenwood? Sim. Todos nós fizemos contribuições? Sim. Não estou atacando isso, você me entende? Estou atacando a pomposidade da mídia que falam que tal coisa é mais valiosa do que outra... Estou cansado disso, cara. Fico doente com isso e ninguém parece se cansar dessa velha e mesma história”. Lembrando que por volta dessa mesma época e reforçando o que foi dito, Corgan havia falado também em entrevista que o RADIOHEAD era a única banda de rock da atualidade que estava fazendo algo de novo e diferente no rock’n roll.

Stone Temple Pilots: "Scott foi uns dos melhores letristas do nosso tempo"
10/11/2017

O guitarrista do STONE TEMPLE PILOTS, Dean DeLeo, falou sobre os dois ex-vocalistas da sua banda, os finados Scott Weiland (original) e Chester Bennington (substituto), em uma nova entrevista para a revista Guitar World. "Foi muito triste ficar mexendo nos arquivos e demos de nosso álbum de estréia, ‘Core’ (1992, relançado agora em Setembro/2017 com vários bônus em comemoração aos 25 anos de lançamento).

Levou-me de volta ao nosso local de ensaio e a todas as nossas memórias... Sabe, Scott e eu éramos companheiros de quarto naquela época e chegamos a alugar uma casa para morarmos. Morávamos juntos enquanto estávamos compondo, gravando e saindo em turnê para promover esse disco, e sim, cara, foi um cenário diferente se comparado a Chester, porque o que aconteceu com Chester foi muito, muito súbito e inesperado. Considerando que foi o oposto completo em relação a Scott, que era um suicídio que vinha se montando por 12, 14 anos...”
“Mas eu vou lhe dizer uma coisa, cara. Scott era apenas um ser humano incrível! Um ser humano extremamente maravilhoso e talentoso, quero dizer, você viu como era o corpo dele, certo? Ele era como uma obra-prima genética e muito forte, e não importava o que ele fosse fazer, ele era bom em tudo, tipo: ‘Vamos jogar golfe?’ E ele batia na bolinha e ela voava uns 200 metros em linha reta. Falávamos: ‘Vamos praticar esqui aquático?’ E ele ia lá e simplesmente detonava, sabe? Ele era apenas o cara... Tudo o que ele fez era realmente muito bom e vou dizer agora bem alto e orgulhoso: Scott Weiland foi um dos melhores letristas do nosso tempo. As suas letras, melodias e sua entrega..., ele foi o melhor, cara. Foi uma honra estar no palco com esse cara e foi um lugar incrível estar com ele enquanto escrevíamos as músicas. Eu sinto falta desse cara e da pessoa que ele era, mas eu já tinha perdido ele há uns 15 anos mais ou menos".

Rage Against The Machine: baterista comemorando aniversários de álbuns
10/11/2017

O baterista do RAGE AGAINST THE MACHINE, AUDIOSLAVE e PROPHETS OF RAGE, Brad Wilk, escreveu em redes sociais celebrando o 18º aniversário do 3º álbum de estúdio do RAGE AGAINST THE MACHINE, “The Battle of Los Angeles” (1999): "Porra! Esse disco está fazendo 18 anos! Os tons, o vocal, as jams e a sua urgência... Soa como se 20kg de carne estivessem entupidos numa sacola onde caberiam somente 10kg. Qual é a sua música favorita desse álbum? Para mim é a canção ‘Calm Like a Bomb’". Ele também escreveu sobre o 25º aniversário do álbum de estréia do RAGE AGAINST THE MACHINE, lançado em 1992 e que leva o mesmo nome da banda: "E um feliz 25º aniversário para você!!! Gravamos mais da metade dessas músicas em formato ao vivo no Sound City Studio em uma sala com cerca de 50 dos nossos amigos assistindo (mesmo estúdio onde foram gravados álbuns clássicos na história do rock, como ‘Nevermind’ do NIRVANA, ‘Rated R’ do QUEENS OF THE STONE AGE e discos do FLEETWOOD MAC, NEIL YOUNG e outros). Você pode me ver explicando mais sobre esse disco no documentário ‘Sound City’, dirigido por Dave Grohl (frontman do FOO FIGHTERS). Muito obrigado por ouvi-lo e espero que o inspiremos!!!"

Radiohead: "Houve uma época em que eu não estava mais no meu corpo"
10/11/2017

O vocalista do RADIOHEAD, Thom Yorke, realizou um bate-papo com a revista Interview Magazine e falou sobre um incidente traumático que passou, forçando-o a dar uma pausa na carreira.
Thom Yorke: Depois que terminei a escola, eu fiquei 01 ano basicamente fazendo trabalhos de merda, ganhando dinheiro suficiente para gravar demos e envia-las para as gravadoras. Logo depois, fiquei entediado com isso e entrei na faculdade de artes onde tive uma trajetória completamente diferente. A faculdade de artes explodiu a minha mente, porque experimentei estar com pessoas criativas pela 1ª vez na vida e me sentindo como se pertencesse aquele lugar, mas depois a ambição e a obsessão que eu tinha me deixou debilitado e naquele momento eu realmente poderia ter cansado qualquer um que convivesse comigo. Então, eu tive que dar uma pausa e cuidar do outro lado da minha personalidade...
Sim, também passei por algo parecido, mas eu fui completamente na outra direção - não querendo dizer que mergulhei em qualquer tipo de rebelião, sabe? Eu me tornei meio que um animal de festa e tive um choque maciço com isso. A minha saúde sofreu porque eu estava exagerando e essa nova pessoa não poderia estar mais longe daquela que emergiu da experiência anterior... Eu regredi massivamente.
Yorke: Fiquei curioso para saber se você já tomou um longo período e se retirou da trajetória em que estava passando no momento... Você já sentiu a necessidade de sair do “trem”? A razão pela qual pergunto é porque, enquanto seguia a minha trajetória normalmente eu nunca havia passado por esse tipo de coisa. Nunca pensei nisso até que um dia eu percebi que não estava mais no meu corpo. Eu passei por um incidente traumático e tive que parar por um longo período de tempo, sabe? Comecei a estudar meditação e quando eu finalmente me acalmei, encontrei-me em um retiro sentado numa almofada e percebi que antes parecia que alguém tinha amarrado um rádio na minha cabeça e o tinha ligado no volume máximo. Eu fiquei, tipo: “Oh, meu Deus!"
Jornalista: Sim, o barulho era tão alto quando percebe que parou de escuta-lo, porque você estava no fluxo dessa coisa o tempo todo “escolhendo” o que fosse mais ruidoso ou o mais negativo.
Yorke: Eu ia para o estúdio e quando começava a trabalhar, as vozes na minha cabeça começavam a falar: "Você não pode fazer isso, você não pode fazer aquilo". Então, eu tive que parar e tentar compreender o que estava acontecendo comigo.

Bruce Dickinson: de volta ao Brasil para palestra no VTEX Day 2018
10/11/2017

Bruce Dickinson retorna ao Brasil em maio para mais uma palestra em São Paulo, dessa vez no VTEX Day 2018, o maior evento de vendas multicanal da América Latina. O vocalista do Iron Maiden será um dos palestrantes do pré-evento, que acontece no dia 14 de maio, no SP Expo. Para mais informações sobre o evento e ingressos, acesse o site: http://www.ingressosvtexday.vtex.com.

Rock On Stage: Resenha do cd Sem Juízo do Moby Jam
09/11/2017

O Power Trio da cidade de Varre-Sai/RJ realiza um mergulho no melhor do Hard Rock com base nos anos 70 com letras em português. Em seu primeiro registro de estúdio intitulado como Sem Juízo, que é datado de 2014, eles nos mostram composições em português que resgatam aquele Rock'n'Roll descompromissado em suas letras e repleto de energia em suas melodias. Confira mais detalhes do lançamento na resenha de Fernando R. R. Júnior para o Rock On Stage no link: http://www.rockonstage.org/resenhas/cds/moby-jam-sem-juizo.htm.

"É impossível não se apaixonar por esse disco", diz Adair Daufembach sobre novo álbum do Maestrick.
09/11/2017

"Espresso Della Vita: Solare" está pronto! Esse será o novo disco de estúdio do grupo de rock/metal progressivo Maestrick, sucessor do aclamado álbum de estreia, "Unpuzzle!" ( confira resenha ), e do EP "The Trick Side Of Some Songs" ( confira resenha ) que o grupo lançou reunindo versões para clássicos dos Beatles, Yes, Jethro Tull, Pink Floyd, Queen e Rainbow. Previsto para ser lançado no início de 2018, "Espresso Della Vita: Solare" é a primeira parte de um disco duplo conceitual e traz uma observação da vida humana pela perspectiva de uma viagem de trem.

O disco tem a produção de Adair Daufembach (Project46, John Wayne, Hangar) que também é o encarregado de gravar todas as guitarras do álbum. Direto de seu estúdio em Los Angeles, nos Estados Unidos, Adair Daufembach gravou um vídeo onde conta, em detalhes, todo o processo de produção de "Espresso Della Vita: Solare" e explica o que o levou a se oferecer para gravar as guitarras do álbum. “Tudo é muito emocionante. Em vários momentos durante a produção a lágrima vinha... Eu vejo arte nisso! E eu vejo uma banda muito única. De todas as bandas que eu já ouvi em toda minha vida são pouquíssimas que agregam tudo em um lugar só. Eu espero que as pessoas vão e ouçam, pois é impossível não se apaixonar por esse disco.”, disse Daufembach num trecho do vídeo. Assista o vídeo completo: https://youtu.be/oUe7V2POkic. Novas informações sobre "Espresso Della Vita: Solare", como capa e tracklist, serão divulgadas em breve. Mais Informações: www.maestrick.com.br; www.facebook.com/maestrick; www.twitter.com/maestrick e www.youtube.com/maestrickofficial. Fonte e Gestão Cultural: Eliton Tomasi - SOM DO DARMA - eliton@somdodarma.com.br e www.somdodarma.com.br.

Dolores Dolores: Novo Clipe Disponível
09/11/2017

A banda de Rock Dolores Dolores acaba de disponibilizar o clipe da música Not Too Late, o segundo single do 3º cd, ainda sem data de lançamento confirmado, Dirigido por Lucas Uroz. Possivelmente é a música mais pesada e densa da banda, cheia de riffs marcantes e a voz inconfundível, mostra um lado um pouco menos explorado nas composições anteriores sem deixar de lado as características da Dolores Dolores. Curtam, comentem e compartilhem! Confira: https://www.youtube.com/watch?v=5rAUwsvOh2A&t=27s.
Música: Dolores Dolores // Produção: Humberto Maldonado
Mixagem e Masterização: Rodrigo Aires Grilo // Gravada no Estudio Solo
'Not Too Late' será lançada no terceiro álbum do Dolores Dolores - http://www.doloresdolores.com/.
Dirigido por Lucas Uroz, @ChuckUroz . Links: Dolores Dolores: Facebook - https://www.facebook.com/doloresdoloresbanda e Instagram - @doloresdoloresrock.

Impiedoso: “Reign in Darkness” concorre ao prêmio “Melhores do Ano Roadie Metal 2017”
09/11/2017

Mal foi lançado e o novo álbum, “Reign in Darkness”, da banda catarinense de Black Metal IMPIEDOSO já começa a render os primeiros frutos extremamente positivos. Depois de iniciar a divulgação com o pé direito, e receber inúmeras críticas positivas da imprensa especializada, o full length foi selecionado para concorrer ao prêmio “Melhores do Ano Roadie Metal 2017”, onde o grupo figura ao lado de nomes como Escarnnia, Morthur, Torture Squad e muitos outros. Vote agora, e ajude o IMPIEDOSO nesta conquista. Para isso é muito fácil, basta acessar o link a seguir, buscar onde se encontra “Impiedoso - Reign in Darkness”, selecionar, votar e pronto, veja: https://roadie-metal.com/votacao/melhores-do-ano-roadie-metal-2017-votacao-aberta/. Encontre o material supracitado nas principais plataformas de streaming:
Spotify: https://open.spotify.com/album/0y0vJQAg5U0GvQgV7tV3Kn
Deezer: http://www.deezer.com/br/album/43996591
iTunes/Apple Music: https://itunes.apple.com/br/album/reign-in-darkness/id1254917876
Claro Música: https://www.claromusica.com/album/3185869
Napster: http://br.napster.com/artist/impiedoso/album/reign-in-darkness 
Tidal/Wimp: https://listen.tidal.com/album/76588351
Para adquirir o álbum “Reign in Darkness” - na versão física e digital - e apoiar o IMPIEDOSO acesse o Bandcamp oficial do grupo pelo link a seguir: http://impiedoso.bandcamp.com/album/reign-in-darkness. Outra forma de comprar o CD pode ser feita pela loja da SANGUE FRIO RECORDS, confira: http://sanguefrioproducoes.com/loja/inicio/39-impiedoso-reign-in-darkness.html. Contato para assessoria de imprensa: www.sanguefrioproducoes.com/contato. Sites relacionados: https://www.facebook.com/ImpiedosoHorde/ e http://www.sanguefrioproducoes.com/artistas/Impiedoso/47. Fonte: Sangue Frio Produções.

Malkuth: Adquira agora a camiseta promocional do EP “Shoot to Kill (je$u$)”
09/11/2017

Lançado oficialmente no dia 15/10/2017, somente na versão digital, o novo EP dos pernabucanos do MALKUTH, intitulado “Shoot to Kill (je$u$)”, já ganhou sua primeira leva de camisetas oficiais. O grupo publicou em sua conta no Facebook, que o material já está disponível no valor de R$ 35,00 (+ frete), e pode ser adquirido diretamente com a banda ou pelo e-mail vitalpsantos@gmail.com, confira neste link.
Ouça agora o EP “Shoot to Kill (je$u$)” no Spotify: https://open.spotify.com/album/2SZEEKFMluAESFeLNDyfPf. Encontre-o nas demais plataformas de streaming acessando o link a seguir: http://www.sanguefrioproducoes.com/n/1106. Inicialmente “Shoot To Kill (je$u$)” não ganhará versão física, com três faixas extraídas do novo full length “Voodoo” - previsto para o primeiro semestre de 2018 - o EP está servindo como apresentação ao mesmo. O MALKUTH também liberou recentemente um lyric vídeo da faixa “Anticristum (Bellicus)”, confira: https://youtu.be/ZsEPeOO2Mzg. Contato para assessoria de imprensa: www.sanguefrioproducoes.com/contato. Sites relacionados: https://www.facebook.com/MalkuthOfficial/ e http://sanguefrioproducoes.com/artistas/Malkuth/38. Fonte: Sangue Frio Produções.

Torturizer: Confirmada ao lado de Lacerated And Carbonized em São Luís/MA
09/11/2017

Logo após anunciar que estava com sua agenda de shows aberta para o segundo semestre de 2017, a banda de Thrash Metal TORTURIZER confirmou presença em um grande evento na capital maranhense. Dia 25/11 o grupo se apresentará no Fanzine Rock Bar - conhecida casa de shows de São Luís/MA - ao lado das bandas Flagrvm e Lacerated And Cabonized, com ingressos já disponíveis pelo valor antecipado de R$ 30,00 (inteira) ou R$ 15,00 (meia). Link do evento no Facebook para mais informações: https://www.facebook.com/events/190562038179358/. Em paralelo, o TORTURIZER segue divulgando seu mais recente single, intitulado “Slaughterhouse”, que foi lançado em formato de lyric vídeo, assista: https://www.youtube.com/watch?v=tM8lZ6hh4YI. Ouça-o nas principais plataformas digitais:
Spotify: https://open.spotify.com/album/658N9TNsuspZAolxW3eY8E;
Deezer: http://www.deezer.com/br/album/47783932;
iTunes/Apple Music: https://itunes.apple.com/br/album/slaughterhouse-single/id1280741417;
Claro Música: https://www.claromusica.com/album/3525391;
Tidal/Wimp: https://listen.tidal.com/album/78803959.
Contato para assessoria de imprensa: www.sanguefrioproducoes.com/contato. Sites relacionados: https://www.facebook.com/Torturizer/ e http://www.sanguefrioproducoes.com/bandas/Torturizer/39. Fonte: Sangue Frio Produções.


Rock Meeting: Entrevista exclusiva com o Ensiferum
09/11/2017

A revista on-line Rock Meeting traz surpresa para seus leitores. Desta vez se trata dos finlandeses do Ensiferum. O tão aguardado retorno da banda acontecerá no Dark Dimensions Folk Festival. A edição Nº 98 está cheia da presença da Rock Meeting nos principais shows que aconteceram no país, tais como: Helloween, Megadeth, De La Tierra, Fleshgod Apocalypse & Septicflesh e Venom. Ainda trazum especial sobre o que aconteceu no Primavera Club, em Barcelona.

E destacando as bandas brasileiras, conversamos com o Armored Dawn, Lobotomia, Pandemmy, Gods& Punks e o Thunderspell. Atravesamos o Atlântico e fomos atrás dos portugueses do Destroyers of All. Já para os amantes de tatuagens, trazemos a coluna Skin, em parceria com o Wonder Girls. Nesta edição, o tema é direito autoral das tatuagens.
Sempre levando a bandeira da região Nordeste do Brasil, a RM lançou sua nova coletânea totalmente gratuita. Rock Meeting Collection vol. 5 traz 18 bandas, dos mais variados estilos, representando todos os estados nordestinos. A Rock Meeting é uma revista gratuita, e pode ser lida pelo site www.rockmeeting.net.
Free download: Outro destaque vai para a revista Meeting Hell. Uma grande parceria da Rock Meeting com a Hell Divine. A capa e a logomarca dessa união foram feitas pelo renomado designer Gustavo Sazes.
# Nesta edição #
Capa: Ensiferum
Coluna - Lapada | Skin (Sobre tatuagem)
Entrevista - Destroyers of All | Armored Dawn | Gods & Punks | Thunderspell | Lobotomia | Pandemmy
Live Concert - Helloween | Megadeth | Fleshgod Apocalypse & Septicflesh | De La Tierra | Venom | Primavera Club
Acesse - www.rockmeeting.net; Free Download: http://bit.ly/RockMeeting98

Frejat faz show TUDO SE TRANSFORMA em prol da Associação Saúde Criança no VIVO RIO, quarta, 15 de novembro
09/11/2017

Um dos maiores nomes do rock nacional, Roberto Frejat, realiza show beneficente para a Associação Saúde Criança, no dia 15 de Novembro, quarta-feira, às 21:30h, , no Vivo Rio (RJ). Os ingressos já estão à venda na bilheteria oficial, nos pontos de venda e no site Eventin: http://www.eventim.com.br/frejat-ingressos.html?affiliate=BR1&doc=artistPages%2Ftickets&fun=artist&action=tickets&erid=2012998.   
O cantor e compositor, um dos principais nomes do rock nacional, fará show de lançamento da canção “TUDO SE TRANSFORMA”, parceria com Sérgio Serra e Maurício Barros. Produzida pelo próprio Frejat junto com Liminha, a música dá nome ao novo espetáculo que segue em turnê pelo Brasil. No show - com concepção cenográfica, iluminação e projeções do artista multimídia Muti Randolph - Frejat sobe ao palco acompanhado pelos músicos Billy Brandão (guitarra e vocais), Bruno Migliari (baixo e vocais), Marcelinho da Costa (bateria e vocais) e Humberto Barros (teclados).  O Frejat é amigo e voluntário da Associação desde de 2002. Ele já fez quatro shows beneficentes para o Saúde Criança, além de ceder a sua imagem para diversas campanhas. Também, apadrinha uma criança assistida pelo Saúde Criança, contribuindo mensalmente para reestruturação e transformação da família dessa criança.
Sobre a Associação Saúde Criança
Há 26 anos, a Associação Saúde Criança promove transformação social de famílias, que vivem em pobreza extrema, por meio de metodologia multidisciplinar inovadora. Além do atendimento direto às famílias, o Saúde Criança dissemina esse conhecimento e prática para instituições públicas e privadas e estimula a mobilização social. A Associação Saúde Criança foi eleita a ONG mais influente da América Latina e 19ª do mundo, segundo o ranking feito pela NGO Advisor que considera três critérios essenciais: impacto, inovação e sustentabilidade. Fonte: Fábio Cezanne - Cezanne Comunicação - Assessoria de Imprensa em Cultura e Arte - www.cezannecomunicacao.com.br .

Kadavar retorna ao Brasil em março de 2018 para divulgar o novo álbum Rough Times, o mais diversificado da carreira
09/11/2017

Os gigantes alemães do Kadavar estão de volta à América do Sul, três anos após da excepcional e estreia em palcos locais, com oito datas entre Brasil, Chile, Argentina e Uruguai. A realização da turnê é da Abraxas em parceria com a Red House (Chile), Noiseground (Argentina) e com produtora brasileira novata, Headbanger Produções. O novo giro promove o recém lançado quarto álbum, Rough Times, que aprimora o rock psicodélico do power trio com peso e groove, além da atmosfera soturna ainda mais impregnada aos riffs setentistas e batidas progressivas que fazem desta banda uma das mais autênticas e interessantes da atualidade. No Brasil, serão quatro shows. O primeiro compromisso é dia 1º de março em Belo Horizonte (MG), no Studio Bar. Na sequência, os alemães se apresentam dia 2 em Florianópolis (SC) no Célula Showcase, para depois retornar ao Sudeste com shows em São Paulo (SP) no dia 3, no Fabrique Club, e Rio de Janeiro (RJ) no dia 4, dentro do já tradicional Hocus Pocus Festival, evento em parceria com a premiada cervejaria artesanal carioca. Montevideo (Uruguai), Buenos Aires (Argentina), Córdoba (Argentina) e Santiago (Chile) recebem o Kadavar antes, a partir da última semana de fevereiro, respectivamente nos dias 22, 23, 24 e 25.
Com enorme prestígio entre o público brasileiro e constantemente no topo de paradas musicais pelo mundo, o Kadavar está à frente do revival do rock retrô, que tem como referência algumas formações clássicos da década de 1970: Black Sabbath, Pentagram, Hawkind e Led Zepellin. O trio, há menos de uma década na estrada, tem raízes em Berlim, a capital alemã, e que inclusive dá nome ao terceiro álbum da banda, com o qual promoveu de vez a explosão de músicas recheadas de fuzz, riffs cavalares e envolvidos na dose exata - como acontece também em Rough Times - de uma aura ocultista. Rough Times, mundialmente lançado em setembro deste ano pela Nuclear Blast, já ganhou versão nacional em CD pela Shinigami Records e está à venda nas principais lojas de música do Brasil.  Fonte:  Erick Tedesco - Assessor de imprensa/Abraxas Produtora - www.facebook.com/abraxasevents, www.abraxas.fm e www.facebook.com/Erick.Tedesco.

Nervosa: Depois de sucesso na Colômbia, meninas tocam em Varginha/MG no sábado
09/11/2017

Uma das bandas que mais se apresenta fora do Brasil, a Nervosa retorna para um show em Varginha/MG, no sábado, 11/11 - antes de mais uma mini tour de 5 datas no México, na semana que vem. Recentemente elas tocaram no festival “Altavoz” na Colômbia, para mais de 20 mil pessoas. Veja a reação do público colombiano no show da Nervosa: https://www.facebook.com/femalethrash/videos/1456948767686896/. Confira trecho da apresentação do festival “Altavoz” na Colômbia: https://www.facebook.com/femalethrash/videos/1457624617619311/.
O show de sábado, em Varginha, acontece no Subsolo Music Bar (Avenida Princesa do Sul, 2180, Varginha - MG), com participação das bandas Burnkill, Incurse, Branding, Demolition, Cova Raza e Dymons, a partir das 20h. Para mais informações, siga a página do evento em Varginha: https://www.facebook.com/events/2027863054161295/. Depois dos shows no México, a banda terá os seguintes shows no Brasil:
26/11 - São Bernardo do Campo/SP @Festival Metal Total (C/ MX, Necromancia, Seventh Seal e Montanha)
02/12 - Curitiba/PR @Jokers
03/12 - Ipaussu/SP @Ipaussu Rock Fest
10/12 - Rio de Janeiro/RJ @La Esquina
15/12 - São Paulo/SP @TBA
17/12 - Bragança Paulista/SP @Cardápio Undeground
*Mais datas serão divulgadas em breve! Para levar a Nervosa para sua cidade, entre em contato com tc7producoes@gmail.com / www.tc7producoes.com / www.facebook.com/tc7producoes. A Nervosa é formada por Fernanda Lira (baixo e vocal) e Prika Amaral (guitarra) e Luana Dametto (bateria). Acompanhe a Nervosa em seus canais oficiais: www.nervosaofficial.com/site/eng-band/; www.facebook.com/femalethrash; www.instagram.com/nervosathrash e https://twitter.com/nervosathrash

Teaser de lançamento do clipe ‘’Outcast Power’’ do Sangre
09/11/2017

O Sangre confirmou a data do lançamento de seu primeiro videoclipe 10 de novembro. A faixa escolhida foi ‘’Outcast Power’’, que faz parte do álbum ‘’JUST PRAY’’. Esse clipe vai mostrar um pouco da história de um fuzileiro que não consegue esquecer os traumas que sofreu na guerra. O grupo disponibilizou em seu canal oficial no Youtube, o teaser mostrando alguns trechos desse trabalho. Segue o link: https://www.youtube.com/watch?v=Pcjo_S5O8eg. Links relacionados: Facebook: https://www.facebook.com/SangreBR/;  Twitter: http://twitter.com/sangrebr e Instagram: https://www.instagram.com/sangrebr/.  Fonte: Trauma Agency.

Forceps comenta sobre sua atual turnê norte-americana
09/11/2017

A banda FORCEPS embarcou em uma turnê pelos Estados Unidos em outubro, divulgando o seu novo álbum, “Mastering Extinction”. De acordo com o grupo, os shows têm sido ótimos, "com uma excelente energia, com todos curtindo muito e batendo muita cabeça! A receptividade tem sido realmente incrível, só temos a agradecer!". A banda agradece a todos que têm comparecido às apresentações da tour.

"O show em Boone recebemos uma pessoa mais que especial para nos assistir: o irmão, conterrâneo carioca e amigo de longa data, Victor Mendonça, do Lacerated And Carbonized! Que honra irmão! Muito foda te ver no meio dessa tour! FORCEPS and LAC! RIO DE JANEIRO NELES PORRAAA!", declarou a banda. O vídeo de uma das apresentações da turnê, realizada no Harlingen no Texas, pode ser conferido a seguir https://www.youtube.com/watch?v=x1J4yTO9VbU&feature=youtu.be.
Formada em 2006, FORCEPS é uma banda de Brutal Death Metal proveniente do Rio de Janeiro, tendo como principal tema a decadência humana e um mundo pós-apocalíptico. Ao longo dos últimos dez anos, a banda lançou duas demos e, em 2012, o EP “Humanicide” pela gravadora norte-americana Ossuary Industries. Após o lançamento, destacou-se em shows pelo Brasil, tocando ao lado de grandes nomes da cena mundial, como Cannibal Corpse, Krisiun, Napalm Death e Hatebreed.  Em 2016, FORCEPS retorna com os novos integrantes Bruno Tavares (guitarra) e Thiago Barbosa (baixo), unindo forças com os duradouros membros Doug Murdoch (vocal) e Emmanuel Ivan (bateria), para mostrar o seu mais novo e ambicioso álbum “Mastering Extinction”. Acompanhe a banda FORCEPS nas redes sociais:
Official Website: http://www.forcepsdeath.com; Facebook: http://www.facebook.com/forceps; Instagram: http://www.instagram.com/forcepsofficial; Twitter: http://www.twitter.com/forcepsband; Bandcamp: http://www.forceps.bandcamp.com; Reverbnation: http://www.reverbnation.com/forceps e LastFM: http://www.lastfm.com.br/music/forceps. Fonte Black Legion Assessoria de Imprensa - www.blacklegionprod.com e www.facebook.com/BlackLegionProd.

Megadeth trabalha em novo disco, diz David Ellefson
09/11/2017

Depois do frontman Dave Mustaine ter feito algum mistério ao ser questionado sobre o assunto, o baixista David Ellefson confirmou que o Megadeth está, sim, trabalhando em um novo disco. A afirmação foi feita em entrevista ao podcast "The Right To Rock", transcrita pelo Blabbermouth. "Estamos trabalhando em um novo disco", disse Ellefson. "Trabalhando nisso, significando que estamos reunindo ideias e compondo algumas letras - apenas começando a seguir adiante nesse próximo processo." A entrevista parece ter sido concedida antes da visita do Megadeth à América do Sul, pois Ellefson disse, em determinado momento, que a banda ainda estava a caminho do continente. "Depois, vamos parar um pouco no fim do ano, até o Ano Novo. E já há algumas coisas sendo discutidas para alguns shows em 2018. Mas uma grande parte disso também envolve compor um novo disco", afirmou.

Irmãos Kulick fazem covers com banda de Slash em cruzeiro
09/11/2017

Os irmãos Bob e Bruce Kulick juntaram-se com o baixista e vocalista Todd Kerns e o baterista Brent Fitz para uma apresentação especial no Kiss Kruise VII. O quarteto apresentou um repertório composto apenas por músicas "lado B" do Kiss. O setlist foi composto, basicamente, por faixas gravadas originalmente por Bob ou Bruce Kulick. O trabalho de Bob foi contemplado pelas inéditas de "Alive II" e "Killers" e do álbum solo de Paul Stanley, lançado sob o nome do Kiss em 1978. No caso de Bruce, rolaram canções de sua era na banda, entre os anos de 1984 e 1995.
Veja, a seguir, repertório e vídeos do show: 01. All American Man; 02. Hide Your Heart; 03. Wouldn't You Like To Know Me; 04. Domino; 05. Larger Than Life; 06. Tears Are Falling; 07. Nowhere To Run; 08. Tough Love; 09. Tonight You Belong To Me; 10. Who Wants To Be Lonely; 11. Crazy Crazy Nights; 12. Turn On The Night e 13. Goodbye.

Metallica: luta contra Napster não foi por dinheiro, diz Lars Ulrich
09/11/2017

O baterista Lars Ulrich disse que a luta do Metallica contra o Napster, antigo programa de compartilhamento de músicas, não foi por dinheiro. A afirmação foi feita em entrevista à rádio 92Y, de Nova York (transcrição por Alternative Nation). Inicialmente, Lars foi questionado se faria algo de diferente sobre a situação. "Acho que poderíamos ter nos educado melhor sobre o que pensava o outro lado e quais eram os problemas", respondeu. "Isso começou como uma briga de rua. Não era sobre o futuro da música, negócios da música ou dinheiro. Era uma briga de rua." Ele relembrou de quando "I Disappear", música feita para o filme "Missão Impossível 2", vazou e foi parar nas rádios. "Gravamos entre compromissos de turnê e seguraríamos até o verão seguinte. Um dia, recebo uma ligação de Cliff (Burnstein, co-empresário do Metallica) dizendo que a música está tocando em 20 estações de rádio americanas. Ficamos: 'como isso é possível?' Ele disse que havia algo chamado Napster, onde as pessoas compartilhavam arquivos", contou.
Lars afirmou que, a partir daí, começou a "briga" com o Napster. "Como se fazia antigamente, era algo como: 'bem, vamos f*der com o Napster então'. E os holofotes se viraram sobre mim. Fomos pegos e estávamos no meio. O Napster significava muito para várias pessoas, então fomos pegos de surpresa por isso e tivemos que nos virar na sequência", disse. Na época do Napster, Ulrich disse que o Metallica era completamente a favor das bootlegs - gravações amadoras de apresentações ao vivo. "Você poderia ir a um show com seus aparelhos de gravação e registrar os shows do Metallica. Nós trocávamos fitas no passado e éramos a favor disso. O problema é que ninguém do Napster nos ligou para perguntar: 'está tudo bem para vocês em fazermos isso?'. Haveria, daí, uma conversa. Mas fizeram sem nos consultar antes", afirmou.
Nesse ponto, Lars admite que poderia ter se informado melhor. "Fomos atingidos por uma chuva de b*sta e as pessoas diziam: 'o Metallica tem sede por dinheiro'. E não tinha nada a ver com dinheiro. Era sobre: 'espere, se vamos doar a nossa música - o que não ligamos em fazer -, talvez nós mesmos façamos isso, ou alguém deveria pedir nossa autorização'. Era isso", disse. Hoje, Lars Ulrich diz ser "grande amigo" de Sean Parker, fundador do Napster. "Eu o elogiei e passamos a ter uma relação de novo. Mas eles eram muito espertos. Diziam: 'não sabemos quem são as pessoas que baixam as músicas'. E nós: 'não acreditamos e pensamos que vocês podem encontrar os nomes'. Então, nós mesmos conseguimos os nomes das pessoas. 'Se vocês não conseguem achar, nós informamos vocês'. Não foi a ação de relações públicas mais inteligente possível, mas pelo menos vencemos a discussão", afirmou.

Kiss: setlist inesperado e com raridades em show de cruzeiro; assista
09/11/2017

Conforme esperado, o Kiss apostou em um repertório repleto de canções pouco tocadas durante a apresentação realizada no Kiss Kruise VII, na última terça-feira (7). Canções "esquecidas" nos shows convencionais do grupo, como "Is That You?", "I", "Hot And Cold" e "Tomorrow And Tonight" marcaram presença no setlist da performance, dedicada especialmente a fãs da banda. Veja, a seguir, o repertório apresentado pelo Kiss: 1. Tomorrow And Tonight; 2. Sweet Pain; 3. Shout It Out Loud; 4. I Love It Loud; 5. Flaming Youth; 6. Hot And Cold; 7. Say Yeah; 8. War Machine; 9. Is That You?; 10. Cold Gin; 11. Lick It Up; 12. Black Diamond; 13. Detroit Rock City. Bis: 14. Rock And Roll All Nite e 15. I.
O Kiss também realizou um show acústico, sem maquiagens e fantasias, nos moldes da performance realizada para o "MTV Unplugged", em 1995. Veja, a seguir o  setlist do show acústico: 1. Comin' Home; 2. Plaster Caster; 3. Do You Love Me; 4. Christine Sixteen; 5. Hotter Than Hell; 6. Hard Luck Woman; 7. Shock Me; 8. A World Without Heroes; 9. Got to Choose; 10. Hide Your Heart; 11. Goin' Blind; 12. Beth; 13. Love Her All I Can; 14. Every Time I Look at You; 15. See You Tonite; 16. All The Way (trecho) + Nothin' To Lose e 17. Calling Dr. Love.

Beatles: singles natalinos serão relançados em dezembro
09/11/2017

Entre 1963 e 1969, os Beatles lançaram anualmente singles natalinos, que eram enviados a membros do fã-clube oficial e, claro, hoje em dia são um ítem extremamente cobiçado pelos beatlemaníacos. E para alegrar estes, uma reedição especial intitulada "The Christmas Records" estará nas lojas em 15 de dezembro, custando (lá fora) US$85, trazendo os sete discos, a saber: "The Beatles Christmas Record" (1963), "Another Beatles Christmas Record" (1964), "The Beatles Third Christmas Record" (1965), "Pantomime - Everywhere It's Christmas" (1966), "Christmas Time (Is Here Again)" (1967), "The Beatles Sixth Christmas Record" (1968) e "The Beatles Seventh Christmas Record" (1969), além de um livreto com imagens e textos. Veja o trailer de divulgação: https://www.youtube.com/watch?v=-HtBDK0y9-k.

Max se diz entusiasmado com novo disco do Soulfly
09/11/2017

Em uma entrevista para o programa "Rock Talk With Mitch Lafon", Max Cavalera falou sobre o sucessor de "Archangel" (2015), a turnê tocando NAILBOMB e como se sente em relação a forma como sua música atinge os fãs. Max, que atualmente segue com a "Point Blank With Soulfly", onde o SOULFLY toca na íntegra o disco "Point Blank" (2014) do seu antigo projeto paralelo da época de SEPULTURA, o NAILBOMB, declarou: "Ano que vem será um grande ano para nós, porque é o aniversário do primeiro disco do SOULFLY lançado em 1998. E também porque nosso novo disco será lançado pela Nuclear Blast. Eles estão muito empolgados com o disco, verdadeiramente excitados pelo novo disco do SOULFLY". "Eu vou começar a trabalhar com isso quando eu terminar a turnê do NAILBOMB", disse. "Mas eu meio que já sei o que quero fazer nesse disco, que é um retorno para um pouco dos sons tribais que explorei nos primórdios do SOULFLY, devo retornar para partes disso. Partes dele serão uma continuação do que fiz em "Archangel", que muita gente gostou de verdade, então vou continuar por esse caminho. Mas será mesmo um ano muito excitante, porque nós teremos um novo disco que no ano que comemora o vigésimo ano do nosso primeiro disco. Então tudo isso junto deverá ser muito legal. Será um ano de música nova e turnê, logo deverá ter muita diversão e deverei estar muito ocupado pelo ano todo".
Max ainda falou do orgulho pelo SOULFLY:"A coisa mais legal do SOULFLY é a tribo que criamos, por causa dos fãs, eu vejo isso em todo lugar. As tatuagens do SOULFLY, a quantidade que eu vejo de tatuagens é esmagadora - há muitas delas. E há muitos, muitos fãs do SOULFLY que gostam mesmo da banda, o que é ótimo. Eu realmente não esperava isso. Eu sempre pensei que estaria conectado ao SEPULTURA, conectado ao passado, mas esse não foi o caso. Eles amam o que fiz com o SEPULTURA, mas eles amam o SOULFLY - eles se sentem uma parte dessa tribo e têm orgulho disso. Muitas vezes durante a "Return To THe Roots Tour" (nota: onde ele e seu irmão Iggor tocaram na íntegra o disco "Roots" do SEPULTURA), muitas pessoas apareciam com camisas do SOULFLY apenas para apoiar a banda".
De acordo com Max, a mensagem do SOULFLY evoluiu pelos anos até onde chegou hoje: "Lidar com coisas tribais, políticas e espirituais e muitas outras coisas lidando com tragédias e afins. Então quando eu ouço que a minha música ajudou pessoas a atravessarem momentos difíceis, para mim, isso é a coisa mais legal que eu provavelmente fiz com minha música - de poder, de verdade, ajudar alguém durante um período difícil", ele disse. "E você não pode precificar isso. Eu acho que essa é a coisa mais legal que você pode fazer com a música - dar toda essa força para outra pessoa através da sua música. As vezes nós nem estamos lá - apenas fazemos os discos e lançamos, e não vemos o que acontece depois que o disco sai. Mas ele vai para dentro da vida das pessoas e se torna algo realmente grande nas suas vidas, eu acho isso a coisa mais legal e é algo que tenho muito orgulho".

Last In Line: álbum novo deve sair em 2018
09/11/2017

O LAST IN LINE planeja gravar e lançar em 2018 seu novo álbum. Para quem não conhece, o LAST IN LINE é um grupo formado por experientes músicos que se juntaram inicialmente para serem uma banda tributo ao grande DIO. Se liga na formação e currículo dos caras: Vivian Campbell (guitarra, DIO, WHITESNAKE, RIVERDOGS, DEF LEPPARD), Phil Soussan (baixo, OZZY OSBOURNE, BILLY IDOL), Vinny Appice (bateria, BLACK SABBATH, DIO, KILL DEVIL HILL, 3 LEGGED DOGG), Eric Norlander (teclados, diversos solos, LANA LANE) e Andrew Freeman (vocal, produtor e vocais em diversos grupos). Um timaço!
O carismático Vinny Appice concedeu recentemente uma entrevista a Metal Rules: "Nós entramos no estúdio e gravamos cinco músicas, faixas base. Andy está no processo de terminar alguns vocais em algumas delas. Parece ótimo. Estamos escrevendo com Phil Soussan que tem sido muito produtivo e criativo. No outro dia, nos reunimos e escrevemos algumas outras idéias. Costumamos escrevê-las e, em seguida, trabalhamos nelas por um tempo antes de enviá-los para Andy para adicionar a melodia. Voltamos ao estúdio em dezembro para terminar com outras quatro ou cinco músicas. O objetivo é ter o CD em algum momento no próximo ano. Também temos alguns shows na Costa Leste em novembro. E todos os lugares que tocamos no início deste ano nós queremos voltar!" O primeiro - e até então único - disco da banda, "Heavy Crown", foi lançado em 2016.

Nando Fernandes toparia reunião com o Hangar?
09/11/2017

O ex-vocalista do HANGAR Nando Fernandes deu uma entrevista ao canal Heavy Talk falando sobre diversas questões de sua carreira, inclusive o trabalho ao lado do baterista Aquiles Priester. Nando e Aquiles trocaram farpas nas redes sociais ano passado devido a uma declaração do baterista em entrevista para o mesmo canal (Heavy Talk). Outros ex-vocalistas do HANGAR, como Humberto Sobrinho e André Leite, também tomaram parte na discussão. Na entrevista, que você pode ver abaixo, Nando Fernandes diz que conversou com Aquiles e que a situação está resolvida.
Elogiou o baterista e se mostrou compreensivo sobre o peso de liderar uma banda e as consequências que isso pode trazer. Mais do que isso Nando ainda falou das boas memórias sobre o disco The Reason Of Your Conviction, que completou 10 anos em 2017, e demonstrou interesse em fazer algo novamente com o HANGAR caso o convite seja feito. Confira: https://www.youtube.com/watch?v=At4PsAT2Ej0. Nando também disse que não veria problema em ser lançado o DVD que gravou com o HANGAR na época que estava na banda. O DVD continua engavetado até hoje.

Smashing Pumpkins: "os vocalistas falecidos do grunge eram valiosos"
09/11/2017

O frontman do SMASHING PUMPKINS, Billy Corgan, foi perguntado sobre ser uma das últimas vozes sobreviventes da era grunge/rock alternativo dos anos 90 - em uma nova entrevista para o site San Francisco Chronicle.
"Você é um dos últimos homens de uma certa tribo. Você já olhou ao seu redor e se perguntou: ‘Como eu sobrevivi?’"
Corgan respondeu com grandes elogios aos seus contemporâneos falecidos: "Eu realmente lamento aqueles que não estão mais aqui comigo. Falando como alguém de uma geração, me aflige que não há tantas grandes vozes que não estão juntas para uma turnê e ajudando a reforçar o argumento de que nossa geração foi incrivelmente valiosa e continua a ser valiosa".
Corgan também afirmou na entrevista que ele não tem interesse em continuar sob o nome SMASHING PUMPKINS sem os seus companheiros originais: James Iha (guitarrista), Jimmy Chamberlin (baterista) e D'arcy Wretzky (baixista). "Eu diria que ao longo do tempo, demorei a perceber como o público identificava certas pessoas e certas vozes até certo ponto. Em suas mentes, o SMASHING PUMPKINS é muito marcado por James, D'arcy, Billy e Jimmy. No momento, não estou mais tão interessado em fazer o SMASHING PUMPKINS viver sem os membros originais envolvidos, porque simplesmente não me sinto tão bem como deveria sentir".

Vandroya lança novo videoclipe
09/11/2017

Após o lançamento de seu segundo álbum, a banda Vandroya aproveitou a pausa na turnê para gravar o seu novo videoclipe. A captação das imagens foi realizada no interior de São Paulo, em setembro, pela produtora Couraça Filmes. A faixa escolhida foi a “The Path to The Endless Fall”, a mais rápida do novo álbum Beyond The Human Mind (2017), lançado pelo selo Inner Wound Recordings (EUR e EUA), Bickee Music (JAP) e de forma independente no Brasil. Confira: https://www.youtube.com/watch?v=1qGFFTD8h9M.

Superando o debut ONE (2013), o novo álbum vem rendendo elogios da mídia especializada e traz uma banda mais madura musicalmente, com composições que mantêm sua identidade, com elementos do power metal, linhas progressivas e da música brasileira, ao mesmo tempo que refletem a evolução da banda desde seu primeiro trabalho. Vandroya é: Daísa Munhoz - vocais; Sergio Pusep - guitarra; Giovanni Perlati - baixo e Otávio Nuñez - bateria. Website: http://www.vandroya.com.

Linkin Park: "gravadora quis me tirar", diz Mike Shinoda
09/11/2017

O músico Mike Shinoda falou, em entrevista à Kerrang! (transcrita pelo site da Gibson), sobre a ocasião em que a gravadora Warner quis tirá-lo do Linkin Park. A lealdade do falecido vocalista Chester Bennington foi tamanha que ele não concordou em dispensar o amigo. "Quando estávamos gravando 'Hybrid Theory' (2000), éramos basicamente uma banda nova com um contrato. A gravadora poderia nos deixar a qualquer momento. Estávamos no meio das gravações quando nosso A&R (funcionário do selo responsável pelo desenvolvimento artístico dos músicos) começou a perder as esperanças em nós", contou Mike Shinoda.
O instrumentista afirmou que o funcionário da gravadora puxou Chester Bennington de lado e sugeriu que ele tomasse o controle da banda. "Ele recomendou que me colocassem nos teclados ou até me tirassem. Ele disse a Chester: 'Você é o talento, você deveria fazer um disco de rock. Não precisa do rap, não precisa do resto dos caras'", disse. E qual foi a resposta de Chester Bennington? "Vá se f*der", segundo Mike.
Além da lealdade, Chester Bennington estava correto em termos artísticos. "Hybrid Theory" é um dos grandes discos do rap metal/nu metal e vendeu mais de 30 milhões de cópias, sendo o álbum de estreia mais comercializado no século 21. Vale lembrar que o pedido da Warner para dispensar Mike Shinoda já havia sido revelado, anteriormente, por Chester Bennington, em entrevista concedida no ano passado.

Black Sabbath libera "N.I.B." do "The End Of The End"
09/11/2017

No vídeo disponibilizado no facebook oficial, o Black Sabbath toca "N.I.B." ao vivo pela última vez em sua longa trajetória, confira: https://www.facebook.com/BlackSabbath/videos/10155271445904615/. "The End Of The End" registra o último show do Black Sabbath, realizado em fevereiro de 2017 em Birmingham e que foi exibido nos cinemas, que será lançado no dia 17 de novembro em diversos formatos: CD duplo, LP triplo, blu ray e DVD, além de uma edição luxuosa com extras. Ozzy falou sobre a apresentação: "Fazer esse show em casa depois de todos esses anos foi bastante especial. Foi tão difícil dizer adeus aos fãs, que nos foram incrivelmente leais ao longo dos anos. Nunca sonhamos nos primeiros dias que estaríamos aqui 49 anos depois, fazendo o nosso último show, em nossa casa. Que jornada todos nós tivemos, foi fantástico!" Além das imagens ao vivo registradas no show, o filme trará também imagens de bastidores, incluindo imagens de estúdio da banda tocando músicas não apresentadas no set-list ao vivo.

Billy Corgan explica por que a sua geração foi "amaldiçoada"
09/11/2017

O vocalista/guitarrista do SMASHING PUMPKINS, Billy Corgan, foi recentemente entrevistado pelo site SF Weekly e falou sobre as mortes de muitas lendas do rock alternativo e grunge.
Você é membro de um clube que está diminuindo, pois muitos dos seus contemporâneos vocalistas do rock alternativo e do grunge como, Kurt Cobain (NIRVANA), Scott Weiland (STONE TEMPLE PILOTS), Layne Staley (ALICE IN CHAINS), Bradley Nowell (SUBLIME), Shannon Hoon (BLIND MELON) e mais recentemente, Chris Cornell (SOUNDGARDEN, AUDIOSLAVE, TEMPLE OF THE DOG) e Chester Bennington (LINKIN PARK, STONE TEMPLE PILOTS), morreram de overdoses ou tomaram as suas próprias vidas. Você tem alguma visão sobre essa tendência perturbadora?
Billy Corgan: Eu gostaria de ter mais respostas e de ter tomado certas atitudes no passado... Eu conhecia Chris e nós tivemos alguns desacordos que nunca conseguimos corrigi-las. Gostaria de não ter contribuído para a sua infelicidade, mesmo que seja na mais minúscula maneira que foi, sabe? Gostaria de ter sido uma força de encorajamento para ele, porque ele me influenciou e eu o considerava... Chester foi, obviamente, um dos melhores vocalistas do rock desde sempre e foi uma grande honra quando uma vez eles fizeram o cover da nossa música “Bullet With Butterfly Wings” (lançada no 3º disco do SMASHING PUMPKINS). É assustador pensar que todos estes talentos desapareceram... É muita memória, muita música e quando as pessoas tiverem uns 60 anos de idade, muitas irão estar sentadas no gramado dos parques cantando a música "Black Hole Sun" do SOUNDGARDEN, escutando-a junto com o cara que a compôs. Infelizmente, são tragédias compartilhadas.
Corgan: Quanto ao porquê, eu não acho que seja tão simples assim de explicar o quanto essa geração foi “amaldiçoada”. Nós somos os filhos de uma geração que criaram as pílulas e decidiram que não queriam ter filhos, assim como da geração que não tinha recursos para contratar uma babá para nos criarmos - crescemos sozinhos e literalmente com o aprendizado das ruas... Talvez isso criou alguma tristeza ou algo mais profundo do que podemos reconhecer.

Dean Fertita explica como entrou no Queens Of The Stone Age
09/11/2017

Dean Fertita, guitarrista e tecladista do QUEENS OF THE STONE AGE, falou de quando se juntou à banda há 01 década atrás em uma nova entrevista para o site The Oakland Press. Fertita reside hoje com a sua família em Nashville e faz parte também das 02 bandas de Jack White, DEAD WEATHER e RACONTEURS: "Nós fizemos tanta coisa juntos... Eu me lembro vividamente de receber o chamado para tocar com esses caras ou ter um ensaio com eles para ver se iria funcionar. Quando eu estava indo me encontrar com eles, eu não tinha idéia do que iria tocar e não sabia se seria guitarra, teclado ou baixo, porque na época eles estavam a procura de um novo baixista também. Então, eu tive que aprender, você sabe, peguei essa coluna espinhal de como tocar 50 músicas que eu não sabia, sendo que eu nunca havia conversado com nenhum dos caras da banda antes, sabe? Estava realmente muito ansioso no avião a caminho de Los Angeles”.
"Mas quando começamos a ensaiar, senti como se eu conhecesse eles desde sempre. Foi instantâneo e uma transição fácil para mim e todos nos tornamos bons amigos... Depois, nós chegamos a fazer outras coisas e até saímos de férias juntos quando não estávamos trabalhando na banda e provavelmente, foi musicalmente a melhor coisa que aconteceu comigo na minha vida, porque sinto que realmente tenho uma casa com pessoas com as quais eu amo trabalhar".

Stone Temple Pilots: "houve um tempo em que buscava a aprovação de Scott"
09/11/2017

Dean DeLeo, guitarrista do STONE TEMPLE PILOTS, falou recentemente sobre o desempenho do falecido vocalista, Scott Weiland, no álbum de estréia, “Core” (1992) - em entrevista para o site Rock Cellar. "Ele estava em um ótimo lugar, cara... Houve um tempo em que eu realmente o admirava, sabe? Eu olhava para ele para receber a sua aprovação quando tocava guitarra ou quando trazia uma música para a banda. Eu realmente queria agradá-lo e buscava o seu aceno de aprovação... Sempre queria que ele falasse: 'Isso é ótimo, cara! Eu adorei o que você fez’.

E era tão incrível quanto triste, porque de uma forma lenta ao longo de 02 décadas essa luz diminuiu vagarosamente... Convivi com ele mais de 20 anos, cara”.
“Você sabe, Scott não ficou assim durante toda a sua vida. Ele queimou firme e brilhantemente, mas apenas para responder a sua pergunta, nós sempre nos lembraremos de quando criamos as nossas músicas com Scott e o quão incrível ele era. Isso é válido para todos os primeiros 05 álbuns de estúdio que gravamos e ele era apenas brilhante, cara. Assim como Robert (baixista) falou numa recente entrevista: ‘Ele foi o cara perfeito para ter como parceiro de composições, porque ele era brilhante’”.
“E eu vou te dizer uma coisa, cara, quando estávamos gravando os discos, ele nunca nos queria por perto quando chegava na hora dele fazer os vocais. Ele sempre queria ficar sozinho com Brendan O'Brien (produtor da banda nos 05 primeiros álbuns). Ele sempre gravava os vocais logo após o jantar, sabe? Ele começava a beber durante a hora do jantar para que ficasse bem e ‘lubrificado’. Lubrificado como um diesel de trem, como ELTON JOHN dizia".

Smashing Pumpkins: "Nos anos 90, a imprensa não respeitava David Bowie"
09/11/2017

O frontman do SMASHING PUMPKINS, Billy Corgan, falou sobre DAVID BOWIE em uma nova entrevista para o site alemão Laut. Seguem alguns trechos. "DAVID BOWIE era realmente uma pessoa especial. Um dia, ele apareceu na Virgin Records que era a mesma gravadora do SMASHING PUMPKINS nos anos 90. Ele fez alguns bons discos com a Virgin, mas eu via como a imprensa o tratava naquela época, tipo: ‘Ah, Bowie é coisa do passado’, e ao mesmo tempo queria trazer o seu trabalho para o futuro. Eu realmente não falei com ele sobre isso, mas ouvi nos bastidores o que estava acontecendo na época. Eu não vou ficar reclamando para você, mas havia certas coisas sendo ditas atrás da cortina e pensava: ‘Porra, trata-se de DAVID BOWIE e por que as pessoas não o respeitam?’"
“Você pode ver como os seus heróis são tratados de maneira inadequada, pois a situação era dominada e o seu legado ainda estava em pauta quando David apareceu na Virgin... Ele continuou fazendo muita música boa até o fim, sabe? Eu o admiro por isso, porque ele poderia ter vivido do passado e ficar falando: 'Eu sou DAVID BOWIE e quem se importa se eu componho uma boa música novamente?' Assim como NEIL YOUNG e BOB DYLAN, eu também o admiro por sempre ter procurado fazer um trabalho forte e isso não é fácil quando você é uma lenda como ele era".

Jimmy Chamberlin baterista do Smashing Pumpkins confirma novo álbum se reunião acontecer
09/11/2017

O baterista original do SMASHING PUMPKINS, Jimmy Chamberlin, revelou que a banda está discutindo possivelmente a gravação de um álbum de estúdio em 2018 para celebrar a reunião com os membros originais - em uma nova entrevista para a revista Rhythm Magazine. O último disco gravado com a formação original foi em 2000, “Machina The Machines of God” (5º álbum), embora a baixista original, D'arcy Wretzky, só tenha participado das gravações desse disco e não acompanhou a banda em sua turnê. Após terem feito a turnê completa para promover esse álbum com a baixista do HOLE, o grupo se desfez no mesmo ano.
Jimmy falou: "Eu sempre estou tentando evoluir. Estamos falando sobre talvez gravar no ano que vem com o SMASHING PUMPKINS e eu quero ter certeza de que isso vai acontecer, para que eu possa trazer algumas coisas realmente diferentes para o estúdio, sabe? O propósito desse período sabático que passamos precisa ser revelado nas canções e estou contando com todos para que tragam alguma coisa nova para discutirmos, porque se trata de uma oportunidade representativa em retomar o que sempre fizemos juntos".
Ele também falou sobre ter voltado ao SMASHING PUMPKINS em 2015. Lembrando que a banda retornou do seu hiato em 2007 com somente ele e o frontman Billy Corgan como membros originais. Em 2009, Jimmy pediu amigavelmente para sair da banda, para dedicar mais tempo à sua família e negócios particulares: "Billy Corgan encontrou-se na posição de simplesmente não ter um baterista para a turnê em 2015 e ele queria tocar as músicas que pretendemos apresentar caso a reunião se concretize. Ele havia me mandado um e-mail perguntando se eu gostaria de retornar, antes que ele fosse procurar outro baterista. Ele sabia que seria uma tarefa longa para um novo baterista aprender aquelas canções rapidamente, pois as datas de turnê já estavam marcadas, sabe? Hoje, é muito emocionante voltar ao grupo e celebrar as nossas músicas em um ótimo contexto, porque Billy está abraçando a amizade, o relacionamento, a música e provando que a música e as relações são muito maiores do que todas as políticas dos últimos anos. Eu pensei sobre isso por cerca de 01 segundo e disse sim para ele".

Joe Satriani comenta por não ficou no Deep Purple
09/11/2017

Durante uma recente sessão de perguntas e respostas realizada no Facebook (transcrita pelo Ultimate Guitar), o guitarrista Joe Satriani voltou a falar sobre a sua curta passagem pelo Deep Purple. Ele substituiu Ritchie Blackmore em duas excursões entre 1993 e 1994 - o guitarrista original deixou o grupo no meio da turnê de "The Battle Rages On". Ao ser questionado se ele gostaria de continuar a trabalhar com o Deep Purple, Joe Satriani respondeu que "se pudesse, gostaria". "Entretanto, eles meio que me tiraram da minha carreira solo no momento em que estava entrando em uma fase interessante", disse. Satriani também afirmou que "não poderia se doar 100% - e era o que eles precisavam". "Eles estavam substituindo Ritchie Blackmore e precisavam de alguém 100%. Agradeço a Deus que tenham encontrado Steve Morse, porque ele é um gênio", comentou. Na época em que entrou para o Deep Purple, Joe Satriani havia acabado de lançar seu quinto disco de estúdio, "Time Machine", segundo e último álbum dele a receber disco de ouro nos Estados Unidos - o outro foi o clássico "Surfing With The Alien" (1987). Duas faixas do álbum, lançado em 1993, foram indicadas ao Grammy. Veja um vídeo de um show completo do Deep Purple com Joe Satriani: https://www.youtube.com/watch?v=IyN99q8Wo9k.

Headbanger Voice: Filme sobre a Rock Brigade estréia este mês em SP
09/11/2017

A Rock Brigade nasceu como um fã clube de heavy metal, no já longínquo ano de 1981. Seu boletim informativo, inicialmente distribuído apenas entre os sócios, logo se transformou em fanzine e, posteriormente, na maior e mais importante publicação sobre música pesada do Brasil. A proposta de “Headbanger Voice”, o filme, é contar a história dessa trajetória improvável. Dirigido pelo jornalista Wladimyr Cruz - responsável por documentários musicais sobre a loja de discos Woodstock, a casa noturna Madame Satã, a banda de heavy metal Vulcano e a cena punk de Santos, “Califórnia Brasileira” - e pelo fotógrafo Marcelo Colmenero, o longa se baseia em entrevistas com fundadores da revista, colaboradores e nomes importantes da cena metálica nacional para discorrer acerca da história do informativo que virou a revista de música com mais tempo de circulação no Brasil. Repassando causos e histórias sobre diversas edições da revista, o filme revisita os mais de 270 números da publicação, sem esquecer de abordar também a Rock Brigade Records - selo fonográfico ligado à publicação com mais de 500 lançamentos e em plena atividade até hoje - e a produção de bandas, shows e eventos sob tutela de seu editor original, Antonio Pirani, o Toninho Rock Brigade.
No decorrer dos 130 minutos do filme, o público mergulha nas páginas da revista que escreveu - e ainda escreve - a história do heavy metal e da música pesada no Brasil. Produzido de forma absolutamente independente, “Headbanger Voice” é mais um lançamento do selo audiovisual Blue Screen of Death Filmes. Sessões de exibição pública do filme nos cinemas estão acontecendo no último trimestre de 2017. O longa tem previsão de lançamento em home video e em plataformas VOD para março de 2018.
Serviço:
Exibição oficial do filme "Headbanger Voice" em São Paulo
Data: 25 de novembro às 20:00
Local: Matilha Cultural - R. Rêgo Freitas, 542
Entrada Beneficente - Doações aceitas: Roupas e brinquedos em bom estado ou 1 kg de alimento (menos sal e açucar).
Evento no facebook: https://www.facebook.com/events/1710291568989677/.
Exibição oficial do filme "Headbanger Voice" em Campinas
Data: 4 de dezembro às 19:00
Local: Museu da Imagem e do Som (MIS) de Campinas - Rua Regente Feijó, 859 - Centro - Palácio dos Azulejos
Entrada Gratuita. Evento no facebook: https://www.facebook.com/events/1020190438123480/.
 

Smashing Pumpkins: "estou como um cachorrinho de patas para cima"
09/11/2017

O frontman do SMASHING PUMPKINS, Billy Corgan, falou novamente sobre a possível reunião da formação original da sua banda - em uma nova entrevista para o site Team Rock. Com 2018 marcando 25 anos de lançamento do clássico álbum do SMASHING PUMPKINS, “Siamese Dream” (2º disco, 1993), parece um momento oportuno para literalmente recuperar o grupo.

Corgan falou: "Eu realmente gostaria que isto acontecesse, mas você sabe, para alguém que tem uma reputação de controlador, não tenho a intenção de controlar este processo, você me entende? Tudo o que eu disse é que só se for para trazer felicidade, se for bom, se apenas conduzir organicamente a algum lugar eu aceitarei a reunião. Então, o que quer que aconteça e se acontecer, será devido a uma boa vibração e por 01 vez na minha vida estou disposto a dar as pessoas o que elas gostariam de ver, sem problemas quanto a isso. Nenhum setlist com músicas estranhas ou compromissos, apenas vamos fazer uma festa e realmente celebrar pra caralho".
De muitas maneiras, o músico permaneceu misterioso e confuso no final da entrevista - assim como em outras concedidas recentemente. O antigo "controlador" que ofereceu o futuro de sua banda às mãos dos outros, que sugeriu lançar um novo álbum se a reunião acontecer e que seria algo entre o 1º disco, “Gish” (1991), e o 2º álbum, “Siamese Dream”, depois de anos de angústia e turbulência parece agora relaxado sobre o futuro. Corgan tem uma maneira tipicamente esotérica em descrever como chegou aqui quando a entrevista se encerrou: "Em algum momento, o cachorrinho fica deitado com as patas para cima e é assim como eu me sinto agora... de patas para cima, só esperando".

Joey Jordison toca música clássica do Slipknot em versão acústica na Argentina
09/11/2017

Aconteceu em frente ao hotel onde Joey estava hospedado em Buenos Aires, na Argentina, durante a turnê "Dystopia World Tour" do Megadeth, que tem a banda Vimic como abertura. Confira: https://www.instagram.com/p/BbIK8F8nofd/. Foi assim: o músico saiu para conversar com alguns fãs e o encontro se transformou em uma jam session, onde a uma determinada altura Joey tocou "(sic)" do Slipknot em versão acústica com a ajuda dos fãs. Confira o momento no vídeo publicado por ele em seu instagram. O Megadeth e o Vimic participaram do Monsters Of Rock realizado no dia 4 de novembro em Buenos Aires.

Scorpions: lançados emojis oficiais da banda alemã
09/11/2017

O Scorpions anunciou o lançamento de seus emojis oficiais, disponíveis para Android e iOS. São mais de 100 emojis com temáticas relacionadas com letras e imagens da banda, além de desenhos representando seus integrantes atuais - Rudolf Schenker, Klaus Meine, Matthias Jabs, Pawel Mąciwoda-Jastrzębski e Mikkey Dee. Mais informações: https://www.the-scorpions.com/scorpions-are-proud-to-present-the-official-scorpions-emojis/.

Turnê de despedida: dez bandas que anunciaram o fim mas ainda estão na ativa
09/11/2017

No início de novembro de 2017, Ozzy Osbourne anunciou sua "turnê de despedida" que vai durar dois anos, começando em maio de 2018 no México, seguindo depois para Chile, Argentina e Brasil. Mas esta não é a primeira vez que Ozzy anuncia sua despedida dos palcos, pois isto já aconteceu em 1992 na turnê que ganhou o nome "No More Tours", já que era para promover o álbum "No More Tears". Porém, algum tempo depois, um enfadado Ozzy disse: "Aposentadoria é uma merda. Não demorou pra eu começar a ficar entediado e começar a compor novamente". E Ozzy não foi o único artista que já anunciou o fim de suas atividades mas está aí até hoje; confira abaixo a lista feita pelo Ultimate-Guitar.com: Nine Inch Nails - Wave Goodbye Tour (2009); Judas Priest - Epitaph World Tour (2011); Status Quo - End Of The Road Tour (1984); Ozzy Osbourne - No More Tours (1992); Scorpions (2010); Cher (2010); The Who - Farewell Tour (1982); Elton John (1977); Kiss - Farewell Tour (2000) e The Eagles - Farewell 1 Tour, 2005.

Epica: vídeo oficial ao vivo de "Consign To Oblivion"
09/11/2017

O Epica lançou um vídeo oficial ao vivo de "Consign To Oblivion", gravado durante apresentação realizada no começo deste ano no Le Zénith de Paris, na França. Confira: https://www.youtube.com/watch?v=dkqyyUTCMUQ. "Consign To Oblivion" é a faixa título do segundo álbum do Epica, lançado em abril de 2005.

Jonathan Davis fala sobre Chester Bennington
09/11/2017

Em uma recente entrevista para a Kerrang,o vocalista e líder do Korn, Jonathan Davis falou sobre sua relação e como foi a notícia da morte de Chester Bennington do Linkin Park em julho deste ano. Jonathan participou do show tributo, realizado em Los Angeles no último dia 27, onde cantou a música One Step Closer, além de participar da gravação do remix da música gravada no disco Reanimation, já havia dividido o palco com a banda e ainda junto à Chester, e participou de diversos festivais com as duas bandas como atrações.

A seguir, as palavras de Davis. "Eu amava seu sorriso. Eu sempre ficava ansioso para vê-lo. Se estivéssemos tocando em um festival juntos, ele fazia de tudo para vir me encontrar, o que eu sempre apreciei. Chester teve uma jornada incrível. Amei esse garoto".
Davis ainda falou sobre o talento de Chester para compor e como muitas pessoas se viram ligadas ao que ele falava: "Suas letras atingiram muitos e eram muito reais​. Em um nível lírico, Chester tocou em muitas coisas que as pessoas sentem, e quando você acha isso na música, é espetacular. Quando você está ajudando tantas pessoas, às vezes você pode esquecer de si mesmo. Nós somos como super-heróis para crianças que estão doentes - nós devemos ser a prova viva de que as coisas vão melhorar. Deve haver mais Chesters no mundo".

A inspiração de Rick Allen do Def Leppard em veteranos de guerra
09/11/2017

O baterista Rick Allen, do Def Leppard, vai lançar uma exibição de arte itinerante, chamada "Rock Allen: Drums For Peace". A mostra, que começa no dia 11 de novembro em Atlanta (Estados Unidos), será realizada em benefício dos militares veteranos por meio de um projeto chamado Project Resilliency's Warrior Resiliency Program. Em entrevista ao site da Billboard, Rick Allen revelou o porquê de auxiliar os militares veteranos: ele sentiu-se inspirado por eles quando perdeu o braço esquerdo, em decorrência de um acidente de trânsito sofrido no Réveillon de 1984 para 1985. "Sabia que, depois do meu acidente, havia algo diferente sobre mim - bom ou ruim", disse ele. "Nunca percebi com o que estava lidando até começar a me envolver com a comunidade militar."
O músico disse que sua primeira visita a um centro médico miliitar, chamado Walter Reed National Military Medical Center, foi "traumática". Entretanto, segundo ele, "vi muito potencial e muita cura. Depois de minha visita, voltei ao hotel, liguei para minha esposa e disse: 'sabe, temos todo esse sofrimento bem diante de nós e eu adoraria ajudar'. Refocamos a Raven Drum Foundation para trabalhar com nossos guerreiros feridos", afirmou, em menção à ONG criada por ele e sua mulher, Lauren Monroe.
Os encontros com os veteranos de guerra reviveram seu estresse pós-traumático, devido à perda de seu braço. Ele começou a participar de sessões de tratamento com militares feridos. "Todos ficamos traumatizados de alguma forma, seja por acidentes de carro, relações abusivas, alcoolismo no passado, pelo combate ou por diversas outras formas. Isso me deu uma oportunidade para aprender como lidar com minha situação, e isso está sempre em curso. Tenho pessoas para quem ligar se eu estiver tendo um dia ou semana ruim. Elas vão me colocar no caminho", disse. Além de Atlanta, a exposição "Rock Allen: Drums For Peace" também passa por Nova York e Washington D.C., com datas marcadas para o início de 2018.

Annihilator: vídeo da faixa título do "For The Demented"
09/11/2017

Annihilator liberou o vídeo de "For The Demented", faixa título de seu novo álbum, lançado no começo de novembro pela Neverland Music/Silver Lining Music, confira: https://www.youtube.com/watch?v=oM0cupFNHIA. Veja o tracklist de "For The Demented": 01. Twisted Lobotomy; 02. One To Kill; 03. For The Demented; 04. Pieces of You; 05. The Demon You Know; 06. Phantom Asylum; 07. Altering The Alter; 08. The Way; 09. Dark; 10. Not All There.

Morrissey: nova canção é crítica ao Brexit?
09/11/2017

Dia 17 de novembro, a BMG lançará Low In High School, novo LP de Morrissey. Depois de Spent The Day In Bed, a gravadora divulgou o lyric vídeo, Jacky's Only Happy When She's Up on the Stage . Já tem fã fazendo analogia a saída britânica da União Europeia, porque a bandeira inglesa é conhecida como Union Jack e em um verso ele diz "este país está me deixando doente". Confira: https://www.youtube.com/watch?v=h8vTilI264Y.

Metallica: show beneficente será transmitido online
08/11/2017

O Metallica anunciou que vai transmitir ao vivo o "Band Together", que será realizado no dia 9 de novembro a partir das 23h45m (horário de Brasília). A banda fará um set de aproximadamente 75 minutos, e o evento contará também com a participação de G-Eazy, Rancid, Dave Matthews & Tim Reynolds, Dead & Company e Raphael Saadiq, sendo sua arrecadação destinada a uma organização que ampara pessoas que sofreram com as consequências dos recentes incêndios que aconteceram na Califórnia.
A transmissão será realizada por três canais oficiais da banda: https://www.metallica.com/; https://www.youtube.com/user/MetallicaTV e https://www.facebook.com/Metallica/. E também pelo twitter no link
https://twitter.com/i/live/925097701229805568.

Iron Maiden: "The Book Of Souls Live Chapter" no YouTube
08/11/2017

O IRON MAIDEN vai disponibilizar o filme-concerto "The Book Of Souls: Live Chpapter" no YouTube, dia 11 de novembro, a partir das 17h (horário de Brasília). "Como agradecimento a nossos leais fãs ao redor do mundo, estamos disponibilizando o filme-concerto inteiro de graça. Separe algumas cervejas, ligue seus melhores alto-falantes e aprecie a "Book Of Souls Tour" diretamente do conforto de seu sofá".

Quando: 7pm GMT (nota: 17h de Brasília), Sábado, 11 de novembro. Onde: http://www.youtube.com/ironmaiden.
Repertório:
If Eternity Should Fail - Sydney, Austrália
Speed of Light - Cidade do Cabo, África do Sul
Wrathchild - Dublin, Irlanda
Children of the Damned - Montreal, Canadá
Death or Glory - Wroclaw, Polônia
The Red and the Black - Tóquio, Japão
The Trooper - San Salvador, El Salvador
Powerslave - Trieste, Itália
The Great Unknown - Newcastle, Inglaterra
The Book of Souls - Donington, Inglaterra
Fear of the Dark - Fortaleza, Brasil
Iron Maiden - Buenos Aires, Argentina
The Number of the Beast - Wacken, Alemanha
Blood Brothers - Donington, Inglaterra
Wasted Years - Rio de Janeiro, Brasil
"The Book Of Souls: Live Chapter" será lançado em 17 de Novembro nas seguintes versões: edição deluxe limitada com 2 CD's e livro de capa-dura, em álbum duplo regular, em vinil triplo e download digital. O download digital do filme também estará disponível para compra.

The Black Bullets apresenta Especial Led Zeppelin no Espeto Penedo
08/11/2017

A banda The Black Bullets apresenta em Penedo (RJ) o conhecido Especial Led Zeppelin no dia 11 de novembro (sábado). O show acontece no Espeto Penedo, a partir das 21 horas. Proveniente de Valença (RJ), The Black Bullets foi formada em outubro de 2007 e conta atualmente com João Jr (vocal), Felipe Martins (guitarra, Backing Vocal), Rominho Alvernaz (Guitarra, Backing Vocal), Daniel Iunes (baixo) e Crisão (Bateria). Acompanhe a The Black Bullets no Facebook: https://www.facebook.com/theblackbulletsrock/. Agência & Shows: www.beelyper.com l 024999741934.

Mattilha feat. RZO lançam single Qual é o seu veneno?
08/11/2017

Após o lançamento do EP "A Carne é Fraca", em 2016, o grupo de Hard Rock MATTILHA aposta em uma parceria inédita e inusitada para a nova versão da música "Qual é o Seu Veneno?", que foi distribuído pela ONErpm. Seguindo como inspiração as parcerias históricas do Aerosmith com Run DMC e Anthrax com Public Enemy, que juntaram o rock pesado com riscos dos DJs e rimas afiadas a banda paulista convidou DJ Cia e Sandrão, integrantes do lendário grupo de hip hop RZO para um remix. "É um grande sonho tirar esse projeto do papel! Romper as barreiras da música e dos "rótulos" é a grande mágica por trás da música!! Somos muito gratos ao DJ Cia e Sandrão por entrarem nessa com a gente; o RZO é uma verdadeira instituição no rap nacional e fazer um som com esses caras é motivo de muito orgulho para nós" - Diz Ian Bueno, baterista da banda.
O RZO, que segue na divulgação do novo álbum "Quem Tá No Jogo", lançado em Junho de 2017, foi um dos expoentes do rap nacional nos anos 90, revelando grandes nomes como Sabotage e Negra Li e emplacando hits como "O Trem" e "Pirituba pt 2". "Foi muito louco fazer esse som com a Mattilha em mais uma parceria entre o Rap e o Rock. Desde a época do Charlie Brown Jr eu tenho um carinho especial por essa mistura. Quando o Ian chegou com a proposta a gente já abraçou o projeto e estamos curtindo muito o resultado, quero ver geral compartilhando por ai! " - DJ CIA, produtor e DJ do RZO. O single já está disponível em todas as plataformas de streaming. Ouça: http://spoti.fi/2A2PbVd.
Para comemorar o lançamento, a cachorrada encerra o ano com a quarta edição do festival próprio, o "Canil Fest IV", no dia 9/12, na Vila Mariana - SP. O show contará com a participação das bandas Trezzy, Blame e Trooz. Ingressos: https://www.sympla.com.br/canil-fest__207179.   ​
Fonte: Erick Tedesco - Assessoria de imprensa - www.facebook.com/erick.tedesco e www.facebook.com/tedesco.midia.

RedeTV! estreia programa Sonoridades nesta quinta-feira com a banda Project46
08/11/2017

A partir desta quinta-feira (9), às 13, os fãs de boa música, interatividade e talk shows vão ter um ponto de encontro no portal e no Facebook da RedeTV: é o programa RedeTV! Sonoridades. Apresentado por Maurício Java e Gabriela di França, ele terá, além do bate-papo com as bandas, intervenções do público ao vivo via Facebook, notícias sobre música e outras surpresas. “Tudo para promover uma experiência diferenciada para quem gosta de música e claro, é fã da RedeTV”, afirma Maurício Java.
Os convidados do programa de estreia são Jean Patton e Vini Castellari, guitarristas da banda Project 46, um dos principais nomes do heavy metal brasileiro e que estão prestes a lançar o álbum “TR3S”. A banda também vai falar sobre o 46FEST III, festival que acontece dia 3 de dezembro, no Tropical Butantã, em São Paulo, ao lado de várias bandas convidadas. Sonoridades será exibido ao vivo, todas as quintas, a partir das 13h. Imperdível!.

Almah: show de lançamento do novo álbum “E.V.O” neste domingo no Manifesto Bar
08/11/2017

A banda Almah finalmente aporta em São Paulo para apresentar o grande show de lançamento do novo álbum E.V.O, que foi lançado mundialmente no final do ano passado. O show será realizado no Manifesto Bar, em São Paulo, dia 12 de Novembro (Domingo), a partir das 18 horas. Os músicos do Almah vão apresentar um repertório focado nas músicas do seu último disco, além de canções importantes dos álbuns anteriores. “E.V.O” traz uma agradável viagem entre o Metal Melódico Moderno, Rock contemporâneo e Prog Metal, com um instrumental coeso, elegante, virtuoso, repleto de “feeling” e peso.

O Almah é formado por Edu Falaschi (vocal), Marcelo Barbosa (guitarra), Diogo Mafra (guitarra), Raphael Dafras (baixo) e Pedro Tinello (bateria). “E.V.O” é o título do novo álbum do Almah, o 5º em sua carreira de 10 anos. O disco foi lançado mundialmente em 2016 pelas gravadoras King Records (Japão), Pride & Joy (Europa), Test Your Metal (EUA/Canadá/México) e MS Metal Records (Brasil). A arte da capa foi assinada pelo designer brasileiro Carlos Fides (Kamelot, Evergrey, entre outros), trazendo todos os elementos que representam o principal conceito contido nas letras do álbum. “E.V.O” é um álbum que se baseia na evolução da mente e da alma das pessoas, durante a nova era que o mundo está prestes a viver, que é chamada de “Era de Aquário”.
O álbum foi gravado em São Paulo, Brasil, no IMF Studio sob a condução de Tito Falaschi, sendo mixado e masterizado por Damien Rainaud (Fear Factory, Dragonforce, Baby Metal, entre outros) no Mix Unlimited Studio em Los Angeles, Califórnia, nos Estados Unidos. “E.V.O” traz um trabalho conceitual que se baseia na evolução da mente e da alma das pessoas durante uma nova era que o mundo está prestes a viver, a “Era de Aquário”. O autor, Edu Falaschi, abordou assuntos diversos, que estão conectados com o conceito principal, criando uma série de letras intrigantes, que vão desde a mitologia greco-romana até teorias ortodoxas e esotéricas, astrologia, história antiga e contemporânea.
Musicalmente, “E.V.O” é um álbum que traz um novo frescor para o poderoso estilo desenvolvido pela banda, garantindo sua identidade com composições modernas, pesadas, porém melodiosas e com uma boa dose de melancolia. Os fãs também serão capazes de perceber que este novo álbum traz em muitos momentos uma atmosfera muito parecida com a dos tempos de “Rebirth”, primeiro álbum do Angra gravado com Edu Falaschi nos vocais, tanto pelas composições quanto pelas linhas de voz, que estão muito mais melodiosas, líricas e clássicas, com o cantor cantando novamente em regiões mais altas em comparação aos álbuns anteriores do Almah.Links relacionados: http://www.almah.com.br/ e https://www.facebook.com/official.almah.

Escarnnia: Vote agora em “Humanity Isolated” para o prêmio de “Melhor do Ano Nacional Roadie Metal 2017”
08/11/2017

Simplesmente espetacular! Esta é a definição para o ano da banda tocantinense ESCARNNIA, que brindou seus fãs com o bem recebido debut álbum “Humanity Isolated” no início de 2017. E para coroar ainda mais este trabalho, que definitivamente ganhou a imprensa brasileira, a Roadie Metal selecionou o supracitado material para figurar no prêmio de “Melhores do Ano Nacional Roadie Metal 2017”. Vote agora, e ajude o ESCARNNIA nesta conquista. Para isso é muito fácil, basta acessar o link a seguir, buscar onde se encontra “Escarnnia - Humanity Isolated”, selecionar, votar e pronto, veja: https://roadie-metal.com/votacao/melhores-do-ano-roadie-metal-2017-votacao-aberta/. “Humanity Isolated” foi disponibilizado, via Sangue Frio Records, nas principais plataformas de streaming, confira alguns links:
Spotify: https://open.spotify.com/album/6NmvumEegih41sP81Rsra9 
Deezer: http://www.deezer.com/br/album/43996401 
iTunes/Apple Music: https://itunes.apple.com/br/album/humanity-isolated/id1254556676 
Claro Música: https://www.claromusica.com/album/3185980
Napster: http://us.napster.com/artist/escarnnia/album/humanity-isolated
Para adquiri-lo no formato físico, basta acessar o link a seguir: http://sanguefrioproducoes.com/loja/inicio/40-escarnnia-humanity-isolated-slipcase-com-relevo-adesivo.html. Confira todas as resenhas efetuadas pela mídia especializada sobre o álbum de estreia, “Humanity Isolated” do ESCARNNIA: http://www.sanguefrioproducoes.com/upload/clipping/Escarnnia.pdf. Contato para assessoria de imprensa: www.sanguefrioproducoes.com/contato. Sites relacionados: https://www.facebook.com/Escarnnia e http://www.sanguefrioproducoes.com/artistas/Escarnnia/46. Fonte: Sangue Frio Produções.

Armum será destaque na nova edição do Programa Sangue Frio Produções
08/11/2017

A banda goiana de Death Metal ARMUM será destaque no Programa Sangue Frio Produções de número #34. Nessa entrevista o baterista Gesiel Coelho falará um pouco sobre o início do grupo, formação atual, influências, EP “Infernal Domain”, projetos futuros e muito mais. O programa estará disponível a partir do dia 13/11/2017 nas principais web rádios do Brasil, confira abaixo onde ouvir: Rádio Exmera: Toda sexta-feira a partir das 20 horas - http://www.radioexmera.com/. Metal Militia Web Rádio: Confira a grade de programação da Rádio -http://metalmilitia.com.br/2015/grade-de-programas/. Mixcloud: Sempre disponibilizado como forma de “podcast”, confira todos os programas -https://www.mixcloud.com/SangueFrioProducoes/. Em outras notícias, o supracitado “Infernal Domain” foi lançado para streaming gratuito nas principais plataformas digitais, confira alguns links:
Spotify: https://open.spotify.com/album/4y1z3Z4dBHs0kUbqboorTz 
Deezer: http://www.deezer.com/br/album/44605051 
iTunes/Apple Music: https://itunes.apple.com/br/album/infernal-domain-ep/id1258830489 
Napster: http://us.napster.com/artist/armum/album/infernal-domain 
Claro Música: https://www.claromusica.com/album/3186681
Contato para assessoria de imprensa: www.sanguefrioproducoes.com/contato. Sites relacionados: https://www.facebook.com/armumdeath/ e http://www.sanguefrioproducoes.com/bandas/Armum/45. Fonte: Sangue Frio Produções.

Ruins of Elysium: defendendo os direitos igualitários da comunidade GLBTQs no Lyric Video de “The Birth Of A Goddess”
08/11/2017

O grupo Ruins of Elysium acaba de disponibilizar em seu canal oficial do YouTube o novo Lyric Vídeo da música “The Birth Of A Goddess. A música faz parte do registro lançado no início do ano, “Seeds And Chaos of Serenity”, que vem concorrendo em vários veículos como um dos melhores álbuns de metal nacional do ano de 2017. A música “The Birth Of A Goddess” é um épico de 7min com várias nuances e andamentos variados, a música transcende uma ideologia sincera e harmonias ricas em conceitos técnicos. A letra é uma dura crítica ao preconceito e revela o apoio e luta pelos direitos de todo LGBTQ.
A banda Ruins Of Elysium sempre deixou claro, desde os primórdios, sua luta pelo direitos igualitários e contra a homofobia, um dos pontos mais importantes da ideologia lírica do grupo, é mostrar as verdades que são escondidas da sociedade como um todo, em “The Birth Of A Goddess” as cores da comunidade LGBTQ são reverenciadas e gritam por uma justiça de igualdade, a intenção é mostrar ao mundo que o Brasil hoje é o país que se mata Transexuais em todo o mundo, estatisticamente, a expectativa de vida de um Transexual é de 35 anos no Brasil. Outro ponto importante é a dura realidade de ter que encarar um mundo de hipocrisia aonde 72 países ainda punem criminalmente LGBTQs e 10 destes países aplicam pena de morte se sua opção sexual for fora daquilo que eles julguem ser o correto. Confira o Lyric Video de “The Birth Of A Goddess”: https://www.youtube.com/watch?v=Ifu-K8aUX70.
O músico, vocalista e fundador da Ruins of Elysium, Drake Chrisdensen, se orgulha em representar todos aqueles que lutam pelo reconhecimento e direitos iguais aos LGBTQs: “Estas e outras estatísticas são apresentadas no vídeo de The Birth Of A Goddess, contrastando tantas cores no meio de um universo de estrelas e beleza com realidades impactantes. "Por que o nascer de uma Deusa incomoda o mundo? se a Flor mais bela é uma visão a se apreciar"? Metal é revolução, é contestação, é não se acomodar a dogmas e, sendo um estilo que se orgulha de acolher a todos, a Ruins Of Elysium se orgulha de falar sobre a causa LGBTQ e dedicar sua canção mais bela e épica a todos os membros desta comunidade.” Aos fãs da banda, o disco “Seeds And Chaos of Serenity” está concorrendo a melhor álbum nacional do ano de 2017 em votação aberta pelo site Roadie Metal. A Ruins of Elysium conta com seu voto e apoio, basta acessar o link abaixo e entre as três opções que você poderá escolher, marcar “RUINS OF ELYSIUM”. https://roadie-metal.com/vota%C3%A7%C3%A3o/melhores-do-ano-roadie-metal-2017-votacao-aberta/.
Ruins of Elysium é formada por: Drake Chrisdensen - tenor; Vicenzo Avallone - guitarra; Gabryelle Mariano - baixo e Icaro Ravelo - bateria. Mais informações: Facebook: https://www.facebook.com/RuinsOfElysium/ e Roadie Metal Press: https://roadie-metal.com/press/ruins-of-elysium/.

The Element lança videoclipe DUSK e single nas plataformas digitais
08/11/2017

A banda americana The Element lançou o videoclipe "Dusk", música que é o primeiro single de seu novo álbum "From Sand - Part II". O álbum tem a produção musical e mixagem de um dos maiores produtores de heavy metal da atualidade, o sueco Jens Bogren que é o responsável por albuns de bandas como Arch Enemy, Symphony X, Angra, Pain of Salvation, Katatonia, Dragonforce, Paradise Lost, James Labrie e Devin Townshend. A masterização é por conta de Tony Lindgren, ambos no Fascination Street Studios. O novo videoclipe da banda foi produzido pelo conceituado diretor Tommy Merry, especialista em longas metragens de terror e que trouxe ao vídeo uma atmosfera tensa e obscura, que acompanham a batida bombástica e pesada da faixa que irá agradar aos fãs de Prog Metal e bandas como Symphony X, Evergrey e Mastodon, e também o lado Thrash de bandas como Megadeth e Metallica.
"Dusk" foi filmado no lendário Soundwave Studios em Oakland (California, EUA) reconhecido por estar aberto desde o início da cena Thrash Metal da Bay Area, onde já passaram importantes nomes da música como The Cure, Metallica, Testament, Forbidden, Primus, Faith No More, Green Day, Machine Head, Exodus, Death Angel, entre outros. O CD "From Sand - Part II" traz a continuação da trama dos personagens Jared e Anne, em uma obra de ficção onde Jared é um cidadão comum e vive atormentado por um ser místico que não sabe se é real ou apenas imaginário. Em "Dusk", Jared inicia sua jornada intensa para encontrar Anne e conseguir desvendar os mistérios que rondam sua mente, e durante a faixa entende que ela é real e descobre o motivo de sua busca. O videoclip “Dusk” pode ser assistido no link: https://www.youtube.com/watch?v=JJH8E6YrKts. Junto com o videoclipe o The Element também disponibilizou a música “Dusk” nas melhores plataformas digitais como iTunes, Google Play, Beats, Amazon, CD Baby, Spotify, YouTube Music, Pandora entre outras. Links relacionados: www.theelementmusic.com; www.youtube.com/theelementprog e www.facebook.com/TheElementOfficial.

Obscurity Vision: “Commando Underground Fest” acontece neste fim de semana em Criciúma/SC
08/11/2017

A banda catarinense OBSCURITY VISION confirmou presença em mais um importante evento neste ano de 2017. Trata-se do tradicional “Commando Underground Fest”, que acontece em Criciúma/SC neste fim de semana, dia 11/11. Para esta nova edição a organização confirmou também as bandas Frade Negro, Nekrós e Posthumous, que retorna aos palcos após 11 anos. Link do evento no Facebook para mais informações: https://www.facebook.com/events/205938226612014/.

Em paralelo, o OBSCURITY VISION - que anunciou recentemente sua nova formação - segue na divulgação do vindouro álbum “Dark Victory Day” e liberou mais uma música extraída do mesmo, ouça agora a faixa “Violência”: https://www.facebook.com/obscurityvision.br/videos/2031159123766253/.
Gravado e produzido no estúdio “A Todo Volume” em Forquilhinha/SC, “Dark Victory Day” está previsto para dezembro de 2017 e será lançado pelos selos Corvo Records (versão física) e Sangue Frio Records (versão digital). Contato para assessoria de imprensa: www.sanguefrioproducoes.com/contato. Sites relacionados: https://www.facebook.com/obscurityvision.br; http://www.obscurityvision.com/ e http://www.sanguefrioproducoes.com/bandas/ObscurityVision/40. Fonte: Sangue Frio Produções.

Circo de Fantoches: prestes a lançar o lyric vídeo da música “500 Anos”
08/11/2017

A banda CIRCO DE FANTOCHES confirmou que o lançamento do seu primeiro lyric vídeo acontecerá no corrente mês de novembro de 2017. A música escolhida para o registro áudio visual chama-se “500 Anos”, extraída do seu debut álbum “Do Justo ao Ideal”. O lyric vídeo evidenciará uma relação do Brasil da época do seu descobrimento, com a realidade que nós brasileiros, vivenciamos hoje, de abusos, pobreza, destruição de sonhos e principalmente uma crítica às políticas de exceções. O material foi roteirizado e produzido por Ricardo Melo e com aproximadamente 3:40 de duração, “500 Anos” marcará uma nova fase da banda CIRCO DE FANTOCHES, sendo seu primeiro trabalho oficial lançado neste formato. Track List: 01. 500 Anos; 02. O Circo Tá Pegando Fogo; 03. O Jogo; 04. Feridas Abertas; 05. Terra Nossa (Até o Amanhã); 06. Cinza; 07. Topo do Mundo; 08. Do Justo ao Novo Ideal; 09. Caminhos; 10. O Último Que Restou e 11. Eikasia (bonus track).
“Do Justo Ao Novo Ideal”, produzido por Thiago Bianchi (Noturnall, ex-Shaman), será lançado em novembro em todas as plataformas digitais e, em dezembro o formato físico será lançado no Brasil através da Alternative Music Records, com distribuição da Voice Music. CIRCO DE FANTOCHES é um grupo paulistano de Heavy Rock, formado em 2012, composto atualmente por Rodrigo Airom (vocalista), Jorge Fernando e Renato Godinho (guitarristas), Maurílio Vizin (baixista) e Vinícius Pontes (baterista), tendo como seu diferencial um som pesado e ao mesmo tempo melódico, com letras em português. Para mais informações sobre as atividades da banda CIRCO DE FANTOCHES e dos demais artistas da empresa, basta entrar em contato com a MS Metal Press através do e-mail contato@msmetalagencybrasil.com.

Myrkgand: músico do Novembers Doom comenta participação
08/11/2017

Um dos convidados ilustres a participar do debut álbum do MYRKGAND foi o guitarrista norte-americano Vito Marchese, mais conhecido como músico da banda NOVEMBERS DOOM. O guitarrista, que também toca na banda The Kahless Clone, registrou o violão barítono nas faixas ‘Wanderer’, ‘Dwarvenquest’ e ‘A Ghastly Aftermath’. Vito inclusive gravou um vídeo falando sobre sua participação: https://www.youtube.com/watch?v=4Y6LbhibF58.
Vito Marchese é apenas um de uma série de grandes nomes convidados para participar desse imenso projeto. Veja a lista completa: Eduardo “Warmonger” Amorim (Mystifier); Diego DoUrden (Mystifier/Infested Blood); Lord Vlad (Malefactor); Rafael Cadena (Cangaço); Armando “Beelzebub” (Mystifier); Mike LePond (Symphony X); Antonio Araújo (Korzus/One Arm Away); Andre Tulipano (Steel Warrior); Jairo Neto (Cruor); Alysson Drakkar (Luxúria de Lillith) e Jafet Amoêdo (Malefactor). Dmitry Luna, a mente por trás do MYRKGAND, recentemente anunciou um contrato com a gravadora portuguesa Your Poison Records para o lançamento de ‘Myrkgand’ na Europa ainda este ano. No Brasil o álbum foi lançado em formato físico em parceria com o selo Nuktemeron Productions e já está disponível para compra diretamente com o MYRKGAND por e-mail ou Facebook. O trabalho também pode ser encontrado nas principais distribuidoras de música digital do mundo. Confira alguns links:
Amazon: https://www.amazon.com/Myrkgand/dp/B0754N1HCV/;
Spotify: https://open.spotify.com/artist/5zQo2QIpq4IxtsMCUZVZxz;
iTunes: https://itunes.apple.com/br/album/myrkgand/id1271181632;
Deezer: http://www.deezer.com/br/album/46268832;
Google Play: https://goo.gl/8hU5wV.
Contato: myrkgand@gmail.com. Sites relacionados:  www.facebook.com/Myrkgand e www.metalmedia.com.br/myrkgand. Fonte: Metal Media.

Bar e loja de peças antigas de carros e motos terá atrações de quinta a sábado nesta semana e a principal é o D'Hanks com Rock desde os anos 70 aos atuais
08/11/2017

O primeiro bar em Resende com acervo de motos antigas, vai promover alguns shows nesta semana, comemorando o aniversário do proprietário Octávio. A programação inicia com a canja da banda Relíquias do Tempo na quinta-feira (09), contando com grandes músicos de Resende, sendo a união de Octávio (proprietário), Egberto Pujol, Léo Bellan e Brian. Na sexta (10), é a vez de Peterson, que volta de uma temporada em Cabo Frio, com repertório que mescla canções do pop rock nacional e internacional. A banda D’Hanks é a atração principal do evento, que acontece nos dias 09 a 11 de novembro no bar Relíquias do Tempo, em Resende (RJ). O repertório será um apanhado de grandes canções do rock, iniciando desde anos 70 até os dias atuais, além de músicas próprias que já foram veiculadas na MTV Brasil, Multishow, Play Tv e outros canais. A D’Hanks sobe ao palco no sábado (11/11), a partir das 19 horas. O evento tem entrada gratuita e não cobra couver artístico.
O grupo de rock, de Volta Redonda, é formado por Angélica Ribeiro (vocal e teclado), Felipe Valentim (bateria), Renan Pimentel (guitarra), Roberto Colatino (baixo) e Rogério Fortes (vocal e guitarra). Ao todo, a banda já lançou três CDs e 13 videoclipes. O bar Relíquias do Tempo é um ponto de encontro de entusiastas por veículos antigos, que buscam conhecimento para restaurações, customizações ou que procuram por peças em uma vasta rede de conexões. Assista ao videoclipe da música “Matá-lo ou Morrer” a seguir: https://www.youtube.com/watch?v=iACbKCw9w1k. Acompanhe a banda D’Hanks e + : www.facebook.com/BandaDHanKs / dhanks.com.br e Comunicação: www.beelyper.com

It’s All Red: Tom Zynski apresenta Workshow de técnica vocal no RR44
08/11/2017

O talentoso vocalista da banda IT’S ALL RED, Tom Zynski, está preparando um workshow muito especial para o Complexo Artístico RR44, em Porto Alegre. O workshow terá foco na carreira do músico, que irá apresentar algumas de suas composições com o It’s All Red e outras surpresas. O músico também estará respondendo as dúvidas dos presentes sobre técnica vocal contemporânea (todos os gêneros), métodos de composição, experiências pedagógicas e no mercado musical, além de falar um pouco sobre o seu trabalho como letrista. Ele acontece no dia 3 de dezembro, um domingo, à partir das 16h e a entrada será apenas 1Kg de alimento não perecível! Saiba mais: https://goo.gl/PJGB7B. Tom Zynski é vocalista da banda IT’S ALL RED desde 2014, grupo do qual dividiu os principais palcos do Rio Grande do Sul ao lado de bandas de renome internacional como Megadeth, Cavalera Conspiracy e Hibria. Com sua banda, o compositor produziu trabalhos distribuídos no Brasil e na Europa, recebendo o prêmio de “Melhor vocalista brasileiro de Rock/Metal” de 2015 pelo portal Heavy’n’Roll.
Professor atuante desde 2016 e com atual sede em Home Studio localizado no bairro Cidade Baixa, em Porto Alegre, iniciou no canto em 2010, estudando com nomes como Ariel Coelho, Cristina Baggio, Iuri Sanson e Jaqueline Barreto. O gaúcho de 22 anos é discente do curso de Licenciatura em Música do Centro Universitário Metodista do Instituto Porto Alegre e ex-aluno dos cursos de Pedagogia e de Música Popular da Universidade Federal do Rio Grande do Sul. Confira alguns vídeos da performance de Tom Zynski ao lado do IT’S ALL RED:  https://www.youtube.com/watch?v=sVMXF9ZEaeo; https://www.youtube.com/watch?v=GaztO34bhX8; https://www.youtube.com/watch?v=on7MX57FfrA e https://www.youtube.com/watch?v=jzamWHkAeLY.  Sites relacionados: www.facebook.com/itsallred; www.youtube.com/itsallredmusic e www.metalmedia.com.br/itsallred. Fonte: Metal Media.

Infector Cell: concorrendo a uma vaga para show com o Claustrofobia
08/11/2017

A empresa Endless Produções, produtora do show da banda Claustrofobia em Lavras, Minas Gerais, lançou uma enquete online, que selecionará duas bandas de abertura para o referido evento. A banda paulista INFECTOR CELL, um dos grandes destaques do Thrash Metal nacional, está concorrendo a uma das vagas e precisa do seu voto. Para votar é muito fácil, bastando clicar no link ao lado e assinalar “Infector Cell” na lista de candidatos: https://www.facebook.com/infector.IC/posts/804155273097767.

O evento acontecerá no dia 09 de dezembro (sábado), no Butz Enterteniment (próximo a UFLA). Os ingressos podem ser encontrados nos seguintes pontos de venda: Wanger Instrumentos Musicais, Pastelaria Baldoni, Loja 775 e Snooker Sport Bar. Para organização de excursões, basta entrar em contato através do whatsapp 35-9 97354094 ou inbox na página da Endless Produções no Facebook.
Em paralelo, o INFECTOR CELL iniciou o processo de agendamento de datas pelo Brasil, em suporte ao álbum “Cultura Suicida”. Para mais informações sobre como reservar uma data para qualquer cidade do país, basta entrar em contato através do e-mail contato@msmetalagencybrasil.com. Para mais informações sobre as atividades da banda INFECTOR CELL e dos demais artistas da empresa, basta entrar em contato com a MS Metal Press através do e-mail contato@msmetalagencybrasil.com.

Dysnomia: terceiro vídeo da série mostra Fabricio Pereira
08/11/2017

O guitarrista foi anunciado no DYSNOMIA em meados do ano passado e de lá pra cá já dividiu o palco com o grupo várias vezes, mas esta é a primeira vez que o guitarrista Fabrício Pereira registra algo com a banda. No terceiro vídeo da série de ‘studio reports’ que estão sendo lançados mostrando um pouco das gravações do vindouro álbum ‘Anagnorisis’, o foco é exatamente nas guitarras de Fabricio: https://www.youtube.com/watch?v=RlVuZgYFgCs. Antes, vídeos mostrando o registro das guitarras de João Jorge Pereira e da bateria de Érik Robert haviam sido lançados: https://www.youtube.com/watch?v=JL_-aUTbGyk e https://www.youtube.com/watch?v=e8QeHhDJyJs.
O DYSNOMIA está no Nova Studio onde registra ‘Anagnorisis’ com o produtor Gabriel do Vale. O álbum terá oito faixas e está previsto para ser lançado em meados de janeiro do ano que vem. A arte da capa foi criada pelo brasileiro Carlos Fides (Evergrey, Kamelot, Adrenaline Mob, Almah). Em breve mais vídeos serão postados. A pré-venda do trabalho já começou: para comprar o disco, pagar um preço menor e ainda ajudar a banda, entre em contato com o DYSNOMIA pelo Facebook, por e-mail dysnomiametal@gmail.com, Whatsapp 16992326862 ou 16996266020, ou diretamente na loja virtual: https://www.facebook.com/dysnomiabr/app/206803572685797/.
O primeiro álbum, ‘Proselyte’, está disponível para audição gratuita na íntegra pelo link: https://www.youtube.com/watch?v=tYkss52J4ro. ‘Proselyte’ também está disponível em formato físico e digital, confira alguns links: Amazon: https://goo.gl/ch3LG5; Deezer: https://goo.gl/JZf9E0; Spotify: https://goo.gl/Sjj6Zx e iTunes: https://goo.gl/chVbuw. Contatos: dysnomiametal@gmail.com. Sites relacionados: www.dysnomia.com.br; www.facebook.com/dysnomiabr e www.metalmedia.com.br/dysnomia. Fonte: Metal Media.

Dark Avenger: na Europa apresentando o novo álbum, Mário Linhares cantará em festival
08/11/2017

A recepção do novo disco do DARK AVENGER, ‘The Belloved Bones: Hell’, pelo Velho Mundo tem sido tão positiva que o lendário vocalista Mário Linhares foi convidado para apresentar “pessoalmente” o disco na imprensa europeia. O músico, a convite de algumas rádios, veículos de imprensa e da gravadora Rockshots Records viajou no dia 24 de outubro para uma ‘Press Tour’ pelo continente e fica por lá até o dia 14 de novembro. Nesse tempo pelo continente, o vocalista Mario Linhares já passou pela França e agora está na Itália, onde realizará uma série de entrevistas para as principais revistas e veículos especializados do país. Além disso, o “Collo d’oro” (“Garganta de Ouro”, como Mario é conhecido na Itália) foi convidado e está confirmado como participação especial no festival italiano BORN TO FLY - POWER METAL FESTIVAL 2017 (https://goo.gl/8SBzZ8), onde subirá ao palco com a banda italiana AIRBORN.
“Estamos muito felizes com a repercussão de ‘The Beloved Bones: Hell’ pela Europa e essa oportunidade tem nos dado a chance de mostrar ainda mais todo o conceito por trás do trabalho, e esperamos abrir ainda mais portas para o Metal brasileiro.” - celebra o vocalista. E o DARK AVENGER não está errado, o disco tem sido celebrado positivamente por todo o território europeu, com notas altas e citações como do site português World Of Metal, que depois de uma nota 9 perguntou “Como é que não podemos gostar disso?”, ou do site espanhol que, também após outra nota 9, declarou que ‘The Beloved Bones: Hell’ é “um álbum cheio de intensidade.”
‘The Beloved Bones: Hell’ teve seu complexo conceito lírico criado pelo vocalista Mário Linhares e as belíssimas composições ficaram nas mãos do cantor e dos guitarristas Glauber Oliveira e Hugo Santiago, levando o ouvinte em uma jornada para dentro do EU, em um embate entre o emocional e racional, passando por onze estágios mentais de quem atravessa um período de insatisfação e infelicidade. O disco já pode ser comprado com exclusividade pelo e-mail talktodark@gmail.com e na loja da Die Hard pelo link https://goo.gl/h7o5s3. O DARK AVENGER está com a agenda de shows aberta. Produtores interessados podem entrar em contato diretamente com a banda por e-mail ou Facebook. Contato: talktodark@gmail.com. Sites relacionados: www.facebook.com/darkavengerofficial e www.metalmedia.com.br/darkavenger. Fonte: Metal Media.

CJ Ramone inicia nova longa turnê pela América do Sul esta semana
08/11/2017

Dois anos após bem-sucedida turnê pela América do Sul, CJ Ramone, ex-baixista da histórica banda norte-americana de punk rock Ramones e um dos artistas mais carismáticos da música mundial, está de volta para mais uma importante série de apresentações por diversas cidades do Brasil, Argentina e Paraguai. Verdadeiro apaixonado principalmente pelos ensandecidos fãs brasileiros, nesta nova passagem, o músico vem promover seu terceiro álbum de inéditas “American Beauty” e o histórico DVD “Havanna GoGo”, gravado em Cuba. Ainda há ingressos à venda para a performance em São Paulo (15/11 - Hangar 110) na Galeria Presidente (loja London Calling), Galeria do Rock (loja 255 e Consulado do Rock), Santo André (Metal CDs), no site da Ticket Brasil (www.ticketbrasil.com.br) e pontos autorizados pela empresa na capital paulista, Barueri, Osasco, São Bernardo do Campo, São Caetano do Sul, Sorocaba, Campinas e Jundiaí (https://ticketbrasil.com.br). Este será um dos últimos eventos do Hangar 110, casa mais emblemática do underground brasileiro, que fecha as portas no final deste ano. Acompanhado dos renomados Nate Sander (guitarra), Joshua Blackway (guitarra) e Pedro Sosa (bateria), CJ Ramone devem executar repertório recheado por diversos clássicos dos Ramones, além das excelentes composições dos primeiros álbuns solo “Reconquista” e “Last Chance to Dance”.
Além disso, o renomado Jiro Okabe, produtor, baixista e presidente da Mosrite americana, foi novamente confirmado como special guest durante toda a excursão. Ao lado de Richard Griffin Harrison (bateria) e Alex Kne (vocal/guitarra), ele vai aproveitar a oportunidade para lançar oficialmente o novo álbum “My Revolution”. Após trabalhar com Richie Ramone, o artista lançou o álbum “Return Of The Kamikazi”. Este trabalho contou com a colaboração do próprio CJ, Dez Cadena (Black Flag/Misfits), Steve Soto (Adolescents), Johnny Two Bags (Social Distortion), Clem Burke aka Elvis Ramone (Blondie), Elliot Easton (The Cars), Nokie Edwards (The Ventures), Mickey Leigh (irmão de Joey), entre outros. São Paulo (SP), Rio de Janeiro (RJ), Porto Alegre (RS), Goiânia (GO), Brasília (DF), Curitiba (PR), Santos (SP), Goiânia (GO), Florianópolis (SC), Fortaleza (CE), Palmas (TO), Novo Hamburgo (RS), Caxias (RS), Taguatinga (DF), Maringá (PR), Bragança Paulista (SP), Estância Velha (RS), Uberlândia (MG), Betim (MG) e Nova Odessa (SP) são apenas algumas das cidades que já receberam o ilustre músico. Christopher Joseph Ward foi escolhido para substituir Dee Dee, o lendário baixista dos Ramones, em 1989, e ficou até o fim da banda em 1996. Com o grupo, e já usando nome de CJ Ramone, lançou os álbuns Loco Live (1991), Mondo Bizarro (1992), Acid Eaters (1994) e Adios Amigos (1995). Depois disso, o artista montou outros projetos como o Los Gusanos e Bad Chopper, e inclusive chegou a receber um convite para tocar no Metallica, mas recusou a oferta para cuidar do filho, que havia sido diagnosticado com autismo. Links relacionados: https://www.facebook.com/OfficialCjRamone; https://www.facebook.com/4Jiro; https://www.facebook.com/cacapratesmanagement e https://www.facebook.com/UltimateMusicPR. Fonte: Costábile Salzano Jr - THE ULTIMATE MUSIC - PR - https://www.facebook.com/UltimateMusicPR; http://twitter.com/ultimatemusicpr e https://www.facebook.com/costabile.salzano.

NX Zero lança o DVD "Norte Ao Vivo"
08/11/2017

Já está no ar o novo DVD do NX Zero, “Norte Ao Vivo” https://www.youtube.com/watch?v=eAKnadoum8s&t=4841s.  O show, gravado em São Paulo em junho desse ano, fez parte da turnê do último álbum “Norte” (Deck/2015). Juntos há uma década e meia, Di Ferrero (vocal), Gee Rocha (guitarra), Fi Ricardo (guitarra), Caco Grandino (baixo) e Daniel Weksler (bateria) apresentam 24 músicas em “Norte Ao Vivo”. Entre elas, “Meu Bem”, “Fração de Segundo”, “Modo Avião”, “Razões e Emoções”, “Cedo ou Tarde”, além das novas “Nessa Cidade” e “Sintonia”, apresentadas ao vivo pela primeira vez nesse DVD. As faixas já estão disponíveis em todas as plataformas digitais. DVD e CD (duplo) chegam às lojas em novembro.
Ficha Técnica: NX Zero - “Norte Ao Vivo” - Gravado ao vivo na Audio, São Paulo, no dia 14 de junho de 2017
NX Zero: Di Ferrero - voz; Gee Rocha - guitarra e vocais; Fi Ricardo - guitarra; Caco Grandino - baixo; Daniel Weksler - bateria e percussão.
Músico convidado: Rafael Mimi - teclados, lap steel, guitarra e percussão
Equipe NX Zero: Produção geral: Ricardo Moreira // Produtor Executivo: Giuliano Miziara
Produtor Técnico: Ricardo Amaro (Bolão) // Técnico de P.A.: Cotó Guarino
Técnico de Monitor: Samuel Homrich // Técnico de Luz e Light Designer: Carlos Renato (Renatinho)
Roadies: Edu Ogros/ Matador/ Peterson/ Luizinho // Segurança: Elves
Cenotécnico: Serjão // Fotógrafo: César Ovalle
ÁUDIO:
Produzido e Mixado por Rafael Ramos // Direção Artística: João Augusto
Gravado na Unidade Móvel Gabisom UM3 // Mixado por Rafael Ramos no Estúdio Tambor - Rio de Janeiro
Assistente de Mixagem: Matheus Gomes // Assistente de Produção: Bruno Pegos
Masterizado por Fábio Roberto no Estúdio Tambor - Rio de Janeiro
VÍDEO:
Direção e Fotografia: Derick Borba // Codireção Marcelo Borelli // Produção: MB Filmes
Produção Executiva: Alice Sesoko/ Caio Henrique/ Cláudio Cestare Jr.
Assistentes: Alexandre Lima/ Edgard Ortiz/ Eric Teixeira/ Guilherme Zollim/ Ibanez Saueressig/ Italo Nonato/ Renan Mateus/ Rodrigo Sarti/ Sidney Guerreiro/ Silas Junior
Cinegrafistas: Adriano Sirotheau/ Alex Batista/ Alyson Makro/ Andreh Santos/ Asaph Teixeira de Araújo/ Augusto de Lara Duarte/ Beatriz de Souza Garbin/ Bruno Crivellari Ramos/ Bruno Henrique de Almeida Costa/ Denise de Araujo Rosa/ Edmundo Carvalho Pott/ Eduardo de Carvalho Sousa/ Eduardo Orelha/ Elaine Cristina Jacob Dantas/ Emerson Luiz Leite da Silva/ Felippe Ferreira Barreto/ Flávia Fadel Plombom/ Franco Fava Filho/ Gabriel Anadão Aliende Ribeiro/ Humberto Luis Gomes/ João Victor Ramirez de Almeida/ José Monaco/ Luiza Nogueira Valente de Lima/ Marcelo Nava/ Munir Saliby/ Nicole Ferreira Lima Lourenço/ Otavio Souza/ Paulo Henrique Fadel Plombom/ Pedro Henrique Gaiga Cioffi/ Rafael Henrique de Sousa Ferreira/ Reginaldo Malek de Paiva/ Rodrigo Guimarães Nunes da Rosa/ Taylor de Oliveira Cassiano/ Victor Alencar Silva/ Victor Gabriel Moralez Vaz
Operador de Grua: Luis Felipe de Oliveira Ramos
Operador de Gimbal: Willian Samurai
Logger: Mateus Tegon
Auxiliar Geral: Caio Leonardo Batista Berchol/ David Kleiton/ Kenneth Wilian Berchol
Auxiliar Técnico: Ebner Thiago Fermino/ Gabriel Ribeiro
Coordenador Técnico: Edison Seiyti Aoki Ieiri
Editores: Derick Borba/ Marcelo Borelli // Finalizador: Alan Coelho/ Marcelo Borelli
Gravado através do curso Gravando Bandas (www.gravandobandas.com.br)
Projeto Gráfico e design: Büro-Büro Creative // Autoração: Pedro Hansen (Deck)
Mais informações: www.deckdisc.com.br.
Fonte: Marcus Cesar - www.batucadacomunicacao.com.

Saxon: capa, tracklist e data de lançamento de "Thunderbolt"
08/11/2017

 "Thunderbolt", novo álbum do Saxon, está agendado para sair no dia 2 de fevereiro pela Militia Guard (Silver Lining Music) e será seguido de uma turnê pela Europa com Diamond Head e Rock Goddess, além de um show com a presença do Magnum, e outros que serão anunciados posteriormente. Veja o tracklist do disco: 1. Olympus Rising; 2. Thunderbolt; 3. The Secret of Flight; 4. Nosferatu (The Vampires Waltz); 5. They Played Rock and Roll; 6. Predator; 7. Sons of Odin; 8. Sniper; 9. A Wizard’s Tale; 10. Speed Merchants; 11. Roadie’s Song e 12. Nosferatu (Raw Version) (somente na edição em CD).

Foo Fighters: cancelando shows, falando sobre produtor do novo disco
08/11/2017

FOO FIGHTERS adiou mais 02 datas da sua atual turnê pelos EUA. Em divulgação ao seu novo álbum de estúdio, “Concrete and Gold” (9º disco, 2017), as cidades de Nashville e Memphis também tiveram as suas datas adiadas devido a uma "emergência familiar" - anunciada neste Sábado passado. O show de Memphis foi reagendado para o dia 03 de Maio/2018. Já a apresentação da banda que deveria ter acontecido Sábado passado na cidade de Lexington/Kentucky, também havia sido reagendada devido a uma emergência familiar. De acordo com um comunicado de imprensa: "A banda se desculpa sinceramente por qualquer inconveniente e aguarda o retorno à cidade de Lexington em Maio/2018". Em recente entrevista para a revista Guitar World, o grupo falou sobre como foi trabalhar com o produtor “pop music”, Greg Kurstin, em seu último disco. Com certeza foi um elo improvável, mas um fato que não estava "perdido" para os companheiros de Dave Grohl na banda.
O guitarrista Pat Smear falou: "Um dia, Dave nos disse: ‘Hey! Eu convidei Greg para vir ver o que estamos fazendo’”. Mas Smear estava familiarizado com o currículo de Kurstin?: "Sim, Dave havia nos passado antes dele ter aparecido no estúdio, o que foi meio confuso para nós". Smear continuou: "Então, Greg chegou ao estúdio e eu percebi, tipo: ‘Ah, ele é como nós! Ele era um garoto punk rock que tocava em bandas estranhas e em algum lugar ao longo do tempo ele montou o seu próprio grupo (pop)’. Então, Greg pode ter se dirigido para outras direções como jazz, pop e outras coisas, mas eu entendi e nós imediatamente nos demos bem". Para Grohl foi intencional a sua busca por Kurstin, que tem um talento particular para criar harmonias exuberantes, melodias e arranjos instrumentais. O outro guitarrista, Chris Shiflett, adicionou: "Naqueles estágios iniciais, eu acho que todos nós sabíamos do jeito que Dave estava querendo falar, sabe? Que musicalmente, ele queria fazer algo diferente desta vez". Fonte: https://www.guitarworld.com/artists/foo-fighters-dave-grohl-chris-shiflett-and-pat-smear-talk-new-album-concrete.

Karyttah: CD Físico em Promoção na Woodstock Discos
08/11/2017

O primeiro CD da Banda Karyttah está em promoção por R$ 10,00 na Woodstock Discos, conhecida loja do centro de São Paulo de Walcir Chalas. O Vocalista Fabio Loffs comenta: "Dizem que a pirataria e os downloads gratuitos cresceram porque os CDs tem preço alto, e que é preciso conhecer o som antes de comprar. Pronto. Resolvido. CD Físico a R$ 10,00, e aos poucos sendo disponibilizado de graça no canal do YouTube, já tem 4 faixas e a 5ª será postada agora em novembro." E também nas principais plataformas digitais...
ENDEREÇO E HORÁRIO DA LOJA: R. Dr. Falcão Filho, 155 - Metro Anhangabaú - São Paulo. Seg à Sex das 10 às 14 e 16 às 17 horas. Sábados 11 às 14 horas - Tel. 3101-7297.
Mais informações: https://facebook.com/karyttah.

Green Day: repercute nas redes sociais incêndio em hotel em POA
08/11/2017

Um incêndio no restaurante El Fuego, no Hotel Sheraton, em Porto Alegre, agitou as redes sociais na noite desta segunda-feira (6). Isso porque o vocalista da banda norte-americana GREEN DAY, Billie Joe, fez uma transmissão ao vivo do incidente, que não deixou feridos. Veja o vídeo: https://www.youtube.com/watch?v=BIwAPnRYpD8. Pelas redes sociais, os músicos do Green Day não deixaram de registrar o momento. Em sua conta oficial no Instagram, o vocalista Billie Joe compartilhou uma transmissão ao vivo da recepção do hotel logo após soar o alarme de incêndio. Nela, o cantor mostra água vazando pelo teto e paredes. Leia a matéria no jornal GaúchaZH: https://gauchazh.clicrbs.com.br/porto-alegre/noticia/2017/11/green-day-repercute-incendio-em-hotel-de-porto-alegre-nas-redes-sociais-cj9p5vkh10i7o01lchjy0xhfs.html.

Melvins: "Kurt me disse que gostaria de seguir em carreira solo"
08/11/2017

Em um novo artigo da revista MOJO sobre a performance do NIRVANA no famoso Reading Festival em 1992 (Inglaterra), o frontman do MELVINS, Buzz Osbourne, revelou que Kurt Cobain lhe contou no show final do Nirvana em 1994 - ocorrido na Alemanha - que ele preferia ser um artista solo do que ficar tocando com Dave Grohl (baterista) e Krist Novoselic (baixista). MELVINS estava abrindo os shows do NIRVANA naquela turnê europeia.
Buzz Osbourne: A última coisa que ele me disse naquele último show do NIRVANA foi... Ele ainda estava no palco, olhou para os outros 02 caras da banda (Krist e Dave) e na sequência, Kurt se virou para mim e disse: "Eu deveria apenas estar em carreira solo". Então, me diga você o que isso significa? O Reading Festival em 1992 foi outro prego no caixão e não fiquei nada feliz com aquilo...
Donita Sparks (vocalista/guitarrista do L7): A reação do público naquela noite no Reading Festival não foi um choque, porque era exatamente o que deveria ter sido com aquele impulso e ataque do NIRVANA. Eu estava sentada ao lado do palco junto com a mãe de Dave Grohl e era apenas vapor o que víamos na nossa frente, sabe? Vindo da platéia, parecia uma coisa incrível mesmo.
Scott Kannenberg (guitarrista do PAVEMENT): Havia um arrepio em nossos ossos, porque finalmente sentíamos que a nossa música estava ganhando. Sim, também éramos parte desta cena inteira que cresceu em torno do rock independente e víamos que naquele momento o rock alternativo era o headliner dos festivais da época... Uma pena, pois não durou muito.
Norman Blake (frontman do TEENAGE FAN CLUB): Não foi surpreendente que as músicas do 1º álbum do NIRVANA, “Bleach” (1989), como “Blew”, “School” e “Negative Creep”, também se conectassem com o público, porque eram canções baseadas em riffs. As pessoas cantam as músicas do WHITE STRIPES em jogos do futebol americano por causa desse tipo de som baseado em riffs, sabe? Havia esta simplicidade com a qual todos poderiam se identificar.
Fonte original: https://www.mojo4music.com/magazine/mojo/.

Ghost: Papa Emeritus III ganha boneco da KnucleBonz
08/11/2017

A KnuckleBonz anunciou o lançamento para fevereiro de 2018, pela série Rock Iconz, de um boneco do Papa Emeritus III, do Ghost. Os bonecos, com cerca de 22 cms de altura, são limitados a 1.666 exemplares feitos à mão, numerados e com certificado de autenticidade. Encomendas podem ser feitas no link https://knucklebonz.com/product/ghost-rock-iconz-statue/.

Smashing Pumpkins: minha geração não liga para Bowie, Iggy, Lou Reed
08/11/2017

O frontman do SMASHING PUMPKINS, Billy Corgan, falou sobre os fãs da geração X/grunge que não se preocupam com alguns dos seus artistas favoritos - em uma nova entrevista para a revista Forbes.“Eu vi NICK CAVE se apresentar no Lollapalooza Festival na frente de apenas 62 pessoas em um dia de verão muito quente em 1994, e ele foi incrível! Ele estava em seu auge e era mais conhecido no sentido tradicional que a palavra ‘indie’ queria dizer naquela época, onde ele estava realmente mais conectado à cultura independente. No entanto, sob as novas regras que a música estava passando com o grunge e rock alternativo, o seu estigma cresceu de um jeito que transparecia mais a de um sujeito imponente. Então, eu acho que as pessoas entraram nesse meio ambiente de uma maneira diferente do que elas teriam entrado há 20 anos (a partir de 1994), da mesma maneira que elas tratavam DAVID BOWIE, IGGY POP e até LOU REED”.
“Isso é o que eu quero dizer sobre as pessoas da minha geração, onde elas ‘compravam’ certos estigmas para que a energia em torno desse estigma criasse a oportunidade, onde no passado sempre se tratava em seguir um catálogo. É um ponto ligeiramente esotérico, mas como jovem, fiquei lá e assisti aos meus ídolos se apresentarem diante de um público desinteressado, o tal público chamado pela mídia de geração X que não deram a porra da importância de estarem na frente de DAVID BOWIE, LOU REED ou de IGGY POP. Eu não podia acreditar porque ficava pensando: ‘Você sabe quem está na sua frente? Você sabe o quanto esses caras foram responsáveis pela história do rock?'"
“Eu não podia acreditar na atitude apática da minha geração em relação a esses incríveis titãs! Sob estas regras em que vivemos agora, eles seriam tratados de forma diferente e a vibração e reação seriam diferentes, assim como vimos com DAVID BOWIE no final da sua vida. Algumas das regras mudaram sobre quem você é, o que você representa e as muitas coisas que você fez... Sob as regras antigas nos anos 90, era como: ‘O que você fez ultimamente? Você quer tocar a canção de DAVID BOWIE, “All The Young Dudes?” Não, vou me entediar e ir para a porra do carrinho de cachorro-quente’".

Duff McKagan: Izzy Stradlin não é um herói desconhecido do GNR
08/11/2017

Perguntaram a Duff McKagan, durante entrevista ao Talk Is Jericho, o quanto é subestimado o trabalho de Izzy Stradlin no Guns N' Roses: "Não acho que ele seja desconhecido, ele canta muito bem. Ele foi uma grande parte da banda, mas todos foram. Steven (Adler), algumas das batidas que ele fazia inspiravam riffs. Mas como creditar um baterista que não tem uma guitarra?", responde Duff. "Mas é preciso dar os créditos a Axl", continua o baixista, "pois graças a ele saiu o riff de 'Michelle', que originalmente não era como ficou. Izzy sempre sacava este riffs, mas o resto da banda pegava aquilo e transformava em outra coisa. É dicífil explicar", diz. Depois Duff ainda emenda: "Todos tínhamos nossos demônios que acabamos por enfrentar em algum momento. E ele teve o dele. Mas não se engane, todos nós os tivemos (risos). Mas daí é uma outra história".

Kataklysm: disco novo sai em 2018
07/11/2017

O KATAKLYSM divulgou que o seu novo álbum de estúdio “Meditations” será lançado em abril de 2018 via Nuclear Blast Records.  O disco sucederá “Of Ghosts And Gods” (2015) que acabou tendo um video clip para cada faixa. “Meditations” será o 13º lançamento de estúdio da banda que completa 25 anos de estrada. "É difícil acreditar que tantos anos se passaram. Parece que foi ontem que lançamos nosso primeiro disco "Sorcery" comentou o vocalista Maurizio Iacono. Confira o trailer de divulgação: https://www.youtube.com/watch?v=0vAeIwA6JPM.

Urantia: lançado novo EP no formato digital
07/11/2017

A banda carioca URANTIA confirmou o lançamento da versão digital do seu novo trabalho, o EP “Innerverse I”. Segundo os membros da banda: “Estamos muito entusiasmados em anunciar que o nosso novo EP está agora disponível para ouvir e comprar nas principais plataformas virtuais! Depois de um longo período de incertezas e ajustes, finalmente conseguimos! Queremos dizer obrigado! A vocês que nos apoiaram e especialmente para aqueles que contribuíram para que isso funcionasse de forma real, sem vocês não seria possível!!!

Ouça o EP “Innerverse I” através dos links:  Spotify - https://open.spotify.com/album/0burhqRou7jG5VcC6cHhyS; Deezer - https://www.deezer.com/br/album/44321661; iTunes - https://itun.es/br/G_N6kb e Amazon - http://a.co/dcJTrHB. A versão física do EP “Innerverse I” será lançado no segundo semestre de 2017 através da MS Metal Records, com distribuição da Voice Music. Para mais informações sobre as atividades da banda URANTIA e dos demais artistas da empresa, basta entrar em contato com a MS Metal Press através do e-mail contato@msmetalagencybrasil.com.

Voivod: começando gravações do novo disco
07/11/2017

Os veteranos canadenses do VOIVOD divulgaram que entraram em estúdio para gravações do novo disco. Este (até o momento sem nome) será o sucessor de “Target Earth” (2013). O disco marcará a estreia do baixista Dominique Laroche (Rocky), substituto do ex-baixista Blacky da formação original, em um disco completo. Até então, ele participou da gravação de 4 EP`s lançados pela banda em 2015 e 2016.

Judas Priest: Lemmy significou muito para Rob Halford
07/11/2017

O vocalista do Judas Priest, Rob Halford, recebeu o prêmio Lemmy Lifetime Achievement Award durante a premiação realizada pelo Loudwire. Em entrevista ao veículo, transcrita pelo site Ultimate Guitar, Halford falou sobre o quanto ele admirava Lemmy Kilmister, falecido frontman do Motörhead. "É inspirador (receber o prêmio), mais do que qualquer coisa. A música de Lemmy, a vida dele, tudo o que amamos no Lemmy está encorpado nesse prêmio. Quando se trata de alcançar as coisas que você faz, você deve a muitas pessoas em volta de você na música", afirmou. Halford disse que conhecia Lemmy desde os tempos de Hawkwind, banda integrada por ele na década de 1970. "Sempre enxerguei Lemmy como uma das grandes figuras do rock and roll. Além disso, existem várias pessoas conectadas a qualquer coisa que você conquiste na vida. Mas obter algo em nome de Lemmy... que emoção", pontuou.

Bruce Dickinson: muitos o perguntam sobre volta da carreira solo
07/11/2017

O vocalista Bruce Dickinson disse, em entrevista à Billboard, que muitos o perguntam sobre a sua carreira solo, que ficou um pouco de lado desde que ele retornou ao Iron Maiden, em 1999. O último trabalho lançado pelo cantor foi "Tyranny Of Souls", de 2005. Durante o bate-papo, o entrevistador disse ter ficado empolgado ao receber um convite para um evento de Bruce Dickinson. O jornalista pensou que assistiria a algum show solo de Dickinson, com algumas direito a algumas músicas de "Tattooed Millionaire", mas, depois, percebeu que era uma sessão de perguntas e respostas sobre a autobiografia "What Does This Button Do?". Questionado sobre sua carreira solo, Dickinson disse: "nunca diga nunca". "Faço sessões de perguntas e respostas nesses eventos e pelo menos 30% dos cartões de perguntas dizem 'quando você fará outro disco solo?' ou 'quando você fará uma turnê solo de novo?'", afirmou.
O cantor revelou que é "gratificante" que as pessoas se preocupem sobre isso. "É fantástico. Não sei quando terei dias, semanas ou meses livres para fazer isso, porque o livro está explodindo, o disco ao vivo está saindo e há várias outras coisas empolgantes que vão acontecer com o Maiden, sobre as quais não posso falar", disse.

Rock On Stage: Resenha do cd Best+Live do Chickenfoot
07/11/2017

A superbanda Chickenfoot, composta pelos renomados Sammy Hagar, Joe Satriani, Michael Anthony e Chad Smith, que lançou apenas dois álbuns de estúdio e um DVD ao vivo disponibilizou um novo registro: o cd duplo Best+Live, que contém uma música nova, as melhores da banda, algumas versões ao vivo e o show do DVD Get Your Buzz On Live pela primeira vez em cd. Confira na resenha de Fernando R. R. Júnior para o Rock On Stage os detalhes deste empolgado disco do começo ao fim no link: http://www.rockonstage.org/resenhas/internacionais/chickenfoot-best+live.htm.

Angra Fest: Pompeu do Korzus convida fãs para a 1ª edição do “Angra Fest”
07/11/2017

​O vocalista Marcello Pompeu do Korzus convida os fãs para a primeira edição do festival. Os ingressos para a 1ª edição do “Angra Fest” estão à venda pelo site da Ingresso rápido e sem taxa de conveniência na loja Consulado do Rock e no Tom Brasil. O festival acontece dia 26 de Novembro no Tom Brasil, em São Paulo, e conta com as bandas Angra, Massacration, Geoff Tate (ex-Queensryche) e Noturnall. Assista o convite de Marcello Pompeu para o “Angra Fest”: https://www.facebook.com/AngraOfficialPage/videos/1825563927483805/.

Atualmente, o Angra é formado por Fabio Lione (vocal), Rafael Bittencourt (guitarra), Marcelo Barbosa (guitarra), Felipe Andreoli (baixo) e Bruno Valverde (bateria). Conhecida por estar entre os maiores nomes do heavy metal brasileiro no mundo, a banda Angra lançou aclamados álbuns e construiu uma gloriosa carreira.
O Massacration está em sua nova turnê histórica “Metal Milf World Tour”. A banda é formada por Detonator (vocal), Metal Avenger (guitarra), Headmaster (guitarra), Redhead Hammet (baixo) e Jimmy The Hammer (bateria). O grande vocalista Geoff Tate (ex-Queensryche) se apresenta no primeiro “Angra Fest” mostrando sua versatilidade musical e alto potencial vocal. O cantor é amigo de longa data do Angra e o show promete ser um dos pontos altos no evento. A banda Noturnall está de volta com o terceiro álbum "9" (um dos discos mais vendidos em 2017 segundo a revista Roadie Crew). Os músicos prometem um show avassalador com a participação do guitarrista Mike Orlando (Adrenaline Mob) e do baterista Henrique Pucci (ex-Project46). O primeiro “Angra Fest” também contará com as participações especiais de Luis Mariutti e Ricardo Confessori (ex-Angra e Shaman), Bruno Sutter, Alírio Netto (ex-Age of Artemis), Pompeu (Korzus), Dani Nolden (Shadowside) e Edu Ardanuy (ex-Dr.Sin). Links relacionados: http://www.angra.net/; https://www.facebook.com/AngraOfficialPage e http://www.toplinkmusic.com​. Fonte: DAMARIS HOFFMAN - Hoffman & O'Brian - marketing artístico/entretenimento - www.hoffmanobrian.com.br.

Morcrof: relançada sua primeira demo “A Future Not So Far”
07/11/2017

A veterana banda de Dark Metal Morcrof acaba de relançar seu primeiro registo, que dará inicio a uma série de relançamentos de toda sua discografia. Trata-se da reh “A Future Not So Far”, originalmente lançada em 1994 no formato de cassete e, agora, disponível em cardboard sleeve, encarte mídia pro. A reedição foi planejada nos mínimos detalhes mantendo o logotipo, foto e capas em contexto vintage e, ainda, apresentando duas faixas bônus: “Ambicionato” e “The Morcrof (Souls To Capture)”.​
Tracklist: 1. A Future Not So Far; 2. Concentration Camp (Yourself); 3. Image Of Torture; 4. Chermical War; 5. Rotten Food; 6. Skin 00:44; 7. Hemorrhage To The War; 8. Name to the Kings; 9. Its Explanation Is Your God; 10. Lastimation (instrumental); 11. Ambicionato [bonus track]  e 12. The Morcrof (Souls To Capture) [bonus track].
O material é uma ode do início dos anos 90, quando a banda se influenciava nas principais bandas de Death Metal da época, entoando uma sonoridade primitiva, ríspida e brutal. No período, a formação era composta por Ludwick Schölzel (vocal), R'Bressan (guitarra), Caecus Magice (guitarra) Paullus Moura (contra baixo / b.vocal) e Feralis (bateria).
Ouça a demo “A Future Not So Far” na íntegra: YouTube: https://youtu.be/hCP37YItfnY e Bandcamp: https://morcrofdarkmetal.bandcamp.com/album/a-future-not-so-far-demo-1994.
Quem tiver interesse em adquirir o material físico, basta entrar em contato por meio do Facebook da banda; distribuidoras interessadas em trocas contatem a Erinnys Productions - www.facebook.com/erinnysprod/.
Em outras notícias a Morcrof em parceria com a web rádio cearense Cangaço Rádio Rock estão promovendo o sorteio de cinco artefatos da discografia da mesma, para participar basta seguir as regras do sorteio. Acesse o link a seguir: http://bit.ly/2AmRNxj. Contato: morcrof@hotmail.com.
Links relacionados: www.soundcloud.com/morcrof; www.facebook.com/morcrofdarkmetal/; www.morcrofdarkmetal.bandcamp.com/ e www.youtube.com/channel/UCr3849Wewn3fCnwFwse0aDQ. Assessoria de Imprensa: www.facebook.com/cangacorockcomunicacoes/. Fonte: Cangaço Cristiano Borges - Cangaço Rádio Rock | Cangaço Rock Comunicações​

Zakk Wylde vem ao Brasil para 5 shows tocando apenas clássicos do Black Sabbath
07/11/2017

Após devastar as principais capitais dos EUA, o ZAKK SABBATH, impressionante tributo de luxo que conta com Zakk Wylde (Black Label Society, Ozzy Osbourne), Blasko (Ozzy Osbourne, Rob Zombie) e Joey Castillo (Eagles Of Death Metal, Queens Of The Stone Age, ex-Danzig, Bl’ast!, Scott Weiland and the Wildabouts), não quer saber de descanso e está prestes a iniciar importante longa turnê pela América Latina. No Brasil, um dos dream teams mais respeitados do rock pesado mundial promete encantar o público de Curitiba (14/11 - Hermes Bar), Porto Alegre (15/11 - Opinião), Rio de Janeiro (17/11 - Circo Voador), São Paulo (18/11 - Carioca Club) e Belo Horizonte (19/11 - Music Hall BH) com a execução de clássicos de uma das maiores bandas da história do heavy metal de todos os tempos. Apesar da grande procura, ainda há ingressos à venda em todas as capitais. Em São Paulo, as entradas estão disponíveis na Galeria do Rock (Loja 255), no site Clube do Ingresso (http://www.clubedoingresso.com) e pontos autorizados pela empresa na capital paulista, Osasco, São Caetano do Sul, Santo André, Curitiba e Rio de Janeiro (www.clubedoingresso.com/ondecomprar).  Já na Cidade Maravilhosa, os tickets podem ser adquiridos na bilheteria do Circo Voador e pelo site Ingresso Rápido (https://www.ingressorapido.com.br) e pontos autorizados.  A turnê do Zakk Sabbath pela América Latina consiste nas seguintes datas:
11/11 - Hipódromo Chile - Santiago, Chile
12/11 - Groove - Buenos Aires, Argentina
14/11 - Hermes Bar - Curitiba, Brasil
15/11 - Opinião - Porto Alegre, Brasil
17/11 - Circo Voador - Rio de Janeiro, Brasil
18/11 - Carioca Club - São Paulo, Brasil
19/11 - Music Hall - Belo Horizonte, Brasil
21/11 - Royal Center - Bogotá, Colômbia
23/11 - Teatro Ramiro Jimenez - Coyoacán, México
24/11 - Cafe Iguana - Monterrey, México
25/11 - C3 Stage - Guadalajara, México
Zakk comentou como surgiu o nome desta homenagem. “Obviamente que para qualquer músico de heavy metal, você precisa aprender a tocar clássicos do Sabbath. Estávamos fazendo um desses divertidos Metal All-Stars e eu perguntei: ‘Blasko, quais músicas você quer tocar?’. Ele respondeu: 'Vamos apenas fazer o Zakk Sabbath!'. Portanto, só queremos continuar a rezar falar o evangelho”. O artista também falou sobre a sua decisão em realizar este tributo. “A música que você ouve em sua juventude, você carrega para o resto da vida. Então, não há diferença em tocar essas músicas no palco agora ou para nossos amigos quando tínhamos 15 anos de idade... Black Sabbath só mostra como a música é atemporal e estamos aqui para perpetuar ainda mais esta obra”. O repertório base das apresentações geralmente contam com os seguintes clássicos e algumas surpresas: Snowblind; Children of the Grave; War Pigs; Fairies Wear Boots; Into the Void; Supernaut; N.I.B.; Lord of This World; Wicked World; Behind the Wall of Sleep; A National Acrobat; Hand of Doom e Sabbra Cadabra.
Zakk Wylde, nome artístico de Jeffrey Phillip Wiedlandt, é um dos guitarristas mais importantes das últimas décadas. O músico se tornou ícone do heavy metal ao figurar o line-up do projeto solo de Ozzy Osbourne entre 1987 e 1995, no ano de 1998, entre 2001 e 2004, entre 2006 e 2009, retornando ao seu posto nas últimas semanas. Foram sete discos de estúdio e três álbuns ao vivo, dividindo seu tempo com o Black Label Society, em que já lançou elogiados 12 registros. Recentemente, o Zakk Sabbath lançou LP ao vivo “Live In Detroit”. A banda já disponibilizou um clipe para “War Pigs”. O novo trabalho, que terá também “Supernaut” e “Fairies Wear Boots”. Links relacionados: https://www.facebook.com/officialzakksabbath; https://www.facebook.com/liberationmcofficial; https://www.facebook.com/circovoadorlapa e https://www.facebook.com/UltimateMusicPR. Fonte: Costábile Salzano Jr - https://www.facebook.com/UltimateMusicPR; http://twitter.com/ultimatemusicpr e https://www.facebook.com/costabile.salzano.

O Ben para todo mal: série de entrevistas com roqueiros falando sobre filhos estreia na TV
07/11/2017

O programa 'O Ben para todo mal' ganha as telas da televisão. A partir desta terça-feira (7/11), às 19h15min, a série de entrevistas em vídeo que aborda roqueiros e outros tipos não convencionais de pais e mães para falar sobre filhos, entra na grade de programação da Music Box Brazil (canal 123 da NET/Claro TV - http://www.boxbrazil.tv.br/music-box-brazil/ ). Semanalmente, um episódio novo vai ao ar. Além disso, há reprises nas sextas-feiras (a partir da segunda semana de exibições, às 23h15min) e nos sábados (20h15min). Os vídeos também continuam sendo disponibilizados no canal do projeto pelo YouTube. Confira: https://www.facebook.com/obenparatodomal/videos/322870234787948/.
Sobre O Ben para todo Mal:
Filhos só fazem bem. Até para os maus - ou tidos como tal. Além disso, são um alento para todos os males. Dão trabalho, vá lá, mas são nosso bem mais precioso. E o Homero, jornalista e pai do Ben, (com)provou isso logo que o guri nasceu. Aí, resolveu conversar com figuras que o cidadão de bem considera malvadas para mostrar a influência que uma criança exerce na vida dessa turma 'maligna'.
Então, idealizou 'O Ben para todo mal' (assim mesmo, com 'n', para homenagear o filhote), série de entrevistas com criaturas fora dos padrões convencionais da família brasileira. A ideia é conversar com rockeiros doidos - do mainstream ao underground - e figuras estereotipadas (tatuados ou de visual estranho, profissionais com empregos fora do comum e gente que não tá nem aí para as convenções de pai & mãe tradicionais). Para ajudar nessa criação, intimou o produtor e editor de vídeos Sérgio Caldas, da Subverse Filmes, que já tem extenso currículo com produções independentes. É ele o responsável por conceber o projeto na tela.
Mais informações sobre o projeto: Facebook: www.facebook.com/obenparatodomal/ e Youtube: https://www.youtube.com/channel/UCY71eKJzuBUXpyDV2IFeP8Q/videos. Fonte: Homero Pivotto Jr. - Jornalista e assessor de Imprensa.

Válvera lança clipe de Demons Of War, primeiro single do novo álbum
07/11/2017

A guerra e a destruição causada por ela é um tema que a banda paulista Válvera costuma abordar. A letra de "Demons of War", primeiro single e videoclipe extraído do segundo álbum, "Back to Hell", é baseada no estresse pós-traumático que as pessoas sofrem com a guerra. "Recentemente, tivemos contato com um veterano que serviu no Iraque e ele nos contou algumas experiências que teve na guerra e como ela pode mudar e destruir a vida das pessoas", contou o vocalista e guitarrista Glauber Barreto. "Ele disse que a sensação é de viver em um pesadelo.

Mesmo voltando, ele não se sentia em casa, não vivia em paz e nem em segurança. Começou a beber para fugir de tudo. Tinha uma série de perturbações e sonhos recorrentes de que ia morrer. É como se a guerra fosse um fantasma que sempre o assombraria", completou.
O clipe de "Demons of War" foi produzido pela Pier 66 Films, com direção, edição e fotografia de Plínio Scambora. "Os highlights de guerra eram uma ideia que tínhamos e o Plínio, da Pier 66 Films, colocou e realmente trouxe um clima de destruição para o clipe. Além disso, a locação contribuiu para o resultado, pois é um lugar abandonado, caótico e passa o ar de que sofreu com destruição", apontou o baixista Ziel Lagoin. "A letra é pesada, obscura e fala do inferno que a guerra traz para todos, uma realidade que parece longe de nós, mas, na verdade, vive do nosso lado. É como se ela fosse um catalisador que homem usa para resolver seus conflitos por meio da violência. Apesar de a guerra ter um 'vencedor', todos voltam 'perdidos' para casa", acrescentou o guitarrista Rodrigo Torres. Veja o clipe de "Demons of War" em https://www.youtube.com/watch?v=kkTqJvjvWAQ.
A faixa "Extinção", do debut "Cidade em Caos" ( leia resenha ), já tratava da temática de guerra, mas, segundo Barreto, o primeiro single do trabalho em inglês precisava ser de uma música forte, que mostrasse a evolução da banda. "Já vínhamos tocando-a nos shows e sentimos uma energia tremenda. Por isso, ela foi escolhida para puxar o trabalho." O show de lançamento ocorre no próximo dia 14 de novembro, a partir das 22h, no Manifesto Bar, em São Paulo (SP). Na ocasião, Glauber Barreto (vocal e guitarras), Rodrigo Torres (guitarra), Ziel Lagoin (baixo) e Rafa Hernandez (bateria) terão participações especiais de integrantes das bandas Mattilha e Eutenia. "Estamos preparando um show repleto de novidades, além de um novo merchandise e o CD promocional de lançamento com faixa bônus. Nossa expectativa para esse álbum é muito boa e vamos mostrar nossa força no palco", concluiu o baterista Rafa Hernandez. O single "Demons Of War" já se encontra disponível no Spotify, Deezer e diversas plataformas de música por streaming. Mais informações em www.facebook.com/bandavalvera. Contato para shows e merchandising: bandavalvera@gmail.com. Fonte: Ricardo Batalha - ASE Music - www.asepress.com.br/music.

Manifesto Bar recebe feira de vinil em 15 de novembro
07/11/2017

O Manifesto Bar, aberto em 1994 e que tradicionalmente promove shows com as mais variadas bandas cover e grupos autorais brasileiros e estrangeiros, abrirá suas portas para a primeira Feira de Vinil, que ocorre no dia 15 de novembro (feriado, quarta-feira), das 15 às 22h. O evento, organizado em parceria com a LT Feiras e Eventos, contará com os mais renomados expositores, bem como flash day tattoo e venda de camisetas e acessórios ligados ao mundo do rock. Segundo o sócio Silvano Brancatti, a ideia da Feira de Vinil veio de encontro com o objetivo de ampliar as ações do Manifesto. "Nós estamos vendo esse grande interesse pelo vinil atualmente e nosso público, apaixonado por rock'n'roll, hard rock e heavy metal, é um dos mais fieis. Eles buscam conhecimento, gostam de descobrir novas bandas e adquirem material das que curtem", declarou.
Para Leo Freitas, um dos organizadores, o Manifesto Bar "é um local tradicional e muito conhecido por fãs de rock não só do Brasil, mas do mundo inteiro. Assim, quem gosta de rock e busca encontrar aquele vinil que tanto procura, terá uma boa chance na feira." Thiago MP, também da LT Feiras e Eventos, explica que "além de participarmos de diversas feiras de vinil como colecionadores e compradores, juntamos o prazer de colecionar com a venda, criando a LT Feiras e Eventos. Com a boa estrutura do Manifesto e tantas opções de vinil que os expositores levarão, certamente todos poderão passar um feriado diferente conosco."

SOJA em Porto Alegre - Show acontecerá no OPINIÃO Bar
07/11/2017

A apresentação do SOJA em Porto Alegre nesta quarta-feira (08/11) tem novo local: o Opinião (José do Patrocínio, 834). O show, que seria no Pepsi On Stage, continua marcado para começar às 21h com abertura da banda gaúcha Paradise Sessions às 20h. Ingressos já adquiridos não necessitam de troca e quem comprou Pista Premium terá direito à duas Cervejas Eisenbahn. Clientes que adquiriram tickets de mezanino tem espaço reservado no mezanino do Opinião, desde que chegando até as 20h. Ainda há ingressos disponíveis.

Attività Power Trio: revelada capa do novo álbum “Confusão”
07/11/2017

Na estrada desde 2010, o Attività Power Trio é um dos proeminentes grupos do interior do Rio de Janeiro que se mantem na ativa e sempre se apresentando nos principais eventos realizados na cidade de Varre-Sai/RJ e região. O grupo que já possui um disco na carreira, “Nos Caminhos da Noite”, apresentou ao público linhas mais simples e calcadas no Rock Nacional dos anos 80. Agora o grupo vem se preparando para dar início a distribuição do segundo e aguardado novo disco, “Confusão”. O novo registro de estúdio vem sendo trabalhado minuciosamente e cada detalhe é levado a sério pelo grupo, mais pesado e bem trabalhado, o álbum promete apresentar uma nova faceta musical da banda, os músicos ainda não revelaram quando será liberado o disco “Confusão”, mas garantem que está muito próximo disso. Confira o primeiro single de “Confusão” em vídeo liberado pelo grupo em seus canais de comunicação com os fãs: https://youtu.be/aeQCRijitic.
Attività Power Trio é formada por: Fábio Pimentel: Voz / Guitarra; Douglas Tupini: Bateria; Glaudiston Couto: Baixo/Voz. Mais informações: Facebook: https://www.facebook.com/attivitapower/ e Roadie Metal Press: https://roadie-metal.com/press/attivita-power-trio/. Fonte: Gleison Junior (Assessor/Diretor) - Facebook Page Oficial: https://www.facebook.com/RoadieMetal/; Facebook Page Assessoria: https://www.facebook.com/roadiemetalassessoria/ e Site: http://roadie-metal.com/.

Anthrax em Porto Alegre (10/11): lenda do thrash promove estado de euforia na capital gaúcha
07/11/2017

O Anthrax segue espalhando a doença da música instigante entre os vivos desde 1981. E, nesta sexta-feira (10/11), vai mostrar sua majestade tocando para todos os reis e rainhas em Porto Alegre, no Opinião (Rua José do Patrocínio, 834), às 20h. Integrante do seleto grupo Big Four do thrash metal (ao lado de Metallica, Slayer e Megadeth), a banda faz apenas dois shows pelo Brasil em 2017. O grupo que despontou nos 1980 divulga o mais recente disco, For All Kings (2016), mas prepara um repertório que contempla todos os clássicos da discografia. Venha experimentar este estado de euforia ao vivo! Confirme presença na page do evento https://www.facebook.com/events/488612908141522/?active_tab=discussion e saiba como concorrer a ingressos e ter a chance de conhecer a banda. Informações completas sobre a apresentação neste link http://abstratti.com/anthrax-10-nov-2017-opiniao/. Os ingressos para assistir ao Anthrax na capital gaúcha estão no segundo lote. Fonte: Homero Pivotto Jr. - Assessor de Imprensa - Abstratti Produtora  - www.abstratti.com.br; www.facebook.com/abstratti; www.twitter.com/abstratti  e www.youtube.com/abstratti.

Seu Roque apresenta disco novo no Lithos Rock Fest no Rio de Janeiro/RJ
07/11/2017

Seu Roque sobe ao palco do Lithos Rock Fest, no dia 12 de novembro, no Rio de Janeiro, no Calabouço Heavy & Rock Bar (Rua Felipe Camarão, 130. Vila Isabel). O festival que começa às 19h é voltado ao apoio à música autoral independe e conta ainda com apresentações das bandas Verbara e Purano. Os Ingressos custam R$10. O power trio carioca apresenta as músicas do álbum recém-lançado Visceral além de canções de todo seu repertório.

Com forte pegada do rock clássico inglês, riffs e solos de guitarra, Seu Roque mistura o som da mais tradicional escola de rock do mundo com letras fortes que retratam o cotidiano do Brasil. Visceral também estreia a nova formação da banda nascida em 2009, mais enxuta, agora com três músicos: Flávio D’Anunciação (vocal e baixo), Neube Brigagão (guitarra) e Diego Denucci (bateria).
O disco novo conta com participações de peso como do virtuoso tecladista canadense Ed Roth, parceiro dos lendários Glenn Hughes e Rob Halford, e que passeia com propriedade e experiência pelo hard rock trilhado por Seu Roque. Visceral foi produzido por Paulo Loureiro que participa do disco ao lado de outros nomes especiais: Luiz Otávio, André Valle, André Gomes, Bruno Valadão e Ronan Valadão que ampliaram e enriqueceram o som do trio. Para arrematar, o disco foi masterizado no lendário estúdio Abbey Road, na Inglaterra. A arte de capa é pintura do talentoso artista Etevaldo Barro, criação exclusiva para o disco. O novo álbum é um leque de possibilidades recheado de flertes com o rock progressivo e até com a world music. A faixa homônima, Visceral, estreou como single e reflete bem o espírito do álbum: é pesada, melódica e antenada com referências antigas e modernas.
Desde os discos anteriores, Seu Roque carrega a marca da parceria com músicos do mais alto quilate do mundo roqueiro além de ter dividido o palco com o próprio Glenn Hughes, Uriah Heep e Joe Lynn Turner (Rainbow, Yngwie Malmsteen, Deep Purple). Eclético e diversificado, Seu Roque carrega com maestria a bandeira do bom e velho rock com assinatura e personalidade. O álbum está disponível na versão física no site da banda (www.seuroque.com.br) e nas principais plataformas de streaming. ESCUTE VISCERAL: Spotify: spoti.fi/2yaTC1m; iTunes: apple.co/2yA1Uky; Deezer: bit.ly/visceral-deezer; SoundCloud: bit.ly/visceral-soundcloud e Assista Visceral > bit.ly/seu-roque-visceral.
LINKS IMPORTANTES: Site: www.seuroque.com.br; - Facebook: www.facebook.com/seuroquebanda; Instagram: www.instagram.com/seuroquebanda e Youtube: www.youtube.com/tvseuroque.

Guilherme Costa: aprenda 5 solos fáceis do Rock ‘n’ Roll
07/11/2017

O guitarrista mineiro GUILHERME COSTA lançou videoaula em sua coluna mensal no portal Guitar Shred, onde ensina a tocar 5 solos fáceis do Rock ‘n’ Roll, mostrando passo a passo como executar a música em tempo real e lento. Este vídeo é voltado para guitarristas iniciantes, que desejam aprender como solar na guitarra alguns clássicos do rock: “About a Girl” - Nirvana; “The Zephyr Song” - Red Hot Chili Peppers; “Day Tripper” - The Beatles; “Shoot to Thrill” - AC/DC; “Love Gun” - Kiss. Video: https://youtu.be/bDtelb1uZpg. Acompanhe Guilherme Costa no facebook: www.facebook.com/guilhermecostaguitar.

Claustrofobia lança crowdfunding com novo EP e cerveja como recompensas
07/11/2017

Claustrofobia, uma das maiores bandas do thrash metal brasileiro, lançou uma campanha de crowdfunding que traz como recompensas aos apoiadores um EP de músicas inéditas e a nova cerveja do grupo entre outros itens. Sem intermediadores, apenas com a ajuda dos fãs, o financiamento coletivo ajudará o power trio a produzir nos Estados Unidos o EP com as novas canções que formaliza a nova fase da banda que voltou às origens nesse ano com Marcus D'Angelo (vocal e guitarra), Caio D'Angelo (bateria) e Daniel Bonfogo (baixo). Serão três faixas novas e mais duas bônus que não entraram no álbum mais recente, Dowload Hatred (2016).
O trabalho será desenvolvido no Fuel Studio, em Fullenrton, na Califórnia, sob produção de Addasi e mixagem de Russ Russel, responsável por Download Hatred e que assina também produções das bandas Napalm Death, Exploited, The Haunted, Brujeria, entre outras. A masterização será feita por Brendan Duffey, que já esteve a cargo de artistas como Billy Sheehan, Ripper Owens, Angra, Kiko Loureiro, Dr. Sin e André Matos. O Claustrofobia aproveitará a ida aos Estados Unidos para outros compromissos como a participação na Namm Show, uma das maiores feiras de música do mundo, para divulgação da música extrema brasileira no exterior.  Entre as recompensas do crowdfunding chama a atenção a nova cerveja Curva, inspirada na música de mesmo nome composta pelo Claustrofobia com Andreas Kisser, guitarrista do Sepultura, e que integra o disco mais recente. A bebida será produzida pela cervejaria paulista Carranca em parceria com a Supply Crew.
Os fãs e apoiadores podem optar ainda por kits com camisetas, adesivos, pôsteres e até acompanhar o trio na festa de lançamento da cerveja e garantir presença gratuita durante um ano a todos os shows no Brasil em que a banda for headliner. “Nosso trabalho é feito há quase 25 anos de dentro para fora e esse novo projeto vai mostrar toda a nossa experiência aliada a uma espécie de volta às origens, com um som mais furioso do que nunca”, explica o frontman Marcus D’Angelo. “Acreditamos nesse projeto e nessa forma de poder atingir o maior número de apoiadores que acreditam no nosso potencial e dedicação”, completa. Mais informações, a descrição das recompensas e para contribuir com a campanha, acesse bit.ly/claustrofobia-ep. Link do crowndfunding: bit.ly/claustrofobia-ep. Links importantes: www.claustrofobia.com.br; www.facebook.com/claustrofobiaofficial e www.instagram.com/claustrofobia_official. Fonte: Agência 1a1 | Media For Music - www.agencia1a1.com.br.

​Novo local para o show do Alestorm em Porto Alegre​ - Ingressos continuam à venda para as 3 apresentações no Brasil em dezembro: Curitiba (1º), São Paulo (2) e POA (3)
07/11/2017

Atenção para o novo local da inédita apresentação do Alestorm em Porto Alegre! A edição pirata do tradicional Odin's Krieger Fest com a banda escocesa, ícone mundial do folk metal, agora será no Preto Zé CB (rua João Alfredo, 48​6​ , na Cidade Baixa), no mesmo dia - 3 de dezembro. Garanta já seu ingresso: https://ticketbrasil.com.br/festa/5375-odinskriegerfest-portoalegre-rs. Também continuam à venda os ingressos para as apresentações do Alestorm em Curitiba (1/12)​ e São Paulo (2/12). A banda retorna ao Brasil para divulgar o quinto álbum de estúdio, ‘No Grave but the Sea’, repleto de canções épicas e que certamente rechearão os set lists da nova turnê brasileira, e que destaca a perfeita - e animada - combinação do power metal com folk metal, além de momentos sinfônicas e momentos de cantorias de convés. ​O disco também acentua o lado irreverente dos escoceses. ​
Além de promover o aguardado retorno do Alestorm, a edição especial pirata traz a bordo nas três capitais as principais bandas de folk do Brasil, como Terra Celta, Lothlöryen, Confraria da Costa e Eldhrimnir, Captain Cornelius, Hugin Munin, Lugh e Banda Celta. O festival ainda terá as tradicionais e concorridas exposições e vendas de produtos medievais, muito rum e hidromel (a bebida favorita de diversos personagens da série Game of Thrones). A​ ​novidade fica para as encenações de brigas de convés! A edição 'Invasão Pirata' também marca a estreia do Odin's Krieger Fest no exterior. Com o Alestorm, o festival chega à Argentina, com apresentação marcada para o dia 7 de dezembro na capital Buenos Aires.  ​Confira o fantástico clipe de "Mexico", música presente em 'No Grave But the Sea': https://www.youtube.com/watch?v=-r8jlHDBMsw​. Fonte: Erick Tedesco - Assessoria de imprensa Odin's Krieger - www.facebook.com/erick.tedesco e www.facebook.com/tedesco.midia.

Tropa de Shock: confira agora o vídeo em 360° para a música “Take Control”
07/11/2017

A veterana banda paulista TROPA DE SHOCK, disponibilizou recentemente a versão em vídeo 360° do single “Take Control” https://www.youtube.com/watch?v=SMpQapMQoTs, já contando com a sua nova formação: Don nos vocais, Ricardo Kingerski e Lusca Alves nas guitarras, Alexandre Forcellini no baixo e Márcio Minetto na bateria. O lançamento deste novo trabalho audiovisual do TROPA DE SHOCK se deu no canal do grupo no YouTube. “Quantum”, novo álbum do TROPA DE SHOCK, será lançado no próximo dia 28 de agosto, novamente através da MS Metal Records, com distribuição da Voice Music no Brasil e MS Metal Europe no continente europeu.
Track List: 01. The Observer; 02. SpaceTime; 03. We Need The Key; 04. Other Universes; 05. The Lost City; 06. Time Cross Letters; 07. Prisioner In Time; 08. Bettween The Walls; 09. Change my World; 10. Take Control e 11. Cosmic Sea. Para mais informações sobre as atividades da banda TROPA DE SHOCK e dos demais artistas da empresa, basta entrar em contato com a MS Metal Press através do e-mail contato@msmetalagencybrasil.com.

Circo de Fantoches: disponibilizados track list e conceito do debut álbum
07/11/2017

A banda paulista CIRCO DE FANTOCHES disponibilizou o track list oficial do seu debut álbum “Do Justo Ao Novo Ideal”, além do conceito da obra. O álbum descreve, em essência, sobre como a ganância, a busca por poder, o isolamento pessoal no mundo moderno e a propaganda afetam a vida das pessoas hoje em dia e sempre decidiram o curso da história. Por mais que vários desses temas sejam globais, a banda se concentrou mais na história e cotidiano dos brasileiros.

Musicalmente, as influências do CIRCO DE FANTOCHES foram bem diversas. Bandas clássicas do Heavy Metal como Iron Maiden e Megadeth, algumas mais modernas, como Opeth, e mesmo outras com sonoridades mais diferentes, como Rage Against The Machine. Ao mesmo tempo, o grupo se preocupou em manter uma sonoridade moderna e original - “não soar igual a todo mundo” foi uma preocupação constante ao longo de toda a produção do álbum.
Track List: 01. 500 Anos; 02. O Circo Tá Pegando Fogo; 03. O Jogo; 04. Feridas Abertas; 05. Terra Nossa (Até o Amanhã); 06. Cinza; 07. Topo do Mundo; 08. Do Justo ao Novo Ideal; 09. Caminhos; 10. O Último Que Restou; 1. Eikasia (bonus track).
 “Do Justo Ao Novo Ideal” será lançado no Brasil através da Alternative Music Records, com distribuição da Voice Music. CIRCO DE FANTOCHES é um grupo paulistano de Heavy Rock, formado em 2012, composto atualmente por Rodrigo Airom (vocalista), Jorge Fernando e Renato Godinho (guitarristas), Maurílio Vizin (baixista) e Vinícius Pontes (baterista), tendo como seu diferencial um som pesado e ao mesmo tempo melódico, com letras em português. Para mais informações sobre as atividades da banda CIRCO DE FANTOCHES e dos demais clientes da empresa, basta entrar em contato com a MS Metal Press através do e-mail contato@msmetalagencybrasil.com.

Undying: mudanças na formação e novo single com participação de Liv Kristine
07/11/2017

A banda brasiliense UNDYING confirmou recentemente a entrada do baterista Victor Cassimiro, completando assim a sua nova line up. Em paralelo, o grupo lançou o single “The Light Of My Name” https://www.youtube.com/watch?v=zGFbq5AtW2U, extraído do seu vindouro debut “Lucifer Untold”, com participação da cantora Liv Kristine (ex-Theatre Of Tragedy, Leaves Eyes). O referido trabalho será lançado pela Eternal Hatred Records no segundo semestre de 2017, com distribuição da Voice Music. Para mais informações sobre as atividades da banda UNDYING e dos demais artistas da empresa, basta entrar em contato com a MS Metal Press através do e-mail contato@msmetalagencybrasil.com.

Khrophus: “Estaremos embarcando para a Europa e África em 2018”
07/11/2017

Ao se apresentarem na segunda edição do Frai'n Hell Rock Festival, os catarinenses do KHROPHUS concederam uma entrevista ao portal O Subsolo. Em um bate papo, conduzido pela jornalista Jordana Aguiar, Hugo Deigman (baixista e vocalista) e Adriano Ribeiro (guitarrista) falaram um pouco sobre o evento em questão, ingresso do novo frontman ao grupo e os projetos atuais e futuros, confira um trecho:
“Já que falamos um pouco, agora vamos expor completamente (risos). Estamos com músicas novas, estamos compondo mais músicas aos poucos, não fazemos nada com pressa, porque a gente acredita que a composição tem vida própria, então ela nasce, cresce e morre, e o tempo em que isso vai acontecer é indeterminado. A gente deixa a música amadurecer. Quanto aos lançamentos, nós temos previsão de gravar o próximo CD em 2018, talvez em 2019, depende. Além disso, temos um acordo com uma banda da Espanha (chamada Apostles of Perversion). Nós estamos lançando em conjunto um EP/LP com duas músicas novas de cada banda que será lançado ano que vem. Esse EP nos oportunizou fazer uma turnê novamente na Europa e também na África (em 2018), vamos passar por esses lugares em pelo menos 20 dias.” - Adriano Ribeiro (guitarrista e fundador do KHROPHUS). Confira a entrevista completa pelo link a seguir: http://www.osubsolo.com/2017/10/entrevista-khrophus.html?m=1.
Em outras notícias, o KHROPHUS se prepara para mais uma passagem pela Argentina ainda neste mês de novembro. O grupo estará levando a “Spreading The Madness Tour 2017” para três apresentações, sendo elas em Rosário (17/11), Buenos Aires (18/11) e finalizando em Córdoba (19/11), esta última no, já conhecido “Criminal Metal Camp 2017”, onde a banda estará dividindo palco com outras 30 bandas. Para mais informações acesse: http://www.sanguefrioproducoes.com/n/1124. Produtores interessados em levar a turnê supracitada do KHROPHUS para seus respectivos eventos ainda há datas disponíveis. Escreva para contato@sanguefrioproducoes.com ou khrophus@hotmail.com e saiba como. Contato para assessoria de imprensa: www.sanguefrioproducoes.com/contato. Sites relacionados:  https://www.facebook.com/Khrophus/; http://khrophus.com/site/ e http://www.sanguefrioproducoes.com/bandas/Khrophus/30. Fonte: Sangue Frio Produções.

Levitate A.D.: mudanças de nome e de formação do grupo pernambucano
07/11/2017

A banda pernambucana LEVITATE A.D., que antes se chamava Levitate, mudou recentemente o seu nome para evitar problemas de ordem judicial com um grupo homônimo estrangeiro. Em paralelo, o baterista Iago Pedro não faz parte da LEVITATE A.D., deixando a banda para procurar outros desafios profissionais e pessoais. Mais detalhes sobre a sua saída não foram informadas pelos remanescentes do conjunto. Iago Pedro entrou na LEVITATE A.D. em 17 de dezembro de 2016, após a saída de André Anderson. Em sua passagem pela banda foram registrados quatro shows e a gravação do EP “Paranoia”. Para mais informações sobre as atividades da banda LEVITATE A.D. e dos demais artistas da empresa, basta entrar em contato com a MS Metal Press através do e-mail contato@msmetalagencybrasil.com.

The Undead Manz: confira o teaser de lançamento de “Fearless”
07/11/2017

A banda sulista THE UNDEAD MANZ disponibilizou, no seu canal oficial no YouTube, o teaser do seu vindouro videoclipe da música “Fearless” veja em https://www.youtube.com/watch?v=zjx0d5uIqyA, extraído do seu debut álbum “The Rise Of The Undead”. “The Rise Of The Undead”, foi lançado pela MS Metal Records no primeiro semestre de 2017, com distribuição da Voice Music, que englobará tanto as lojas especializadas, quanto MegaStores. O referido trabalho também conta com sua versão digital, a ser distribuída mundialmente através da CD-Baby. Para mais informações sobre as atividades da banda THE UNDEAD MANZ e dos demais clientes da empresa, basta entrar em contato com a MS Metal Press através do e-mail contato@msmetalagencybrasil.com.

Morthur: Debut álbum figura entre os “Melhores do Ano Nacional Roadie Metal 2017”, confira!
07/11/2017

Que o álbum de estreia dos gaúchos do MORTHUR, “Between The Existence And The End”, se tornou uma unanimidade entre os lançamentos de 2017, disso ninguém duvida! E para coroar este segundo semestre mais que positivo, a banda acaba de ser anunciada como uma das destaques no prêmio “Melhores do Ano Nacional Roadie Metal 2017”. Para votar é muito fácil, basta acessar o link a seguir, buscar onde se encontra “Morthur - Between the Existence and the End”, selecionar e pronto, seu voto já foi computado: https://roadie-metal.com/votacao/melhores-do-ano-roadie-metal-2017-votacao-aberta/.

“Between The Existence And The End” também foi disponibilizado nas principais plataformas de streaming, confira alguns links: Spotify: https://open.spotify.com/album/06PdWJMpYLCWY5j9zdSecl; Deezer: http://www.deezer.com/br/album/42145291; iTunes/Apple Music: https://itunes.apple.com/br/album/between-the-existence-and-the-end/id1240625767  e Claro Música: https://www.claromusica.com/album/2972090.
Para adquirir o álbum “Between the Existence And The End” na versão física e apoiar o MORTHUR acesse o site oficial da SANGUE FRIO RECORDS pelo link a seguir: http://sanguefrioproducoes.com/loja/inicio/37-morthur-between-the-existence-and-the-end.html. O disco também pode ser comprado diretamente com a banda pelo e-mail contato@phobosdarkart.com. Contato para assessoria de imprensa: www.sanguefrioproducoes.com/contato. Sites relacionados: https://www.facebook.com/morthurband e http://www.sanguefrioproducoes.com/bandas/Morthur/1. Fonte: Sangue Frio Produções.

DraceXII: aberto processo seletivo para novos guitarrista e baterista
07/11/2017

A banda paulista DRACE XII abriu oficialmente o processo de seleção, para a adição de um novo guitarrista e um novo baterista em sua line up, que resida na cidade de São Paulo. Se você tem influências de Power Metal, acesso à região metropolitana de São Paulo e acha que está pronto para assumir uma das vagas, é bem simples participar: Grave um vídeo tocando uma de nossas musicas (disponibilizamos duas para download aqui http://bit.ly/audicao-dracexii); Opcional: se você já tem algum vídeo gravado tocando algo com um estilo semelhante ao nosso, mostre também
 e Envie para o email: dracexiiband@gmail.com. Para mais informações sobre as atividades da banda DRACE XII e dos demais artistas da empresa, basta entrar em contato com a MS Metal Press através do e-mail contato@msmetalagencybrasil.com.

Acid Tree: música do grupo se entrelaçando com a poesia
07/11/2017

A banda paulista ACID TREE lançou um vídeo muito especial, o qual recita a letra da música “Adrift” para o canal do YouTube O Outro Lado da Música, confira https://www.youtube.com/watch?v=QN9HIiVvRio. Em paralelo, o ACID TREE confirmou que o seu vindouro debut EP, intitulado “Arkan”, tem o seu lançamento físico confirmado para o segundo semestre de 2017, através da MS Metal Records, com distribuição da Voice Music. Antecedendo o supracitado lançamento, um single digital será disponibilizado nas principais plataformas digitais, através da CD-Baby. Para mais informações sobre as atividades da banda ACID TREE e demais artistas da empresa, basta entrar em contato com a MS Metal Press através do e-mail contato@msmetalagencybrasil.com.

Devilsin: confira agora o videoclipe da música “Take Me To Hell”
07/11/2017

A banda paranaense DEVILSIN lançou recentemente o videoclipe da música “Take Me To Hell”, primeiro single extraído do seu vindouro debut álbum, intitulado “Evil Rises”, confira https://www.youtube.com/watch?v=D4xGfa6_IhI. O referido trabalho será lançado pela MS Metal Records no primeiro semestre de 2017, com distribuição da Voice Music. Para mais informações sobre as atividades da banda DEVILSIN e dos demais artistas da empresa, basta entrar em contato com a MS Metal Press através do e-mail contato@msmetalagencybrasil.com.

Melyra: confirmado título do debut álbum da banda carioca
07/11/2017

Se chamará “Saving You From Reality” o debut álbum da banda carioca MELYRA, que será lançado no Brasil através da MS Metal Records, no primeiro semestre de 2018. O material será distribuído através da Voice Music e todo o conceito gráfico foi desenvolvido pelo renomado artista brasileiro Carlos Fides. Para mais informações sobre as atividades da banda MELYRA e demais artistas da empresa, basta entrar em contato com a MS Metal Press através do e-mail contato@msmetalagencybrasil.com.

Loudness: novo álbum sai em janeiro de 2018; veja a capa
07/11/2017

A banda japonesa Loudness vai lançar o sucessor do "The Sun Will Rise Again" de 2014 em 26 de janeiro de 2018. O álbum é intitulado "Rise To Glory" e trará músicas como "Massive Tornado", "Soul On Fire", "I’m Still Alive", "Rise To Glory", "No Limit", "Rain", "Until I See The Light" e "Let's All Rock".

Marilyn Manson: arma falsa causa polêmica e cantor se explica
07/11/2017

O vocalista Marilyn Manson causou polêmica ao apontar um rifle falso para a plateia do Ozzfest Meets Knotfest, no último domingo (5). A arma era, na verdade, um suporte para o microfone de Manson. Ainda em cadeiras de rodas devido ao acidente no palco no último mês, Marilyn Manson teve sua postura criticada por diversas pessoas nas redes sociais. Para muitos, o cantor "passou dos limites", especialmente porque, poucas horas antes, um atirador havia assassinado 26 pessoas em uma igreja no Texas. Graças à repercussão do caso, Marilyn Manson soltou uma nota se explicando sobre o ocorrido. Ele afirma que foi apenas um "ato teatral" e que não teve o intuito de desrespeitar ninguém.
"Numa era em que tiroteios em massa tornaram-se uma ocorrência quase diária, esse foi um ato teatral, na tentativa de fazer uma declaração sobre como as armas semi-automáticas de fácil acesso são, e como elas se tornaram normalizadas. Minha arte sempre foi uma reação à cultura popular e uma maneira particular de fazer as pessoas pensarem sobre as coisas horríveis que acontecem no mundo. Minha performance não teve intenção de ser desrespeitosa, nem de mostrar qualquer insensibilidade. O apoio de microfone que usei no palco foi entregue a mim com a aprovação de um policial. Minha empatia a quem foi afetado pelo uso irresponsável e reprovável de armas REAIS", disse. Confira no video: https://www.youtube.com/watch?v=LdzaFASKB5M.

Jens Bogren sobre o Felipe Andreoli do Angra: "É o melhor baixista com quem eu já trabalhei, um MONSTRO!"
07/11/2017

Mais um vídeo do making of da gravação do novo álbum do Angra, o 22º da série, desta vez intitulado "É o melhor baixista com quem eu já trabalhei, um MONSTRO!", confira: https://www.youtube.com/watch?v=IJHTbKwmogg. O novo álbum do Angra, sucessor do "Secret Garden" de 2014, deve sair no início de 2018, e está sendo gravado no Fascination Street Studios na Suécia, com o produtor Jens Bogren. A banda conta atualmente com Fabio Lione no vocal, Rafael Bittencourt na guitarra e vocal, Marcelo Barbosa na guitarra, Felipe Andreoli no baixo e Bruno Valverde na bateria.

Billy Corgan fala brevemente sobre Chris e Chester
07/11/2017

Em entrevista para o icônico programa de rádio The Howard Stern Show, o entrevistador perguntou ao frontman do SMASHING PUMPKINS, Billy Corgan, o que ele pensa quando vê que Chris Cornell e Chester Bennington "jogaram a toalha"? Billy falou que vê-los morrer dói em um nível realmente profundo e que ele nunca havia conversado com Chester, mas que conhecia Chris muito bem. Ele disse que Chester, assim como Chris, tinha um ótimo conjunto de cordas vocais. Depois, Corgan falou novamente sobre o suicídio em 2005 de um amigo íntimo.
Billy disse que tinha um amigo que também havia se enforcado e quando as crianças ficam expostas ao suicídio, elas têm mais probabilidade em também cometer tal ato. Corgan falou que foi uma das coisas mais confusas que aconteceu na sua vida e relatou que o seu amigo havia simplesmente desaparecido, e que depois ficou sabendo de alguns rumores... Mais tarde, a irmã do seu amigo confirmou o ocorrido.

Nirvana: Cavalera confirma que Sepultura iria sair em turnê com a banda grunge
07/11/2017

O ex-vocalista do SEPULTURA, Max Cavalera, foi entrevistado recentemente pelo site Alternative Nation e dentre vários assuntos, ele foi perguntado sobre Dave Grohl (então baterista do NIRVANA) ter dito que eles estavam querendo que o SEPULTURA acompanhasse o NIRVANA em turnê. Max respondeu: "Sim, ele e o baixista do NIRVANA, Krist Novoselic, estavam falando sobre isso com a gente. Eu acho que eles queriam nos levar junto com o DEAD KENNEDYS, o que teria sido uma turnê insana, cara. SEPULTURA, DEAD KENNEDYS e NIRVANA juntos em turnê, teria sido ótimo e uma das melhores tours de todos os tempos! Mas infelizmente isso nunca aconteceu devido a morte de Kurt... Mas Dave é um grande fã dos meus trabalhos e pedi para ele escrever a introdução do meu livro, sabe? Ele ficou realmente honrado por eu ter pedido esse favor, porque Dave ama o álbum do SEPULTURA, “Roots”, e ele já disse que é 01 dos seus discos favoritos desde sempre. Então, fiquei muito feliz por tê-lo conhecido e ele é uma pessoa muito legal".

Leaves' Eyes: detalhes do novo álbum, "Sign Of The Dragonhead"
07/11/2017

"Sign Of The Dragonhead" é o título do novo álbum do Leave's Eyes, produzido por Alexander Krull no Mastersound Studio e previsto para sair no dia 12 de janeiro. A banda é formada atualmente por Elina Siirala e Alexander Krull nos vocais, Thorsten Bauer no baixo, Pete Streit nas guitarras e Joris Nijenhuis na bateria. Veja abaixo o tracklist e a capa do disco, feita por Stefan Heilemann, que já trabalhou com Lindemann, Epica e Kamelot. Tracklist: “Sign Of The Dragonhead”; “Across The Sea”; “Like A Mountain”; “Jomsborg”; “Völva”; “Riders On The Wind”; “Fairer Than The Sun”; “Shadows In The Night”; “Rulers Of Wind And Waves”; “Fires In The North” e “Waves Of Euphoria”.

D'arcy reage às desculpas de Billy Corgan
07/11/2017

O vocalista/guitarrista do SMASHING PUMPKINS, Billy Corgan, foi entrevistado no famoso programa de rádio The Howard Stern Show e detalhou as recentes desculpas feitas para D'arcy Wretzky - baixista original da banda. Howard perguntou a Billy se atualmente ele estava se dando bem com os membros originais do SMASHING PUMPKINS e ele disse que “sim”. O frontman disse que estava pensando nisso na noite passada e que eles (membros originais) lhe deram essa fé que Billy não tinha com a sua própria família, assim como eles estavam seguindo-o nos anos 90 quando ninguém mais faria por ele. Billy também falou que sem eles no começo de banda, ele não teria tido nada.
Howard disse que os colegas de banda do SMASHING PUMPKINS arriscaram o futuro de cada um com Billy, sendo que Howard se sente assim com seus parceiros de rádio, Robin, Fred, Gary e até mesmo os caras que se juntaram mais tarde a ele, por estarem colocando as suas carreiras nas mãos de Howard. Billy disse que realmente os membros originais não o contestaram no início de carreira e que ele tem a mesma emoção de Howard sobre os membros originais do SMASHING PUMPKINS. Billy falou que recentemente se desculpou com D'arcy por ter sido um idiota na banda e ela o interrompeu, dizendo: "Billy, você escreveu tantas músicas excelentes que você tinha que ser daquele jeito". Corgan finalizou: “Aquilo foi um momento de cura profunda para mim”.

Marilyn Manson: "metralhando" o público durante show nos EUA
07/11/2017

Além da música, Marilyn Manson sempre foi conhecido pelo seu jeito particular de ser. Mas parece que a coisa está passando do limite, já que durante apresentação realizada neste domingo (5 de novembro) em San Bernardino, na Califórnia, o cantor, que ainda está usando uma cadeira de rodas por ter machucado a perna, simulou estar atirando no público usando um rifle falso que servia como base para o microfone. Vale relembrar que a imagem é polêmica já que os EUA vivem passando por atentados cometidos por atiradores tal como o ocorrido no começo de outubro, quando um deles matou 59 pessoas e feriu mais de 500 durante um festival country em Las Vegas.

Locanda delle Fate vem ao Brasil pela primeira vez, nos dias 10, em Niterói, e 11, no Rio, encerrando a Turnê 2017
06/11/2017

O ano de 2017 marca os 40 anos do álbum “Forse le lucciole non si amano più”, considerado uma obra prima no cenário mundial e uma peça mestra do Rock Progressivo Italiano de todos os tempos, assim como uma das maiores representatividades da escola italiana de Rock Progressivo. Lançado em 1977, pelo selo Polydor, o disco teve a produção de Niko Papathanassiou, irmão do famoso Vangelis.
Para celebrar a ocasião, a banda Locanda delle Fate faz uma turnê especial em comemoração a data e também como despedida a todos os seus fãs. De fato, 2017 LOCANDA DELLE FATE FAREWELL TOUR - BRASIL será a última chance de ver a banda em palco, ressaltando que esta será a primeira vez que vem ao Brasil e à América Latina. Assim sendo, uma oportunidade única e exclusiva.
Formado atualmente por Leonardo Sasso (Voz), Luciano Boero (baixo), Max Brignolo (Guitarra), Giorgio Gardino (Bateria), Maurizio Muha (Piano, teclados e moog) e Oscar Mazzoglio (Teclados), o Locanda delle Fate sobe ao palco do Teatro Municipal João Caetano, de Niterói, no dia 10 de novembro, sexta-feira, às 20 horas, e no teatro de câmara da Cidade das Artes, numa data extra, no dia 11 de novembro, sábado, também às 20 horas, para estas únicas apresentações que ficarão na memória de todo o seu público presente e na história do Rock Progressivo brasileiro.
Além de todo repertório do clássico álbum, a banda tocará outras peças de outros trabalhos, apresentando músicas que formaram os discos “Homo Homini Lupus” e “The Missing Fireflies” e algumas não gravadas até hoje. Uma bela, única e grande celebração a todos os fãs presentes!
Contendo uma rica formação com duas guitarras e dois teclados, além de um excelente nível técnico, a Locanda delle Fate, originária de Asti, a banda surgiu na cena musical do progressivo italiano apresentando ricos arranjos de rock sinfônico, com influências do lado romântico de grupos progressivos ingleses. Com o passar dos anos Forse le lucciole non si amano più se tornou uma referência do progressivo italiano de inspiração clássica através do cruzamento entre teclados, atmosferas lúdicas e ótimas frases vocais.O CD Live, gravado em 1977 e publicado apenas em 1993,trouxe um música inédita, La giostra. O grupo lançou ainda dois singles mais comerciais, em 1978, com formação reduzida em cinco integrantes, e em 1980, sob o nome abreviado de La Locanda, antes de terminar suas atividades.
Em 1996, a reunião de cinco dos sete componentes originais, sem o cantor Sasso e o tecladista Conta, levou à publicação de um novo disco saído em 1999 intitulado Homo homini lupus, um álbum com 11 músicas. O guitarrista Ezio Vevey colaborou, em 2002, na realização da ópera-rock La rete di Ulisse com o grupo Genoma, que incluiu também Nik Comoglio, no teclado, Cyrus Scognamiglio, no baixo, e Steve Abrate, na bateria.O outro guitarrista Alberto Gaviglio lançou um álbum solo, em 1981, Cosa resterà/Vacci piano (Fonit Cetra SP 1754).
Em 2006, o grupo original se reuniu novamente em estúdio, com a intenção de realizar um novo disco mais próximo ao estilo do LP de 1977, mas a reunião durou pouco. Somente, em 2010, o histórico nome Locanda delle Fate voltou a rever por alguns concertos a formação que compreendia os membros originários do grupo. Leonardo Sasso, Oscar Mazzoglio, Luciano Boero e Giorgio Gardino, além do guitarrista Massimo Brignolo e o tecladista Maurizio Muha. Fonte: Fábio Cezanne - Cezanne Comunicação - Assessoria de Imprensa em Cultura e Arte - www.cezannecomunicacao.com.br.

Rock Freeday lança segundo volume da coletânea RF Collection
06/11/2017

A web rádio Rock Freeday completou 10 anos em 2017 e como parte das comemorações está lançando o segundo volume da já aclamada coletânea, “Rock Freeday Collection”. O disco físico já está sendo distribuído de maneira gratuita para lobistas, produtores, bandas e jornalistas de todo o território nacional. Interessados em adquirir uma cópia podem entrar em contato com a rádio, pelo e-mail: rockfreeday@gmail.com. Em São Paulo, na famosa Galeria do Rock, a loja Die Hard saiu na frente e já está distribuindo o disco físico para os seus clientes enquanto durar os estoques. Mais uma vez o desenho da capa foi assinada pelo renomado artista João Duarte (Metal Church, Circle II Circle, Angra) mostrando um futuro caótico, repleto de tecnologias e surpresas, assim como as bandas desta edição.
RF Collection - Tracklist: 01. Higher - Lie; 02. Swards - Black Bird; 03. Cromathia - Burning Like 1000 Suns; 04. Divine Wings - Enlightment; 05. Freak Company - Umbral; 06. Mind’S Havoc - Celebration Of Illusion; 07. Machado de Einstein - Enlight; 08. Elephant - Stuck; 09. G.A.S - Just a Dreamer; 10. Bendicta - Essência; 11. Stoneria - Guerra Civil; 12. Ricardo Primata - Lagrima Doce; 13. Alquímea - Roubalheira; 14. Capitão Crunch - Ultima cartada; 15. Velho Bordel - Pelo dia sim, pelo dia Não; 16. Black Barril - Pé na Estrada; 17. Khorium - Quem Vai Pagar; 18. South Hammer - Last Thunder e 19. Engrenagens - Ressaca Moral.
O segundo volume da coletânea tem por objetivo abrir novas vias de divulgação para o trabalho das bandas. Em paralelo o disco vai ser lançado digitalmente nas principais plataformas de música: Deezer e Spotify. Links relacionados: http://www.rockfreeday.com/; https://www.facebook.com/rockfreeday/ e https://www.instagram.com/radiorockfreeday/.

Ozzy Osbourne: datas e cidades dos shows no Brasil em 2018
06/11/2017

Ozzy Osbourne anunciou oficialmente que iniciará em 2018 uma tour de despedida que deve durar dois anos. E o Brasil será um dos primeiros países a receber esta tour. A turnê de despedida começará em maio de 2018 com shows no México, Chile, Argentina e Brasil. Em junho o Madman passará pela Rússia, antes de partir para a Europa com participações nos festivais de verão. Ozzy será acompanhado por Zakk Wylde (guitarra), Rob "Blasko" Nicholson (baixo), Tommy Clufetos (bateria) e Adam Wakeman (teclados).

Trata-se da tour de despedida, mas não tratam-se dos últimos shows do Madman. "As pessoas perguntam quando eu vou me aposentar. Essa será minha última tour, mas não posso garantir que não vá fazer um ou outro show em algum lugar." E vamos lembrar que Ozzy já fez uma tour que seria a sua tour de despedida ainda em 1992, inclusive chamada de "No More Tours". Wakeman nos teclados. Veja abaixo as datas e cidades anunciadas para o Brasil: 13 de maio - São Paulo; 16 de maio - Curitiba; 18 de maio - Belo Horizonte e 20 de maio - Rio de Janeiro.

Produção do Solid Rock anuncia devolução de ingressos pela substituição do Lynyrd Skynyrd pelo Cheap Trick para quem desejar
06/11/2017

Conforme o comunicado da banda divulgado anteriormente, a participação do Lynyrd Skynyrd no Solid Rock Tour na América Latina foi substituída pela banda Cheap Trick. Os clientes que desejarem comparecer ao evento não precisarão trocar os seus ingressos. Caso algum cliente queira solicitar o reembolso dos ingressos, será necessário seguir os procedimentos abaixo entre os dias 06 de novembro de 2017 até o dia 30 de novembro de 2017:
1) Compras efetuadas em um canal presencial (Bilheteria ou ponto de venda):
a. Dirigir-se ao mesmo local onde a compra foi efetuada até 30/11/17;
b. Apresentar o ingresso adquirido;
c. Caso a compra tenha sido efetuada em dinheiro, o reembolso ocorrerá através de depósito bancário;
d. Caso a compra tenha sido efetuada com cartão de débito, o valor será creditado na conta do cartão utilizado na compra;
e. Para compras efetuadas com cartão de crédito, o valor será creditado na fatura do cartão utilizado na compra.
2) Compras efetuadas pela Internet:
a. Entrar em contato com a Central de Relacionamento da Tickets For Fun através do telefone 4003-5588 (abrangência nacional), de segunda à sexta, das 11h às 17h, ou pelo link https://goo.gl/5T6oTL, com o título “REEMBOLSO” até dia 30/11/17.
b. O valor pago será creditado na fatura do cartão utilizado na compra;
c. Seguir com demais instruções que serão enviadas pelo SAC.
Confira na íntegra a nota que o Lynyrd Skynyrd divulgou: " Os membros do Lynyrd Skynyrd estão desapontados por anunciar que estão cancelando sua participação no Solid Rock com o Deep Purple e Tesla. A filha de Johnny Van Zant, um dos membros do Lynyrd Skynyrd, foi diagnosticada com Linfoma Linfoblástico Agudo e, por hora, será submetida a um tratamento agressivo. Johnny usará os próximos meses para se concentrar no tratamento e saúde de sua filha. O Lynyrd Skynyrd gostaria de pedir desculpas aos fãs da América do Sul, com a promessa de voltar no futuro. Enquanto isso, os bons amigos da banda e membros do Rock and Roll Hall of Fame, Cheap Trick, estarão se juntando à turnê em dezembro. O frontman, Robin Zander diz: "Estamos ansiosos para nos juntar ao Deep Purple e Tesla na América do Sul como parte do Solid Rock Tour ... apenas desejava estar em circunstâncias diferentes. Nossos pensamentos e orações estão com Johnny, sua filha e todos nossos amigos de toda a família Lynyrd Skynyrd ".
Com mais de 5.000 apresentações durante quatro décadas e 20 milhões de discos vendidos em todo o mundo, Cheap Trick é, sem dúvida, um dos mais influentes grupos de rock clássico nos últimos 50 anos. Hits como "I Want To Want Me", "Dream Police" e "Surrender" cimentaram o grupo como uma das melhores bandas de Rock 'n' roll da América de todos os tempos. Fonte: ASSESSORIA DE IMPRENSA - T4F (TIME FOR FUN)

Exylle: uma das revelações do Thrash Metal nacional acaba de liberar seu novo vídeo clipe oficial da faixa “Immortal Dies”
06/11/2017

O Thrash Metal casca grossa da banda curitibana Exylle, acaba de ganhar um aporte ainda maior na divulgação das novas músicas que o grupo está criando para findar o lançamento do aguardo primeiro disco da carreira. Em seu canal oficial do YouTube foi liberado o clipe de “Immortal Dies”, as filmagens apresentam os músicos executando a faixa com muito talento, velocidade e técnica. Considerado por muitos como uma das principais promessas do estilo da região sul do Brasil, a Exylle está em plena atividade e planejando vários lançamentos entre o fim de 2017 e início de 2018. A letra de “Immortal Dies” é uma crítica nociva ao fanatismo religioso e a alienação que isso gera há toda uma sociedade. Utilizando como embasamento as ideias utópicas e fantasiosas sobre as divindades imortais, o grupo Exylle, difere do que se é imposto pela religião e questiona essa imortalidade, afirmando que o sagrado pode morrer. Assista ao clipe de “Immortal Dies”: https://www.youtube.com/watch?v=y4AHdt9pgHk.
O clipe teve todas as imagens captadas em parceria entre o estúdio “Plug and Play” e o guitarrista Kevin Vieira que também cuidou da mixagem e masterização. Filmagens e edição de vídeo ficou a cargo de Tyrone Hirt. Exylle é formado por: Victor Hugo: Vocal/Baixo; Kevin Vieira: Guitarra; Johnny Bordignon - Guitarra e Rycardo Antonio - Bateria. Mais informações: Facebook: https://www.facebook.com/ExylleOficial/ e Roadie Metal Press: https://roadie-metal.com/press/exylle/. Fonte: Gleison Junior (Assessor/Diretor) -Facebook Page Oficial: https://www.facebook.com/RoadieMetal/; Facebook Page Assessoria: https://www.facebook.com/roadiemetalassessoria/ e Site: http://roadie-metal.com/.

R5 no Brasil: Ingressos com 50% de desconto no site do Peixe Urbano
06/11/2017

Quem ainda não garantiu seu lugar no show da banda pop R5 pode comemorar pois a produção liberou uma quantidade de ingressos limitada a preços promocionais com 50% de desconto em parceria com o site Peixe Urbano. A banda R5 fará único show no Brasil dia 26 de novembro na Audio, em São Paulo. Os tickets promocionais disponíveis para os setores de pista comum, premium e camarote e podem ser parcelados em até 12x. Para comprar os ingressos promocionais entre no site: https://goo.gl/aPGTyR. O R5 conta com os quatro irmãos Riker, Ross, Rocky e Rydel e o quinto elemento, Ellington Ratliff. A banda lançou recentemente um EP intitulado “Ready Set Rock” em 2010. O EP foi produzido pela e-Vega e foi um tremendo sucesso de público. O cantor Ross é também conhecido pelo papel do Austin Moon na série Austin & Ally, da Disney Channel, além de ter atuado no filme Teen Beach Movie 1 e 2 como Brady.
O evento será realizado em parceria com a plataforma social HonorSounds, que vem popularizando, em diversos nichos, a importância da doação através da gincana cultural #corridacontrafome que é promovida em todos os eventos de música ao vivo do projeto e consiste no benefício de qualquer indivíduo ter a oportunidade de adquirir um ingresso promocional para o referido evento doando alimentos ou leite ao projeto. Todas as doações são revertidas para Casas André Luiz, que é pioneira no trabalho de assistência ao deficiente intelectual. Fonte: DAMARIS HOFFMAN - Hoffman & O'Brian - marketing artístico/entretenimento - www.hoffmanobrian.com.br.

Astro Venga captura alma das ruas em 1º álbum de estúdio - Power trio carioca lança Transeunte em streaming pelo selo da Abraxas
06/11/2017

Precursor da música de rua no Rio de Janeiro contemporâneo, o Astro Venga agora mostra a intensidade criativa e sonora em Transeunte, o primeiro registro de estúdio, com nove músicas instrumentais que sintetizam o caldeirão musical - sempre em efervescência - deste power trio. O álbum é disponibilizado nesta segunda-feira nos principais serviços de streaming pela Abraxas Records e, no dia 9 de novembro, uma quinta-feira, em formato físico (CD) no show de lançamento na tradicional casa carioca Imperator, dentro de um dos principais eventos roqueiros da capital, o Rio Novo Rock. Ouça aqui: https://ONErpm.lnk.to/AstroVenga
Gravado no estúdio Radamés Gnattali, da faculdade Unirio (RJ), Transeunte é o prolongamento natural do já reconhecidíssimo trabalho de Christian Dias (guitarra), Antonio Paoli (baixo) e Gabriel Barbosa (bateria) nos calçadões das praias cariocas e em demais centros urbanos, onde se apresentam ao ar livre, incorporados aos ruídos do trânsito, dos burburinhos e das vibrações da natureza. No álbum, a essência está intacta, e lá foi a oportunidade do Astro Venga lapidar o feeling das ruas. A música instrumental do Astro Venga tem swing, melodias, peso, batidas dançantes e até introspectivas, norteadas em termos sonoros pela positividade das levadas rock n’ roll, vide faixas como “Zinabre” ou “Sub Monte”. Música brasileira também tem espaço: “Olho Mágico” mostra o lado rítmico e harmônico da viola e o bandolim dentro da proposta experimental. ão à toa, punk progressivo, funk garagem ou rock extremo são rótulos criados pela própria banda para tentar explicar a plasticidade de Transeunte, que foi moldada nos dois registros anteriores gravados ao vivo durante apresentações nas ruas, Explodiram a Perimetral (2014) e Ao vivo na Lapa (2016). Fonte: Erick Tedesco - Assessor de imprensa/Abraxas Produtora - www.facebook.com/abraxasevents, www.abraxas.fm e www.facebook.com/Erick.Tedesco.

Sunroad: distribuição do álbum “Wings Seven” chega ao Japão
06/11/2017

O maior expoente do Hard Rock no estado de Goiás, até mesmo no Brasil, a veterana Sunroad, acaba de anunciar a distribuição de seu sétimo álbum de estúdio, Wings Seven” do outro lado do mundo, o Japão. Agora o país asiático terá o material para comercialização, considerados por músicos consagrados como um dos países que mais reverenciam o Metal, os nipônicos agora receberão uma das obras mais bem elogiadas e feitas dentro do estilo Hard Rock/ AOR no ano de 2017 no Brasil.

O material será distribuído pela “DiskUnion” que acaba de assinar representação comercial da banda Sunroad em todo território japonês. Escute “Destiny Shadows” faixa de abertura de “Wings Seven”: https://www.youtube.com/watch?v=KW8R98TvvE4.  Sendo o sétimo álbum de estúdio, Wings Seven, também está disponível para venda no Brasil através do “Musik Studio”, as encomendas nacionais podem ser feitas no link: https://www.facebook.com/MusiKstudioandstore/.
Para aquisição no Japão, basta acessar o link: http://diskunion.net/punk/ct/detail/HMHR170418-401. O álbum conta com 13 faixas e é considerado o trabalho mais solido e bem produzido da carreira da Sunroad, músicas mais pesadas apresentam uma nova vertente do grupo, tudo sem perder sua identidade, no disco também não irá faltar as baladas que são marcas registradas da banda. Mais informações: Facebook: https://www.facebook.com/sunroadofficial/ e Roadie Metal Press: https://roadie-metal.com/press/4145-2/. Fonte: Gleison Junior (Assessor/Diretor) - Facebook Page Oficial: https://www.facebook.com/RoadieMetal/; Facebook Page Assessoria: https://www.facebook.com/roadiemetalassessoria/ e Site: http://roadie-metal.com/.

Tacy de Campos segue novos rumos e entra para o time de colunistas do Portal VRNews
06/11/2017

Além de cantora e compositora, Tacy de Campos mostra seu jeito de ver o mundo através da palavra escrita. A escritora por amor ganha um novo espaço e entra para o time de colunistas do Portal VRNews assinando sua nova coluna todo sábado, onde trará críticas, protestos, poemas, reflexões e contos. A Coluna Tacy de Campos estreia no próximo sábado, 11 de novembro no endereço eletrônico www.vrnews.com.br.
Mais sobre Tacy:
Cantora e compositora, Tacy foi a intérprete de Cássia Eller no musical que rodou todas as capitais do Brasil, e teve diversas temporadas nas metrópoles Rio de Janeiro e São Paulo. Já prestou varias homenagens à cantora em prêmios e festivais, como o Rock in Rio em 2015. Participou da música de trabalho de Nando Reis em um especial para o Fantástico, além de ser convidadas para programas como Faustão, Encontro com Fátima Bernardes e Canal Bis.
Lançou esse ano seu primeiro trabalho solo "O Manifesto da Canc¸a~o" onde mostra a que veio com muita atitude, destacando toda sua singularidade e disparidade do suas composições. Participou do projeto “Músicas para sempre”, voltado para pessoas diagnosticadas com Alzheimer. Faz parte da banda paulista Os Pitais, uma banda voluntária que toca em hospitais, escolas carentes e para refugiados, formada por diversos artistas, como Kiko Zambianchi, Márcio Mello, Andreas Kisser do Sepultura, entre outros.
Mais sobre o Portal VRNews:
Com conteúdo relevante, o jornal eletrônico VRNews valoriza o que é local e preenche uma lacuna que os grandes veículos de comunicação não atingem. Com atualização diária e o foco são notícias de Curitiba, Região Metropolitana além de notícias do cenário nacional. Traz os acontecimentos de forma eclética, valorizando não apenas os eventos sociais, mas passando pelos diversos assuntos do meio empresarial, como saúde, esportes e principalmente cultura. Além das notícias, o VRNews traz um time de renomados colunistas que apresentam as opiniões sobre Segurança, Direito Consumidor, Gastronomia, Agenda Cultural, Coluna Social, Música e ainda colunas em cadernos especiais. Link: www.vrnews.com.br.

Angra Fest: Fabio Lione convida fãs do Angra para o festival
06/11/2017

O vocalista Fabio Lione convida os fãs de Metal e do Angra para a primeira edição do festival. Os ingressos para a 1ª edição do “Angra Fest” estão à venda pelo site da Ingresso rápido e sem taxa de conveniência na loja Consulado do Rock e no Tom Brasil. O festival acontece dia 26 de Novembro no Tom Brasil, em São Paulo, e conta com as bandas Angra, Massacration, Geoff Tate (ex-Queensryche) e Noturnall. Assista o convite de Fabio Lione para o “Angra Fest”: https://www.facebook.com/AngraOfficialPage/videos/1823190057721192/. Atualmente, o Angra é formado por Fabio Lione (vocal), Rafael Bittencourt (guitarra), Marcelo Barbosa (guitarra), Felipe Andreoli (baixo) e Bruno Valverde (bateria). Conhecida por estar entre os maiores nomes do heavy metal brasileiro no mundo, a banda Angra lançou aclamados álbuns e construiu uma gloriosa carreira.
O Massacration está em sua nova turnê histórica “Metal Milf World Tour”. A banda é formada por Detonator (vocal), Metal Avenger (guitarra), Headmaster (guitarra), Redhead Hammet (baixo) e Jimmy The Hammer (bateria). O grande vocalista Geoff Tate (ex-Queensryche) se apresenta no primeiro “Angra Fest” mostrando sua versatilidade musical e alto potencial vocal. O cantor é amigo de longa data do Angra e o show promete ser um dos pontos altos no evento. A banda Noturnall está de volta com o terceiro álbum "9" (um dos discos mais vendidos em 2017 segundo a revista Roadie Crew). Os músicos prometem um show avassalador com a participação do guitarrista Mike Orlando (Adrenaline Mob) e do baterista Henrique Pucci (ex-Project46). O primeiro “Angra Fest” também contará com as participações especiais de Luis Mariutti e Ricardo Confessori (ex-Angra e Shaman), Bruno Sutter, Alírio Netto (ex-Age of Artemis), Pompeu (Korzus), Dani Nolden (Shadowside) e Edu Ardanuy (ex-Dr.Sin). Links relacionados: http://www.angra.net/; https://www.facebook.com/AngraOfficialPage e http://www.toplinkmusic.com. Fonte: DAMARIS HOFFMAN - Hoffman & O'Brian - marketing artístico/entretenimento - www.hoffmanobrian.com.br.

Project46: Confira as atrações confirmadas no"46fest III"
06/11/2017

A banda Project46 vem promovendo o show de lançamento de seu novo álbum intitulado “TR3S”, que compõe o show principal do projeto “46FEST III” no dia 3 de dezembro, no Tropical Butantã, em São Paulo. Os ingressos estão à venda no site da Ticket Brasil e custam de R$ 45,00 até R$ 120,00 consulte opções: https://ticketbrasil.com.br/festival/5489-46festiii-saopaulo-sp/. As bandas Trayce e Ponto nulo no céu foram recentemente adicionadas ao line up do evento e chegam para somar neste grande encontro da nova geração do metal nacional. A banda Project46 gravou o álbum “TR3S” com o produtor Adair Daufembach em seu estúdio em Los Angeles e promete oferecer uma sonoridade inovadora dentro do estilo do grupo. Assista o videoclipe de “Pânico”: https://youtu.be/XGqP7STrc4A. Fonte: DAMARIS HOFFMAN - Hoffman & O'Brian - marketing artístico/entretenimento - www.hoffmanobrian.com.br.

Quintessente se apresenta dia 14 de novembro no Planet Music no Rio de Janeiro
06/11/2017

Dia 14 de novembro, véspera de feriado, a cidade do Rio de Janeiro recebe um evento realizado pela produtora “TomaRock” que apresenta ao público carioca o “Headbanger Force” com várias atrações importantes da região. Ao todo serão quatro apresentações, as bandas Tamuya Thrash Tribe, Facing Fear, Decifra Me e Quintessente, levam sua musicalidade e conceitos ao “Planet Music”. A banda Quintessente que recém lançou seu primeiro full lenght, o muito bem criticado pela mídia e fãs da banda, “Songs From Celestial Spheres”, prepara um show pesado e focado nas novas composições que fazem parte de seu atual registro.
O evento será realizado no “Planet Music” em Cascadura com ingressos vendidos por R$20,00. Os shows estão programados para começarem as 21h. Mais informações no link: https://www.facebook.com/events/146702042609358/. Fonte: Gleison Junior (Assessor/Diretor) - Facebook Page Oficial: https://www.facebook.com/RoadieMetal/; Facebook Page Assessoria: https://www.facebook.com/roadiemetalassessoria/ e Site: http://roadie-metal.com/.

Dudé e a Máfia: divulgado vídeo ao vivo de “Batom Blues” no Estúdio Showlivre 2017
06/11/2017

A banda Dudé e A Máfia orgulhosamente divulga vídeo ao vivo da música “Batom Blues” no Estúdio Showlivre, que foi gravado no primeiro semestre de 2017. Os músicos seguem divulgando o EP “Dudé e A Máfia” com várias datas por todo o estado de São Paulo.

O Showlivre.com conta com a apresentação de Clemente Tadeu, vocalista da banda Os Inocentes, que também comandou um bate-papo super descontraído, além de repassar as perguntas dos fãs aos integrantes da banda que tiveram a oportunidade de contar um pouco sobre os primórdios da banda Dudé e A Máfia. “Foi uma experiência única e diferente pra todos nós, algo que carregaremos conosco pra sempre”, disse empolgado o vocalista Dudé.
Atualmente formado por Dudé (vocal), Lennon Fernandes (baixo), Ed Navarrette (guitarra), Luiz Cazati (guitarra), Sérgio Navarrette (bateria) e Leandro Voinschi Lantin (teclado), a banda Dudé e a Máfia mergulhou de cabeça no velho e bom Hard Rock das décadas de 70 e 80, tudo temperado com uma pegada Blues na medida certa e letras em Português. A banda segue a estrada do Rock desde 2013 produzindo seu próprio material. Links relacionados: http://www.dudeeamafia.com.br/ e https://www.facebook.com/dudeeamafia. Assista o vídeo ao vivo de “Batom Blues”: https://youtu.be/S8sURKfluRM.

Guns N' Roses: entrada de Gilby foi "assustadoramente fácil"
06/11/2017

Em entrevista ao podcast Distortion, transcrita pelo Blabbermouth, o guitarrista Gilby Clarke falou sobre a sua entrada e adaptação ao Guns N' Roses. O músico substituiu Izzy Stradlin e ficou no grupo entre 1991 e 1994. Clarke relembrou, inicialmente, que precisou aprender 50 músicas em uma semana. "A partir do dia em que Slash me ligou, eu estaria no palco apenas duas semanas depois", contou. Slash, aliás, foi parte fundamental na escolha por Gilby Clarke. "Slash me chamou para tocar com ele por três dias seguidos. Ao fim, ele disse: 'você conseguiu, aprenda tudo e nos veremos em uma semana'. Não teria ensaios, pois a banda já sabia as músicas e não ensaiariam comigo. No último dia, liguei para Dizzy (Reed, tecladista) e pedi ajuda em 'Estranged'. Dizzy me deu um livro com acordes e eu disse: 'Havia um livro? Fiquei uma semana aprendendo de ouvido'", disse.
A adaptação de Gilby Clarke foi tranquila, embora ele compreendesse a função de Izzy Stradlin no Guns N' Roses. "Sabia que Izzy era uma grande parte da banda. Não tentei substitui-lo, estava tentando achar meu espaço, do meu jeito. [...] Eles ficaram felizes. Nunca disseram coisas para mim, como 'use isso no palco' ou 'faça tal coisa'", afirmou. Apesar de Izzy Stradlin ter sido uma força importante no Guns N' Roses, Gilby Clarke afirma que pouco se falou sobre a substituição na época. "Quando entrei, foi assustador o quanto foi fácil. Slash estava um pouco preocupado, pois estávamos mudando uma grande peça na banda e as pessoas não comentavam muito sobre isso. As pessoas falam mais sobre isso agora do que antigamente, quando aconteceu. E isso foi uma das coisas que funcionou", disse. Clarke destacou que, embora o Guns N' Roses já fosse uma banda experiente na época, todos estavam com medo no momento de sua entrada, pois a banda estava fazendo grandes turnês em estádios. "A banda não tinha uma base sólida. Axl (Rose) sequer saía com os músicos, ele tinha um mundo próprio. Todos estavam descobrindo quem eles eram", afirmou.

Iron Maiden: a banda poderia dar certo se fosse formada atualmente?
06/11/2017

O vocalista Bruce Dickinson opinou sobre a possibilidade do Iron Maiden dar certo se a banda fosse formada nos dias de hoje. O cantor falou sobre o tema em entrevista ao site "Fortune". Ao ser questionado sobre o assunto, Bruce Dickinson foi sincero ao dizer que, provavelmente, o Iron Maiden não daria certo nos dias de hoje. Para o cantor, a situação atual da indústria musical seria a principal vilã. "Simplesmente todo o mercado para música nova é muito fragmentado. Existem tantos nichos pequenos, então, é quase impossível ganhar força, especialmente para uma banda de rock", disse Dickinson. Leia a entrevista na íntegra, em inglês, no link a seguir: http://fortune.com/2017/11/03/iron-maiden-bruce-dickinson-autobiography/.

Maroon 5: Chris Cornell foi "grande influência" para a banda
06/11/2017

A banda Maroon 5 sempre teve um pé no pop - hoje em dia, aliás, está com o corpo inteiro fincado no estilo. Entretanto, alguns nomes do rock influenciaram o trabalho do grupo liderado por Maroon 5. Um desses nomes foi Chris Cornell, falecido neste ano, que integrou o Soundgarden e o Audioslave, além de ter comandado uma prolífica carreira solo. Em entrevista ao programa de rádio de Howard Stern - onde o grupo chegou a fazer uma versão de "Seasons", canção solo de Cornell -, o vocalista do Maroon 5, Adam Levine, falou sobre sua admiração por Chris. Durante o bate-papo, Adam Levine disse que "Seasons" é a música de Chris Cornell que ele mais gosta. Ele também fez elogios à trilha sonora do filme "Vida de solteiro", onde está inserida, afirmando que é uma das melhores trilhas de todos os tempos.
Questionado se teve a oportunidade de conhecer Chris Cornell, Adam Levine disse, com arrependimento, que nunca esteve com ele. "É engraçado, porque tínhamos tantos amigos e pessoas em comum e nunca aconteceu. Quando digo que sinto falta de Chris Cornell, apenas sinto... adoraria tê-lo conhecido. Arrependo-me profundamente de não tê-lo conhecido. Mas sua música foi incrivelmente influente para todos nós", disse.

Linkin Park: "Chester está no nível de Freddie Mercury e James Hetfield"
06/11/2017

O músico Mike Shinoda, do Linkin Park, comparou o seu falecido ex-colega de banda, Chester Bennington, a outros ídolos da música, como Freddie Mercury (Queen), James Hetfield (Metallica) e Dave Gahan (Depeche Mode). A declaração foi dada em entrevista à revista Kerrang! (transcrita pelo site Linkin Park BR). Durante a entrevista, Mike Shinoda destacou a humildade de Chester Bennington perante seu talento. "Era engraçado, porque ele era o tipo de cara que quando você o elogiava pela sua voz, principalmente antigamente, ele fingia que não era com ele. Ele negava ou fazia algum comentário se criticando. Enquanto uma parte dele realmente gostava de ser o centro das atenções, outra parte dele fugia disso", afirmou.
Em seguida, Shinoda fez a comparação com outros ídolos da música - que serviram de inspiração para o próprio Bennington. "Isso (a humildade) fazia parte da beleza de Chester. E ele foi inspirado por diversos cantores em diferentes pontos da sua vida, como Dave Gahan, James Hetfield e Freddie Mercury. Às vezes, o lembrava que ele estava nesse nível, mas ele nunca concordava comigo. Ele nunca reconheceu isso, mas nos últimos meses, dezenas de artistas foram a público ou em particular nos dizer o quão inspirador Chester e a banda tem sido para eles. Somos muito agradecidos", disse. Chester Bennington cometeu suicídio em julho deste ano. Recentemente, o Linkin Park realizou um show no Hollywood Bowl, nos Estados Unidos, em homenagem ao cantor.

Steven Adler: amor eterno a Axl Rose graças a ato em 1988
06/11/2017

O baterista Steven Adler falou, em entrevista ao canal do Loudwire no YouTube (transcrita pelo Alternative Nation), sobre a sua relação com seus dois ex-colegas de Guns N' Roses, o vocalista Axl Rose e o guitarrista Slash. Durante o bate-papo, Adler chegou a fazer uma revelação curiosa sobre seu sentimento por Rose - e, curiosamente, o cantor é creditado como o principal responsável pela demissão do músico, que estava afundado em drogas e com problemas até para tocar seu instrumento.

Inicialmente, o baterista foi perguntado se mantém contato com os seus antigos colegas de banda. Adler começou falando sobre Slash. "Não, na verdade. Digo 'oi' para Slash desde que o conheço, quando tínhamos 12 ou 13 anos de idade, então ele sempre será o meu irmão", disse. Sobre seu sentimento com relação a Axl, Steven resgatou uma história diretamente de 1988, quando os músicos do Guns N' Roses fizeram uma participação no filme "Na Lista do Assassino" ("The Dead Pool"), em 1988. Graças a um ocorrido na época das gravações do longa, Adler afirma que terá amor eterno pelo cantor. Veja a participação da banda no filme: https://www.youtube.com/watch?v=9rdKXXbbGsE.
"Sempre amei Axl. Para provar: quando fizemos 'The Dead Pool', estávamos os cinco na cena do cemitério. Depois, Slash, Izzy e Duff atiram um arpão por uma janela no barco. Axl e eu não estávamos ali porque eu conheci uma stripper e ela colocou uma m*rda de pó marrom na minha bebida. Quando percebi, acordei em um hospital e Axl estava segurando minha mão. Ele pensou que eu iria morrer. Então, ele tem meu amor eterno", disse. Veja, a seguir, a entrevista na íntegra (em inglês e sem legendas): https://www.youtube.com/watch?v=_YI9DidQXwE.

Iron Maiden: por que a volta de Bruce Dickinson deu certo
06/11/2017

O vocalista Bruce Dickinson falou, em entrevista ao site "Fortune", sobre a sua relação com o Iron Maiden. O cantor opinou por que seu retorno à banda em 1999 deu certo e comentou sobre a vida na estrada após décadas de carreira. O entrevistador lembrou que Bruce Dickinson voltou ao Iron Maiden há 18 anos - e que a segunda passagem pela banda durou muito mais que a primeira, de 12 anos, entre 1981 e 1993. Foi perguntado, então, por que deu certo dessa vez. "Todos perceberam que a coisa mais importante sobre o Iron Maiden é que o Iron Maiden é a coisa mais importante. Agora, não existem mais lutas pelo poder", respondeu Bruce Dickinson. O cantor também foi questionado sobre as turnês mais recentes, com quatro datas por semana, mesmo com a idade avançada dos músicos. Dickinson tem 59 anos, o baterista Nicko McBrain está com 65, o baixista Steve Harris tem 61 e os três guitarristas, 60.
"Lidamos de forma mais inteligente do que antes", respondeu Bruce. "Amadurecemos nossas relações interpessoais, para que possamos conversar de forma mais livre sobre o que precisamos ou não. E tomamos maior controle do volume de trabalho, porque, francamente, nos anos 1980, trabalhávamos em uma agenda onde, devido ao estilo de música que tocamos, é virtualmente impossível fazer 100% bem toda noite."

Rob Halford: É um momento excelente para o Judas Priest
06/11/2017

Durante o evento Loudwire Music Awards, uma premiação para artistas do Rock/Heavy Metal realizada em Los Angeles, Rob Halford conversou com a LA Metal Media sobre o novo álbum do Judas, "Firepower". Rob Halford: "Bem, é um momento excelente para o Priest de muitas maneiras", disse Halford (veja o vídeo abaixo, em inglês). "Porque é o nosso décimo oitavo álbum de estúdio, e você nunca sabe o que você vai fazer, você não tem nenhuma agenda. Você apenas tenta e continua o espírito do metal que você está fazendo por mais de quatro décadas. E então você senta em uma sala e alguém faz uma nota em uma guitarra e você diz, 'Oh, essa é uma boa nota', e então você adiciona outra nota, e então está funcionando." "Richie se juntou a banda e fez um ótimo trabalho em 'Redeemer Of Souls', mas neste novo disco ele está surpreendente. Ele está escrevendo em particular, mas seu trabalho como guitarrista principal é absolutamente estelar." Richie Faulkner entrou para o Judas Priest em 2011, substituindo o guitarrista K.K. Downing. A banda passou os últimos meses em estúdio gravando o sucessor de 'Redeemer Of Souls' com os produtores Tom Allom (Black Sabbath, Def Leppard, Kix), Andy Sneap(Nevermore, Exodus, Accept e Arch Enemy) e o engenheiro de som Mike Exeter(Black Sabbath). O novo registro está previsto para 2018. Confira a entrevista: https://www.youtube.com/watch?v=w_4WP8aQoYo.

Rock On Stage: Entrevista com o guitarrista Wolf Hoffmann do Accept
05/11/2017

Prestes a desembarcar para sua quinta turnê brasileira para a divulgação do recém-lançado álbum The Rise Of Chaos, os alemães do Accept prometem shows eletrizantes como é o padrão da banda. Aproveitando a oportunidade o repórter Fernando R. R. Júnior do Rock On Stage conversou com o atencioso guitarrista Wolf Hoffmann e que você pode conferir no link: http://www.rockonstage.org/entrevistas/2017/wolf-hoffmann-accept/wolf-hoffmann-accept.htm.

Dark Dimensions Folk Festival lança promoção de ingressos “pague 1, leve 2”
05/11/2017

A Dark Dimensions, produtora do Dark Dimensions Folk Festival, quer realmente lotar as edições do evento em São Paulo (19/11 - Carioca Club) e Curitiba (201/11 - Hermes Bar). A organização anunciou recentemente promoção imperdível em ambas as capitais! Após receber muitas mensagens nas redes sociais de pessoas que estão em situação totalmente desfavorável devido a atual crise econômica, a produtora resolveu ajudar de alguma forma e tornar o festival acessível a todos: na compra de um ingresso, o segundo é totalmente gratuito! A promoção é válida para todos os setores (pista e camarote) e para quem já comprou ou ainda pretende adquirir ingresso, independente do período da adesão do ticket. A venda está sendo realizada pelo site do Clube do Ingresso (http://www.clubedoingresso.com) e pontos autorizados pela empresa em São Paulo, Osasco, São Caetano do Sul, Santo André, Curitiba e Rio de Janeiro (http://www.clubedoingresso.com/ondecomprar). 
O Dark Dimensions Folk Festival traz importantes nomes do heavy metal com elementos da música celta/escandinava ao Brasil como a consagrada banda finlandesa Ensiferum e a sensação do atual cenário mundial Elvenking (Itália). Além disso, os fãs terão o privilégio de conferir a especial performance do Kalevala (Rússia). Quem promete roubar a cena é a banda brasileira Armored Dawn, um dos nomes que mais crescem no cenário internacional na atualidade. Links relacionados: https://www.facebook.com/Ensiferum; https://www.facebook.com/elvenking.official; https://www.facebook.com/Kalevalafolk; https://www.facebook.com/ArmoredDawn; https://www.facebook.com/darkdimensionsbrasil e https://www.facebook.com/UltimateMusicPR. Fonte: Costábile Salzano Jr - THE ULTIMATE MUSIC - PR - https://www.facebook.com/UltimateMusicPR; http://twitter.com/ultimatemusicpr e https://www.facebook.com/costabile.salzano.

Bruce Dickinson: lotar estádios tocando músicas velhas não é fazer sucesso
05/11/2017

Ao contrário de grande parte das bandas dos anos oitenta que geralmente fazem shows com repertórios baseados nas suas músicas mais famosas, o Iron Maiden apresentou na "The Book Of Souls" boa parte do álbum que deu título à turnê, lançado em setembro de 2015. E o vocalista Bruce Dickinson explica a posição da banda em entrevista com a Fortune: Se você quiser tirar vantagem dos fãs servindo sempre o mesmo setlist em cada turnê, pode esperar que alguns deles vão se afastar. Seria como se transformar em uma banda de karaokê. Se você não estiver fazendo música nova, por que se incomodar?

Não achamos que lotar estádios tocando músicas de 30 anos de idade seja fazer sucesso, mas sim apenas uma maneira de fazer dinheiro", disse o Bruce. Quanto aos fãs que não querem que o Iron Maiden toque nada mais a não ser os clássicos dos anos oitenta, Bruce disse: "Isto é difícil. Neste caso, não venha aos shows".

Neil Young: novo álbum sai dia 1º de dezembro
05/11/2017

"The Visitor" é o título do trigésimo-nono LP-solo de Neil Young. O veterano gravou com a banda Promise Of The Real, liderada por Lukas, filho de Willie Nelson. Video de Already Great https://www.youtube.com/watch?v=oZHf3dDVcmg e Children of Destiny https://www.youtube.com/watch?v=4RKBUG9VLFU. "The Visitor" conterá a faixa "Children Of Destiny", lançada dia 4 de julho, por ocasião do feriado da independência norte-americana. A tracklist é a seguinte: 1. Already Great; 2. Fly By Night Deal; 3. Almost Always; 4. Stand Tall; 5. Change of Heart; 6. Carnival; 7. Diggin’ a Hole; 8. Children of Destiny; 9. When Bad Got Good e 10. Forever.

Behemoth entra em estúdio para gravar o próximo álbum
05/11/2017

A banda BEHEMOTH compartilhou recentemente um vídeo com um pequeno trecho de uma nova música sendo ensaiada pela banda. Agora o frontman e guitarrista Nergal foi ao Instagram para anunciar que o BEHEMOTH entrou oficialmente em estúdio com o engenheiro e produtor de longa data Daniel Bergstrand (MESHUGGAH, DIMMU BORGIR, etc.), e com Haldor Grunberg por trás das mesas para as sessões. O músico postou a foto do Monochrom Studio (veja abaixo), na Polônia, onde a banda irá gravar o sucessor de "The Satanist".https://www.instagram.com/p/Ba9R9PWhVfB/. A banda inicialmente disse que o novo álbum poderia sair no outono de 2018 (aproximadamente setembro), mas agora parece que pode ser lançado muito antes.

Marilyn Manson: anunciando vídeo da música KILL4ME
05/11/2017

MARILYN MANSON anunciou, via Instragram, que seu novo vídeo, para a música "KILL4ME", virá em forma de curta-metragem. Ele não informou a data exata do lançamento do clipe, mas diz no texto que será dirigido por Bill Yukich, que trabalhou com MANSON em "SAY10" e terá novamente a participação do Johnny Depp. "A primeira coisa que nós devemos fazer...como irmãos (e resmungões e gagos) é colocar todos eles em um corredor de espelhos, com uma mostra sem fim de suas infâncias esquecidas. A senilidade de turistas que buscam um mundo criado por verdadeiros gênios. Xamãs, cafetões do caos, trapaceiros. Pioneiros com flechas em suas costas. Certamente não somos maduros.(e eu falo de mim mesmo e do meu amado melhor amigo). Porém. Porém. Porém. Eles são adubo. Tendo dito isto, fiquem ligados para ver o curta-metragem, dirigido por Bill Yukich. É chamado KILL4ME, estrela Johnny Depp, Marilyn Manson...e o resto você terá que aguardar para ver."

Armada: Ouça o segundo single, "Bandeira Negra"
05/11/2017

Inspirada em um livro sobre roubos e crimes de piratas notórios, publicado em 1724 na Inglaterra, a banda punk rock Armada divulgou “Bandeira Negra”, a segunda faixa do EP lançado pela Comandante Records em parceria com a Hearts Bleed Blue (HBB), responsável pelo álbum de estreia do grupo previsto para fevereiro de 2018, confira: https://www.youtube.com/watch?v=p8OX_YZuMfs.
Segundo o vocalista Henrike, autor da letra da música, o livro intitulado “A General History of the Robberies & Murders of the Most Notorious Pirates” relata estórias supostamente reais do período da pirataria. “O capítulo que mais me marcou foi o do Capitão Edward Teach, o infame Barba Negra. Quando seu navio foi atacado pela Marinha Real Inglesa ele bradou: ‘Que a maldição se apodere de mim, se eu te der trégua antes do fim’. Essa foi, inclusive, uma frase que acabei usando no final da música. Barba Negra foi morto nesse dia após tomar cinco tiros e mais de vinte golpes de espada, mas morreu com a espada na mão. Foi decapitado e sua cabeça amarrada na proa do navio”, conta.
O EP “Armada”, que já está disponível na loja online da HBB em formato de vinil 7 polegadas dourado, conta com as faixas “Bandeira Negra” e “Eterno Marujo”, a primeira música divulgada pela banda. “Escolhemos essas duas músicas para o EP, pois são as que soam mais como nossa ex-banda, o Blind Pigs, e como colecionador de disco, fiz questão do single receber lançamento em vinil, que acabou ficando espetacular. ” Com influências de vários estilos e sem medo de ousar, a Armada surgiu das cinzas do lendário grupo punk rock Blind Pigs, extinto em 2016, e é formada por Henrike Baliú, Mauro Tracco, Alexandre Galindo, Arnaldo Rogano e Ricardo Galano. Ouça “Bandeira Negra”: https://ONErpm.lnk.to/Armada. Garanta a sua cópia do EP “Armada”: http://www.hbbstore.com/tag?tag=Armada.

Green Day: duas horas e meia de show em São Paulo
05/11/2017

O Green Day se apresentou no Anhembi de São Paulo nesta sexta-feira, 3 de novembro, para 25 mil pessoas. O show, com duas horas e meia de duração, contou com trinta músicas, e faz parte da turnê mundial do 12º disco de estúdio da banda, "Revolution Radio", lançado no ano passado. Além de São Paulo, a banda tocou no Rio de Janeiro na quarta-feira (1º de novembro) e se apresenta neste domingo, 5 de novembro, na Pedreira Paulo Leminski de Curitiba, e dois dias mais tarde, 7 de novembro, no Anfiteatro Beira-Rio em Porto Alegre.

Veja como foi o setlist de São Paulo: “Know Your Enemy”; “Bang Bang”; “Revolution Radio”; “Holiday”; “Letterbomb”; “Boulevard of Broken Dreams”; “Longview”; “Youngblood”; “2000 Light Years Away”; “Armatage Shanks”; “J.A.R.”; “F.O.D.”; “Scattered”; “Nice guys finish last”; “Waiting”; “When I Come Around”; “Welcome to Paradise”; “Minority”; “Are We the Waiting”; “St. Jimmy”; “Knowledge”; “Basket Case”; “King for a Day”; “Shout” / “Always Look on the Bright Side of Life” / “Break on Throught” / “(I Can’t Get No) Satisfaction” / “Hey Jude”; “Still Breathing”; “Forever Now”; “American Idiot”;  “Jesus of Suburbia”; “21 Guns” e “Good Riddance (Time of Your Life)”.

Rock On Stage: Matéria do quarto e último dia do São Paulo Trip - Concert Series com o Guns'n'Roses, Alice Cooper e Tyler Bryant & The Shakedown no Allianz Parque em São Paulo/SP
04/11/2017

O quarto e último dia da maratona de shows do São Paulo Trip - Concert Series contou com mais um show da Not In This Lifetime do Guns'n'Roses, que está ainda mais afiado e realizando apresentações mais longas e empolgantes. Porém, além deles tivemos o célebre mestre do horror Alice Cooper com seu espetacular e chocante show de Hard Rock, que foi disparado um dos melhores do festival e na abertura a jovem revelação Tyler Bryant & The Shakedown, que é firmada no Hard Rock, Blues e Rock. Confira na matéria detalhada Fernando R. R. Júnior para o Rock On Stage como foram estes três shows que lotaram o Allianz Parque em São Paulo/SP no link: http://www.rockonstage.org/shows/2017/guns-n-roses-alice-cooper-tyler-bryant-and-the-shakedown-sp-trip-allianz-parque-sao-paulo-sp/guns-n-roses-alice-cooper-tyler-bryant-and-the-shakedown-sp-trip-allianz-parque-sao-paulo-sp.htm.

Steven Wilson confirma única apresentação no Brasil
04/11/2017

Após anunciar longa turnê pelos principais países da Europa, além de importantes cidades dos EUA e Canadá, Steven Wilson, considerado um gênio da música contemporânea, acaba de confirmar passagem pelo Brasil durante nova excursão pela América Latina. A única e exclusiva apresentação no País está agendada para o próximo dia 27 de maio, no Carioca Club, em São Paulo. Os ingressos de pré-venda exclusiva estiveram disponíveis aos integrantes do fã-clube e aos top 100 ouvintes do artista no Spotify Brasil. O público em geral pode garantir presença, desde a última sexta-feira, pelo site do Clube do Ingresso (www.clubedoingresso.com) e pontos autorizados pela empresa. A performance faz parte da turnê mundial do maravilhoso “To the Bone”, quinto álbum solo de Steven Wilson. Lançado em 18 de agosto deste ano, o disco que chegou com a responsabilidade de superar a excelente repercussão do aclamado antecessor “Hand. Cannot. Erase.”.
“To the Bone” vem sendo aclamado mundialmente pelos críticos e atingiu a 58º posição no US Billboard 200, 3º US Independent Albums Billboard, 8º US Top Rock Albums Billboard, além de figurar nas primeiras colocações nos charts de diversos países como Finlândia, Alemanha, Escócia, Reino Unido, Holanda, Suíça, Nova Zelândia, Áustria, Bélgica, Itália, Polônia, Noruega, França, Suécia, Canada, Austrália, República Tcheca e Irlanda.
Até o momento, Steven Wilson tem as seguintes datas confirmadas:
17/05 - Teatro Diana - Guadalajara, México
19/05 - Auditório BlackBerry - Cidade do México, México
20/05 - Auditório BlackBerry - Cidade do México, México
23/05 - Teatro Capoulican - Santiago, Chile
25/05 - Groove - Buenos Aires, Argentina
27/05 - Carioca Club - São Paulo, Brasil
Steven John Wilson é um dos músicos e produtores mais respeitados do rock/metal progressivo. Atualmente apostando em bem-sucedida carreira solo, o artista inglês ficou famoso por ser a mente criativa das bandas Porcupine Tree, Blackfield e No-Man, além de trabalhar com artistas do quilate de Jethro Tull, Yes, Marillion, Opeth, Anathema, King Crimson, Orphaned Land, Pendulum e XTC. O multi-instrumentista já foi indicado quatro vezes ao Grammy Awards, conquistou três prêmios no “London Progressive Music Awards” e coroado o “Rei do Prog Rock”. Links relacionados: https://www.facebook.com/StevenWilsonHQ; https://www.facebook.com/overloadbrasil e https://www.facebook.com/UltimateMusicPR. Fonte: Costábile Salzano Jr - THE ULTIMATE MUSIC - PR - https://www.facebook.com/UltimateMusicPR; http://twitter.com/ultimatemusicpr e https://www.facebook.com/costabile.salzano.

Iron Maiden: novo trabalho ao vivo será transmitido online
04/11/2017

"The Book Of Souls: Live Chapter", o novo trabalho ao vivo do Iron Maiden, vai ser exibido no youtube no dia 11 de novembro - "Como um agradecimento à lealdade de todos os fãs ao redor do mundo estaremos transmitindo gratuitamente o show completo. Pegue algumas cervejas, ligue as suas melhores caixas de som e aproveite a 'The Book Of Souls World Tour' no conforto do seu próprio sofá", diz a banda em nota. "The Book Of Souls: Live Chapter" será lançado no dia 17 de novembro em uma edição limitada em CD Duplo, uma edição normal também em CD duplo, LP Triplo e em formato digital. Um download digital do filme também estará disponível para compra.

Timo Kotipelto & Jani Liimatainen: turnê acústica na América Latina
04/11/2017

Timo Kotipelto (Stratovarius) informou em seu facebook oficial que fará uma turnê acústica com Jani Liimatainen (Sonata Arctica) pela América Latina em 2018. A dupla lançou um álbum acústico chamado "Blackoustick" em 2012. Veja abaixo as primeiras datas confirmadas da Blackoustick Tour 2018 pela região:

22/04/2018 - Montevideo/Uruguay
25/04/2018 - Cordoba/Argentina
26/04/2018 - Rosario/Argentina
27/04/2018 - Buenos Aires/Argentina
28/04/2018 - Santiago/Chile
29/04/2018 - Concepción/Chile
01/05/2018 - Chiclayo/Peru
03/05/2018 - Lima/Peru
04/05/2018 - Lima/Peru

05/05/2018 - Arequipa/Peru
08/05/2018 - Duitama/Colombia
09/05/2018 - Bogota /Colombia
10/05/2018 - Cali/Colombia
11/05/2018 - Medellin/Colombia
13/05/2018 - San Jose/Costa Rica
15/05/2018 - Tegucigalpa/Honduras
17/05/2018 - San Salvador/El Salvador
18/05/2018 - Guatemala/Guatemala

Embora ainda não conste nenhuma data no Brasil até a hora da publicação desta nota, o jornalista José Norberto Flesch informa que a dupla fará três shows no país, entre os dias 18 e 21 de abril, sendo um deles em Porto Alegre. Post original do Timo: https://www.facebook.com/officialkotipelto/posts/1708683272498679.

Strawbs: fundamentais do prog folk estão de volta
04/11/2017

Com uma carreira que vem desde os anos 60, o Strawbs já teve várias fases, de estritamente folk a prog folk, graças à influência de Rick Wakeman, que participou de alguns álbuns, antes de angariar fama planetária com o Yes. Tantos anos de existência significam muitas alterações na formação, então, cumpre assinalar a atual: Dave Cousins / vocais e guitarras; Dave Lambert / guitarra e vocais; Andy Richards / teclados; Chas Cronk / baixo e vocais e Tony Fernandez / bateria. 

Apesar de estarem na estrada com frequência, o Strawbs não lançava inédito desde 2009. O jejum é quebrado agora com o lançamento de The Ferryman's Curse, cuja tracklist você confere: 1. In the Beginning / The Nails from the Hands of Christ; 2. The Song of Infinite Sadness; 3. The Familiarity of Old Lovers; 4. When the Spirit Moves; 5. The Ten Commandments; 6. The Ferryman's Curse; 7. Bats and Swallows e 8. We Have the Power.

Cannibal Corpse: novo álbum disponível na íntegra para audição
04/11/2017

Confira a seguir "Red Before Black", o novo álbum da banda CANNIBAL CORPSE, lançado ontem (03/11), via Metal Blade Records - https://www.youtube.com/watch?v=JIYzWN2SW6I. Tracklist de "Red Before Black": 01. Only One Will Die; 02. Red Before Black; 03. Code Of The Slashers; 04. Shedding My Human Skin; 05. Remaimed; 06. Firestorm Vengeance; 07. Heads Shoveled Off; 08. Corpus Delicti; 09. Scavenger Consuming Death; 10. In The Midst Of Ruin; 11. Destroyed Without A Trace e 12. Hideous Ichor.

Phil Anselmo: novo EP do Scour disponível na íntegra para audição
04/11/2017

O supergrupo de metal extremo SCOUR, formado por Phil Anselmo (PANTERA, DOWN, SUPERJOINT) ao lado dos membros do CATTLE DECAPITATION e PIG DESTROYER, acaba de disponibilizar o seu novo EP, "Red", que está sendo lançado hoje (03/11), na íntegra para audição. Confira a seguir: https://www.youtube.com/watch?v=KM2q6BWo6-w. Tracklist do EP "Red": 01. Red; 02. Piles; 03. Bleak; 04. Barricade; 05. Sentenced e 06. Shank.

Novo DVD do A-Ha MTV-Unplugged: Summer Solstice já está disponível em todo o país
03/11/2017

Um dos grandes nomes da música internacional, a banda oitentista a-ha, foi uma das primeiras convidadas do Acústico MTV, após o retorno do programa. Esta foi a primeira vez que o a-ha participou da atração e fez questão de incluir seus maiores hits nas versões intimistas. O resultado pode ser encontrado no DVD “MTV Unplugged - Summer Solstice” que já está disponível nas lojas de todo o país. O show foi gravado em junho na Noruega, terra natal do trio, com 21 canções que compõem o set list, entre elas os grandes sucessos do grupo, como “Take On Me” (https://umusicbrazil.lnk.to/TakeOnMe), alguns covers e duas faixas inéditas: “This Is Our Home” (https://umusicbrazil.lnk.to/ThisIsOurHome) e “A Break In The Clouds”. O show conta com participação de outros famosos, como Alyson Moyet (Yazoo) e Ian McCullouch (Echo & The Bunnymen). Ouça e baixe aqui: https://umusicbrazil.lnk.to/MTVUnpluggedSS. Além do DVD, o disco também já está disponível. Fonte: Universal Music Brasil: Departamento de Imprensa e Comunicação / PR - Jennifer Mello - www.instagram.com/umusicbrasil; www.twitter.com/umusicbrasil; www.facebook.com/umusicbrasil; www.youtube.com/universalmusicbrasil e www.universalmusic.com.br.

Maroon lança hoje o novo álbum Red Pills Blues
03/11/2017

Já está disponível em todas as plataformas digitais “Red Pills Blues”, o sexto álbum de estúdio do Maroon 5. Contendo os hits mais recentes da banda, o disco estreou em 1º. lugar no iTunes Brasil com a versão deluxe e em 7º. lugar com a versão standard. Ao longo de seu pré-lançamento, as faixas “What Lovers Do”, “Cold” e “Don’t Wanna Know” permearam o Top 50 na parada global do Spotify. Ouça e baixe aqui: https://umusicbrazil.lnk.to/RedPillBlues. Junto com o lançamento do álbum, o Maroon 5 também divulga hoje mais uma música inédita do trabalho, “Wait”. Ouça e baixe aqui: https://umusicbrazil.lnk.to/Maroon5Wait.
O disco da banda californiana está recheado de parcerias. Kendrick Lamar divide os vocais em “Don’t Wanna Know”, Future aparece em “Cold”, SZA está em “What Lovers Do”, Julia Michaels em “Help Me Out” e A$AP Rocky colabora em “Whiskey”. Ainda em clima de novidades, a faixa “What Lovers Do” ganhou esta semana o remix inédito. Ouça agora:https://umusicbrazil.lnk.to/WhatLoversDoRemix.  O vídeo da versão original com SZA já passa dos 46 milhões de visualizações no canal da banda no YouTube. Assista: https://youtu.be/5Wiio4KoGe8.  Os vídeos da banda acumulam mais de 700 milhões de visualizações em seu canal oficial de YouTube. Confira em:https://www.youtube.com/user/Maroon5VEVO/videos. A banda anunciou recentemente a turnê de “Red Pill Blues”, com abertura de Julia Michaels, pela América do Norte. A turnê terá início em 30 de maio de 2018, em Washington, e termina em 15 de outubro no Madison Square Garden. Fonte: Universal Music Brasil: Departamento de Imprensa e Comunicação / PR - Luciana Bastos - www.instagram.com/umusicbrasil; www.twitter.com/umusicbrasil; www.facebook.com/umusicbrasil; www.youtube.com/universalmusicbrasil e www.universalmusic.com.br.

U2 lança o single Get Out Of Your Own Way e disponibiliza a pré-venda do álbum Songs Of Experience
03/11/2017

A banda irlandesa U2, que se apresentou recentemente no Brasil em quatro shows lotados no Estádio Morumbi, acaba de disponibilizar seu novo single, “Get Out Of Your Own Way”, em todas as plataformas de streaming. Ouça e baixe aqui: https://umusicbrazil.lnk.to/GetOutOfYourOwnWay. No início de outubro, a banda havia lançado a música “You're The Best Thing About Me” (https://umusicbrazil.lnk.to/U2VsKygo), primeiro single de seu 14º álbum de estúdio, “Songs of Experience”, que será lançado mundialmente dia 1º de dezembro, nas versões digital e física, nas versões standard e deluxe. A canção já passa dos 7 milhões de streams no Spotify e o vídeo conta com mais de 3 milhões de visualizações no YouTube. Assista aqui: https://youtu.be/nd_EYo96lmo.

Em agosto, o U2 lançou também o video de “The Blackout”, em uma apresentação ao vivo, no Facebook da banda. Gravado em Dublin, New York e Los Angeles, “Songs of Experience” foi finalizado no início do ano, influenciado pelo conselho de Brendan Kennelly para Bono de “...escrever como se ele estivesse morto”. O resultado é uma coleção de músicas na forma de cartas intimistas a lugares e pessoas próximas do artista: a família, os amigos, os fãs e ele mesmo. “Songs Of Experience” completa o ciclo iniciado em 2014, com o lançamento do disco “Songs Of Innocence”. Os dois títulos foram inspirados pelos clássicos poemas de William Blake, lançados no século XVIII, “Songs of Innocence and Experience”. O repertório completo inclui as faixas: 1. Love Is All We Have Left / 2. Lights of Home / 3. You’re The Best Thing About Me / 4. Get out of Your Own Way / 5. American Soul / 6. Summer of love / 7. Red Flag Day / 8. The Showman (Little More Better) / 9.The Little Things That Give You Away / 10. Landlady / 11. The Blackout / 12. Love Is Bigger Than Anything in Its Way / 13. (There is a Light). Para mais informações, acesse: www.u2.com. Fonte: Universal Music Brasil: Departamento de Imprensa e Comunicação / PR - Jennifer Mello - www.instagram.com/umusicbrasil; www.twitter.com/umusicbrasil; www.facebook.com/umusicbrasil; www.youtube.com/universalmusicbrasil e www.universalmusic.com.br.

Universal Music lança edição comemorativa do álbum histórico da banda Charlie Brown Jr., “Transpiração Contínua Prolongada - Ed. Especial 20”, em todas as lojas e plataformas digitais
03/11/2017

A Universal Music lança hoje, em todas as lojas e plataformas digitais, uma edição comemorativa dos 20 anos de lançamento do emblemático álbum da banda Charlie Brown Jr., “Transpiração Contínua Prolongada - Ed. Especial 20”, em álbum digital e CD duplo. Primeiro álbum do CBJ, o histórico “Transpiração Contínua Prolongada” vendeu mais de 250 mil cópias no Brasil, sendo certificado com Disco de Platina, e revolucionou o cenário musical com sua mistura de ritmos e letras que representavam o sentimento dos jovens. Lançado em 16 de junho de 1997, o nome do CD é uma menção ao esforço que a banda fez para poder gravar o álbum e do tanto de suor que eles derramaram até o seu lançamento.
Formada em Santos (SP), no ano de 1992, o Charlie Brown Jr. mudou o cenário do rock nacional com suas canções que misturavam vários gêneros musicais, como o hardcore, punk, reggae, rap, funk, rock e skate, criando assim um estilo próprio e original. Suas letras faziam diversas críticas à sociedade, além de uma abordagem da perspectiva do universo jovem contemporâneo. Depois da morte de Chorão, vocalista e membro-fundador do grupo, os músicos resolveram não usar mais o nome Charlie Brown Jr., mudando para A Banca. Porém, o grupo se extinguiu logo após a morte do baixista Champignon. O Charlie Brown Jr. segue como uma das bandas de rock brasileira mais ouvidas, tanto no Brasil quanto no exterior. Fonte: Universal Music Brasil: Departamento de Imprensa e Comunicação / PR - Briba Castro - www.instagram.com/umusicbrasil; www.twitter.com/umusicbrasil; www.facebook.com/umusicbrasil; www.youtube.com/universalmusicbrasil e www.universalmusic.com.br.

João Suplicy lança o disco “João” - seu novo trabalho solo - no MIS
03/11/2017

Com músicas autorais e esbanjando musicalidade, João Suplicy, lança seu mais novo álbum “João”, no Museu da Imagem e do Som, Instituição da Secretaria da Cultura do Estado de São Paulo. O evento, gratuito, será na quarta, 8 de novembro, às 20h.  No repertório, além de suas composições como “Um Abraço e um Olhar” , “Santa e Louca” e “Solteiro e vagabundo” (com Gabriel Moura) ele traz releituras originais que vão de Elvis Presley a Tom Jobim. Seu virtuosismo no violão , que muitas vezes soa como uma guitarra endiabrada, serve de contraponto a momentos de romantismo, que costumam hipnotizar as plateias por onde se apresenta. O disco conta com a participação do Zeca Baleiro na faixa “Um Abraço, um Olhar”. A parceria surgiu quando João convidou Zeca para participar do seu programa Violão ao vivo do quarto” que ele transmite toda segunda na sua página do Facebook.
Transitando entre diversos gêneros musicais com muita naturalidade, João Suplicy traz BLUES na sua BOSSA, ROCK no seu BAIÃO e tudo parece fazer parte da sua essência. Para acompanhá-lo João escalou os músicos João Moreira no baixo e vocais além de Danilo Moura na percuteria e vocais. O show ainda conta com a participação especial da violinista Fernanda Kostchak , da banda Vanguart na música “Tudo ou nada”. Fonte: Briba Castro.

Orquestra Bachiana e Palavra Cantada realizam concerto inédito em prol do GRAACC
03/11/2017

Quem disse que música infantil e erudita não combinam? Já imaginou um tenor cantando uma canção com o nome Rato? As respostas serão dadas em dois shows com a união inédita entre a Orquestra Filarmônica Bachiana, com regência do maestro João Carlos Martins, e participação especial da dupla Palavra Cantada. O espetáculo faz parte do "Festival de Música GRAACC" e terá duas únicas apresentações no feriado de 15 de novembro, quarta-feira, no Espaço das Américas, um dos melhores e maiores espaços para shows de São Paulo.  "Estamos muito empolgados com este evento, pois será uma oportunidade única de ouvir os sucessos da Palavra Cantada de forma erudita", comenta Tammy Allersdorfer, superintendente de Desenvolvimento Institucional do GRAACC. "Por ser um evento financiado via lei de incentivo cultural, poderemos proporcionar valores populares e acessíveis o que é um grande estímulo para atrair o público e ainda contribuir com o combate ao câncer infantojuvenil", completa.
O evento, com apoio do Ministério da Cultura e patrocínio da Crefisa, terá a verba arrecada destinada ao GRAACC e contará com um repertório com as músicas "Pé com Pé" ,"Criança não Trabalha", "Fome Come", "Bolacha de Água e Sal", "Vem Dançar com a Gente" e "Ciranda"."Tenho uma relação próxima com o GRAACC e é sempre um prazer poder participar de algo único e que tenha como propósito beneficiar a instituição", diz o maestro João Carlos. "Estamos com muita expectativa para ver como nossas músicas ficarão com a regência do maestro e curiosos para saber qual será a reação dos pequenos", comenta Paulo Tatit, da Palavra Cantada, que vai lançar no show a música "Dia de Tempestade", dedicada à instituição.
Outro diferencial do show será a acessibilidade. As músicas terão tradução simultânea para o público de cegos e surdos, por meio de audioescritores e linguagem de Libras, respectivamente. Criado em 1991, o GRAACC é uma instituição sem fins lucrativos, que tem como missão garantir a crianças e adolescentes com câncer todas as chances de cura com qualidade de vida. Ao longo de sua história, a organização acumula mais de seis mil pacientes atendidos, com índice médio de cura de 70%. A instituição é mantida principalmente por doações de pessoas físicas e empresas parceiras.
Os ingressos já estão à venda e podem ser comprados nas bilheterias do Espaço das Américas (de segunda a sábado das 10h às 19h - sem taxa de conveniência) ou on-line através do site da Ticket 360 (https://goo.gl/xgibPV). Os ingressos vão de Setor A, B, C , D, E, F, G e H (vale cultura): R$ 50,00 (valor único) | Setor A, B, C e D: R$ 50,00 (meia) e R$ 100,00 (inteira) | Setor E, F, G e H: R$ 40,00 (meia) e R$ 80,00 (inteira) | Setor Azul (vale cultura): R$ 50,00 (valor único) | Setor Azul: R$ 60,00 (meia) e R$ 120,00 (inteira). Fonte: Assessoria Espaço das Américas | Talento Comunicação - Fabiana Villela. Site: www.talentocomunicacao.com.br

Kike Oliveira: trajetória como artista solo começou por acaso
03/11/2017

Um músico acima de tudo humilde que com muita luta chega aonde está, pretendendo sempre dar voos maiores. Kike Oliveira tocou com algumas bandas durante sua adolescência, sempre ligado na música e compondo suas músicas em casa que engavetadas durante anos, foram retiradas para trazer ao publico belas canções para se ouvir. Durante sua faculdade, foi onde o músico começou seus primeiros passos como artista solo, sempre muito participativo das festas e da reunião dos colegas. O jovem músico residiu na cidade serrana catarinense de Lages, cidade conhecida por grandes faculdades e festas universitárias, dando sempre chances a artistas que cursavam e Kike Oliveira como qualquer outro aluno que queria participar das festas, começou a tocar em algumas, vindo a fazer seu nome aos poucos.
Retornando a sua cidade natal após a faculdade, o jovem músico começou a tocar em bares e pubs da região, até que decidiu gravar seu primeiro álbum com músicas surreais que beiram a perfeição. O Pop Rock foi escolhido pela comercialização e maior facilidade de inserção no cenário musical, atendendo um numero de pessoas maior do que outras possibilidades. Seu primeiro disco tem pitadas do Rock oitentista, com protestos, pensamentos, poesias e tudo o que rolou na cabeça do compositor durante anos. Por se tratar de um multi-instrumentista, Kike gravou a bateria de suas músicas do álbum, que teve participação de vários artistas na fase de composição, mas em destaque para o grande produtor José Chapolim, conhecido por ser o responsável de gravações de outras bandas, com a mais famosa; Diemordinate de Laguna/SC com o seu EP Fight for Freedom.  Com o projeto de futuramente lançar um novo disco, Kike Oliveira segue divulgando seu atual disco, mas compondo e visando lançar novas músicas em breve, um artista que carrega em suas veias a facilidade de composição, só nos da a certeza que podemos esperar por boas composições e novas músicas marcantes conforme o disco autointitulado.  Você pode ouvir o disco autointitulado de Kike Oliveira diretamente da playlist oficial do canal do YouTube do artista, confira: https://www.youtube.com/watch?v=GurhcOZq-fQ&list=PLjNZS-u_FfMh7t69O4PnP_ON0hkj2DZkL.
Links relacionados: https://www.kikeoliveira.com; https://www.facebook.com/kikeoliveiraoficial; https://www.youtube.com/c/KikeOliveira; https://www.instagram.com/kike.oliveira e https://open.spotify.com/artist/4CG0MNWoMGkHK3tp4UxHqw. Fonte: MK Assessoria.

Paula Toller lança hoje “A Fórmula do Amor”, primeiro single de seu novo projeto, “Como Eu Quero”
03/11/2017

A cantora e compositora Paula Toller lança hoje, em todas as plataformas digitais, o single “A Fórmula do Amor” (Léo Jaime/Leoni). Gravada originalmente em 1985, pelo Kid Abelha no álbum “Educação Sentimental”, a música foi uma das mais executadas nas rádios naquele ano e contava com a participação de Léo Jaime. A releitura compõe o set list do novo show da cantora, “Como Eu Quero”, que estreia no próximo dia 10 de novembro, no Teatro Bradesco, em São Paulo. Em seu novo projeto, Paula interpreta releituras de canções que marcaram sua carreira solo e também a sua trajetória no Kid Abelha, com uma pegada mais rock e folk.

Em janeiro de 2018, a artista grava o DVD da nova turnê, que conta com o lendário produtor Liminha. Depois de viajar com o show “Transborda” e de protagonizar a turnê “Rock Brasil”, agora a cantora apresenta seu repertório de forma mais essencial, numa performance mais intimista para o público. Além de “A Fórmula do Amor”, a turnê “Como Eu Quero” vai contar com um repertório recheado de sucessos, como “Fixação”, “Educação Sentimental”, “Lágrimas e Chuva”, “Como Eu Quero”, “Eu Tive Um Sonho”, “Grande Hotel”, “Pintura Íntima” e regravações de canções que fazem parte de sua carreira, como “Nada Por Mim”, parceria da artista com Herbert Vianna; “Oito Anos (Gabriel)”, de autoria da cantora; “Ando Meio Desligado”, releitura da banda Os Mutantes; “Céu Azul”, da banda Charlie Brown Jr.; “Dreams”, da banda Fleetwood Mac, entre outras.
A carreira de Paula Toller se integra com a trajetória da banda Kid Abelha, um dos maiores fenômenos da música nacional, com 9 milhões de discos vendidos em 35 anos, uma enorme coleção de hits e discos de ouro, platina e diamante. Paula segue hoje seduzindo os fãs brasileiros com sua voz inconfundível, em uma bem sucedida carreira solo. Para saber mais, acesse: www.paulatoller.com. Fonte: Universal Music Brasil: Departamento de Imprensa e Comunicação / PR - Briba Castro - www.instagram.com/umusicbrasil; www.twitter.com/umusicbrasil; www.facebook.com/umusicbrasil; www.youtube.com/universalmusicbrasil e www.universalmusic.com.br.

KandoveR: presente no festival Tomarock 2ª Temporada
03/11/2017

No dia 25 de Novembro o KandoveR irá participar do festival Tomarock 2ª Temporada, junto das bandas: Mano Crispin e V-Road. O evento que é organizado pela alTHERnativa Produções Artistica, acontecerá na casa de shows Tomato. Para conseguir o seu ingresso, os mesmos estarão sendo vendidos no local do evento ou com as bandas desde já com o valor de R$10,00 reais, lembrando que na portaria no dia do evento o mesmo estará R$15,00. O festival que é separado em duas partes, onde três bandas se apresentam no dia 25 de Novembro e outras três no dia 02 de Dezembro.
A idealização vem com o intuito de fortalecer o cenário autoral da cidade de Teresina e para falar a verdade, de todo o estado do Piauí. As seis bandas escolhidas, que tem as três acima (no topo) citadas e mais as que se apresentarão no dia 02 de Dezembro que são as: Aloha Haole, Rocksim e Garoto Andróide, só somam com as outras bandas para juntos poderem potencializar todo o cenário artístico autoral voltado ao Rock e suas vertentes do estado piauiense.  Para mais informações, siga a página do evento no facebook: https://www.facebook.com/events/140954473197273/. Sobre o KandoveR você poderá estar conhecendo e seguindo os passos da banda que tem como objetivo lançar o EP "O Povo" ainda nesse ano, pelos links a seguir: Links relacionados: https://www.youtube.com/channel/UCDonWgi-NlrhSRPsnEaU6Zg e https://www.facebook.com/KandoveR. Fonte: MK Assessoria.

Peixes Voadores: "Ovelha Negra" é o novo videoclipe da banda gaúcha
03/11/2017

Mesmo com um novo EP em divulgação, o Peixes Voadores parece não parar, agora em continuidade a divulgação do disco "Lavagem Cerebral" de 2016, o grupo lança o videoclipe de "Ovelha Negra". De inicio o videoclipe mostra logos de apoiadores, sendo um deles, a logo do Portal O SubSolo um verdadeiro reconhecimento para uma parceria realizada com sucesso. "A ovelha negra ainda não morreu / Ela é foragida mas não se escondeu / O pastor reclama que ela se perdeu / Mas ela só quer ter um caminho seu.." É o trecho mais envolvente da música. O álbum Lavagem Cerebral foi eleito pela equipe d'O SubSolo como um dos melhores do gênero em 2016, sendo que a pouco tempo atrás também recebemos o videoclipe de "O Rock and Roll Me Salvou". A faixa "Ovelha Negra" apostou em uma lado mais Stoner perto do restante do disco, talvez na época era uma mensagem ao vindouro EP "Rei de Terno" que com duas músicas em formato de videoclipe, se torna o trabalho "mais agressivo" dos gaúchos do Peixes Voadores. Assista e aprecie o videoclipe de "Ovelha Negra": https://www.youtube.com/watch?v=iOtmIvPqoXc&t=93s. Fonte: MK Assessoria.

Viletale: Seriais Killers e o suicídio de Deus são os temas das músicas do recém lançado EP “The Suicide Of Dei”
03/11/2017

Um dos nomes em maior evidencia do estado de Santa Catarina, a Viletale, acaba de liberar seu terceiro EP em menos de dois anos de existência, comprovando estar no auge de suas inspirações, o grupo de Death/Horror Metal deixa a disposição do público o registro “The Suicide of Dei”. O registro está disponível apenas em versão digital, com cinco faixas inéditas, o álbum “The Suicide of Dei” é a última compilação antes do lançamento do primeiro Full da carreira do grupo. Um dos principais pontos de destaques das composições da banda Viletale são suas inspirações em temas macabros e sombrios, em seus registros anteriores assuntos sobre demônios e contos do escritor H.P Lovecraft foram os principais temas abordados em “Initiation” (2016) e “From the Dephts ov Mind” (2017).
Em “The Suicide of Dei” os músicos mantiveram sua ideologia, porém foram mais além, a faixa que abre o disco “OTH - The Last Massage” dá ênfase a ideia surgida no filme “Begotten” de 1991 que apresenta “Deus”, porém um Deus suicida que se auto mutila utilizando uma máscara banhada em sangue, convulsionando como um epilético, patético e terrível, atingindo o próprio estômago com um instrumento cortante, retirando suas vísceras. O centro de toda a criação do EP “The Suicide Of Dei” é embasada nesse filme e tem esse Deus morto como principal tema, incluindo a criação da capa do disco que foi retirada do filme mencionado acima. “Overlord Murder” é a prévia do que será liberada no full, a faixa fala sobre uma seita de assassinos indianos que fizeram várias vítimas. A música original será gravada com elementos árabes e possuíra novo andamento e harmonias em sua regravação para o disco completo a ser lançado em 2018.
Em “Santificada Seja A Carne” a banda Viletale ousou de forma criativa, além de falar sobre a história de um casal brasileiro que no século 19, oferecia relações sexuais para suas vítimas e as atraia para um açougue com o intuito de mata-las e depois fazer linguiça com suas carnes e vísceras, é também a primeira música na carreira da banda cantada em Português. O primeiro single lançado e disponibilizado de Suicide of Dei em clipe, foi a música que conta a história de um dos maiores seriais-killers da história, a faixa “Splatterhouse fala sobre “Edmund Kemper”. Essa música é uma obra exclusiva para esse lançamento e não estará no novo registro a ser lançado em 2018. Fecha o EP, a faixa título “Suicide Of Dei” que retoma a ideia inicial do disco, abordando o tema do filme “Begotten” sobre o suicídio de Deus. O EP pode ser conferido no link: https://www.youtube.com/watch?v=E48DDU_2fYM.
Confira a nova tracklist do álbum: 01 - OTH - The Last Message; 02 - Overlord Murder; 03 - Santificado Seja a Carne; 04 - Splatterhouse; 05 - Suicide of Dei. Formação: Alan Ricardo-Guitarra base; Bruno Jankauskas-Vocal/Guitarra solo; Matheus Lunge-Bateria e Filipe Oliveira-Baixo. Mais informações: Facebook: https://www.facebook.com/viletale/ e Roadie Metal Press: http://roadie-metal.com/press/viletale/. Fonte: Gleison Junior (Assessor/Diretor) - Facebook Page Oficial: https://www.facebook.com/RoadieMetal/; Facebook Page Assessoria: https://www.facebook.com/roadiemetalassessoria/ e Site: http://roadie-metal.com/.

Annihilator: "For the Demented" saindo do forno hoje!
03/11/2017

A banda canadense Annihilator lança hoje, 03/11/17, seu mais novo disco, FOR THE DEMENTED. Segundo nota no Facebook oficial da banda, o disco mal foi lançado e já recebeu nota máxima de uma renomada revista alemã cujo nome não foi revelado (coisas de show business). De qualquer forma, tudo indica que seja um grande disco, tendo por base a boa forma e o entrosamento dos músicos na formação atual. De acordo com o texto original: "A nota poderia ser 9, talvez, mas certamente aceitamos o 10!". O disco é dedicado a todos os fãs pelo mundo!

Morre o ex-vocalista Scott Willey do Vital Remains
03/11/2017

Scott Willey, vocalista do Vital Remains entre 2008 e 2012, faleceu nesta quinta-feira, 2 de novembro, de causas não divulgadas. A informação foi divulgada pela banda em nota assinada pelo guitarrista Tony Lazaro: "É com o coração pesado e profunda tristeza que eu comunico que Gator Gaeton Collier e eu (Tony) perdemos nosso velho amigo e vocalista do Vital Remains Scott Willey. Eu estive com ele recentemente no Summer Slaughter Fest em julho. Tivemos uma conversa bacana sobre vários assuntos, incluindo histórias na estrada que nos fizeram dar muitas gargalhadas. Eu sempre lembrarei dos ótimos momentos, meu amigo. Até a próxima vez que nos encontrarmos para uma jam! Descanse em paz, irmão... condolências para sua família e amigos! \m/

Steve Morse: em 2018, Dixie Dregs original está de volta
03/11/2017

A formação original da Dixie Dregs, banda instrumental nos anos 1970 do guitarrista Steve Morse, estará na estrada em 2018. Rod Morgenstein, Andy West, Allen Sloan, Steve Davidowski e Steve Morse - os mesmo músicos do álbum "Free Fall", de 1977 - reuniram-se e, em julho último, anunciaram oficialmente o encontro num comunicado à imprensa: "Olá a todos! Estamos retomando nossa fase inicial, com a banda como foi em 1975, quando fizemos turnê no sul do país (EUA) e tentávamos obter um contrato de gravação. Juntos, gravamos o primeiro álbum oficial, 'Free Fall'. Reencarnamos a banda e anunciaremos as datas da turnê de 2018 em breve. Bem-vindos ao retorno da Dixie Dregs!" Algumas datas já estão no site oficial da banda (www.dixiedregs.com) e no Facebook (www.facebook.com/TheDixieDregs).

Dee Snider está trabalhando com Jamey Jasta em novo álbum
03/11/2017

O vocalista do Twisted Sister, Dee Snider, está trabalhando em seu novo álbum solo, que contará com a produção do vocalista do Hatebreed, Jamey Jasta. No inicio desta semana, Jasta postou um vídeo em seu instagram mostrando um pouco da gravação: https://www.instagram.com/p/Ba4l9KUjX8C/.

Epica vai comemorar o seu milésimo show em abril de 2018
03/11/2017

No dia 14/04/18, o Epica fará o seu milésimo show em Tilburg, Holanda. Após os seus recentes shows esgotados na Holanda, a banda tem orgulho em anunciar este evento que será realizado exatamente no mesmo lugar onde tudo começou para o grupo, há 16 anos atrás. Simone Simons disse: "De volta em 2002, nunca teríamos imaginado que um dia estaríamos tocando nosso milésimo show. Isso não poderia ter acontecido sem o apoio da nossa legião mais querida e leal de fãs, e para tornar esta uma noite inesquecível , convidamos algumas bandas muito legais para tocar conosco". Além do Epica, o evento contará com as bandas Myrkur, Oceans Of Slumber, entre outras. Ele também revelou recentemente em seu Twitter que Howard Jones (ex-Killswitch Engage, Light the Torch) fará uma breve participação no disco. Em uma recente entrevista, Snider disse que o álbum será "agressivo", e que pretende lança-lo no começo de 2018.

U2: box-set do próximo lançamento já está definida
03/11/2017

Songs Of Experience sai só dia primeiro de dezembro, mas a primeira box set deluxe já está definidíssima! O álbum original terá 13 canções, ao passo que a edição de luxo, terá 17 em CD e 16, em vinil. A box-set reunirá tudo isso, encaixotada numa embalagem rígida e com um espécie de jornalzinho, além de outros mimos. Os interessados que corram, porque tratar-se-á de edição limitada e numerada.
Eis a tracklist para o CD que virá na box-set. O vinil terá uma canção a menos: You’re The Best Thing About Me (U2 vs Kygo): 1. Love Is All We Have Left; 2. Lights of Home; 3. You’re The Best Thing About Me; 4. Get out of Your Own Way; 5. American Soul; 6. Summer of love; 7. Red Flag Day; 8. The Showman (Little More Better); 9. The Little Things That Give You Away; 10. Landlady; 11. The Blackout; 12. Love Is Bigger Than Anything in Its Way e 13. (There is a Light).
Bonus tracks do CD Deluxe: 14. Ordinary Love (Extraordinary Mix); 15. Book Of Your Heart; 16. Lights of Home (St Peter’s String Version) e 17. You’re The Best Thing About Me (U2 vs Kygo).

Made in Brazil: "A gente era contra o sistema só pelo fato de ser cabeludo"
03/11/2017

Oswaldo Vecchione, do Made in Brazil, que está comemorando 50 anos ininterruptos de rock, conversou com Daniel Vaughan, do R7, durante a exposição "Viva Made in Brazil" que está sendo realizada no Centro Cultural de São Paulo, onde estão sendo exibidos objetos e raridades da banda, que ainda se apresentará no local no sábado e domingo (4 e 5 de novembro). Veja mais abaixo um trecho do papo, onde Oswaldo fala sobre a pressão que o Made in Brazil sofreu apenas pelo fato de fazer rock'n'roll:

"Fomos perseguidos! Os quatro primeiros discos tiveram músicas censuradas e eu fui chamado diversas vezes à polícia federal para prestar declarações sobre minhas composições. Era horrível, pois ninguém falava nada e nem havia justificativa para tais proibições", conta o músico, que depois fala sobre o álbum "Massacre", que a banda tentou mas não conseguiu lançar em 1977, e cujo show trazia nada menos que um tanque de guerra no palco: "Nosso álbum foi gravado, mas não saiu na época... só conseguimos mostrá-lo para os fãs muitos anos depois (em 2006). E turnê também foi proibida. Na inauguração, o DOPS (Departamento de Ordem Política e Social) interditou a rua do espetáculo, pois eles haviam visto nossos cartazes do show com o tanque. Daí, eles confiscaram nosso equipamento por um tempo, lacraram o teatro e ainda tivemos que tocar só para os censores verem o que tínhamos programado. Corremos um risco enorme com isso, mas pelo menos saímos vivos dessa(...)na época, você já era contra o sistema só pelo fato de tocar rock, ser cabeludo e usar roupas chamativas. E era difícil até arrumar equipamentos para se apresentar. Teve muita banda que não fez carreira por falta de infraestrutura".

Aerosmith volta aos palcos com show privado
03/11/2017

O Rock Your Wings informa que o Aerosmith voltou ao palco com um show privado realizado nesta quarta-feira, 1º de novembro, para algumas centenas de pessoas em Arlington, no Texas, sob encomenda da AT&T, rede de telefonia móvel norte-americana. Como se tratou de um show "não oficial", ele não foi divulgado pela banda ou pela empresa que contratou, e foi mantido em segredo até algumas horas antes de sua realização. Sendo assim, não serão divulgados setlist ou fotos oficiais. Sabe-se, entretanto, que a lista de músicas tocadas incluem o retorno de "Jaded" (do "Just Push Play", de 2001) ao repertório e "Walkin’ the Dog" (do disco auto-intitulado de estreia de 1973), enquanto o resto foi semelhante ao setlist do show realizado em São Paulo ( relembre como foi ).

Kirk Hammett tem mais de 500 ideias para novo disco do Metallica
03/11/2017

Durante conversa com a GQ britânica, realizada antes da apresentação do Metallica no dia 24 de outubro em Londres, Kirk Hammett diz que aprendeu com a experiência de perder o iPhone recheado com "centenas de riffs" que aconteceu com ele em 2014: "Ainda não me recuperei do que aconteceu, mas minha maneira de lidar com isto é compensar além da conta... naquele aparelho haviam 500 ideias de músicas, e eu agora tenho mais de quinhentas. Estou com muita coisa realmente... sinto que há muita música realmente grandiosa esperando ser desenvolvida. Cada dia pego minha guitarra e penso naquelas ideias que perdi e então penso 'vou criar mais ideias', na esperança que talvez uma ou duas daquelas cinco centenas de riffs que eu perdi venham à tona... talvez alguma delas apareça e quando isto acontecer eu direi 'Ah, sim! Eureka!' Mas ainda não aconteceu."
Veja no link o vídeo com a entrevista completa (em inglês, sem legendas): https://www.facebook.com/BritishGQ/videos/10155255212686051/. Aparentemente por causa do celular perdido, Kirk não contribuiu com nenhuma composição do mais recente álbum do Metallica, "Hardwired... To Self-Destruct".

Cannibal Corpse: confira "Scavenger Consuming Death", do novo álbum
03/11/2017

Confira no link https://www.youtube.com/watch?v=0Ee75jnP26U a música "Scavenger Consuming Death" do novo álbum da banda CANNIBAL CORPSE, que será lançado no dia 3 de novembro, via Metal Blade Records. Tracklist de "Red Before Black": 01. Only One Will Die; 02. Red Before Black; 03. Code Of The Slashers; 04. Shedding My Human Skin; 05. Remaimed; 06. Firestorm Vengeance; 07. Heads Shoveled Off; 08. Corpus Delicti; 09. Scavenger Consuming Death; 10. In The Midst Of Ruin; 11. Destroyed Without A Trace e 12. Hideous Ichor.

Anthrax em Porto Alegre (10/11): baterista Charlie Benante quer loucura e diversão entre o público
02/11/2017

O Anthrax tem apenas dois shows marcado pelo Brasil em 2017. Um deles é em Porto Alegre, dia 10 de novembro, no Opinião (Rua José do Patrocínio, 834), às 20h. Apontado como banda inovadora dentro do gênero que ajudou a moldar, é uma das Big Four do thrash metal - ao lado de Metallica, Slayer e Megadeth. O grupo que despontou nos 1980 divulga o mais recente disco, For All Kings (2016), mas prepara um repertório que contempla todos os clássicos da discografia. O baterista Charlie Benante fez um vídeo convocando os fãs para se divertir com ele e os colegas na apresentação em solo gaúcho. Confira aqui. https://www.facebook.com/abstratti/videos/1813828661990518/?fref=mentions.
Em entrevista para o site Zona Punk, o baixista Frank Bello fez questão de ressaltar sua paixão pelo país: “Cara, eu amo o Brasil. Estou sendo honesto, a gente sempre está esperando pelo próximo show por aí. Os shows são sempre ótimos no Brasil, e isso tem a ver com a intensidade dos shows, sabe? A gente fica ansioso esperando, e sabemos que sempre vai ser ótimo. Vocês tem uma energia louca, é algo incrível. Então o melhor show é sempre aquele que estamos aguardando acontecer.” Confira: http://zp.blog.br/?m=interviews&id=338. Os ingressos para assistir ao Anthrax na capital gaúcha estão no terceiro lote. Fonte: Homero Pivotto Jr. - Assessor de Imprensa  - Abstratti Produtora  - www.abstratti.com.br; www.facebook.com/abstratti; www.twitter.com/abstratti e www.youtube.com/abstratti.

Solid Rock - Mudança no lineup: Sai Lynyrd Skynyrd e entra Cheap Trick
02/11/2017

Informamos que a participação da banda Lynyrd Skynyrd no Solid Rock (Curitiba, Pedreira Paulo Leminski, dia 12/12; São Paulo, Allianz Parque, dia 13/13; e Rio de Janeiro, Jeunesse Arena, dia 15/12) acaba de ser CANCELADA por motivos pessoas da banda. No lugar, Cheap Trick será a banda que fará parte do lineup, junto do Deep Purple e Tesla. Mais informações sobre devolução de ingressos serão divulgadas em breve.

Confira na íntegra a nota que o Lynyrd Skynyrd divulgou: Os membros do Lynyrd Skynyrd estão desapontados por anunciar que estão cancelando sua participação no Solid Rock com o Deep Purple e Tesla. A filha de Johnny Van Zant, um dos membros do Lynyrd Skynyrd, foi diagnosticada com Linfoma Linfoblástico Agudo e, por hora, será submetida a um tratamento agressivo. Johnny usará os próximos meses para se concentrar no tratamento e saúde de sua filha. O Lynyrd Skynyrd gostaria de pedir desculpas aos fãs da América do Sul, com a promessa de voltar no futuro. Enquanto isso, os bons amigos da banda e membros do Rock and Roll Hall of Fame, Cheap Trick, estarão se juntando à turnê em dezembro.
O frontman, Robin Zander diz: "Estamos ansiosos para nos juntar ao Deep Purple e Tesla na América do Sul como parte do Solid Rock Tour ... apenas desejava estar em circunstâncias diferentes. Nossos pensamentos e orações estão com Johnny, sua filha e todos nossos amigos de toda a família Lynyrd Skynyrd ". Com mais de 5.000 apresentações durante quatro décadas e 20 milhões de discos vendidos em todo o mundo, Cheap Trick é, sem dúvida, um dos mais influentes grupos de rock clássico nos últimos 50 anos. Hits como "I Want To Want Me", "Dream Police" e "Surrender" cimentaram o grupo como uma das melhores bandas de Rock 'n' roll da América de todos os tempos. Fonte: Vitor Rosalino - T4F.

Madeleine Peyroux confirma show extra em São Paulo
02/11/2017

Devido ao grande sucesso de vendas, Madeleine Peyroux, um dos nomes mais importantes do jazz contemporâneo, acaba de adicionar mais uma data à turnê promocional do novo elogiado álbum "Secular Hymns" em São Paulo. Com realização da Opus Promoções e da Dell'Arte, a cantora norte-americana vai se apresentar, no dia 9 de novembro, no Teatro Bourbon Country, em Porto Alegre, e nos dias 12 e 13 de novembro, no Teatro Bradesco. Os ingressos para este show extra na capital paulista já estão à venda.  Nesta turnê, a artista mantém os músicos que a acompanham há dois anos: o guitarrista Jon Herington e o baixista Barak Mori. O show traz um conjunto de canções em forma de hinos, que revelam a essência eminentemente espiritual deste diálogo interior. A sedução expressiva de sua voz nos traz canções de artistas seminais do blues, do gospel e músicas preservadas pela tradição. Além disso, este novo trabalho a conduz a um universo inteiramente novo explorando composições que transcendem o habitual numa obra acabada, viva e comovente. Um amalgama de funk, blues e jazz
Direta ao considerar sua arte, Madeleine Peyroux revela: “A música se constitui em nossa vida espiritual (...) Assim sendo, eu a percebo como hinos, hinos seculares; canções individuais, pessoais e introvertidas”.
Série Jazz All Nights:
A Série Jazz All Nights foi criada em 2007 com o objetivo de estabelecer uma nova plataforma de música para o Brasil e criar uma nova ponte entre a plateia e o gênero de música do jazz. A série se solidificou rapidamente como um dos principais eventos musicais no calendário do país e, em suas nove edições anteriores, já apresentou nomes do quilate de Toots Thielemans, Madeleine Peyroux, The Swingle Singers, Teresa Salgueiro, Freddy Cole, Terence Blanchard, Chucho Valdez, Arturo Sandoval, Bobby McFerrin, Branford Marsalis, Esperanza Spalding, Candy Dulfer, Keith Jarrett, New Orleans Jazz Orchestra, Brad Mehldau, Jazz Orchestra of the Concertgebow, Preservation Hall Jazz Band e Hiromi.

Lollapalooza Brasil 2018: Novos lotes de Lolla Day e Lolla Pass
02/11/2017

Os novos lotes das entradas do Lollapalooza Brasil 2018 já estão disponíveis. Sucesso de vendas, a partir de hoje, o público poderá adquirir agora o 2º lote do Lolla Day (válido para um dia do festival), que custa a partir de R$400 e o 4º lote do Lolla Pass (válido para os três dias do festival), que custa a partir de R$1000. ATENÇÃO, com a virada dos lotes, a Entrada Social CHEGA AO FIM. A partir de agora, o público do Lollapalooza Brasil não poderá mais adquirir 50% de desconto com doações ao Criança Esperança no ato da compra do Lolla Day ou Lolla Pass. Para adquirir a ½ entrada pela internet será necessária a comprovação do direito ao benefício da meia-entrada no acesso ao evento. Para pontos de venda e bilheterias é necessária a comprovação do direito ao benefício da meia-entrada no ato da compra e no acesso ao evento. A sétima edição deste que é um dos mais importantes eventos de música e experiência do mundo, tem como headliners no dia 23 de março, Red Hot Chili Peppers e LCD Soundsystem; Pearl Jam e Imagine Dragons, são os headliners do dia 24 de março; e The Killers e Lana Del Rey, são os headliners do dia 25 de março.
As entradas podem ser adquiridas pelo site www.lollapaloozabr.com, bilheteria oficial (sem taxa de conveniência - Citibank Hall, em São Paulo) e nos seguintes pontos de venda exclusivos: Teatro Cetip, em São Paulo, Km de Vantagens Hall RJ e BH. Clientes Bradesco Cartões, Bradescard e Next contarão com 15% de desconto para compras em 2017 e 10% a partir de 2018, e ainda podem parcelar suas compras em até cinco vezes sem juros no cartão de crédito para aquisição do Lolla Pass. O parcelamento do Lolla Day é exclusivo para clientes Bradesco Cartões, Bradescard e Next, que podem parcelar em 3x (não há parcelamento para demais cartões). O desconto também é válido para pagamento em Cartões de Débito Bradesco (exceto internet). A compra é limitada em 4 ingressos por CPF. Clientes dos demais cartões podem parcelar o Lolla Pass em até 3x.
Lollapalooza Brasil 2018 tem o patrocínio de Budweiser, Chevrolet Onix, AXE, Doritos, Bradesco e Next. Apoio Fusion Energy Drink. Hospital Sancta Maggiore é o fornecedor oficial. Globo, Multishow, Globo.com, 89 FM - A Rádio Rock, Rádio Mix - 106.3 e Veja São Paulo são media partners. O Lollapalooza Brasil é produzido por Perry Farrell, C3 Presents, William Morris Endeavor Entertainment (WME) e TIME FOR FUN
Sobre o Lollapalooza Brasil:
O festival chegou ao Brasil em 2012 e desde 2014 acontece no Autódromo de Interlagos em uma área de 600 mil metros quadrados, onde as apresentações acontecem em quatro palcos simultâneos. Desde 2014 o Lollapalooza Brasil é um evento neutro em carbono. A neutralização das emissões aconteceu a partir da alocação definitiva de créditos de carbono originados em um projeto ambiental certificado pela ONU. Em 2015, a prefeitura de São Paulo apurou que o festival gerou um impacto recorde de mais de R$ 93 milhões na economia da cidade, com gastos em alojamento, alimentação, transporte e lazer, além de mover o mercado com vagas formais e temporárias. Para o próximo ano, espera-se um impacto financeiro maior em função do crescimento do número de dias. Foi na edição de 2017 que o Lollapalooza Brasil teve seu maior público: 190 mil pessoas nos dois dias do festival. Chegando em sua sétima edição em 2018, o festival já contou com a participação de quase 300 artistas nacionais e internacionais.
Sobre o Lollapalooza:
Criado por Perry Farrell em 1991 como um festival itinerante, o Lollapalooza continua a ser inovador na cena dos festivais após 25 anos desde sua criação. Foi o primeiro a reunir artistas de vários gêneros no mesmo evento, o primeiro a viajar, o primeiro a se estender para vários dias, o primeiro a ter um segundo palco, o primeiro a ter um segundo dia, o primeiro a misturar arte e ativismo, o primeiro a compensar suas emissões de gás carbônico, o primeiro a colocar artistas de música eletrônica no palco principal, o primeiro a criar uma programação familiar, o primeiro a se instalar em um centro urbano e o primeiro a se expandir internacionalmente.
Tornou-se um renomado festival em Chicago, assim como em países culturalmente ricos como Chile (2011), Brasil (2012), Argentina (2014), Alemanha (2015) e França (2017). Lollapalooza é um dos principais destinos para amantes de música nos Estados Unidos e no exterior. Para comemorar o seu 25º aniversário, o Lollapalooza Chicago se estendeu para 04 dias em 2016 e continua recebendo 100.000 mil fãs por dia, com mais de 170 artistas se apresentando em 08 palcos.
INGRESSO: 1/2 ENTRADA // INTEIRA
LOLLA PASS 3 DIAS- 1º LOTE // ESGOTADO -  R$ 650 // R$ 1.300
LOLLA PASS 3 DIAS - 2º LOTE - ESGOTADO - R$ 750 // R$ 1.500
LOLLA PASS 3 DIAS - 3º LOTE - ESGOTADO - R$ 850 // R$ 1.700
LOLLA PASS 3 DIAS - 4º LOTE:
Disponível a partir do dia 01 de novembro: R$ 1000 // R$ 2.000
LOLLA DAY - 1º LOTE: ESGOTADO - R$ 350 // R$ 700
LOLLA DAY - 2º LOTE:
Disponível a partir do dia 01 de novembro: R$ 400 // R$ 800
Fonte: ASSESSORIA DE IMPRENSA - T4F: Regis Motisuki; Fábio Lopes Oliveira e Vitor Rosalino.

Flying Chair se apresenta em São Paulo
02/11/2017

A banda Flying Chair sobe ao palco do Cervejazul Music Club, em São Paulo, no dia 11 de novembro, às 23h, para apresentar as músicas de seu álbum de estreia. O quinteto paulista faz um rock autoral e em português. Uma das curiosidades fica por conta da versão pesada de Sonífera Ilha, hit composto pelo vocalista da Flying Chair que ajudou a fundar os Titãs, Ciro Pessoa. As guitarras seguem sob o comando de Cláudio Costa e Chico Marques e a cozinha do quinteto é chefiada por Diego Basanelli, no baixo, e Pedro Leo, na bateria. As bandas Black Old Shirt e Jams of Militia participam da noite. Abertura a partir das 19h. Flying Chair no Cervejazul - Praça Ciro Pontes, 26, Mooca. São Paulo. Dia: 11/11 às 23h.  Ingressos: de R$20 a R$30. 

Paula Toller apresenta “Como Eu Quero”
02/11/2017

Paula Toller apresenta seu novo trabalho “Como Eu Quero” e dá ao público a oportunidade de assistir à consagrada cantora e compositora numa apresentação inédita. Depois de viajar com o show Transbordada e de protagonizar a turnê Rock Brasil para mais de um milhão de pessoas, agora Paula apresenta seu repertório de forma mais essencial, numa performance tête-a-tête com o público.

O show passará por São Paulo, no dia 10 de novembro, no Teatro Bradesco, às 21h e Porto Alegre, no dia 8 de dezembro, no Teatro do Bourbon Country, às 21h. Os ingressos já estão à venda. A seleção contempla toda a sua carreira solo e no Kid Abelha. Além das próprias músicas, Paula também apresenta “Ando Meio Desligado”, dos Mutantes; “Céu Azul” do Charlie Brown Jr, numa interpretação delicada e emocionante; além de uma versão para "Don’t You Worry ‘Bout a Thing”, de Stevie Wonder, que virou “Deixa a Vibe te Levar”.
Como não poderia ser diferente em um show de uma hitmaker, grandes sucessos compõem o setlist e o espectador poderá ouvir, entre outras, “Como eu quero”, “Nada Sei”, “Fixação” e “Grand’Hotel” interpretadas por Toller com o auxílio luxuoso do lendário produtor Liminha, nos arranjos e violão, além dos excelentes: Gustavo Camardella (violão), Pedro Augusto (teclados), Pedro Dias (baixo) e Adal Fonseca (bateria). A cenografia tem concepção do multifacetado Batman Zavarese. E a luz é assinada por Samuel Bets.
SOBRE PAULA TOLLER:
A carreira de Paula Toller se confunde com a da banda Kid Abelha, um dos maiores fenômenos da música nacional, com nove milhões de discos vendidos em 35 anos, uma enorme coleção de hits e discos de ouro, platina e diamante. A banda encerrou suas atividades em pleno sucesso, e Paula segue seduzindo os fãs brasileiros com sua voz inconfundível em uma bem-sucedida carreira solo, shows de alto nível e ótimas letras, além de muitos prêmios.

Cerberus Attack: tracklist e mais detalhes de ‘From East With Hate’
02/11/2017

Acaba de ser lançado o primeiro álbum completo dos Thrashers do CERBERUS ATTACK, ‘From East With Hate’ e a banda divide conosco mais informações sobre o disco. O álbum, assim como todo o material oficial da banda, já está à venda e pode ser encontrado diretamente com o grupo por email ou Facebook, com envio para todo o Brasil. ‘From East With Hate’ foi gravado no estúdio EastSide, produzido, mixado e masterizado por Jhon França, com arte da capa por Cleyton Amorim (Cursed Slaughter e Zombeers) e encarte por Livia Fogaça.
O CD vem com nove faixas distribuídas da seguinte maneira: 1. From Lust To Dust; 2. Face Reality; 3. Human Extinction; 4. Worms Incorporated; 5. Get Thrashed Or Die Trying; 6. Together We Destroy; 7. October 12th; 8. Dirty City; 9. East Side Thrashers. Do trabalho, a banda disponibilizou duas músicas para audição: ‘Face Reality’ e ‘Dirty City’, que podem ser conferidas pelos links: https://www.youtube.com/watch?v=A_f1iIUyCgI e https://www.youtube.com/watch?v=Me04CKQfajo. Contato: cerberus.thrash@gmail.com. Sites relacionados: www.facebook.com/cerberus.attack; www.cerberusattack.bandcamp.com e www.metalmedia.com.br/cerberusattack. Fonte: Metal Media.

Ministério Da Discórdia: celebrando 10 anos do “Black Sabbath brasileiro”
02/11/2017

Tratado carinhosamente pelos fãs e amigos como o “Black Sabbath brasileiro”, devido sua inusitada mistura de influências do grupo britânico ao seu estilo único de fazer Metal cantado em português, o MINISTÉRIO DA DISCÓRDIA celebra neste mês de outubro 10 anos de muita luta e vitórias em sua carreira. Com dois álbuns completos na bagagem, o debut autointitulado e o recente ‘Abismo’, o grupo vem firmando sua identidade. ‘Abismo’, lançado no final do ano passado de forma independente e apenas digital, foi muito bem aceito e figurou em listas de melhores de 2016. ‘Abismo’ está disponível em todas as plataformas de música digital do planeta, alguns links: iTunes: https://goo.gl/JZgBry; Amazon: https://goo.gl/4qpf53; Spotify: https://goo.gl/XwJFOk e Play Store: https://goo.gl/L7mNLK.
Quem preferir pode ouvir o disco complete de forma gratuita seguindo os links:
 Abrace a Discórdia: https://www.youtube.com/watch?v=9TcgrO3qKDg
Abismo: https://www.youtube.com/watch?v=CHzdSavd6Zc
Supremo Concílio: https://www.youtube.com/watch?v=n8vc4YAyfsI
Orquídea Negra: https://www.youtube.com/watch?v=qJTWpsBXI5M
Perdidos: https://www.youtube.com/watch?v=BI9Wq6uYBf0
Contato: ministeriodadiscordia@gmail.com. Sites relacionados: www.facebook.com/ministeriodadiscordia e www.metalmedia.com.br/ministeriodadiscordia. Fonte: Metal Media.

Worsis: show de lançamento do álbum é neste sábado; banda convida!
02/11/2017

É neste sábado, dia 4 de novembro o show de lançamento oficial de ‘Blinded By The system’, primeiro álbum completo do WORSIS. O disco, que já está disponível em formato digital, vem sendo muito bem recebido pelos fãs de Metal pesado e bem trabalho, características do Thrash Metal executado pelo grupo, que vem sendo apontado como mais uma das revelações do Metal nacional. Será uma grande no Attilio’s 86, na cidade gaúcha de Caxias do Sul. O evento está marcado para às 21h e custará módicos R$15,00 para entrar. A apresentação contará ainda como convidada especial a banda SOUTHERN. Mais informações sobre o evento e como reservar seu ingresso pelo link: https://www.facebook.com/events/388600194893242/.
‘Blinded By The System’ pode ser ouvido via streaming e comprado via download em sua plataforma de preferência, ou seguindo algum dos links abaixo:
Deezer: http://www.deezer.com/br/album/48934662
Spotify: http://open.spotify.com/album/0hYpAaESBGhSOCFHZ2sDvP
Amazon: https://www.amazon.com/Blinded-System-Worsis/dp/B075W48K8K/
O álbum foi gravado no Black Stork Studio com o produtor Thiago Caurio. A mixagem ficou nas mãos de Benhur Lima e a masterização por Marcel van der Zwam. A arte da capa foi criada por Hugo Silva, da Abacrombie Ink. A versão física de ‘Blinded By The system’ está na fábrica e estará disponível para venda muito em breve! Contato: contato@worsis.com. Sites Relacionados: www.facebook.com/worsis e www.metalmedia.com.br/worsis. Fonte: Metal Media.

Shadows Legacy: últimos acertos do novo clipe, saiba mais
02/11/2017

Está quase pronto o novo clipe e single inédito do SHADOWS LEGACY, o grupo e a produtora responsável pelo vídeo estão nos acertos finais. Como noticiado, a música se chama ‘Restless’ e será lançada junto a um videoclipe que está sendo gravado neste momento. O grupo sul-mato-grossense trabalha novamente ao lado da produtora Vade Retro Produções (www.facebook.com/vaderetroproducoes). “Estamos muito contentes com o resultado que estamos chegando, não apenas no clipe, que a Vade Retro mais uma vez está mandando muito bem, mas especialmente com a música. Creio que capitamos muito bem a energia e a força do Shadows Legacy e será um ótimo aperitivo até o disco novo sair!” Algumas fotos do ‘making of’ do clipe de ‘Restless’ foram disponibilizadas, confira: https://goo.gl/zq7zwD. Em breve um teaser e a data de lançamento serão apresentados!
O SHADOWS LEGACY está mais uma vez gravando com o estúdio Anubis com o talentoso produtor Aldo Carmine. O grupo também está no Spotify e convida a todos para curtir sua música e seguir seu canal! https://open.spotify.com/artist/3HUIeIhRvyQysgbV8jugrH. Contato: shadowslegacyband@gmail.com. Sites Relacionados: www.metalmedia.com.br/shadowslegacy e www.facebook.com/shadowslegacy. Fonte: Metal Media.

Infestatio: faixa presente na terceira compilação do site O Subsolo
02/11/2017

O grupo paulista INFESTATIO é um dos nomes presentes no terceiro volume da ‘Coletânea O Subsolo - Heavy Metal’. O compilado lançado de forma física pela renomado site O Subsolo, visa expandir os horizontes dos fãs de música pesada e mescla em 20 faixas grandes nomes e promessas do cenário metálico nacional. Entre os participantes, nomes como Endrah, Krucipha, HellArise, Alkanza, Core Divider e muitos outros. O INFESTATIO está presente com a música ‘JEFF’. Saiba mais pelo link: https://goo.gl/NNAUjL.

O INFESTATIO se prepara para entrar em pré-produção de seu novo trabalho, sucessor direto do premiado ‘F.Y.A.’ de 2013 ( leia resenha ). Será o primeiro álbum completo do grupo que em breve nos dará as primeiras informações. O mais recente trabalho é o single ‘JEFF’, onde a banda quis ir um passo adiante e, além de contar com o experiente produtor Caio Picolotto (que também é baterista da banda), levou a faixa para ser masterizada no estúdio Sterling Sound nos Estados Unidos, local que já trabalhou com nomes como Lamb Of God, Paradise Lost e Gojira. Além de estar presente na coletânea d’O Subsolo, ‘JEFF’ foi lançada em forma de lyric video e pode ser conferida pelos link:  Facebook: https://goo.gl/GxD2zk e YouTube: https://goo.gl/JAFNZW. Contato: infestatio@infestatio.com. Sites relacionados: www.infestatio.com; www.facebook.com/Infestatio e www.metalmedia.com.br/infestatio. Fonte: Metal Media.

Distraught: thrashers comentam como foi gravar versão para os Beatles
02/11/2017

Recentemente os gaúchos do DISTRAUGHT lançaram uma belíssima, e muito pesada, versão de ‘Helter Skelter’, clássico dos Beatles. Tirando um tempinho, o vocalista André Meyer fala sobre a escolha da música e como chegaram a essa incrível versão: “Há muito tempo pensamos em fazer uma versão com a nossa cara desse clássico dos Beatles, então achamos que tinha chegado o momento certo pra isso. ‘Helter Skelter’ é uma música realmente de muito peso e sabíamos que iria se encaixar perfeitamente no Distraught.” O vídeo pode ser conferido no YouTube e no Facebook, seguem os links: YouTube: https://www.youtube.com/watch?v=D9s-A2gNOLM e Facebook: https://www.facebook.com/distraughtband/videos/10155136207682523/.
O mais recente lançamento oficial do DISTRAUGHT é o premiado álbum ‘Locked Forever’ ( leia resenha ), gravado no estúdio Monostereo, produzido por Renato Osorio (Hibria), mixado por Benhur Lima e masterizado por Adair Daufembach. A capa ficou por conta de Marcelo Vasco (Slayer, Machine Head, Testament). O disco, assim como o material oficial do grupo, está à venda nas melhores lojas do país e diretamente com a banda pela sua loja virtual: https://www.facebook.com/distraughtband/app/206803572685797/. Um lyric video para a música ‘The Last Trip’ foi lançado: Facebook: https://goo.gl/qGcEgD e YouTube: https://goo.gl/D2zaoD. Contato: distraughtcontact@gmail.com. Sites relacionados: www.distraught.com.br; www.facebook.com/distraughtband e www.metalmedia.com.br/distraught. Fonte: Metal Media.

Robert Plant acha horríveis seus vocais no começo da carreira
02/11/2017

Durante entrevista com o The Guardian, Robert Plant conta ter percebido que "uma abordagem mais ríspida e masculina que ele tentou ao cantar "You Better Run" (música que ele gravou em 1966 com a banda Listen) não era o caminho que ele deveria ter seguido. Músicas como 'Babe I'm Gonna Leave You'... hoje eu acho aqueles meus vocais horríveis. Eu deveria ter ficado de boca fechada". O cantor diz que chegou a esta conclusão após trabalhar em "Friends", canção acústica e mais experimental que o Led Zeppelin lançou em seu terceiro álbum de estúdio. E na mesma entrevista, Plant avalia algumas das músicas que marcaram sua vida. Além de "Friends" ele também cita "Achilles Last Stand", faixa que abre o álbum "Presence" de 1976, época em que o movimento punk estava eclodindo na Inglaterra, e Plant conta que o Damned era uma de suas bandas favoritas do período: "'New Rose', 'Neat Neat Neat': que canções brilhantes! Eles nocautearam instituições musicais como o Pink Floyd durante alguns anos".

Andreas Kisser: comandando painel sobre Heavy Metal no DMX
02/11/2017

No dia 06 de novembro começa no Rio de Janeiro, o Digital Music Experience, o maior evento de música na era digital. A nova edição do evento, conta com uma oportunidade imperdível para os fãs do Metal, um painel sobre Heavy Metal, com Andreas Kisser, além da exibição exclusiva do filme “Sepultura Endurance”, ambos com entrada gratuita. O filme com exibição marcada para o dia 06 novembro, às 17h, mostra a rotina dos integrantes da banda em turnê, os conflitos, o processo de criação das músicas e da gravação dos álbuns, cenas de shows e bastidores, além de entrevistas e imagens de arquivo inéditas. Logo na sequência, acontece o lançamento dos clipes, “Convicted in Life” e “Kairos”, gravados durante o show de 30 anos da banda em São Paulo. Os clipes também poderão ser assistidos através da transmissão simultânea no portal: http://www.dmx.art.br/.
Além da exibição, no dia 08 de novembro o DMX traz o painel “A Trajetória Inversa de um Ícone do Heavy Metal”, com Andreas Kisser e mediação do crítico de música e jornalista, Silvio Essinger, autor de “Punk Anarquia Planetária e a Cena Brasileira”. No painel, Kisser falará pela primeira vez para uma plateia sobre sua trajetória e como chegou ao topo, sendo líder de uma das maiores bandas de Heavy Metal do mundo. Os bastidores com os ícones do Metal mundial também serão revelados no encontro. Para participar do Digital Music Experience basta comparecer ao local e se credenciar na hora. Evento sujeito a lotação.
Digital Music Experience
Data: 6, 7 e 8 de Novembro
Local: Universidade Estácio de Sá - Centro Empresarial Barra Shopping - Barra da Tijuca
Entrada gratuita. Informações para inscrições: http://www.dmx.art.br.
Programação Heavy Metal
Dia 6/11 - 17:00 - EXIBIÇÃO EXCLUSIVA DO FILME “SEPULTURA ENDURANCE” (exclusivo para o local)
DIA 8/11 - 17:00 - A TRAJETÓRIA INVERSA DE UM ÍCONE DO HEAVY METAL
Sobre DMX: O Digital Music Experience é o maior evento de música digital do mundo e conta com talks e premiações, com grandes nomes da indústria. Realizada pela MZA Music e o grupo Gael o DMX é dividida em três etapas: DMX Conference (painéis de debates e palestras), DMX New Talent (concurso de bandas e artistas independentes) e DMX Awards (1ª premiação no mundo baseado em vendas e audiências oficiais na WEB), a Digital Music Experience tem como objetivo promover reflexões e debater assuntos relevantes da indústria fonográfica, além de revelar tendências e cases do cenário digital no mundo da música.

Stone Temple Pilots: banda anuncia primeiro show com novo vocalista
02/11/2017

O Stone Temple Pilots fará seu retorno aos palcos no dia 14 de novembro em um evento para convidados para a SiriusXM no The Troubadour em West Hollywood, California. Apenas assinantes da SiriusXM poderão adquirir ingressos em quantidade limitada para este, que será o primeiro show do Stone Temple Pilots com o novo vocalista, cuja identidade ainda não foi divulgada. A banda está sem ninguém no posto desde que Chester Bennington decidiu dedicar seu tempo somente ao Linkin Park.

Avenged Sevenfold: detalhes da edição de luxo de "The Stage"
02/11/2017

A banda AVENGED SEVENFOLD irá lançar uma edição de luxo do seu sétimo álbum de estúdio, "The Stage", contendo covers e quatro músicas ao vivo não lançadas anteriormente, no dia 15 de dezembro. Os covers são "Retrovertigo" do MR BUNGLE, "Runaway" do DEL SHANNON, a música folk mexicana "Malagueña Salerosa", "God Only Knows" dos BEACH BOYS, "As Tears Go By" dos ROLLING STONES e o clássico "Wish You Were Here" do PINK FLOYD. Também estará incluída a nova música "Dose", além de quatro músicas ao vivo gravadas no show recente da banda na The O2 Arena, em London: "The Stage", "Paradigm", "Sunny Disposition" e "God Damn".

"The Stage Deluxe Edition" será lançado em CD duplo, vinil e em formato digital. A pré-venda está sendo feita aqui. Traclist de "The Stage Deluxe Edition":
CD1: 1. The Stage; 2. Paradigm; 3. Sunny Disposition; 4. God Damn; 5. Creating God; 6. Angels; 7. Simulation; 8. Higher; 9. Roman Sky; 10. Fermi Paradox e 11. Exist.
CD2: 1. Dose; 2. Retrovertigo; 3. Malagueña Salerosa; 4. Runaway (feat. Warren Fitzgerald); 5. As Tears Go By; 6. Wish You Were Here; 7. God Only Knows; 8. The Stage (Live from London); 9. Paradigm (Live from London); 10. Sunny Disposition (Live from London) e 11. God Damn (Live from London).

Metallica: ouça "Damage, Inc." ao vivo em 1987 de novo box-set
02/11/2017

Uma versão de "Damage, Inc." gravada ao vivo no dia 25 de janeiro de 1987 em Grugahalle, Essen, na Alemanha, pode ser conferida aqui https://www.youtube.com/watch?v=WSwAACjo-6U. Ela faz parte da edição Remastered Deluxe Box Set do Master of Puppets, que sai no dia 10 de novembro. O relançamento de "Master Of Puppets" estará disponível fisicamente como LP padrão (Standard LP), CD padrão (Standard CD), CD triplo na edição expandida (Expanded Edition), e um box set com edição limitada (Limited Edition Deluxe Box Set).
Na versão digital, estarão disponíveis os formatos CD padrão (Standard CD) (disponível para stream e download), CD triplo (Expanded Edition) (disponível para download apenas), e a versão deluxe (Digital Deluxe Box Set) (disponível para streaming e download). A "Expanded Edition" vai incluir demos, remixes, entrevistas, faixas ao vivo, e um booklet de 28 páginas. A "Limited Edition Deluxe Box Set" vai incluir um livro de capa dura de 108 páginas contendo fotos inéditas, outtakes e entrevistas inéditas, três LPs, 10 CDs, uma fita cassete, dois DVDs, uma litografia, um folder com as letras escritas a mão e um conjunto de seis botões.

Satyricon: Mudança de local do show em São Paulo
02/11/2017

O show da banda Satyricon que aconteceria na Clash Club mudou de local. O evento será realizado agora na Fabrique Club, que fica localizada na mesma rua da Clash. A Clash Club passará por reformas nos próximos meses, o que impossibilitou a permanecia do show no local.
O horário do evento continua o mesmo, com a abertura da casa para 18h, show Patria às 19h e Satyricon as 20h10. Censura: 16 anos. Endereço Fabrique Club: Rua Barra Funda 1075. Obs: Os ingressos já comprados, continuam valendo. Os ingressos continuam a venda pela Clube do Ingresso: http://www.clubedoingresso.com/satyricon-sp.
Valores: 2° lote Pista: R$ 100,00 (meia-entrada) // R$ 120,00 (inteira promocional) * // R$ 200,00 (inteira)
Camarote - esgotado

Joe Satriani: confira a nova música "Thunder High On The Mountain"
02/11/2017

Confira a seguir a música "Thunder High On The Mountain" https://www.youtube.com/watch?v=5XouyzSAXkg, que estará presente no décimo-sexto álbum do guitarrista Joe Satriani, intitulado "What Happens Next" e que será lançado no dia 12 de janeiro de 2018, via Sony/Legacy Recordings. Além de Joe Satriani na guitarra, o disco traz Glenn Hughes (Deep Purple, Black Country Communion) no baixo e vocal e Chad Smith (Red Hot Chili Peppers) na bateria.
Tracklist de "What Happens Next": 01. Energy; 02. Catbot; 03. Thunder High On The Mountain; 04. Cherry Blossoms; ;05. Righteous 06. Smooth Soul; 07. Headrush; 08. Looper; 09. What Happens Next; 10. Super Funky Badass; 11. Invisible e 12. Forever And Ever.

Bruce Dickinson: explicando a frase "o Iron Maiden é melhor que o Metallica"
02/11/2017

Durante conversa com a Rolling Stone, Bruce Dickinson comentou a declaração que ele deu em 2011 à Metal Hammer dizendo que sua banda é melhor que a de James Hetfield & cia: "É preciso não ter medo. Vou me meter em problemas ao declarar que o Iron Maiden é melhor que o Metallica... mas é verdade! Eles podem ser maiores, vender mais ingressos e levar a classe média burguesa para seus shows, mas não são como nós e ponto final", disse Bruce na época. Agora o vocalista explica: "O lance sobre o Metallica, sinceramente foi uma boa provocação. Temos uma boa relação com a banda, e não foi direcionada pra eles mas sim para o resto do mundo, foi uma forma de dizer 'Estamos de volta e queremos que vocês saibam. Queremos tanto que para isto vamos dizer algo absurdamente provocador, então que tal vir ao show e ver se é isto mesmo, desafiamos vocês a vir'. Foi uma provocação, e eu sou o vocalista, esta é minha função, é o que faço."
Bruce ainda emenda: "Soou arrogante? Ah, sim!", admite e justifica: "Mas se você é o vocalista do Iron Maiden deve ser arrogante o tempo todo, faz parte do jogo. Mick Jagger (The Rolling Stones) é arrogante? Sim, provavelmente - é o Mick Jagger, porra. Sei separar a minha pessoa andando na rua de quando estou no palco com o Iron Maiden? Sim", finaliza.

Operation Mindcrime: confira a música "Wake Me Up", do próximo álbum
02/11/2017

A banda OPERATION: MINDCRIME, liderada por Geoff Tate, ex-vocalista do QUEENSRYCHE, vai lançar o álbum "The New Reality" no dia 1º de dezembro, via Frontiers Music Srl. Confira a seguir a música "Wake Me Up" - https://www.youtube.com/watch?v=2ZK3OXpOXKI.
Tracklist de "The New Reality": 01. A Head Long Jump; 02. Wake Me Up; 03. It Was Always You; 04. The Fear; 05. Under Control; 06. The New Reality; 07. My Eyes; 08. A Guitar In Church?; 09. All For What?; 10. The Wave; 11. Tidal Change e 12. The Same Old Story.

Sammy Hagar perdeu a esperança de uma reunião do Van Halen
02/11/2017

Sammy Hagar disse que perdeu a esperança de que haverá outra reunião do VAN HALEN, explicando que Eddie e Alex Van Halen não querem se reconectar com ele como amigos. Conhecido por substituir David Lee Roth no VAN HALEN e ajudar a dirigir a banda para uma direção pop mais polida no final dos anos 80 e início dos anos 90, Hagar comemorou seu aniversário de 70 anos em 13 de outubro, uma ocasião marcada por celebrar com vários amigos do meio musical na última edição de sua série anual de shows de aniversário em sua "Cabo Wabo Cantina", em Cabo San Lucas, no México. Durante uma aparição no "Trunk Nation" da SiriusXM, Hagar revelou que ele não ouviu nada dos irmãos Van Halen em seu aniversário, o que ele interpretou como que eles não tem interesse em reavivar sua amizade.
"As pessoas dizem: "O que está acontecendo com VAN HALEN?" Ok, absolutamente nada", disse ele. "Eu não tenho ideia. Eu não tenho falado com os caras. Para mim, eles fizeram uma afirmação forte e real já que não me desejaram um feliz aniversário nos meus 70 anos", continuou Hagar. "Especialmente no fato de que tantas pessoas morreram. Quero dizer, uma semana antes, Tom Petty morreu. O aniversário de Tom Petty foi na quinta-feira seguinte ao meu, e ele ainda era um jovem, até onde eu sei. Com todas essas pessoas morrendo, completar setenta anos é uma coisa monumental", disse Sammy. "É, como, você pensa que se eles quisessem ser amigos, seria tão fácil. E mesmo que não quisessem ser amigos, é apenas algo que seria o certo (felicitações em seu aniversário)".
Hagar, que trouxe à tona em 2016 o assunto de uma turnê de reunião do VAN HALEN com Anthony, tocando músicas de toda carreira, com ele e Roth, disse que ele está colocando a ideia para descansar. "Eu não sei o que há de errado com esses dois irmãos, cara", disse Sammy. "Para eles não fazerem nada pelo neto de Michael, e depois novamente no meu aniversário... Eu não esperava, mas então pensei: "Sim..." Eu realmente não pensei nisso. Mas as pessoas continuam imaginando: "Oh, você deve ter conversado com os irmãos. Eddie queria que você...?" Não. Tudo isso me diz que acabou, cara", acrescentou. "Esses caras não querem ser amigos, e se eles não querem ser amigos, certamente não vamos fazer uma reunião. Isso significaria que eu apenas faria uma reunião por algum dinheiro ou algo assim? Eu adoraria fazer pelos fãs - eu mesmo - mas além disso... nah. Por mim, acabou, cara. Se eles não querem ser amigos... Nós devemos ser amigos antes que possamos fazer qualquer tipo de negócio em conjunto. Então, eu não sei... Para mim, é meio que colocar as unhas no caixão. É meio que, Hmm, bem, isso está encerrado. Coloque um fim nisso".

Marcelo Barbosa fala sobre o peso de substituir Kiko Loureiro no Angra
02/11/2017

O canal Heavy Talk entrevistou recentemente o guitarrista MARCELO BARBOSA, guitarrista que substituiu KIKO LOUREIRO no ANGRA. Desde 2015 na banda, Barbosa fala sobre sua carreira nos últimos 10 anos, a responsabilidade em substituir um membro fundador do ANGRA, a fragilidade do mercado musical para o rock e metal no Brasil e como quase fez teste para ser guitarrista do Guns N Roses. Veja o vídeo abaixo: https://www.youtube.com/watch?v=LFo6LIpYUV4.

King Diamond: confira "Halloween", do próximo DVD ao vivo
02/11/2017

Os shows feito pelo KING DIAMOND em novembro de 2015, na Philadelphia e em Detroit, Estados Unidos, durante a turnê "Abigail In Concert 2015", foram filmados para o próximo DVD da banda. A seguir você pode conferir a música "Halloween", filmada no show da Philadelphia. Mais informações sobre o lançamento em breve. Clipe: https://www.facebook.com/kingdiamondofficial/videos/10156683033059008/.

Slipknot: sete ou oito músicas prontas para o próximo álbum
02/11/2017

O SLIPKNOT tem sete ou oito músicas prontas para o próximo álbum. Foi o que disse o percussionista Shawn "The Clown" Crahan, em entrevista a Metal Hammer, sobre o processo de composição: "The Gray Chapter (último álbum da banda) foi o momento que tivemos que refazer nossa carreira o mais rápido possível. Tivemos que substituir um baixista, tivemos que substituir um baterista - um deles estava andando pela terra, o outro estava enterrado na Terra. Um momento muito difícil. As pessoas estavam nos dizendo: "Como a banda vai escrever? Joey e Paul se foram". Foda-se. Fizemos um álbum fantástico que amamos. E continuaremos a fazer isso. Na verdade, temos uma data para alguns de nós se reunir em um estúdio e fazer as coisas acontecerem para o próximo álbum". De acordo com o percussionista, ele, o guitarrista Jim Root e o baterista Jay Weinberg foram para Los Angeles no início do ano para "organizar tudo o que escrevemos na estrada. Escrevemos cinquenta ideias do caralho", disse ele. "Passamos duas semanas organizando tudo isso e adicionando algumas coisas escritas um ano atrás".
Shawn acrescentou: "Temos mais de vinte e sete idéias prontas para o álbum - sete ou oito delas estão totalmente prontas. Essas músicas podem mudar, nada é definitivo. Mas é ótimo ter ideias concretas para começar o álbum. Então, o futuro nunca foi tão doce para a música do SLIPKNOT". "Eu não sei o que Corey tem em mente, porque ele também vai trazer suas próprias músicas, mas estamos apenas escrevendo música e pegando ideias, humores e paisagens sonoras - ficando tudo fodidamente juntos", disse ele."

U2: detalhes sobre o novo álbum, "Songs of Experience"
02/11/2017

O U2 divulgou todos os detalhes de seu novo álbum, "Songs of Experience", que sai no dia 1º de dezembro. O álbum, sucessor de "Songs of Innocence" de 2014, foi produzido por Jacknife Lee, Ryan Tedder, Steve Lillywhite, Andy Barlow e Jolyon Thomas, e estará disponível em diversos formatos, cujos tracklists seguem mais abaixo. A capa traz uma foto registrada por Anton Corbijn, e mostra Eli Hewson e Sian Evans, filho de Bono e filha de The Edge, respectivamente. A turnê para promover o álbum começa em maio de 2018 nos EUA, sob o nome "eXPERIENCE + iNNOCENCE".

SONGS OF EXPERIENCE ­CD: 1. Love Is All We Have Left; 2. Lights of Home; 3. You're The Best Thing About Me; 4. Get Out of Your Own Way; 5. American Soul; 6. Summer of Love; 7. Red Flag Day; 8. The Showman (Little More Better); 9. The Little Things That Give You Away; 10. Landlady; 11. The Blackout; 12. Love Is Bigger Than Anything in Its Way e13. 13 (There is a Light).
SONGS OF EXPERIENCE ­DELUXE CD & DIGITAL: 1. Love Is All We Have Left; 2. Lights of Home; 3. You're The Best Thing About Me; 4. Get Out of Your Own Way; 5. American Soul; 6. Summer of Love; 7. Red Flag Day; 8. The Showman (Little More Better); 9. The Little Things That Give You Away; 10. Landlady; 11. The Blackout; 12. Love Is Bigger Than Anything in Its Way; 13. 13 (There is a Light); 14. Ordinary Love (Extraordinary Mix); 15. Book Of Your Heart; 16. Lights of Home (St Peter's String Version) e 17. You're The Best Thing About Me (U2 vs Kygo).
SONGS OF EXPERIENCE ­ DELUXE VINYL: 1. Love Is All We Have Left; 2. Lights of Home; 3. You're The Best Thing About Me; 4. Get Out of Your Own Way; 5. American Soul; 6. Summer of Love; 7. Red Flag Day; 8. The Showman (Little More Better); 9. The Little Things That Give You Away; 10. Landlady; 11. The Blackout; 12. Love Is Bigger Than Anything in Its Way; 13. 13 (There is a Light); 14. Ordinary Love (Extraordinary Mix); 15. Book Of Your Heart e 16. Lights of Home (St Peter's String Version).

Bon Scott planejava sair do AC/DC, diz novo livro
02/11/2017

Em um novo trecho do livro "Bon: The Last Highway - The Untold Story Of Bon Scott And AC/DC's Back In Black", de Jesse Fink, que sai agora no mês de novembro, o autor afirma que Bon Scott planejava deixar o AC/DC, com base no depoimento de Roy Allen, um texano que se tornou amigo de Scott em 1977 e falou com o cantor pelo telefone no final de 1979, quando a banda encerrava a turnê do álbum "Highway To Hell". "Roy, eu quero ir pro Texas", teria dito Bon. "Estarei com uma boa grana em breve. Já vivi tudo: a estrada, os shows, as bebidas. Estou pronto para deixar a banda. Tenho que sair fora, isto está me matando e eu sei disso. Me diga se eu for pro Texas, posso ficar contigo. Podemos tentar largar a bebida juntos", conta Roy, que admite que estava chapado quando recebeu a ligação e ficou empolgado com a ligação de Scott e não compreendeu o que ele queria dizer - na verdade, começou a pensar nas festas que ele e o cantor fariam.
Prossegue Allen: "(Scott) disse que ia deixar a banda banda ficar limpo, foi isto; ele tinha que se afastar de tudo, foram estas suas palavras, pois aquilo estava o matando... havia algo em sua voz que levou um tempo para eu entender e eu gostaria de falar com ele novamente ao telefone hoje. Faria de tudo se pudesse voltar no tempo". Eles nunca mais se falaram novamente. Outro trecho do livro diz que Bon Scott morreu em decorrência de uma overdose de heroína, não por "envenenamento alcoólico agudo", como consta no atestado de óbito.

Ian Gillan nunca ouviu o "Made in Japan" do Deep Purple inteiro
02/11/2017

Durante conversa com a Loudwire, Ian Gillan falou sobre o lendário álbum ao vivo do Deep Purple de 1972, "Made in Japan", considerado por muitos como um dos melhores trabalhos ao vivo de todos os tempos. "Não gosto de discos ao vivo de modo geral. Não reprovei o resultado final, ficou incrível. Mas voltando no tempo, ele reflete uma época onde você dificilmente tinha controle sobre o que o público iria ouvir. Os equipamentos eram horríveis, baterias desmontavam no meio do show, amplificadores zumbiam e pifavam, era uma bagunça completa. Mas você compensava com atitude e habilidade(...) Nunca ouvi o disco inteiro. Escutei partes na casa de Roger (Glover, baixista) e algumas vezes em que eu estava onde ele tocava. Mas não tenho interesse em... até onde lembro, foi uma ótima noite, embora já houvessem certos problemas internos com a banda". A conversa pode ser vista na íntegra no vídeo abaixo (em inglês, sem legenda). https://www.youtube.com/watch?v=lFgIFC9Ui10.

"Jesus Cristo me perdoou", diz Mark Chapman assassino de John Lennon em carta
02/11/2017

Mark Chapman, que cumpre prisão perpétua por assassinar John Lennon, teve uma carta escrita há 25 anos vendida recentemente a um colecionador privado. Na carta, endereçada a um amigo chamado Michael, Chapman diz ter sido perdoado por Jesus. "É por este motivo que ele escolheu morrer, derramar seu sangue para que nossos pecados - até mesmo os meus - possam ser perdoados. É por isto que ele veio. Eu queria que você também soubesse que você pode realmente conhecer e sentir o Salvador que ele é de fato. Doze anos atrás eu atirei e matei o superstar John Lennon, que fez parte dos Beatles. Existe um livro que explica minhas motivações para este crime hediondo, mas deixe-me dizer aqui que foi algo horrível que nunca esqueci", diz a carta.
Depois Mark tenta convencer Michael que ele também pode encontrar Jesus: "Ele é tudo. Encontrei Jesus depois de muitos anos aqui no Attica (em Nova Iorque, onde ele estava preso). Através disto eu fiquei sabendo que ele sente muito por mim - e por você. Jesus é alguém que eu gostaria de escrever para você hoje, pois ele não é apenas um personagem de uma história, mas sim uma pessoa real e viva que eu conheci". A carta foi vendida por uma empresa especializada em memorabilia de criminosos famosos, pertencente a Eric Holler, que disse ter obtido a carta diretamente da pessoa para quem Mark escreveu. "Vendeu cerca de uma hora depois de ser oferecida no site. Adoraria conseguir mais ítens de Chapman, eles vendem muito bem". Em uma matéria de 2014, Gloria Hiroko Chapman, esposa de Mark Chapman, explica por qual motivo ele assassinou John Lennon em 1980, como são as visitas conjugais feitas anualmente e diz que Yoko e Paul deveriam perdoar Mark.

Morcrof concede entrevista ao site Rumors Mag
01/11/2017

Paullus Moura, baixista da banda Morcrof concedeu uma entrevista exclusiva ao renomado site “Rumors Mag”. Durante o bate papo, Paullus fala sobre as influências da banda, inspirações, dificuldades, lançamentos e muito mais. Confira a entrevista completa: http://rumorsmag.com.br/entrevista-exclusiva-com-a-banda-morcrof/. Lembrando que quem tiver interesse em adquirir o material físico, basta entrar em contato com a banda por meio do Facebook da banda; distribuidoras interessadas em trocas contatem a Erinnys Productions - www.facebook.com/erinnysprod/. Contato: morcrof@hotmail.com. Links relacionados: www.soundcloud.com/morcrof; www.facebook.com/morcrofdarkmetal/; www.morcrofdarkmetal.bandcamp.com/ e www.youtube.com/channel/UCr3849Wewn3fCnwFwse0aDQ. Assessoria de Imprensa: www.facebook.com/cangacorockcomunicacoes/. Fonte: Cangaço Rock Comunicações - Cristiano Borges - Cangaço Rádio Rock | Cangaço Rock Comunicações.

Pandemmy: “É triste ver parte dos headbangers apoiando políticos como Donald Trump, Joko Widodo e Jair Bolsonaro”
01/11/2017

“Rise Of A New Strike” está literalmente atravessando fronteiras! Depois de alguns destaques em sites internacionais, o PANDEMMY novamente concedeu uma entrevista a um portal europeu: Wagner & Heavy Metal! Em um bate papo conduzido pelo editor Wouter de Moor, Pedro Valença - guitarrista do grupo - falou um pouco sobre a atual formação da banda, cena brasileira de um modo geral, influências, opiniões e os métodos de composição. Confiram alguns trechos em português:

Wagner & Heavy Metal: Cada membro da banda traz suas próprias influências específicas ou todos os membros da banda compartilham das mesmas influências?
Pedro Valença - Temos influências em comum no Heavy Metal, especialmente no Death Metal (Carcass, Morbid Angel, Death) e Thrash Metal (Megadeth, Kreator, Destruction, Sepultura), mas cada membro gosta de outros tipos de música também.
Wagner & Heavy Metal: O que mais inspira a banda quando se trata de escrever letras?
Pedro Valença - As injustiças do mundo. Poucas letras abordam questões pessoais. Somos uma banda de Heavy Metal que não suporta qualquer conservadorismo. É triste ver os headbangers apoiando políticos como Donald Trump, Le Pen, Joko Widodo, Mauricio Macri ou Jair Bolsonaro. Essas pessoas chocam o ovo da serpente do fascismo.
Wagner & Heavy Metal: A banda acredita no Heavy Metal (o tipo de metal que você interpreta) como uma força que pode mudar as coisas para o bem (como a música que aumenta a conscientização, por exemplo, questões políticas e ambientais)?
Pedro Valença - Absolutamente !!! O metal pesado veio para quebrar paradigmas. Veja nossos heróis. Todos cresceram em ambientes opressivos, sofreram com preconceitos, vícios e alguns tipos de violência. Eles fizeram música com base em seus demônios internos. É melhor compreender a vida através dessas experiências de vida. Eu acho que o Heavy Metal (e Rap) tem grande potencial para mudar as pessoas para melhor. Falar sobre política, sustentabilidade e questões emergentes (como a nova onda do fascismo) é necessário. Não podemos deixar de destacar o perigo em que o planeta e a sociedade s encontram.
Leia a entrevista completa (EM INGLÊS) aqui: https://www.wagner-heavymetal.com/metal-picks/pandemmy. Em outras notícias, o PANDEMMY anunciou recentemente que em breve estará lançando seu segundo videoclipe oficial. A música usada no novo trabalho audiovisual será a “Circus Of Tyrannies” que foi regravada com Rayanna Torres, atual vocalista. Para mais informações: http://www.sanguefrioproducoes.com/n/1113 e https://open.spotify.com/track/3FvPVGGCGCRQFlrmS5jHiN. Contato para assessoria de imprensa: www.sanguefrioproducoes.com/contato. Sites relacionados: https://www.facebook.com/pandemmyofficial/; http://pandemmy.blogspot.com.br/ e http://www.sanguefrioproducoes.com/artistas/Pandemmy/44. Fonte: Sangue Frio Produções.

Extreme Noise Terror chega ao Brasil e inicia a turnê hoje, no Fabrique Club, a partir das 18 horas, em São Paulo
01/11/2017

O Extreme Noise Terror já está em São Paulo para realizar mais um giro pelo Brasil, desta vez para divulgar o elogiado álbum homônimo, de 2015, que é um retorno às raízes do grindcore/crust que a banda britânica praticava na década de 1980. O primeiro dos cinco shows acontece hoje na capital paulista, a partir das 18 horas, no Fabrique Club - a casa fica na rua Barra Funda, 1071, a algumas quadras do extinto Clash Club. Em seguida, o Extreme Noise Terror parte para o Rio de Janeiro (2/11), Belo Horizonte (3/11), Belém (4/11, como atração principal do Xaninho Festival 2017) e encerra a turnê em São Leopoldo (5/11). Para esta turnê brasileira, no entanto, o Extreme Noise Terror vem como um quarteto, desfalcado do vocalista Dean Jones que passado mal na noite de segunda, 30 de outubro, e levado às pressas ao hospital. Dean foi diagnosticado com labirintite e está à base de remédios, impossibilitado de estar em palcos. 
Apesar da baixa, os britânicos prometem shows devastadores, sujos e violentos, para provar mais uma vez ao púbico brasileiro porque são considerados os precursores do crust punk. Fonte: Erick Tedesco - Assessoria de imprensa - Xaninho Discos - www.facebook.com/tedesco.midia.

Amaduscias: “6º Blasphemic Art Festival” acontece neste fim de semana
01/11/2017

A banda AMADUSCIAS segue forte na divulgação prévia do vindouro álbum “Conceived Annihilation”, e confirmou presença em mais um importante show. Trata-se da sexta edição do “Blasphemic Art Festival”, que acontece neste fim de semana, dia 04/11, na cidade de Carazinho/RS. Se apresentarão também neste evento, as bandas Exterminate, DyingBreed, Necrocéfalo, Mithrubick e Devil Death. Link do evento no Facebook para mais informações: https://www.facebook.com/events/169687960245475/. Como supracitado, o AMADUSCIAS segue trabalhando no seu vindouro álbum. Ainda sem data de lançamento definida, o full length denominado “Conceived Annihilation” será lançado via Cianeto Discos, na versão física, enquanto na digital, contará com o suporte da Sangue Frio Records. Confira a música “Decapitation”, extraído do mesmo e divulgada em formato de lyric vídeo: https://youtu.be/0dxR49AQ42k. Contato para assessoria de imprensa: www.sanguefrioproducoes.com/contato. Sites relacionados: https://www.facebook.com/amadusciasofficial/ e http://www.sanguefrioproducoes.com/bandas/Amaduscias/48. Fonte: Sangue Frio Produções.

Megadeth participa do programa de Danilo Gentili
01/11/2017

Dave Mustaine e Kiko Loureiro, do Megadeth, gravaram uma participação no programa "The Noite com Danilo Gentili". A informação foi divulgada pelo perfil de Instagram da banda. Não foi divulgado, até o momento, quando a entrevista vai ao ar. O Megadeth está em turnê pelo Brasil - após ter se apresentado em São Paulo na terça (31), o grupo toca no Rio de Janeiro nesta quarta (1°). Veja,  fotos e vídeos da gravação (clique nas setas laterais do widget do Instagram para ver o álbum completo de publicações): https://www.instagram.com/p/Ba8zGUBFMie/.

Avril Lavigne: cantora está tentando escrever punk rock
01/11/2017

Avril Lavigne está trabalhando em seu novo álbum de estúdio, sexto da carreira, que deve sair no próximo ano. E por meio do "stories" de seu Instagram, a cantora falou que estilo de música está pretendendo fazer. “Passei o dia hoje em estúdio tentando fazer alguma música punk rock”, disse Avril, que recentemente postou em suas redes sociais a seguinte mensagem: “Eu quero agradecer a todos pela paciência enquanto eu trabalho em criar esse novo álbum. Tem sido uma recuperação longa e eu quero que ter certeza que seja perfeito para vocês!! Vocês só merecem o melhor de mim e é isso que vão ter”.

Kiko também pretende dar ideias para próximo disco do Megadeth
01/11/2017

O guitarrista Kiko Loureiro afirmou, em entrevista ao G1, que pretende colaborar com o próximo disco do Megadeth. O sucessor de "Dystopia" ( leia resenha ) deve começar a ser planejado no ano que vem.
Ao ser questionado se terá mais espaço na parte de composição, em contraste com as três coautorias em "Dystopia" (2016), Kiko Loureiro respondeu: "Difícil falar. É coisa para o ano que vem. A única coisa que eu posso falar é que hoje conheço muito mais o Megadeth. Antes, tinha acabado de entrar na banda e fui para o estúdio. Que eu vou dar ideia, vou. Se vão encaixar, se vão estar de acordo, nunca se sabe".

Perguntado se achou que seria apenas um "músico contratado" e se ficou surpreso com o espaço que ganhou no Megadeth, Loureiro disse: "Surpreendeu sim. Não sabia como ia ser. O Dave foi muito aberto e acolhedor. É um esquema dos caras por 30 anos, num outro país, e foi super positivo. Não tenho o que reclamar. E agora tende a ser ainda mais positivo, essa relação fluir mais fácil. Não que eu tenha que compor, mas quero ajudar a ser um ótimo disco, que seja um clima bom na gravação, todo mundo tranquilo para render o máximo possível".
Um dos grandes virtuosos do metal no Brasil, Loureiro disse que o talento é "superestimado", enquanto que o trabalho duro é "subestimado" por quem deseja trabalhar na área. "Esse negócio de talento é superestimado. E o trabalho duro é subestimado. Você tem que estudar certinho todo dia. Você vai viver aquilo porque é o que mais gosta. O tempo inteiro você vai estar com a cabeça na música. Ter o talento é a cereja do bolo. Na verdade, é você ter o talento de sentar na cadeira e ficar ali treinando", afirmou.
Questionado se não achou que tivesse um talento especial, Kiko Loureiro disse que não. "Tinha outros amigos que tocavam muito também. Tocavam bem, e eu ouvia os caras tocando e pensava: 'vou tocar mais'. O talento é mais essa força de achar que consegue melhorar se treinar. E saber quais são as técnicas para treinar direito, para utilizar no tempo certo e atingir o resultado", disse. O músico afirmou que, desde sempre, teve disciplina com relação à forma de treinar a guitarra. "Eu era mais organizado nessa questão do que a maioria dos caras perto de mim. Montava minha própria disciplina de estudo. Meus pais eram disciplinados em termos de horário. Percebi que no colégio, você já sabia as aulas que ia ter na semana. Então comecei a dividir meu treino. Chegava da aula e dividia meus dias com os assuntos de música que tinham que ser feitos. Assim conseguia estudar mais as coisas. Senti uma melhora e fui aprimorando", disse.  A entrevista na íntegra pode ser conferida no link: https://g1.globo.com/musica/noticia/como-kiko-loureiro-chegou-ao-megadeth-sempre-fui-mais-organizado-para-treinar-diz-guitarrista-brasileiro.ghtml.

Mötley Crüe: "não éramos grandes amigos", diz Sixx sobre ex-colegas
01/11/2017

O baixista Nikki Sixx disse, em entrevista a Dean Delray (transcrição por Blabbermouth), que não tem se encontrado com seus ex-parceiros de Mötley Crüe desde que a banda encerrou suas atividades, no fim de 2015. Ele também afirmou que não é muito amigo de Vince Neil, Tommy Lee e Mick Mars. "Não éramos melhores amigos. Estávamos indo em direções diferentes e estou bem com relação a isso. Falei com Mick uma vez e perguntei se ele queria fazer o 'My Favorite Riff', o quadro de YouTube do meu programa 'Sixx Sense'. Ele estava em Nashville e não poderia vir. E não ouvi falar dos outros caras", disse. Sixx espera se reaproximar de seus antigos colegas de banda. "O tempo cura todas as feridas, (apesar de que) não sei qual é a 'ferida'. Ganhamos milhões de dólares, transamos com milhares de mulheres, destruímos milhões de quartos de hotel e temos livros e filmes sobre nós. Não vejo desvantagem. Mas o que sei?", afirmou.

Michael Schenker: novo álbum já tem nome e data prevista
01/11/2017

"Resurrection" será o título do novo álbum do Michael Schenker Fest, previsto para sair no início de 2018 pela Nuclear Blast. Produzido por Michael Voss o disco, gravado durante cinco meses em locais diferentes, traz a participação especial de Kirk Hammett (Metallica) além de três vocalistas que passaram pelo MSG (Michael Schenker Group): Gary Barden, Graham Bonnet e Robin McAuley. Doggie White, que toca no Michael Schenker's Temple Of Dog, também participa do álbum. O primeiro single do sucessor do "Michael Schenker Fest Tokyo", álbum ao vivo gravado em agosto de 2016 e lançado em março deste ano será da faixa "Warrior", que estará disponível semanas antes do lançamento do disco, e será lançado juntamente com um vídeo mostrando os bastidores da gravação.

Dave Grohl: músico faz mashup de Metallica com Frozen; veja
01/11/2017

Dave Grohl, frontman do Foo Fighters, dedicou a sua noite de Halloween - última terça-feira (31) - a algo especial. Ele se vestiu de David Letterman para co-apresentar o talkshow "Jimmy Kimmel Live!". Além de apresentar parte do programa, Dave Grohl também fez, ao lado da atriz Kristen Bell, um mashup de músicas do Metallica e do filme "Frozen". A dupla juntou "Enter Sandman" à canção "Do You Want To Build A Snowman", da animação infantil, confira: Veja: https://www.youtube.com/watch?v=tV_0KDRk-w4.

Lobão: veja entrevista no Jovem Pan Morning Show
01/11/2017

LOBÃO nesta terça-feira (31/10) foi entrevistado no programa radiofônico Jovem Pan Morning Show, que é apresentador pelo ex-VJ Edgard Picolli, e falou sobre o crowdfunding do vindouro álbum "Antologia Politicamente Incorreta dos Anos 80 pelo Rock" além do processo de escolha das canções, o veto dos REPLICANTES ao uso de "Surfista Calhorda" e ainda mostrou algumas canções como a versão de "Leve Desespero" do CAPITAL INICIAL. Veja o vídeo da entrevista com LOBÃO: https://www.youtube.com/watch?v=Uqu7AZfcjtU.

Watain: confira capa, tracklist e música do próximo álbum
01/11/2017

A banda sueca de black metal WATAIN irá lançar seu novo álbum de estúdio, intitulado "Trident Wolf Eclipse", no dia 5 de janeiro de 2018. Ele estará disponível nos formatos LP, CD padrão, CD digipack limitado, digitalmente, assim como em uma edição limitada de luxo de 3 mil cópias. Confira a seguir o vídeo da música "Nuclear Alchemy", tracklist e capa de "Trident Wolf Eclipse": https://www.youtube.com/watch?v=qGPYb2y_PDA. Tracklist de "Trident Wolf Eclipse": 01. Nuclear Alchemy (3:10); 02. Sacred Damnation (4:41); 03. Teufelsreich (4:26); 04. Furor Diabolicus (4:43); 05. A Throne Below (4:09); 06. Ultra (Pandemoniac) (4:01); 07. Towards The Sanctuary (4:54) e 08. The Fire Of Power (4:42).

Tony Iommi: médico dele disse que câncer provavelmente voltará
01/11/2017

O guitarrista Tony Iommi, consagrado por seu trabalho com o Black Sabbath, afirmou que seu câncer provavelmente voltará. O músico falou sobre o assunto em entrevista ao site Loudwire. Iommi foi diagnosticado com linfoma em meados de 2012, pouco após o Black Sabbath ter anunciado um disco e turnê de reunião. O guitarrista passou por tratamento e, em 2016, havia revelado que o tumor estava em remissão. "Para mim, ele (o câncer) nunca vai embora, sempre estará aqui. Segundo meu oncologista, é provável que o câncer volte. Mas vivo dia após dia, e cada dia é uma vitória. Vamos ver. Espero que não volte, mas nunca se sabe", afirmou.
Ao Loudwire, Iommi também falou sobre as complicações em manter-se na estrada após o câncer. "Desde que fui diagnosticado, tenho cuidado ao não ficar acordado até tão tarde e descansar, algo que eu não fazia, pois estávamos viajando após os shows. Ao chegar no hotel, já são 3 ou 4 da manhã. E eu acordo cedo, então não durmo muito. Mas não há nada a se reclamar. Adoro partir para a estrada, estar na banda, este é só o outro lado", disse. Confira: https://www.youtube.com/watch?v=Mec1wAGsQG8

Annihilator: confira o vídeo de "Pieces Of You", do novo álbum
01/11/2017

A banda canadense de thrash metal ANNIHILATOR irá lançar seu décimo sexto álbum de estúdio, intitulado "For The Demented", no dia 3 de novembro, via Neverland Music/Silver Lining Music. Confira a seguir o videoclipe oficial da música "Pieces Of You", presente no novo álbum: https://www.youtube.com/watch?v=CQSehIcwn6Y. Tracklist de "For The Demented": 01. Twisted Lobotomy; 02. One To Kill; 03. For The Demented; 04. Pieces of You; 05. The Demon You Know; 06. Phantom Asylum; 07. Altering The Alter; 08. The Way; 09. Dark; 10. Not All There.

Iron Maiden: no começo, Bruce e Steve se estranhavam no palco
01/11/2017

Em um trecho da autobiografia de Bruce Dickinson, "What Does This Button Do?", publicado pelo Ultimate Classic Rock, o vocalista lembra que o Iron Maiden estava contra a parede quando começou a trabalhar em seu terceiro álbum, "The Number of the Beast", lançado em 1982, e que seria seu primeiro trabalho com a banda. Na ocasião, eles tiveram cinco semanas para gravar e mixar o disco, e escolher um single que seria gravado antes de tudo, junto com alguma faixa para ser usada no lado-b do compacto. Estar em uma banda com a demanda de atingir o topo era como estar em uma montanha russa. A diferença no nosso caso é que a montanha russa não parava ou sequer diminuíra o ritmo em cinco anos. Havíamos conquistado a tortuosa escalada e agora estávamos na beira do precipício. Cinco anos seguidos sob tamanha pressão poderiam afetar seriamente qualquer equilíbrio interno que você pudesse ter. Por hora estávamos apenas apreciando o movimento.
Praticamente assim que foi mixado, o single "Run to the Hills" foi lançado e vendeu cerca de 250.000 cópias no Reino Unido. Antes do álbum ser lançado oficialmente, estávamos no meio de uma turnê no Reino Unido, e começamos a dura rotina que seguiria ao longo dos próximos anos. Nossa agenda era ridícula: oito shows, um dia de folga, sete shows, um dia de folga e assim por diante. Eram shows de duas horas de duração, e os vocais não eram os mais fáceis do mundo. A configuração de palco causou confusão logo no começo. Eu pensava de forma tradicional, tipo, se eu estou cantando eu fico na frente, se você está fazendo o solo você vai pra frente, coisa assim.
Mas Steve Harris tinha outras ideias. Ele queria ficar na frente de todos e correr por todo o palco. Eu não aceitava, não iria ficar soltando minha voz por trás da cabeça do baixista. E os monitores que usávamos estavam espalhados na frente do palco, então não sobrava espaço pra eu me posicionar. Fizemos a passagem de som, depois o show em si. Minha primeira atitude foi mover meus monitores para a frente e centro do palco. Steve resmungou, e os roadies levaram os monitores de volta. E eu os movi novamente para o centro. Daí eu estava cantando e senti metade de um baixo me cutucando no nariz, pois eu estava claramente ultrapassando alguma zona que havia sido demarcada pra mim. Minha reação foi passar a usar um microfone com um longo suporte, parecendo a base de uma antena de TV. Em minha visão periférica eu podia enxergar Steve vindo em minha direção, daí eu posicionava o suporte como se fosse uma espécie de armadilha para segurar o ataque do baixista. Eu tinha alguns truques na manga.
A gota d'água veio quando tocamos nos Newcastle City Hall. Estávamos na estrada desde o começo da madrugada, pois Rod (Smallwood, empresário) achou que seria uma boa ideia filmar o vídeo de "The Number of the Beast" durante o dia, imediatamente antes do show. Trouxemos dançarinas para usar como extras, com o 666 preso nas costas. Acho que foi minha a ideia. Ainda era realizada a filmagem enquanto o público entrava no local. Claro que estávamos todos exaustos. Subimos ao palco, um palco bem pequeno, e Steve e eu passamos o show encarando um ao outro como dois animais selvagens prontos para se atracar. Rod teve que nos separar nos bastidores. Estávamos prestes a engalfinhar um com o outro. Steve gritava que eu tinha que ir embora enquanto Rod nos separava. Bem, eu acabei não indo. Não podem dizer que não foram avisados, rapazes - as coisas serão um pouco diferentes. Vivam com isto. Chegamos a um acordo sob a posição dos microfones e monitores, e definimos que, em caso de alguém entrando na frente do outro, as boas maneiras deveriam estar acima de tudo. Foi um avanço pequeno, mas nos direcionou para um novo caminho em termos de teatralidade e apresentação

Metallica faz tributo ao Black Sabbath em Birmingham
01/11/2017

Durante show no Genting Arena em Birmingham, na Grã-Bretanha, terra natal do Black Sabbath, o Metallica fez um tributo à banda de Iommi & Cia com o guitarrista Kirk Hammett e o baixista Robert Trujillo tocando "War Pigs" durante a parte onde eles improvisam seus solos. Entusiasmado, o público ajudou a dupla cantando a música. Confira o momento histórico no vídeo: https://www.youtube.com/watch?v=u3LixwuJgDc. Lars Ulrich e James Hetfield - curiosamente os dois membros do Metallica que não participaram da jam - induziram o Black Sabbath ao Hall da Fama do Rock em 2006.

Burnkill se apresentará no dia 04 de novembro ao lado do Silence em Pouso Alegre, MG
31/10/2017

Dia 04 de novembro, no sábado, a cidade de Pouso Alegre, em Minas Gerais, será sede de um evento com duas bandas pratas da casa que farão tremer a cidade. A banda Burnkill será uma das atrações. Praticando o Death/Thrash Metal visceral cantado em português que vem sendo reconhecido Brasil afora graças a aceitação dos fãs e da crítica especializada, o grupo formado por Antony Damien (vocais), Lucas Maia (guitarras), Pedro Hoffmann (contrabaixo) e Anderson Lima (bateria) continua a promover seu trabalho de estreia, o álbum “Guerra E Destruição” ( leia resenha ).

A outra atração da noite será a banda Silence. Praticando um Heavy/Power Metal com influências dos grandes nomes do estilo, o grupo estará nesta noite tocando o que de melhor existe em seu repertório. O evento com as bandas Burnkill e Silence acontecerá na Whells Rock e Café, localizado na Avenida Pinto Cobra, nº 100, em Santa Luzia, na cidade de Pouso Alegre. A entrada é franca! ACOMPANHE O BURNKILL: Facebook: https://www.facebook.com/burnkillofficial/; Roadie Metal Press: https://roadie-metal.com/press/burnkill/ e https://www.youtube.com/watch?v=QZjHVQvrhhk. Fonte: Gleison Junior (Assessor/Diretor) - Facebook Page Oficial: https://www.facebook.com/RoadieMetal/; Facebook Page Assessoria: https://www.facebook.com/roadiemetalassessoria/ e Site: http://roadie-metal.com/.

Prison Bäit: força do Hard n’ Heavy nacional se encontra neste momento em processo de composição de seu novo álbum
31/10/2017

A banda alagoana Prison Bäit (antiga Jäilbäit), um dos nomes mais representativos da atual safra Hard n’ Heavy nacional, se encontra desde o dia 21 de outubro em processo de composição de seu próximo trabalho. O vindouro álbum será o sucessor do debut da banda, “Who Da Fuck Are You”, trabalho que chamou fortemente a atenção da crítica nacional e que traz em seu cerne uma mescla de Hard Rock e Speed Metal, ensinado por nomes consagrados como Motörhead, Girlschool e AC/DC. Fundada em 2013 na cidade alagoana de Paripueira, o Jäilbäit já possui entre seus trabalhos não somente seu debut ( leia resenha ), como também dois clipes oficiais: “Born To Win” e “Take It Easy”, sendo que este último fez parte da coletânea em DVD Roadie Metal Volume 1, a primeira coletânea de clipes do Heavy Metal nacional. Recentemente, a banda precisou mudar seu nome para Prison Bäit, mas fez questão de preservar sua sonoridade ácida e com a essência d Rock n’ Roll. O Prison Bäit é formado por Zenitilde Neto (vocais), Tiago Godoi (guitarras), Wilson Santos (contrabaixo) e Cleyton Alves (bateria).
ACOMPANHE O PRISON BÄIT: Facebook: https://www.facebook.com/OfficialPrison/; Roadie Metal Press: https://roadie-metal.com/press/prison-bait/ e https://www.youtube.com/watch?v=k0vohGTWjWs. Fonte: Gleison Junior (Assessor/Diretor) - Facebook Page Oficial: https://www.facebook.com/RoadieMetal/; Facebook Page Assessoria: https://www.facebook.com/roadiemetalassessoria/ e Site: http://roadie-metal.com/.

NX Zero lança vídeo do novo DVD
31/10/2017

Faltando pouco para o lançamento de seu novo DVD, “Norte Ao Vivo”, o NX Zero apresenta hoje uma amostra do novo trabalho. O vídeo de “Nessa Cidade” https://youtu.be/iz3sQRvZ-tM, extraído do registro, já está disponível no canal da banda no YouTube. Essa é a primeira versão ao vivo da canção, lançada pouco antes da gravação do DVD em junho desse ano. O show, gravado na Audio (São Paulo), faz parte da turnê do seu último disco “Norte” (Deck/2016). As imagens foram dirigidas por Derick Borba, com codireção de Marcelo Borelli. Mais de 30 cinegrafistas estavam presentes para captar a energia da apresentação e dos fãs. “Norte Ao Vivo” estará disponível no YouTube a partir dessa sexta-feira (3) e em todas as lojas a partir do dia 10 de novembro. As 24 músicas gravadas no DVD já estão disponíveis em todas as plataformas digitais. Entre elas estão sucessos do último álbum, como “Meu Bem” e “Fração de Segundo”, e hits da carreira, como “Razões e Emoções” e “Cedo ou Tarde”. Mais informações: www.deckdisc.com.br e www.batucadacomunicacao.com.

Zombie Cookbook: clipe no dia das bruxas e camisetas no dia dos mortos
31/10/2017

Chegamos na semana favorita do ZOMBIE COOKBOOK: em apenas três dias é celebrado o dia das bruxas e o dia dos mortos o que, para eles, em uma analogia com seres humanos “comuns”, seria o Black Friday e o Natal juntos. “É uma época sempre feliz”, celebra o baterista Dr Freudstein, sem esconder a satisfação de poder celebrar no cemitério mais próximo. Claro que uma época dessas não poderia passar em branco para o ZOMBIE COOKBOOK e o grupo aproveita para, neste dia 31 de outubro, relançar seu premiado clipe ‘Motel Hell’ agora no Facebook, veja: https://www.facebook.com/zcbofficial/videos/1641982629174165/.
Já no dia 2 de novembro, dia de finados, a banda lança duas novas estampas para venda: uma com a arte de ‘Motel Hell’ e outra com a arte de ‘Among The Living… Dead’. Quem quiser reservar sua peita, já pode fazer por e-mail ou Facebook. O ZOMBIE COOKBOOK segue no estúdio ForestLab Studio, com o produtor Lisciel Franco, para finalizar o tão aguardado sucessor direto do álbum ‘Outside The Grave’ e dos Splits ‘Motel Hell’ e ‘Among The Living… Dead’. Mais detalhes do vindouro trabalho serão apresentados muito em breve! Contato: contato@zombiecookbook.com.br. Sites Relacionados: www.zombiecookbook.com.br; www.facebook.com/zcbofficial e www.metalmedia.com.br/zombiecookbook. Fonte: Metal Media.

Metalmorphose: banda convocando os fãs para show especial neste sábado!
31/10/2017

Está chegando uma das datas mais especiais desse ano para que apoia e segue o Metal nacional: um show especial e único que está sendo preparado pelo METALMORPHOSE. O lendário grupo irá tocar, talvez pela única vez, o álbum ‘Máquina dos Sentidos’ na íntegra! “Será uma oportunidade que talvez não se repita, então queremos todos os fãs e amigos lá!” - convoca o baterista André Delacroix. Além de tocar o ‘Máquina dos Sentidos’ na íntegra, o grupo estará vendendo também a versão em vinil do disco! São poucas cópias que vieram para o Brasil em um trabalho luxuoso em vinil colorido (diversas tonalidades peroladas) fabricado na Alemanha, encarte duplo com fotos e letras, e capa envernizada feita na Itália!
Se isso tudo não é o suficiente, vale ressaltar que além de tocar o disco na íntegra, o METALMORPHOSE também executará todos os seus clássicos! Um show realmente único. O grupo também tem um recado em vídeo convocando os headbangers: https://www.youtube.com/watch?v=6_WJlYj0AOU. Mais informações: https://goo.gl/dFSXNV e Contato: contato@metalmorphose.com.br.
 Sites relacionados: www.facebook.com/Metalmorphose e www.metalmedia.com.br/metalmorphose. Fonte: Metal Media.

Creptum: novo EP, ‘Reborn In Flames’, está disponível, ouça agora
31/10/2017

O novo EP de um dos nomes do Black Metal nacional que mais vem se destacando nos últimos tempos está disponível. Estamos falando do paulista CREPTUM e de seu novo trabalho ‘Reborn in Flames’. O trabalho foi lançado em formato digital e traz uma música inédita, intitulada ‘Reborn in Darkness’, e uma incrível versão para a música ‘Black Celebration’, clássico do Depeche Mode, “escolhemos ela como cover, por ter uma letra muito condizente com nossa visão e a música em si é ótima,” explicam. A música inédita ganhou inclusive um lyric video. Para conferir o EP gratuitamente, visite: https://www.youtube.com/watch?list=PLM9iDYg9UwN2ACEYMlden7AVq1sA04M2b&v=IiYvI-iGuO4.

Mais uma vez o CREPTUM apresenta um trabalho complexo, carregado de simbolismo e mistério. O vocalista Tanatos comenta: “A capa de ‘Reborn in Flames’ está diretamente ligada ao conceito da letra ‘Reborn in Darkness’, que aborda o ciclo de ascensão e queda da estrela Sirius, a mais brilhante estrela do céu noturno e carregada de simbolismo, elemento guia de diversos povos antigos, e seu contraponto com o Sol. Na imagem usada na capa (uma foto real divulgada pela NASA) é possível ver um astro em primeiro plano, tendo sua luz ofuscada pela estrela mais brilhante que surge reluzente por trás em um céu denso e negro: Renascido na escuridão, renascido em chamas…”
‘Reborn In Flames’ foi gravado no Wax Studio, produzido pela banda, com capa por Raphael Grizilli (Tanatos) e é sucessor do álbum ‘of lies, curses and blood’, lançado no ano passado pela Mutilation Records e extremamente bem-recebido pela crítica e pelos fãs. Contato: creptum@gmail.com. Sites relacionados: www.creptum.com; www.facebook.com/creptum e www.metalmedia.com.br/creptum. Fonte: Metal Media.

Transcendent: 15 anos de história em novo videoclipe, assista
31/10/2017

O TRANSCENDENT acaba de lançar um novo videoclipe. Mas diferente dos outros dois, ele não faz parte das faixas de seu álbum ‘Awakening’. Este novo clipe tem um significado especial para o grupo paulista: a música em questão é ‘By Your Side’, primeira composição do grupo há quinze anos! “Há 15 anos era composta aquela que veio a ser a primeira música do Transcendent, que foi gravada e lançada na demo ‘Crucify’ de 2006. Hoje compartilhamos essa nova versão, de comemoração! Esperamos que gostem!”. Confira: https://www.youtube.com/watch?v=bWaoFEpXKCQ.
A nova versão de ‘By Your Side’ foi gravada no PSP Estúdio, produzida por Tiago Pollon e o clipe foi dirigido por Paula Alvares. O TRANSCENDENT segue também divulgando ‘Awakening’, que tem sido recebido de forma extremamente positiva pela mídia especializada. O disco foi gravado no estúdio PSP e produzido por Tiago Pollon, destaque para a masterização feita pelo lendário produtor Andy Vandette, que já trabalhou com bandas como Rush, Deep Purple e Tool. Do álbum foram retirados dois videoclipes, ‘Second Breath’ e o recém-lançado ‘Welcome’, ambos dirigidos por Paula Alvares:
Welcome: YouTube: https://www.youtube.com/watch?v=LZ2Yt3rVvQY e Facebook: https://www.facebook.com/transcendentrock/videos/1816717221676182/.
Second Breath: YouTube: https://www.youtube.com/watch?v=qREq6qOsbvg e Facebook: https://www.facebook.com/transcendentrock/videos/1800239849990586/.
‘Awakening’ também está disponível para audição pelo Spotify: https://open.spotify.com/album/2YdM8EMZaVx0ffR4HZPLYE. ontato: transcendent.rock@gmail.com. Sites Relacionados: www.facebook.com/transcendentrock e www.metalmedia.com.br/transcendent. Fonte: Metal Media.

Krucipha: atração no volume 3 da coletânea do site O Subsolo
31/10/2017

O terceiro volume da coletânea organizado pelo site O Subsolo é focado no Metal e conta com o paranaense KRUCIPHA como uma das atrações. A coletânea foi lançada de forma física e visa expandir os horizontes dos fãs de música pesada mesclando em 20 faixas grandes nomes e promessas do cenário metálico nacional. Entre os participantes, nomes como Endrah, HellArise, Infestatio, Alkanza, Core Divider e muitos outros. O KRUCIPHA integra o trabalho com uma música de seu vindouro álbum, ‘Inhuman Nature’, que leva o título de ‘Mass Catharsis’. Saiba mais pelo link: https://goo.gl/NNAUjL.
O KRUCIPHA segue na reta final para o lançamento de ‘Inhuman Nature’ e ainda precisa do apoio de seus amigos, fãs e apoiadores! O dinheiro arrecadado pelo financiamento ajudará o KRUCIPHA a terminar de pagar os investimentos feitos na gravação e prensagem do disco. Não deixe de apoiar o projeto. Mais recompensas estão sendo adicionadas semanalmente e podem ser conferidas pelo Facebook oficial do grupo: https://www.facebook.com/krucipha/. Quem ainda não apoiou a campanha, assim como quem já o fez, mas quer mais uma dessas recompensas, pode fazer visitando o link: https://www.catarse.me/krucipha_inhuman_nature. O grupo lançou um teaser que apresenta trechos de todas as faixas e o tracklist de ‘Inhuman Nature’, assista: https://www.youtube.com/watch?v=AQagTXJLCzQ. Contato: krucipha@krucipha.com. Sites Relacionados: www.krucipha.com; www.facebook.com/krucipha e www.metalmedia.com.br/krucipha.  Fonte: Metal Media.

Bellini: essência do rock brasileiro em álbum homônimo
31/10/2017

O cantor e compositor BELLINI disponibilizou o álbum homônimo “Bellini” para audição e streaming nas lojas Spotify, iTunes, Deezer, Amazon e Tonlist. Spotify - http://spoti.fi/2yaxOzX; iTunes - http://apple.co/2zltRwO; Deezer - http://bit.ly/2zTOMDy; Amazon - http://amzn.to/2z1tNly; Tonlist - http://bit.ly/2z5fiwB. O disco foi gravado, produzido e arranjado por Dammtunes, mixado e masterizado no estúdio Urca Music, Rio de Janeiro/RJ e distribuído digitalmente pela Warner Chappell Digital. Acompanhe Bellini no facebook: www.facebook.com/bellinirock.

Armahda se apresentará no Thorhammerfest 2017
31/10/2017

Dando uma pausa no trabalho de composição e preparação de seu segundo álbum, o ARMAHDA será uma das atrações nacionais da edição desse ano do Thorhammerfest, principal festival do segmento no país. O evento acontece nos dias 14 e 15 de novembro e o grupo paulista se apresentará no dia 15 ao lado dos também brasileiros Pagan Throne, Lóchrann e Opus Tenebrae e das atrações internacionais Zrymgöll, Ereb  Altor e Skyforger. O ARMAHDA prepara um set especial, mais voltado para seu lado Folk. Todas as informações do evento podem ser conferidas pelo link: https://www.facebook.com/events/1750567745209133/. Como dito, o ARMAHDA segue compondo para seu segundo disco, sucessor do aclamado debuto autointitulado de 2013. No ano passado a banda lançou um single inédito para a música ‘Last Farewell’, que disponível nas principais plataformas digitais do mundo, confira alguns links: iTunes: https://itunes.apple.com/br/album/last-farewell-single/id1175858246; CdBaby: http://www.cdbaby.com/cd/armahda2 e Spotify: https://open.spotify.com/album/4LFzEdy9VKWVD0DFr834At. Contato: armahdametal@gmail.com. Sites relacionados: www.facebook.com/Armahda e www.metalmedia.com.br/armahda. Fonte: Metal Media.

Hipercubo: preparando para levar o Rock and Roll Sinuca Bar abaixo!
31/10/2017

Galera de Novo Hamburgo/RS e região marquem a data: dia 10 de novembro é dia de muito Rock n’ Roll com a HIPERCUBO. A banda está preparando um repertório muito especial para o show que contará com clássicos do Rock/Hard mundial e claro, clássicos do grupo gaúcho! A apresentação será no tradicional Rock and Roll Sinuca Bar com ingressos custando míseros R$10,00.

“Será um show muito especial e com muita festa, queremos todos os fãs de Rock n’ Roll e Hard Rock celebrando conosco!” - convida o vocalista J. Kid. Mais informações sobre o evento pelo link: https://www.facebook.com/events/485693501803370/. A HIPERCUBO segue promovendo o álbum ‘Trem da Loucura’ e recentemente lançou um novo videoclipe - repleto de cenas quentes - para a faixa ‘Helena’, uma das favoritas do público: https://www.youtube.com/watch?v=Y6UPY79xm48. Quem preferir pode conferir o clipe no Facebook também: https://www.facebook.com/HipercuboOficial/videos/1061442993958067/.
‘Trem da Loucura’, primeiro disco completo da HIPERCUBO, lançado em 2015 para uma ótima recepção do público e crítica. O material foi produzido por Sebastian Carsin, gravado, mixado e masterizado no Estúdio Hurricane em Porto Alegre/RS. A capa ficou por conta de Alexandre Machado. O disco está disponível nas principais plataformas de música digital do mundo, confira alguns links:
Spotify: https://open.spotify.com/track/7Ax8V2gJxZwr43d526IfXZ
iTunes: https://itunes.apple.com/br/album/trem-da-loucura/id1033913687
Google Play: https://goo.gl/ZVVjTT
Deezer: http://www.deezer.com/br/album/11101850
Amazon: https://www.amazon.com/Trem-Loucura-Explicit-Hipercubo/dp/B014IXWR6O/
Contato: hipercubomusic@live.com. Sites Relacionados: www.facebook.com/HipercuboOficial e www.metalmedia.com.br/hipercubo. Fonte: Metal Media.

Elizabethan Walpurga: um ano de ‘Walpurginascht’ e entrevista na Roadie Crew
31/10/2017

Exatamente no dia 30 de outubro do ano passado, o ELIZABETHAN WALPURGA lançava, após 22 anos de história, seu primeiro álbum completo. Batizado de ‘Walpurgisnacht’ o trabalho saiu primeiramente em formato digital nas principais distribuidoras de música do mundo. E a reação foi positiva. O ELIZABETHAN WALPURGA conseguiu em suas composições um grande equilíbrio entre o Heavy Metal mais tradicional e o Black Metal, criando algo único, de fácil identificação. “Sem dúvidas um dos melhores discos do Metal nacional do ano e no geral também,” como citado em resenha pelo renomado site Arte Metal. “Estamos muito felizes e muito orgulhosos com este trabalho, fizemos o melhor possível no momento e queremos agradecer o suporte de todos durante esse primeiro ano de existência de ‘Walpurginascht’” - celebra a banda. A versão digital de ‘Walpurgisnacht’ pode ser encontrada nas principais distribuidoras de música digital do mundo, confira alguns links:
Amazon: https://goo.gl/sH23UP; Spotify: https://goo.gl/EyhBIl; iTunes: https://goo.gl/OHPeqf; Deezer: https://goo.gl/HJkqZY e Google Play: https://goo.gl/PhURyu. Tempos depois, em abril desse ano, o álbum ganhou uma versão física, lançada pela renomada Shinigami Records. O trabalho também está à venda nas principais lojas, no site do selo e diretamente com a banda por e-mail e Facebook. O ELIZABETHAN WALPURGA também está presente na nova edição da revista Roadie Crew, em uma belíssima entrevista para a seção Cenário. A edição é a #225 e está disponível nas bandas e no site www.roadiecrew.com. Recentemente o grupo também lançou um lyric video para a faixa ‘Infernorium’: https://www.youtube.com/watch?v=SrC-3Z6ev3A. Contato: elizabethan.walpurga@gmail.com. Sites relacionados: www.facebook.com/elizabethan.walpurga e www.metalmedia.com.br/elizabethanwalpurga. Fonte: Metal Media.

Endrah: novo single na compilação d’O Subsolo
31/10/2017

O ENDRAH é um dos nomes presentes na nova compilação, terceira, organizada pelo site especializado O Subsolo. O compilado, lançado de forma física, visa expandir os horizontes dos fãs de música pesada e mescla em 20 faixas grandes nomes e promessas do cenário metálico nacional. Entre os participantes, nomes como Krucipha, HellArise, Infestatio, Alkanza, Core Divider e muitos outros. O ENDRAH está presente com o recém-lançado single ‘Your Life Deleted’. Saiba mais pelo link: https://goo.gl/NNAUjL. ‘Your Life Deleted’ marca também a estreia do novo baterista do grupo, Henrique Pucci, ex-integrante das bandas Paura e Project46. O trabalho foi produzido por Tiago Hospede e conta com arte de capa por Hugo Silva (Abacrombie Ink). Um vídeo para o single foi lançado: https://www.youtube.com/watch?v=MF1xxvnhU6w. Contato: contato@endrah.com. Sites relacionados: www.endrah.com; www.facebook.com/endrah e www.metalmedia.com.br/endrah. Fonte: Metal Media.

One Thousand Dead é uma das atrações da sexta edição do Ipaussu Rock Fest ao lado de Project 46 e Nervosa
31/10/2017

No fim de semana dos dias 11 e 12 de novembro, acontecerá na cidade paulista de Ipaussu a sexta edição do Ipaussu Rock Fest, que terá a presença de grandes nomes do Metal nacional, além de forças regionais do Rock paulista. Uma das atrações do VI Ipaussu Rock Fest será a banda One Thousand Dead, da cidade paulista de Agudos. Uma das principais forças da cena Thrash Metal do interior paulista, o quarteto formado por Bruno Rondina (vocais), Vagner Pereira (guitarras), Ricardo Quintanilha (contrabaixo) e Robson Pereira (bateria) estará no festival apresentando as músicas de seu EP de estreia, “Infernizando”, além de novas composições que estarão presentes no primeiro full-length da banda. Para os dois dias de festival, estão escaladas as seguintes bandas:
Sábado, 11 de novembro: Project 46, Vandroya, Madame V8, Cavera Trincada, Mr. Rocks, Motörizer (Motörhead cover), Ozz (Ozzy Osbourne cover), Children Of The Beast (Iron Maiden cover)
Domingo, 12 de novembro: Nervosa, One Thousand Dead, Dark Mind, Haaley Alves, Iron Heads, Dirty Jack (AC/DC cover), Capitão Bier (Pantera cover).
O VI Ipaussu Rock Fest será realizado às margens do lago municipal da cidade e a entrada será 1 Kg de alimento não perecível. Além das atrações musicais, haverá praça de alimentação, áreas específicas para camping, para motoclubese para encontro de carros antigos. Fora isso tudo, estará presente no evento Jason Predador, para aterrorizar todos os presentes no Festival. Fonte: Gleison Junior (Assessor/Diretor) - Facebook Page Oficial: https://www.facebook.com/RoadieMetal/; Facebook Page Assessoria: https://www.facebook.com/roadiemetalassessoria/ e Site: http://roadie-metal.com/.   

Patrick Pedroso: revelação do Rock Instrumental se apresenta em sua cidade-natal, Joaçaba, no dia 07 de novembro
31/10/2017

O guitarrista brasileiro Patrick Pedroso, um dos guitarristas revelações do Rock Instrumental brasileiro dos últimos tempos, fará uma apresentação na cidade catarinense de Joaçaba, sua terra-natal, no dia 07 de novembro, uma terça-feira. A apresentação de Patrick Pedroso será no teatro Alfredo Sigwalt, e começará a partir de 20:30. Na ocasião, o guitarrista apresentará seu espetáculo “Labirinto Musical”, onde apresentará as composições de seu trabalho de estreia, o álbum Labyrinth, de 2015 ( confira resenha ). Patrick começou a tocar guitarra aos 15 anos influenciado por grandes nomes do instrumento como Steve Vai, Tony Macalpine e Eduardo Ardanuy, dentre outros. O músico já está nos trabalhos de pré-produção de seu segundo full-length, que tem previsão de lançamento para 2018. Até lá, o músico já prometeu uma prévia: lançará um EP com três músicas, sendo duas inéditas e a regravação de uma das faixas de “Labyrinth”. O EP será lançado e disponibilizado gratuitamente pelo site Roadie Metal. ACOMPANHE O GUITARRISTA PATRICK PEDROSO: Facebook: https://www.facebook.com/patrickpedrosogt/ e Roadie Metal Press: https://roadie-metal.com/press/patrick-pedroso. Youtube: https://www.youtube.com/watch?v=nqdiXhePaZo. Fonte: Gleison Junior (Assessor/Diretor) - Facebook Page Oficial: https://www.facebook.com/RoadieMetal/; Facebook Page Assessoria: https://www.facebook.com/roadiemetalassessoria/ e Site: http://roadie-metal.com/.


Armored Dawn supera 1 milhão de views em único videoclipe no Youtube
31/10/2017

O Armored Dawn, um dos novos expoentes do metal brasileiro no exterior, continua registrando impressionantes e expressivos números em sua carreira. Prestes a cair na estrada para mais uma importante série de apresentações, o grupo bateu a marca de 1 milhão de views, no Youtube, com o videoclipe de “Sail Away”, primeiro single do tão aguardado novo álbum “Barbarians in Black”. O vídeo contou com épica superprodução cinematográfica em clima medieval, com a participação de atores, figurantes e até um falcão, que trabalharam sob a direção de Micka, da produtora Ideia House. Além disso, a música tem figurado constantemente nas 10 músicas mais tocadas na programação da KISS FM. Confira o clipe https://www.youtube.com/watch?v=STM8NaGKCmM.

Formado em 2014, em São Paulo (capital), o Armored Dawn já alçou voos exemplares para um grupo com tão pouco tempo de estrada. Eles já dividiram palco com nomes importantes como Megadeth, The Offspring, Tarja, Sabaton, Symphony X, Rhapsody, Marillion e até Texas Hippie Coalition. Além disso, realizaram importante tour pela Europa ao lado do Fates Warning e, até então, foram a única banda brasileira a tocar no Motörboat, o tradicional e concorrido Cruzeiro do Motörhead. Neste momento, a banda definindo os últimos detalhes para o lançamento do novo álbum “Barbarians in Black”. Este trabalho tem 10 poderosas composições e traz toda a responsabilidade de superar a bela receptividade do elogiado debut “Power Of Warrior”. A produção teve a assinatura de Bruno Agra (We are Harlot), mixagem do renomado Kato Khandwala (The Pretty Reckless, Papa Roach) e masterização de Ted Jensen (Metallica, AC/DC, KISS, Muse, Duran Duran, The Rolling Stones, Madonna, Eric Clapton, Frank Sinatra, a-ha, Alice in Chains, Pantera, entre outros). Provando por que é um dos grupos mais ativos do cenário nacional na atualidade, o Armored Dawn, até então, tem os seguintes compromissos agendados:
01/11 - Tropical Butantã - São Paulo, Brasil (w/De La Tierra)
03/11 - Teatro Vorterix - Buenos Aires, Argentina (w/De La Tierra)
05/11 - Blondie - Santiago, Chile (w/De La Tierra)
19/11 - Carioca Club - São Paulo, Brasil (Dark Dimensions Folk Festival)
20/11 - Hermes Bar - Curitiba, Brasil (Dark Dimensions Folk Festival)
24/02/17 - Heathen Rock Fest - Hamburgo, Alemanha
Links relacionados: https://www.facebook.com/ArmoredDawn e https://www.facebook.com/UltimateMusicPR. Fonte: Costábile Salzano Jr - THE ULTIMATE MUSIC - PR - https://www.facebook.com/UltimateMusicPR; http://twitter.com/ultimatemusicpr e https://www.facebook.com/costabile.salzano.

AttracthA: show gratuito com Noturnall em Varginha
31/10/2017

Em processo de divulgação do álbum de estreia “No Fear to Face what’s Buried Inside You” (2016), o ATTRACTHA confirmou apresentação ‘gratuita’ ao lado do Noturnall no próximo dia 23/11 (quinta-feira) a partir das 20h em Varginha/MG, com participação especial de Henrique Pucci (ex-Project46) e Mike Orlando (Adrenaline Mob). Data: 23/11 (quinta-feira) às 20h com entrada gratuita. Acompanhe Attractha no facebook www.facebook.com/AttracthA.

Torture Squad: assista vídeo das gravações de baixo de duas músicas de "Far Beyond Existence"
31/10/2017

Um dos maiores nomes do Metal Extremo brasileiro, o Torture Squad, liberou em seu canal oficial do YouTube um vídeo dos bastidores das gravações das linhas de baixo de duas músicas que compõem o álbum “Far Beyond Existence” lançado recentemente em toda a Europa e Brasil. O disco que está sendo muito bem aceito em todo o mundo, vem recebendo críticas positivas do público e imprensa, considerado por muitos como o melhor álbum lançado em 2017. O álbum já obteve um tour brasileira e essa semana o grupo viaja para a Argentina com quatro datas confirmadas nos distritos próximos à Buenos Aires. Castor que é baixista desde os 15 anos de idade, ingressou no Torture Squad aos 16 e fez parte, juntamente com Amilcar Christófaro, de todos os registros feitos pelo grupo em seus quase 25 anos de carreira. O músico sempre é figura marcante nas principais eleições de melhores do ano, votações essas organizadas pela imprensa brasileira, o músico é sempre eleito entre os melhores devido sua alta técnica e controle sobre o instrumento.
No vídeo liberado pelo grupo, o músico e baixista Castor, é filmado nas gravações das músicas “Hate” e “Don’t Cross My Path”, ambas registradas no disco “Far Beyond Existence”, obtendo um baixo “Aristides, Maeca Holandesa” de cinco cordas, é possível ver toda sua técnica e velocidade. Questionado sobre o porquê de utilizar um baixo de cinco cordas, Castor disse que isso é muito da necessidade de cada músico: “Esse baixo só é fabricado com 5 cordas, e isso me auxilia muito nos arranjos do Torture Squad, principalmente quando quero um impacto junto com o surdo da bateria, isso permite poder optar por várias opções de graves e agudas”.  Uma das principais qualidades do instrumento tocado por Castor, é que o corpo do baixo “Aristides” não é de madeira e sim de uma fibra de “Arium” desenvolvida pela marca, o principal ponto positivo nessa nova tecnologia é que o instrumento não empena e é super-resistente. Confira o vídeo dos bastidores das gravações de baixo de “Far Beyond Existence”: https://www.youtube.com/watch?v=w08IAiFxSPc.
A banda embarca nessa quarta-feira (01/11) rumo a Argentina para os shows: 02/11 - Martinez - City Bar; 03/11 - Floresta - Pana Rock; 04/11 - Moreno - Barrocko; 05/11 - Jose C. Paz - Zorba Rock. Torture Squad é formada por: Mayara Puertas: Vocal; Rene Simionato: Guitarra; Castor: Baixo; Amilcar Christófaro: Bateria. Mais informações: Site Oficial: www.torturesquad.net.br; Facebook: www.facebook.com/torturesquad; YouTube: www.youtube.com/torturesquadband e Roadie Metal Press: https://roadie-metal.com/press/torture-squad/. Fonte: Gleison Junior (Assessor/Diretor) - Facebook Page Oficial: https://www.facebook.com/RoadieMetal/; Facebook Page Assessoria: https://www.facebook.com/roadiemetalassessoria/ e Site: http://roadie-metal.com/.

Dark Dimensions Folk Festival divulga programação oficial das edições em São Paulo e Curitiba
31/10/2017

Já começou a contagem regressiva para as duas edições do Dark Dimensions Folk Festival, evento que traz importantes nomes do heavy metal com elementos da música celta/escandinava ao Brasil. A organização revelou recentemente os tão aguardados horários das atrações que vão se apresentar em São Paulo (19/11 - Carioca Club) e Curitiba (20/11 - Hermes Bar). Serão sete horas ininterruptas com bandas de quatro países diferentes. O Dark Dimensions Folk Festival traz a consagrada banda finlandesa norueguesa Enslaved e a sensação do atual cenário mundial Elvenking (Itália). Além disso, os fãs terão o privilégio de conferir a especial performance do Kalevala. Quem promete roubar a cena é a banda brasileira Armored Dawn, um dos nomes que mais crescem no cenário internacional na atualidade. Os ingressos em ambas as capitais continuam à venda pelo site do Clube do Ingresso (http://www.clubedoingresso.com) e pontos autorizados pela empresa em São Paulo, Osasco, São Caetano do Sul, Santo André, Curitiba e Rio de Janeiro (http://www.clubedoingresso.com/ondecomprar). Links relacionados: https://www.facebook.com/Ensiferum; https://www.facebook.com/elvenking.official; https://www.facebook.com/Kalevalafolk; https://www.facebook.com/ArmoredDawn; https://www.facebook.com/darkdimensionsbrasil e https://www.facebook.com/UltimateMusicPR. Fonte: Costábile Salzano Jr - THE ULTIMATE MUSIC - PR - https://www.facebook.com/UltimateMusicPR; http://twitter.com/ultimatemusicpr; https://www.facebook.com/costabile.salzano.

[HEAVY METAL ONLINE] Documentário: “Por que o Metallica é tão grande?”
31/10/2017

Mais um grande documentário do, já conhecido, programa web televisivo HEAVY METAL ONLINE. Intitulado com a pergunta “Por que o Metallica é tão grande?”, o mais novo trabalho do canal, capitaneado pelo apresentador Clinger Carlos Teixeira, traz diversos depoimentos focados na estratégia de trabalho usada pelo lendário Metallica e o que fez esta banda se tornar um ícone no Metal mundial. “Não é um documentário que vai contar a história do Metallica, como temos muitos nas redes sociais. Iremos tentar entender o porquê eles se tornaram tão grandes e bandas da mesma geração e tão boas quanto, não chegaram onde o Metallica chegou.” - Comenta o idealizador do projeto Clinger Carlos Teixeira. Assista agora: https://www.youtube.com/watch?v=1N4SDTtzVfE.
Entrevistas: Antônio Celso Barbieri, Ideraldo Maia, Dewindson (Wolfheart), Jairo Guedz (The Mist), Alexandre Melo, Lucas Gurgel, Brian Tatler (Diamond Head), Alisson Zakka, Valcir Chalas (Woodstock Discos) e Cliff Biard. Para conferir os programas anteriores: https://www.youtube.com/user/heavymetalonline/videos.Contato: contato@heavymetalonline.com.br. Sites relacionados: http://www.sanguefrioproducoes.com/; http://heavymetalonline.com.br/ e https://www.facebook.com/heavymetalonline.br. Fonte: Sangue Frio Produções.


Blackning faz estreia internacional com turnê pela Europa
31/10/2017

A banda paulista de thrash metal Blackning vai excursionar pela primeira vez fora do Brasil em uma série de 16 shows por sete países da Europa. A turnê, que começa no dia 2 de novembro, faz parte dos trabalhos de divulgação do disco mais recente, Alienation. O quarteto formado por Cleber Orsioli (vocal/guitarra), Zozi Fernando (guitarra), Ricardo Brigas (baixo) e Elvis Santos (bateria) passará por Alemanha, Polônia, República Checa, Rússia, Holanda, Bélgica e França. A banda mantém o giro até 19 de novembro. Simultaneamente a agenda internacional, a Blackning lançou um EP intitulado 'Eyes in The Mirror' de canções inéditas e uma releitura para a música Mean Machine do Motörhead lançada pelo conjunto no ano passado somente pela internet. 'Eyes in The Mirror' já está disponível nas principais plataformas digitais de música.

Com a Alienation Tour, Blackning tem percorrido desde 2016 Norte, Nordeste e Sudeste do Brasil e com a passagem pela Europa inaugura em grande escala de shows sua nova formação que de trio passou a quarteto após a saída este ano do baixista Francisco Stanich e entrada de Zozi Fernando e Ricardo Brigas, que divide os trabalhos com sua outra banda, Worst. Acompanhe a passagem da banda pela Europa nas redes sociais: www.facebook.com/blackningmetal e www.instagram.com/blackning.thash. Confira as datas da Alienation Tour pela Europa:
02/11 - ALEMANHA - BERLIM - KÖPI 137
03/11 - REPÚBLICA TCHECA - KOLÍN - POD HODINAMA
04/11 - POLÔNIA - SLUPSK - MOTOR ROCK PUB
05/11 - POLÕNIA - POZNAN - POD MINOGA
07/11 - RÚSSIA - MOSCOU - PEAK SOUND
08/11 - RÚSSIA - MOSCOU - NIGHT TRAIN
09/11 - RÚSSIA - NIZHNY NOVGOROD - VARVAR PUB
10/11 - RÚSSIA - CHEBOKSARY - SK BAR
11/11 - RÚSSIA - KAZAN - NORA
12/11 - RÚSSIA - ULIANOVSK - BIKER CLUB HOUSE
13/11 - RÚSSIA - ARZAMAS - URAN CLUB
15/11 - ALEMANHA - KÖLN - SONIC BALLROOM
16/11 - HOLANDA - GOUDA - STUDIOGONZ
17/11 - BÉLGICA - IEPER - VORT’N VIS
18/11 - FRANÇA - BAILLEUL - LE BARABAO
19/11 - BÉLGICA - OOSTENDE - MUZIEKCAFÉ TWILIGHT

MadHouse lança novo single, "No More"
31/10/2017

Hoje, dia 31 de outubro, chega às plataformas digitais "No More", o novo single da dupla MadHouse. A faixa, com letra de Lio Júnior e melodia de Lio em parceria com Thiago Casarejos, foi inspirada sobretudo na última viagem da dupla a Ibiza, onde se apresentaram pela primeira vez em 2015. Produzida pelo conceituado produtor Apollo 9 (Otto, Cibelle e Rita Lee), a canção traz uma fusão de gêneros musicais, marca da MadHouse. Mesclando o rock com violões flamencos e música eletrônica, mas sem perder a essência de cada estilo, evidencia a veia pop do trabalho. Para o clipe da faixa, Lio e Thiago viajaram novamente para o cenário que serviu de inspiração para a canção: Ibiza. Com direção geral do próprio Lio Júnior, a produção do vídeo foi quase inteiramente internacional. A produção e direção técnica são de Mirko Visions (Venezuela) e a assistência de produção de Felipe Fanzeres, que já trabalha com a dupla há dois anos. A direção executiva ficou a cargo da agência New Plans. O vídeo, que contou com a participação dos youtubers Cauê Moura e PC Siqueira, além de um grupo formado por modelos e atores de Ibiza e estudantes da escola de moda da lÉscola d'Art d'Eivissa, tem lançamento previsto para dezembro. Ouça "No More" - Smartlink: http://trato.red/NoMore.
Mais informações: site oficial: www.mhmadhouse.com.br; instagram: @mhmadhouse; facebook: www.facebook.com/mhmadhouse e Vídeos: www.youtube.com/mhmadhouseVEVO. Informações para imprensa: Catto Comunicação - Simone Catto e Denise Catto.

Bruce Dickinson não quer um bando de tiozões como ele na plateia do Iron Maiden
31/10/2017

Em entrevista com o San Francisco Chronicle, perguntaram a Bruce Dickinson qual o segredo para a longevidade do Heavy Metal: "Eu posso falar sobre o apelo duradouro do Iron Maiden: existimos em nosso próprio mundo. Nossa base de fãs são como camadas de madeira compensada, é formada por muitas camadas de fãs de faixas etárias diferentes, com cada camada se aderindo firmemente à camada de baixo. As pessoas vão aos shows esperando ver um monte de caras da minha idade mas se deparam com garotos entre 15 e 28 anos. Eu não quero subir no palco e ver um bando de tiozões na plateia. Os caras da minha idade vão nos shows mas nunca estão no mosh pit - geralmente eles ficam perto do banheiro esperando pra resolver seu problema de próstata. Nós gostamos de ver a garotada pulando feito coelhos, é o que faz nosso coração bombar no palco. Nossa música ainda é feroz e te atinge direto na sua cara".

Cradle of Filth: banda se apresentará no Brasil em 2018
31/10/2017

O Cradle of Filth retorna ao Brasil para uma apresentação única em 24 de março, informa a produtora EV7 Live. O show será realizado no Carioca Club de São Paulo. Os ingressos estarão à venda a partir do dia 2 de novembro na bilheteria do local ou pelo site Clube do Ingresso. O primeiro lote de ingressos será vendido pelos seguintes valores: Pista: R$110 (meia) / R$120 (promo) e Camarote: R$190 (meia) / R$200 (promo).

Kiko Loureiro conta se vai participar de novo disco do Angra
31/10/2017

Durante entrevista conduzida por Rodrigo Ortega, do G1, foi perguntado a Kiko Loureiro, que está no Brasil para participar do shows do Megadeth pelo país, se ele vai participar do novo disco que o Angra está gravando: "Mantenho contato com os caras. Gravei um solo para o disco e consegui mandar. Mas tem o Megadeth e três filhos. Tive gêmeos há 9 meses. Quando volto para casa da turnê do Megadeth, que pelo sucesso do disco ficou recheada de shows, tenho que desconectar. Senão meus filhos não sabem nem minha cara mais. Assim como tento levar a sério a música, tento levar a sério a paternidade. O Angra fica mais complicado. O que tenho feito, em paralelo, são os cursos online que eu consigo encaixar na estrada, em camarim, num tempo livre. Coincidentemente, fiz um show na Suécia com o Megadeth no dia em que o Angra chegou lá. Então eu visitei os caras no estúdio. Mas eles nem tinha nada montado. Fiquei umas horas lá. Esse negócio de solo dá para fazer porque vai num esquema remoto." A entrevista completa pode ser vista no link https://g1.globo.com/musica/noticia/como-kiko-loureiro-chegou-ao-megadeth-sempre-fui-mais-organizado-para-treinar-diz-guitarrista-brasileiro.ghtml.

Stryper anuncia seu novo baixista
31/10/2017

O Stryper anunciou seu novo baixista: trata-se de Perry Richardson, membro fundador da Firehouse, banda que fez sucesso no início dos anos noventa com músicas como "Do not Treat Me Bad", "Love of a Lifetime" e "When I Look Into Your Eyes", e em 1992 conquistou um American Music Award na categoria "novo artista de Heavy Metal/Hard Rock", batendo Nirvana e Alice In Chains. Richardson se junta à banda que conta ainda com Michael Sweet no vocal e guitarra, Robert Sweet na bateria e Oz Fox na guitarra.

“A primeira vez que vi os caras em Stryper foi em 1985, quando minha primeira banda, Maxx Warrior, abriu para eles em Charlotte, NC”, diz Richardson. “Desde esse primeiro encontro, eles sempre foram uma das minhas bandas favoritas e uma grande influência para mim, tanto pessoal quanto musicalmente. Ter a honra de me tornar um membro do Stryper é uma experiência indescritível pra mim", disse o baixista.

Ozzy Osbourne explica por que o 1° disco é tão bom e também sobre estar sóbrio há cinco anos
31/10/2017

Em entrevista ao programa de rádio "Sixx Sense With Nikki Sixx" (transcrição por Ultimate Guitar), o vocalista Ozzy Osbourne explicou por que o disco de estreia do Black Sabbath, autointitulado, é tão bom. A sua teoria foi reforçada por comentários do guitarrista Zakk Wylde, fã número um do Sabbath. Ozzy explica que o tom de improviso e o conhecimento prévio do material foram essenciais para o resultado final. "Estávamos tocando o primeiro álbum ao vivo há algum tempo. Começamos na pegada blues-jazz. Se você ouvir o disco, é só uma jam. Jamais havíamos ido a um estúdio de gravação antes", afirmou. A tecnologia precária da época também foi um fator importante. "Fomos ao Regent Sound, com duas mesas de som que gravavam em até quatro canais. Fizemos em dois dias. Pensávamos: 'ei, fizemos um disco!'. Na sequência, tínhamos mais canais, mais equipamentos e gastávamos mais tempo. É engraçado, porque você tem um aparelho de 16 canais e não sabe o que está fazendo, você usa um de 16 porque pensa que soa maior, mas não soa", disse Ozzy.
Zakk Wylde, então, comparou a situação à realidade dos Beatles e de Jimi Hendrix. "As pessoas sempre dizem: 'você consegue imaginar se eles tivessem todos os equipamentos e Pro Tools?'. E eu digo: 'os discos não seriam o que são'. É como lápis de cor. Você pode ter cinco, mas veja o que consegue fazer. Você tem que ser criativo. Se você misturar dois, tem uma cor diferente. A questão é ter que usar a imaginação se você tiver um equipamento limitado", afirmou. "Por uma época, era divertido, mas quando você cruza uma linha invisível... um dia, acordo numa porra de prisão na Inglaterra. Penso: 'Onde caralhos estou? O que eu fiz?'. Disse ao policial: 'Por que estou aqui?'. Ele disse: 'Vou ler a acusação - John Michael Osbourne foi preso por tentativa de assassinato'. Eu fiquei: 'O quê? Quem eu tentei matar?'. Ele: 'Sua esposa'. Nunca acreditei em apagões. Achei que era só uma tática assustadora. Mas comecei a tê-los", afirmou. Em outro momento, Nikki Sixx perguntou a que Ozzy Osbourne credita a sua longevidade. Ele respondeu: "Não beber e não fazer nada... não fumo, bebo, me drogo...".
O guitarrista Zakk Wylde, que também estava concedendo entrevista, contou: "Há algum tempo, Ozz largou tudo. Estávamos em sua casa - eu e Barb (esposa de Zakk). As garotas saíram - Sharon e Barb foram ao cinema ou algo assim - e Ozzy e eu estávamos sentados. Ele estava com uma xícara de chá e disse: 'olhe para mim, eu não bebo, não uso drogas, deixei de fumar - nunca pensei que faria isso, não bebo nem café mais'. Então, ele disse: 'Zakk, por que estou vivo?'". Na sequência, Ozzy afirmou: "Sei o que vai acontecer se eu recomeçar - vou acordar coberto de urina e vômito, sozinho, em algum lugar. Posso dizer que uma taça de vinho seria algo bom e a próxima coisa seria eu acordar em algum lugar onde eu não gostaria de estar. Não consigo parar. É uma mudança de diversão para necessidade". Ouça, a seguir, a entrevista na íntegra (em inglês e sem legendas): https://www.youtube.com/watch?v=0DdRUPVTqyw.
 
Bon Scott: novo livro garante que ele morreu de overdose de heroína
31/10/2017

Um trecho do novo livro de Jesse Fink sobre a história de Bon Scott, vocalista do AC/DC, afirma que o cantor morreu de overdose de heroína, e não por "envenenamento alcoólico agudo", como consta no atestado de óbito. A obra, intitulada "Bon: The Last Highway - The Untold Story Of Bon Scott And AC/DC's Back In Black", será lançada em novembro em diversos países, incluindo o Brasil. Conforme apontado pelo site News.com.au, o livro afirma que a morte de Bon Scott envolveu o uso de heroína. Na noite em que faleceu, ele estava acompanhado de outros amigos viciados na mesma droga. "Basicamente, ele teve uma terceira overdose e nessa ocasião ele foi pego, é a conclusão que tiro", afirmou o autor da obra. Outros dois livros lançados anteriormente, por biógrafos diferentes, afirmam que Bon Scott tinha problemas com heroína desde os primórdios do AC/DC. Segundo as obras, Scott sofreu duas overdoses de heroína na Austrália, em 1975 e 1976. Bon Scott faleceu em 19 de fevereiro de 1980, aos 33 anos. O AC/DC considerou encerrar as atividades após o falecimento do cantor, mas o grupo decidiu seguir com Brian Johnson.

Megadeth: veja o provável repertório dos shows no Brasil
31/10/2017

O Megadeth fará dois shows no Brasil durante esta semana. A primeira apresentação acontece nesta terça-feira (31), em São Paulo. A segunda será realizada na quarta-feira (1°), no Rio de Janeiro. Antes de chegar ao Brasil, o Megadeth fez uma apresentação em Santiago, no Chile, que abriu a mini-turnê na América do Sul. Lá, a banda tocou o repertório que, provavelmente, será trazido para os shows no Brasil. Metade do repertório foi composto por faixas de dois discos clássicos do Megadeth: "Rust In Peace" (cinco músicas) e "Countdown To Extinction" (três músicas). O registro mais recente, "Dystopia", conta com duas inserções no set-list. As demais faixas são de registros das décadas de 1980 e 1990, como "Peace Sells... But Who's Buying?" e "Youthanasia".
Veja o repertório tocado em Santiago, segundo o Setlist.fm: 1. Hangar 18; 2. Wake Up Dead; 3. In My Darkest Hour; 4. The Threat Is Real; 5. Skin o' My Teeth; 6. Dawn Patrol; 7. Poison Was the Cure; 8. Trust; 9. Take No Prisoners; 10. Sweating Bullets; 11. A Tout Le Monde; 12. Dystopia; 13. Mechanix; 14. Symphony of Destruction e 15. Peace Sells. Bis: 16. Holy Wars... The Punishment Due. Cabe destacar, ainda, que David Ellefson prometeu, em entrevista ao Wikimetal, que os shows no Brasil teriam novidades. É algo a se aguardar, ainda que as apresentações mais recentes da banda não tenham fugido tanto do formato apresentado no Chile.

Fleshgod Apocalypse: baterista passa mal e continua tocando
31/10/2017

Um fato incomum levou a a banda italina FLESHGOD APOCALYPSE a emitir uma nota Durante o Metal Alliance Festival em Bogota, Colombia no dia 27 de outubro. O novo baterista David Folchitto mesmo sentido-se mal, não desistiu de fazer o show e nas últimas o músicas o músico acabou vomitando no palco. Até ai nada de anormal, exceto que o mesmo continuou tocando e em nenhum momento quis desistir. Isto que é metal, enquanto uns ficam de chorumelas pelos cantos reclamando e desistem, outros superam os próprios limites para continuar tocando. Confiram o vídeo no link https://www.facebook.com/jimenezjeanpaul/videos/10155773206504085/ e a nota da banda:
Muitas pessoas continuam nos perguntando sobre a evolução da indústria da música hoje em dia. Bem, aqui está o nosso ponto: Algumas bandas mostram com orgulho suas conquistas em Patreon ou Indiegogo (Nota do Tradutor: sites de crowfunding), para obter o ganho sem dor, ou agir como centro das atenção, pensando que um monte de likes os fará bandas reais. Do nosso lado, pensamos que ralar a bunda na estrada e provar o que é no palco, ainda é a maneira mais respeitável de crescer, especialmente aos olhos de seus fãs. Há dois dias, em Bogotá, nosso baterista David estava realmente doente e, honestamente, não tínhamos certeza se cancelaríamos ou não.
Mas não havia como dissuadi-lo. O filho da puta queria tocar a todo custo! Então fomos no palco e, apesar de estar mal, ele fez um ótimo show até as duas últimas músicas. Então, de repente, tornou-se como uma cena de "The Exorcist" (apenas assista o vídeo acima). E mesmo assim ... ele não parou de tocar! É o que chamamos compromisso, pura dedicação. Também parabéns para Krimh e nosso assistente de palco Giannis por ajudar David durante aqueles... momentos nojentos!
Por favor, não nos trapaceie com suas histórias sobre o quão difícil é a indústria da música, como as tours estressantes são ou o quão difícil é ser um músico em seu país. A Itália é um dos países menos "generosos" para músicos e artistas. Nós fizemos nossa primeira turnê dos EUA nos dirigindo um carro por trinta shows, segurando o equipamento nas pernas, sem dormir e arriscando nossas próprias vidas. Além disso, muitas outras bandas sempre fizeram. Tudo o que temos agora vem de suor e sacrifício, honestidade e compromisso, sem choramingar ou implorar. Queremos agradecer aos nossos amigos em todo o mundo, a nossa gerência, o nosso selo pelo apoio e pelo respeito que eles nos mostraram ao longo de nossa carreira. F.A.

Dan McCafferty: ex-Nazareth realiza gravações de seu 3º álbum solo
31/10/2017

Trinta anos após lançar "Into The Ring" (1987), Dan McCafferty concretiza as gravações de seu terceiro álbum solo. Ao todo foram gravadas 13 novas músicas no estúdio Sub Station, localizado em Dunfermline, antiga capital da Escócia e cidade natal de Dan. A notícia foi divulgada no site da banda checa Doctor Victor, grupo que acompanhou o ex-vocalista do Nazareth nas gravações, e compartilhada na página do fã Roni Ramos no Facebook. O novo álbum ainda não teve o título e a data de lançamento divulgados, mas já é aguardado com ansiedade pelos fãs do músico escocês.

De La Tierra se apresenta em São Paulo nesta quarta-feira, dia 1 de Novembro
30/10/2017

O supergrupo latino De La Tierra realiza show de lançamento do novo álbum “II” em São Paulo, dia 1 de novembro (quarta-feira), no Tropical Butantã. O novo álbum do De La Tierra foi produzido por Ross Robinson, que já trabalhou com Korn, Slipknot e Sepultura, e foi lançado em todo o Brasil pela Sony Music. O show é em parceria com o projeto Honorsounds e a banda Armored Dawn, que será co-headliner do evento. Os ingressos custam de R$ 60,00 até R$ 120,00 e estão à venda no site da Ticket Brasil e pontos de venda. O De La Tierra está em ótima fase em sua carreira e o grupo é formado pelo ícone Andreas Kisser do Sepultura (guitarras e voz), Alex Gonzalez do Maná (bateria e voz), Andrés Gimenez, do A.N.I.M.A.L (voz e guitarra) e Sr. Flavio do Fabulosos Cadillacs (baixo e voz). No Brasil, o supergrupo latino já se apresentou do renomado festival Monsters of Rock em 2015 e do Rock in Rio no mesmo ano. Confira videoclipe de “De La Tierra - Puro”: https://youtu.be/47lA_KRCStQ.
A banda Armored Dawn formada em 2014 em São Paulo é uma das atrações do evento. O grupo vem conquistando seu espaço na cena de metal brasileiro e já se apresentou nas principais capitais do país como convidada de vários medalhões do rock mundial tais como: Megadeth, Symphony X, Rhapsody, Tarja, Marillion, Offspring e Sabaton, além da popularidade recém conquistada em solo brasileiro a banda realizou uma grande tour pela Europa no início de 2017 ao lado do Fates Warning, tocando nas principais cidades da Alemanha, Holanda, República Tcheca, Hungria e Eslováquia. Neste show com o De La Tierra, a banda Armored Dawn fará o show de lançamento de “Barbarian in Black”, novo álbum produzido por Kato Khandwala (Pretty Reckless, Papa Roach) e Bruno Agra (We are Harlot). O primeiro single “Sail Away”, ganhou vídeo clip com uma produção épica e já atinge a marca de 500 mil visualizações no youtube. Confira o videoclipe de “Armored Dawn - Sail Away”: https://youtu.be/STM8NaGKCmM.
O evento acontece dentro da plataforma HonorSounds que é um projeto de comunicação e música ao vivo interligado a ações sócio-culturais. A atividade principal da plataforma é unir a paixão pela música com a caridade. O grande objetivo do projeto é promover ações sociais angariando doações que vão desde alimentos não-perecíveis, brinquedos, livros, roupas até porcentagem dos shows, fomentando o benefício da meia-entrada para todos através do bilhete promocional que conta com uma campanha chamada #CorridaContraFome. Trata-se de uma saudável gincana onde o fã que arrecadar maior número de doações individuais é contemplado com a oportunidade de viver uma full experience no evento em questão além de conhecer seu artista favorito. A HonorSounds trabalha em uma parceria próxima com uma das instituições sociais sem fins lucrativos mais conhecidas do Brasil e que depende 100% das doações para funcionar: Casas André Luiz. Links Relacionados: http://delatierramusic.com/; http://armoreddawn.com/ e https://www.facebook.com/honorsounds/. Fonte: DAMARIS HOFFMAN - Hoffman & O'Brian - marketing artístico/entretenimento - www.hoffmanobrian.com.br.

Helloween em Porto Alegre (31/10): capital gaúcha recebe último show da Pumpkin United Tour pelo Brasil
30/10/2017

O Helloween faz o tão aguardado show da Pumpkin United Tour em Porto Alegre nesta terça-feira (31/10), às 21h, no Pepsi on Stage. A apresentação na capital gaúcha, coincidentemente na mesma data do Halloween, marca o fim da perna brasileira da atual turnê. No sábado (28) e no domingo (29) a banda alemã fez dois shows sold out em São Paulo, onde aproveitou para registrar em vídeo as performances. As filmagens darão origem a um material audiovisual ainda sem previsão de lançamento. Confira entrevista exclusiva com o vocalista Michael Kiske para a Abstratti Produtora: http://abstratti.com/o-poder-magico-do-reencontro-entrevista-michael-kiske-vocalista-do-helloween/.
Essa gira é um momento mágico na carreira do grupo que é referência para o speed/power metal desde os anos 1980. Isso porque marca o encontro inédito entre integrantes da formação original do conjunto e da atual para apresentações que revisitam toda a carreira. É a reunião de Michael Kiske (voz) e Kai Hansen (guitarra) após praticamente três décadas. Além deles, o espetáculo tem ainda Andi Deris (voz), Michael Weikath (guitarra), Sascha Gerstner (guitarra), Markus Grosskopf (baixo) e Daniel Löble (bateria) no palco. Os ingressos, para todos os setores, estão no terceiro lote. Fonte: Homero Pivotto Jr. - Assessor de Imprensa - Abstratti Produtora - www.abstratti.com.br; www.facebook.com/abstratti; www.twitter.com/abstratti; www.youtube.com/abstratti.

Seventh Sign From Heaven: dia 18 de novembro banda oficializa lançamento oficial do primeiro disco com um super show na cidade de Picos/PI
30/10/2017

O Nordeste continua sua saga incansável de revelar grandes músicos e bandas de Metal, sendo considerado por muitos um dos principais expoentes do estilo, grupos de várias vertentes surgem e mostram a qualidade e força que nosso país possui quando o assunto se trata de música pesada. Formada no estado do Piauí, uma nova banda surge com força e músicos talentosos que elevam a bandeira do Heavy Metal Tradicional, o Seventh Sign From Heaven, já possui um EP lançado fisicamente e vem se preparando para disponibilizá-lo nas principais plataformas de Streaming do mundo. Intitulado de “Judment of Egypt” o primeiro registro do grupo possui cinco faixas e foi lançado recentemente e vem ganhando força perante os fãs. Em comemoração ao lançamento do álbum, a banda, informou a realização de um evento na cidade de Picos/PI para oficializar o lançamento do EP “Judgement of Egypt” com um show repleto de muito bom gosto e música pesada.
O show irá ocorrer dia 18 de novembro no “Empório Beer” na cidade de Picos/PI, antes do show da Seventh Sign From Heaven, o músico Ezequial Veloso será o encarregado de fazer a abertura do evento. Os ingressos estão sendo vendidos por R$15,00 ou R$10,00 mais 1kg de alimento não perecível. Mais informações sobre o evento, basta entrar em contato com a banda Seventh Sign From Heaven pelo link: https://www.facebook.com/seventhsignfromheave/. Fonte: Gleison Junior (Assessor/Diretor) - Facebook Page Oficial: https://www.facebook.com/RoadieMetal/; Facebook Page Assessoria: https://www.facebook.com/roadiemetalassessoria/ e Site: http://roadie-metal.com/.

Extreme Noise Terror inicia esta semana a nova turnê pelo Brasil São Paulo, dia 1/11 no Fabrique Club, é o primeiro de cinco shows
30/10/2017

Algumas músicas do último álbum de estúdio, a homônimo Extreme Noise Terror e muitos clássicos dos 30 anos de carreira, esta é a promessa da lenda britânica do grind/crust Extreme Noise Terror na nova turnê pelo Brasil - de cinco datas - que começa nesta quarta-feira, 1º de novembro, em São Paulo. O show na capital paulista será um dos primeiros de música pesada que acontece no Fabrique Club, casa de eventos na rua Barra Funda, a algumas quadras do extinto Clash Club. Ainda há ingressos!  O Fabrique abrirá as portas às 18 horas e, além do show do quinteto britânico, se apresentam dia 1º as bandas nacionais Social Chaos, Manger Cadavre, Nuclear Frost e Expurgo. O giro, assim como a turnê de 2016, é uma realização da Xaninho Discos, que em conjunto à Abraxas, traz o também lendário Neurosis pela primeira vez ao Brasil no próximo mês de dezembro, dia 8, no Carioca Club. Após São Paulo, o Extreme Noise Terror segue para o Rio de Janeiro (RJ), dia 2 no Teatro Odisseia. Manaus (AM) é o próximo destino, dia 3 no Galpão da Terra, e depois tocam dia 4 em Belém (PA), no Parque dos Igarapés, e dia 5 em São Leopoldo (RS), na Embaixada do Rock.
O Extreme Noise Terror nasceu em Ipswich, na Inglaterra. Começou como uma banda de hardcore/punk rock e já nos primórdios da carreira adicionaram naturalmente uma dose cavalar de peso, o que a torna precursora do grindcore, junto aos também ingleses do Napalm Death. As bandas eram tão próximas que até compartilhavam o mesmo baterista por alguns anos, Mick Harris. Fonte: Erick Tedesco - Assessoria de imprensa - Xaninho Discos - erick.tedesco@gmail.com e www.facebook.com/tedesco.midia.

Steven Wilson confirma única apresentação no Brasil em maio de 2017
30/10/2017

Após anunciar longa turnê pelos principais países da Europa, além de importantes cidades dos EUA e Canadá, Steven Wilson, considerado um gênio da música contemporânea, acaba de confirmar passagem pelo Brasil durante nova excursão pela América Latina.  A única e exclusiva apresentação no País está agendada para o próximo dia 27 de maio, no Carioca Club, em São Paulo. Os ingressos estarão disponíveis em pré-venda exclusiva, já nesta terça-feira, aos integrantes do fã-clube e aos top 100 ouvintes do artista no Spotify Brasil.

O público em geral poderá garantir presença, na próxima sexta-feira, a partir das 9h, pelo site do Clube do Ingresso (www.clubedoingresso.com) e pontos autorizados pela empresa. A performance faz parte da turnê mundial do maravilhoso “To the Bone”, quinto álbum solo de Steven Wilson. Lançado em 18 de agosto deste ano, o disco que chegou com a responsabilidade de superar a excelente repercussão do aclamado antecessor “Hand. Cannot. Erase.”. “To the Bone” vem sendo aclamado mundialmente pelos críticos e atingiu a 58º posição no US Billboard 200, 3º US Independent Albums Billboard, 8º US Top Rock Albums Billboard, além de figurar nas primeiras colocações nos charts de diversos países como Finlândia, Alemanha, Escócia, Reino Unido, Holanda, Suíça, Nova Zelândia, Áustria, Bélgica, Itália, Polônia, Noruega, França, Suécia, Canada, Austrália, República Tcheca e Irlanda.
Até o momento, Steven Wilson tem as seguintes datas confirmadas:
17/05 - Teatro Diana - Guadalajara, México
19/05 - Auditório BlackBerry - Cidade do México, México
20/05 - Auditório BlackBerry - Cidade do México, México
23/05 - Teatro Capoulican - Santiago, Chile
25/05 - Groove - Buenos Aires, Argentina
27/05 - Carioca Club - São Paulo, Brasil
Steven John Wilson é um dos músicos e produtores mais respeitados do rock/metal progressivo. Atualmente apostando em bem-sucedida carreira solo, o artista inglês ficou famoso por ser a mente criativa das bandas Porcupine Tree, Blackfield e No-Man, além de trabalhar com artistas do quilate de Jethro Tull, Yes, Marillion, Opeth, Anathema, King Crimson, Orphaned Land, Pendulum e XTC. O multi-instrumentista já foi indicado quatro vezes ao Grammy Awards, conquistou três prêmios no “London Progressive Music Awards” e coroado o “Rei do Prog Rock”. Links relacionados: https://www.facebook.com/StevenWilsonHQ; https://www.facebook.com/overloadbrasil; https://www.facebook.com/UltimateMusicPR. Fonte: Costábile Salzano Jr - THE ULTIMATE MUSIC - PR - https://www.facebook.com/UltimateMusicPR; http://twitter.com/ultimatemusicpr e https://www.facebook.com/costabile.salzano.

ATOM toca Pink Floyd dia 1 de novembro em São Paulo/SP no Teatro Bradesco
30/10/2017

Criar a maior experiência conceitual em torno do disco The Dark Side of the Moon, uma das mais famosas obras do rock mundial, eleito o segundo melhor disco do gênero pela revista Rolling Stone. Essa é a missão da ATOM, banda mineira que estreou no final de setembro sua nova turnê em tributo ao Pink Floyd e chega a São Paulo na quarta-feira, 1/11, no Teatro Bradesco. Em atividade desde 2012, a banda ATOM é formada por nove músicos que dividem a paixão e a determinação em explorar todas as dimensões da história do Pink Floyd: Helinho Guimarães (vocal, guitarra, violão), Lucas Soares (guitarra, lapsteel e synths), Rufino Silvério (piano, piano elétrico, vocal, hammond e synths), Paulo Victor (bateria), Renato Valente (baixo), Viviane Donner (backing vocal), Mariana Roque (backing vocal) e Cynthia Mara (backing vocal). Helinho Guimarães ressalta: “Nossa intenção é fazer uma homenagem mais do que apenas musical. Queremos recriar a experiência de se estar em um show do Pink Floyd”.
Show:
A ideia é, além de reproduzir com fidelidade as músicas apresentadas, proporcionar ao público uma viagem sensorial pelo universo do grupo britânico. Para isso, a ATOM produziu diversos vídeos que serão projetados e exibidos em sincronia com as músicas. Um potente jogo de luzes ambientará a cena para que o público realmente se sinta em um concerto do Pink Floyd. Embora o nome da turnê faça referência ao The Dark Side of the Moon, que será executado na íntegra, o show contemplará o repertório do Pink Floyd com sucessos como Shine On You Crazy  Diamond, Wish You Were Here, Another Brick In the Wall, Pigs e Comfortably Numb, entre outros.Assista o clipe de The Great Gig in the Sky, filmado na estreia da turnê em Belo Horizonte (MG): https://www.youtube.com/watch?v=kH5aKn2gZlM&feature=youtu.be.

Heitor Vallim e Nadal se apresentam em Santos nesta sexta-feira (3)
30/10/2017

Com entrada franca, evento ainda conta sorteio de tatuagem e exposições artísticas. Pouco após lançar seu primeiro DVD, o cantor de folk Heitor Vallim se une ao músico Nadal para uma apresentação gratuita no bar O Quinto, em Santos. O evento acontece nesta sexta-feira (3), sendo que a entrada é franca. Contando com sorteio de tatuagem e exposições das artistas Basaglia, Camila Ranelli e Isabela Rodrigues, a iniciativa também terá acessórios da Âme Store. A casa abre às 18h. Na ocasião, o palco será aberto com a performance de Heitor Vallim, artista influenciado por Bob Dylan, Bon Iver, Los Hermanos, entre outros. Segundo Heitor, haverá uma mostra de sua nova fase musical no evento, sendo que seu show será “praticamente autoral e com músicas novas. Apesar da ideia principal do autodescobrimento se manter, minhas visões talvez mudaram um pouco. As canções estão mais densas, porém introspectivas. Serão mais guitarras, mais peso e algumas referências do eletrônico”, ressaltou.
Já Nadal, que toca logo em seguida, levará nuances do rock alternativo e do grunge ao público. O guitarrista leverá referências do Nirvana aos espectadores, além de suas próprias canções. “O repertório tem as músicas do meu último EP - intitulado Goodbye Pisces - e também dois meus dois primeiros discos - Train Wreck (2013) The Gardener (2014). Também vou tocar uns covers de The Hellacopters e The Runaways”, afirmou.
O local fica na Avenida Pinheiro Machado, Nº 51, no Marapé. Vale ressaltar que o bar aceita cartões de débito e crédito. Mais informações podem ser obtidas pelo número. O bar aceita cartões de débito e crédito (13) 99168-1968. Fonte: Pablo Mello - pablomello29@gmail.com.

Butcher Babies: novo clipe "goteja sensualidade"; assista
30/10/2017

O Butcher Babies divulgou um novo videoclipe para a música "Headspin". A faixa faz parte do novo álbum da banda, "Lilith", lançado no último dia 27 de outubro. Uma das frontwomen do Butcher Babies, Carla Harvey, disse que "Headspin" quebra um tabu dentro da banda. "Com 'Headspin', finalmente falamos de um assunto do qual fugimos durante os anos: sexo, uma das necessidades mais básicas do ser humano. Essa música goteja sensualidade e queríamos que o clipe fizesse o mesmo", afirmou. A sensualidade do vídeo vem, em especial, da história contada. O clipe mostra um homem testando um recurso de realidade virtual para simular uma relação sexual. Assista: https://www.youtube.com/watch?v=tAZzVw9hAJA.

QOTSA: Josh Homme interrompe show para apartar briga; assista
30/10/2017

O frontman do Queens Of The Stone Age, Josh Homme, interrompeu uma performance da banda para apartar uma briga na plateia. O caso aconteceu, na última semana, durante show no Madison Square Garden, em Nova York. A briga se desenrolou quando o Queens Of The Stone Age começou a tocar "Domesticated Animals". Ao perceber a briga, Josh Homme deu uma bronca nos envolvidos. "O que está acontecendo? Vocês estão brigando? Não estamos aqui para brigar. Se quiser brigar, saia daqui", afirmou. Em seguida, Homme discursou: "Estamos aqui para dançar e todos vamos transar. Não queremos os seguranças em cima de nós. Não somos a trilha sonora da sua briga - somos a trilha da sua transa. Se você não gosta disso, então saia daqui". Veja: https://www.youtube.com/watch?v=_XRzaDDbDjg.

Ufrat: alienação e massa de manobra são os temas abordados na música “Annihilator of Minds” recém liberada no YouTube
30/10/2017

Um dos grandes males da sociedade é a alienação imposta pelas grandes mídias televisivas de todo o mundo, o conceito por trás de “Alienação” é a diminuição da capacidade dos indivíduos de pensar ou agir por si próprios, ou seja, indivíduos alienados não têm interesse em ouvir opiniões alheias e apenas se preocupam com o que lhe interessa. Esse tem é frequentemente abordado nas músicas de várias bandas ao redor do mundo, comprovando que independente da evolução tecnológica, social e até mesmo cultural, a alienação também evolui e mantém o ser-humano ainda mais escravo de seu autoconhecimento e controle de suas ações.

A banda de Thrash metal, Ufrat, vem destrinchando o conceito individual das músicas que compõem o álbum “Global Devastation” lançado em 2016, após apresentar os conceitos das músicas “Smell of Death” e Unceasing Torment”, o grupo liberou a música “Annihilator of Minds” em seu canal do YouTube e leva aos fãs todo o conceito criado como crítica a atual realidade televisiva do país.
“Annihilator of Minds” fala sobre a influência que a mídia-televisiva tem sobre as pessoas, tirando a consciência daqueles que estão sendo usado como massa de manobra, sugerindo ideias e manipulando-os como fantoches, a mídia é encarada na letra da música como a criadora de situações sociais que geram pânico coletivo ou euforia massiva, gerando falsas expectativas. A banda Ufrat teve todo o cuidado de pesquisar e entender que geralmente as grandes mídias massivas possuem cunho com políticos ou milionários da indústria de manobra que interferem e criam o sensura “branca”, ou seja, aquela que ninguém vê, mas que sabem que está lá. Confira a música Annihilator of Minds: https://www.youtube.com/watch?v=24OJ1eY3x_k. Formação: Caio - Vocal; Alex - Guitarra; Ivan - Bateria; Marcelo - Baixo. Mais informações: Facebook: https://www.facebook.com/Ufrat-537000909645686/ e Roadie Metal Press: https://roadie-metal.com/press/ufrat/. Fonte: Gleison Junior (Assessor/Diretor) - Facebook Page Oficial: https://www.facebook.com/RoadieMetal/; Facebook Page Assessoria:  https://www.facebook.com/roadiemetalassessoria/e Site: http://roadie-metal.com/.

Anvil: só agora, Steve "Lips" está tendo alguma estabilidade
30/10/2017

O frontman do Anvil, Steve "Lips" Kudlow, disse que só agora está tendo alguma estabilidade na vida, após décadas de perrengue no cenário musical. A revelação foi feita em entrevista ao Voice FM (transcrição por Blabbermouth). Durante o bate-papo, Steve "Lips" afirmou que tem tido muitas novas experiências desde que o Anvil foi "redescoberto" pelo público, graças ao sucesso do documentário "Anvil! The Story Of Anvil", de 2008. "A música do Anvil é otimista. Existe um amanhã e algo para se olhar adiante, para se trabalhar. [...] Quando se faz o que ama, você tem uma grande vantagem, porque nunca parece um trabalho. Sinto como se tivesse me aposentado, pois não faço mais trabalhos braçais", afirmou. O músico destacou que isso é algo "incrível", especialmente em sua idade - ele tem 61 anos. "Assim como Angus (Young, AC/DC) lida com ter que se aposentar, porque todos da banda saíram, estou em uma direção oposta. As coisas acabaram de começar para mim. Estou em uma corrida contra o tempo, só tenho algum tempo restante. É o aspecto ruim. Finalmente comecei a me estabilizar, em um ponto onde muitos de minha idade já estão saindo de cena. É interessante", disse.
Apesar de sentir que o tempo pode ser um problema, Steve "Lips" Kudrow celebrou o estado atual de sua vida. "Agora, tudo depende de nós. Sem mais entregas, sem mais trabalhos de construção, sem mais nada. Apenas rock and roll", afirmou. O músico também comentou que o 40° aniversário do Anvil será celebrado. "Não será somente os próximos meses, vai atravessar o próximo ano. Para dizer a verdade, provavelmente vamos encerrar daqui um ano, contando a partir de agora, para fazer novas composições", disse. Ouça, a seguir, a entrevista na íntegra (em inglês e sem legendas). https://www.youtube.com/watch?v=e6ppQh4J_KQ.

Gene Simmons conta como descobriu o Van Halen
30/10/2017

O baixista e vocalista do Kiss, Gene Simmons, contou, em entrevista a Mitch Lafon (transcrita por Ultimate Guitar) como descobriu o Van Halen. O músico produziu a primeira demo da banda, em meados de 1976. "Descobri o Van Halen tocando em uma casa de shows e os contratei para a minha empresa de produção Man Of 1.000 Faces. Levei-os para Nova York e produzi 15 músicas deles no Electric Lady Studios", contou o músico. Simmons disse que os compromissos relacionados ao Kiss - que, na época, vivia o seu auge - o impediram de seguir cuidando do Van Halen. "Quando me ocupei demais, rasguei o contrato e disse: 'Vocês estão livres. Preciso voltar à estrada e, se eu tiver tempo no fim da turnê, posso arrumar um contrato para vocês. Não posso, eticamente, segurar vocês enquanto estou em turnê", afirmou.
Gene acredita ter feito "a coisa certa". "Os caras, é claro, foram contratados imediatamente. Na minha volta, os irmãos Van Halen foram gentis o bastante para gravar três músicas que compus quando voltamos do Japão. Uma delas foi 'Christine Sixteen', que gravamos por volta das duas da madrugada", disse. As três canções, segundo Simmons, não foram gravadas para nenhum disco. "Eu compunha e gravava com frequência, algo que ainda faço. Quando as coisas surgem, você não pensa no que está fazendo. Quando você observa um disco... Paul (Stanley) é diferente. Ele compõe especificamente para um disco. Eu nunca fiz isso. Em algumas faixas, toco todos os instrumentos e faço a produção. É difícil descrever por que 150 músicas minhas nunca foram lançadas em quase meio século", afirmou, citando o seu box set "Vault" ao fim.
Curiosamente, a versão contada por Paul Stanley sobre o descobrimento do Van Halen é um pouco diferente. Em sua autobiografia, "Uma vida sem máscaras", o vocalista e guitarrista diz que ele descobriu, primeiro, o quarteto dos irmãos Van Halen. Então, ele convidou Gene Simmons para acompanhar um dos shows do grupo, mas Simmons acabou oferecendo um contrato para eles sem avisar Stanley.

Evanescence: Amy Lee "feliz" por lançar "Bring Me To Life" sem rap
30/10/2017

A cantora Amy Lee disse, em entrevista ao News.com.au, que está feliz em relançar a música "Bring Me To Life" em uma versão diferente. Na nova edição do hit, que é guiada por uma orquestra e batidas eletrônicas, não há o trecho rap, originalmente feito por Paul McCoy. "Deus abençoe o rap, faz parte do que nos colocou nas rádios, eu acho. Ou, pelo menos, de acordo com as regras das rádios, que não concordo, nem entendo. Poder voltar para a visão original da música é ótimo", afirmou. Amy Lee afirmou que, na época, ainda aprendia "a si mesma" e se acostumava com as notas. "É a realidade de 'Bring Me To Life', com certeza. Após tocá-la ao vivo tantas vezes, há opções vocais diferentes que eu tomei e elementos distintos que usamos nessa versão", afirmou.
Ainda falando sobre o momento rap, Amy Lee disse que até se esquece da presença do trecho na versão original da música. "Na época, foi um grande problema, era o nosso primeiro single. Queria que as pessoas entendessem quem éramos. É uma luta que você sempre trava quando se é um artista. Se só tivéssemos um hit, se ninguém tivesse ouvido falar sobre nós de novo, então ninguém teria entendido quem somos. Fizemos com que isso passasse, então o rap não me irrita mais. No entanto, estou muito feliz em lançar uma nova versão sem o rap", disse. A nova versão de "Bring Me To Life" faz parte do álbum "Synthesis", de releituras orquestradas/eletrônicas. O disco, que também terá duas músicas inéditas, será lançado em 10 de novembro. Confira: https://www.youtube.com/watch?v=k5QFLV_lzeQ.

Megadeth show em São Paulo será filmado e pode ser transmitido online
30/10/2017

Dave Mustaine informou, via twitter, que um vídeo será rodado no show que a banda fará no dia 31 de outubro no Espaço das Américas em São Paulo. E ele acha que existe ainda a possibilidade da apresentação ser transmitida ao vivo via internet, tal qual vai acontecer com o show que a banda faz hoje, 29 de outubro, no Santiago Gets Louder do Chile. E mais informações sobre a transmissão do show no Chile podem ser vistas no link: https://www.facebook.com/events/1993279137623350. Já outro fã brasileiro, provavelmente carioca, disse que não tinha dinheiro pro Meet & Greet e perguntou se Dave tiraria uma foto caso ele o encontrasse na praia e o músico concordou, em troca de um coco! :-)

Avenged Sevenfold: 60% de quem ouve Metallica só conhece o "Black Album"
30/10/2017

Durante um evento realizado no dia 19 de outubro no Grammy Museum de Los Angeles, onde o Avenged Sevenfold comentou a experiência de abrir alguns shows do Metallica na turnê norte-americana de 2017, o vocalista M. Shadows disse que a maioria das pessoas que estavam lá são "fãs casuais" que só conhecem o "álbum preto" que a banda lançou em 1991. "Eles podem tocar a música que quiserem, podem tocar o 'Master Of Puppets', seja lá o que for, mas quando tocam material do 'Black Album' todos ficam loucos.

E tipo 60% dos que estão ali são fãs casuais que só conhecem este disco, e isto é uma coisa que os fãs hardcore não entendem. Para tocar em estádios, você precisa de um disco que rodou na rádio ou em algum momento ultrapassou a barreira da consciência coletiva, e eles conseguiram isto com o 'Black Album'. Por mais que a gente ouça pessoas dizendo que querem ouvir isto e aquilo e reclamando que gostariam que eles tocassem músicas mais desconhecidas, o que eu compreendo, a coisa muda quando eles tocam 'Sad But True', 'Enter Sandman', 'Unforgiven', as vibrações são diferentes, então a partir daí você percebe que muitos que estão na plateia são fãs casuais, algo que eles conquistam e alimentaram muito bem durante sua carreira. Muitas bandas que estavam na ativa quando o Metallica continuam aí tocando em clubes, e o Metallica toca em estádios".

Rock In Rio: Medina garante que terá metal na edição de 2019
30/10/2017

A edição 2017 do Rock In Rio foi bastante criticada pela ausência de representantes do metal. Foi a primeira vez, dentre várias edições, que o festival não contou com o já tradicional 'dia do metal'. Desta vez, entre as grandes atrações, a bandeira do estilo foi erguida somente pelo Sepultura. Apesar disso, o empresário que idealizou e promove o Rock In Rio, Roberto Medina, disse que pretende retomar o metal no festival em sua próxima edição, a ser realizada em 2019. A declaração foi feita em entrevista ao site do jornal 'Extra'. Medina explicou, ainda, que uma equipe realiza pesquisas para identificar quais atrações o público gostaria de assistir na edição seguinte do Rock In Rio. O resultado dos estudos interfere na programação do festival. Durante o bate-papo, Roberto Medina também revelou que quer trazer Lady Gaga para o Rock In Rio 2019. A cantora cancelou sua apresentação na edição de 2017 devido a problemas de saúde. "Foi uma tristeza que ela não tenha conseguido se apresentar. Apostava muito no show dela. Não desisti da Lady Gaga. Está nos meus planos", disse o empresário.

Sinsaenum: supergrupo de Joey Jordison divulga música do novo EP
29/10/2017

O supergrupo SINSAENUM acaba de divulgar uma versão remixada da música "Dead Souls", presente no álbum de estreia. Esta nova versão está presente no novo EP do grupo, intitulado "Ashes" e que será lançado no dia 10 de novembro via earMusic. Confira o lyric vídeo de "Dead Souls (Frederic Duquesne Remix)" a seguir: https://www.youtube.com/watch?v=e0xj96SNYoA.
O SINSAENUM é formado por: Sean Z (DAATH, ex-CHIMAIRA): vocais; Attila Csihar (MAYHEM): vocais; Frédéric Leclercq (DRAGONFORCE): guitarra, baixo, sintetizadores, vocais; Stephane Buriez (LOUDBLAST): guitarra; Heimoth (SETH): baixo; Joey Jordison (VIMIC/ex-SLIPKNOT): bateria.
Tracklist de "Ashes": 01. Ashes; 02. Monarch Of Death; 03. 2099 (Heretics); 04. Degeneration *; 05. King Of The Desperate Lands *; 06. Dead Souls **.
* Lançada anteriormente como bônus no Japão
** Frédéric Duquesne remix

Behemoth: Nergal divulga pequeno trecho de nova música
29/10/2017

Adam "Nergal" Darski, vocalista/guitarrista da banda BEHEMOTH, publicou um vídeo curto da banda ensaiando um novo material. A banda polonesa está planejando entrar em estúdio até o fim deste ano para começar a gravar o sucessor de "The Satanist", de 2014. Na legenda da sua publicação, Nergal disse: "Temos um punhado de músicas e estamos entusiasmados. É muito cedo para fazer qualquer afirmação, mas logo daremos mais uma visão sobre o que o BEHEMOTH está fazendo. Nós estamos oficialmente ensaiando com novas músicas. Como isso soa para você?". Confira a postagem a seguir: https://www.instagram.com/p/BauagynhHil/.

Metallica: Oasis em homenagem às vítimas de Manchester
29/10/2017

Uma das grandes tragédias da história da música envolvendo ataques terroristas aconteceu em maio deste ano no Manchester Arena de Londres, durante um show da cantora pop teen Ariana Grande, quando uma bomba explodiu matando mais de vinte pessoas e ferindo dezenas. Desde então, "Don't Look Back in Anger", música do Oasis, vem sendo usada como um hino de resistência e tributo às vítimas do atentado, e durante a apresentação do Metallica no local neste sábado, 28 de outubro, em um momento do set onde eles tem alguns minutos para improvisar, o baixista Robert Trujillo e o guitarrista Kirk Hammett mandaram trechos da canção do Oasis, conforme pode ser visto no vídeo acima.
Mais tarde Lars Ulrich comentou a homenagem: "What a moment!! Goosebumps.."
Veja o setlist do Metallica na sua apresentação do dia 28 de outubro em Manchester: Hardwired; Atlas, Rise!; Seek and Destroy; Of Wolf and Man; The Day That Never Comes; Now That We're Dead; ManUNkind; For Whom The Bell Tolls; Halo On Fire; Stone Cold Crazy; Creeping Death; Moth Into Flame; Sad But True; One; Master of Puppets.
encore: Spit Out The Bone; Nothing Else Matters e Enter Sandman.

Kiko Loureiro: os dois álbuns mais importantes de sua carreira
29/10/2017

Durante conversa com o Omelete, onde falou sobre sua carreira, sua mudança para os Estados Unidos, Megadeth e também sobre ser músico e entender de música, Kiko contou quais seus dois trabalhos mais impactantes: "Essa é uma pergunta muito difícil. Eu falaria tipo do Angra… O 'Holy Land'.

Sem dúvida um disco muito marcante pra banda e se as pessoas perguntam o que é esse Angra, o que eles fizeram? [esse disco funciona bem pra mostar] Mas é preciso colocar ele no espaço tempo, né? É um disco gravado em 95, mas tem muita coisa brasileira. É um heavy metal com brasilidade e orquestração, foi muito bem recebido em todos os lugares e ainda hoje é bem celebrado pelos fãs".
E depois ele cita seu segundo disco solo, "Universo Inverso", lançado em 2006: "Pra quem já me vê como o maior guitarrista de rock e metal, eu convido para ouvir o disco 'Universo Inverso', porque é o meu universo, inverso do que eu faço no metal. É um álbum de música brasileira com influência de Cuba. Com guitarra e tal. É bem diferente do que as pessoas imaginam quando veem uma foto minha, ou quando veem uma cena do Megadeth". Leia a matéria completa no link: https://omelete.uol.com.br/musica/entrevista/megadeth-kiko-loureiro-fala-sobre-os-desafios-de-estar-na-banda-e-a-importancia-de-ter-um-grammy/.

Megadeth: Kiko Loureiro é um herói brasileiro, diz Dave Mustaine
29/10/2017

Pedro Antunes, do jornal O Estado de S.Paulo, conversou com Dave Mustaine, que se apresenta com o Megadeth aqui no Brasil nos próximos dias, com dois shows, o primeiro no dia 31 de outubro no Espaço das Américas em São Paulo e o segundo no dia 1º de novembro no Vivo Rio do Rio de Janeiro. “É um prêmio que não depende dos fãs votando sem parar”, diz Mustaine sobre o Grammy. “Os Grammies são importantes por isso. Nós, é claro, gostamos de todos os prêmios que recebemos, mas esses, os mais legítimos, são importantes para a banda” explica o músico, que inclusive passou a integrar a equipe do Grammy para auxiliar na avaliação das bandas e artistas de heavy metal. “Por enquanto, há poucas categorias para esse gênero. Quero ajudar a aumentar a atenção dada ao heavy metal.”
Em outro ponto da conversa, Mustaine brinca com o fato de estar voltando ao Brasil (o Megadeth tocou no país em 2016) tendo ao seu lado novamente o guitarrista Kiko Loureiro, dizendo que o Megadeth também é brasileiro. “E o Kiko é um herói nacional”, diz Mustaine. “Ele é incrível. No próximo disco, ele terá mais participação na criação. Tenho certeza de que será fantástico".

Pantera teria se reunido se Dimebag não tivesse falecido
29/10/2017

Durante conversa com o podcast "Talk Toomey", foi perguntado a Rita Haney, ex-namorada de "Dimebag" Darrell Abbott, se ela acha que o Pantera se reuniria caso Dimebag ainda estivesse vivo: "Sim! Eu acredito totalmente nisto. Digo, (Darrell) já havia falado ao telefone com Rex (Brown, ex-baixista) em seu aniversário, 20 de agosto de 2004, e planejava conversar com ele novamente. Então, sim, definitivamente aconteceria. Pois eu sei que em seu coração ele era um Pantera e sempre seria. Não importa como a banda se chamava - Damageplan ou o que fosse - aquilo estava sempre dentro dele e eu sei as coisas que ele sentia quando voltava pra casa. Ele sentia que havia algo a provar. Não era algo que ele queria fazer aquilo com Pat Lachman (frontman do Damageplan), que já estava causando problemas. Tenho várias mensagens de voz que eu recebi de Dime onde ele me contava as coisas que Pat andava aprontando. Dime chegou a dizer 'Eu não quero mais trabalhar com este cara, quero mandar ele embora mas não quero que as pessoas pensem que é difícil trabalhar conosco'. É assim que ele se sentia. Então sim, definitivamente eu acredito que eles teriam subido ao palco juntos".
Depois o entrevistador pergunta o que ela acha sobre a possibilidade de uma "reunião" do Pantera com Zakk Wylde ocupando o lugar de Dime: "Aqueles quatro caras eram irmãos e pra mim você não pode chamar de Pantera qualquer coisa onde um deles não esteja presente", explica Rita, que diz ainda que no fundo gostaria de vê-los tocando algumas coisas juntos, incluindo também Kerry King (Slayer) e Phil Demmel (Machine Head).

Vídeo explica por que Joey Jordison foi demitido do Slipknot
29/10/2017

Neste vídeo, Taylander8 explica um pouco sobre os motivos que levaram o baterista Joey Jordison a ser demitido do Slipknot: https://www.youtube.com/watch?v=PK49hxo3SLg. Em junho de 2016, durante a cerimônia do Metal Hammer Golden Gods Awards, Joey comentou sua saída da banda, começando por elogiar imensamente os ex-companheiros, dizendo que eles merecem o melhor de tudo, agradecendo os grandes momentos que tiveram juntos, e depois ele explica: "Ao final de minha carreira no Slipknot eu fiquei muito, mas muito mal por causa de uma doença horrível chamada Mielite Transversa - eu perdi minhas pernas, não conseguia mais tocar. É uma forma de esclerose múltipla que eu não desejaria ao meu pior inimigo".

Alice in Chains: Cantrell fala sobre o estado atual da música
29/10/2017

Em uma nova entrevista para a revista Rolling Stone, Jerry Cantrell (guitarrista do ALICE IN CHAINS) falou sobre o estado atual da música. "A música passa por mudanças e alterações, e como uma banda também passamos por muitas mudanças e alterações". Cantrell admitiu que na maioria das vezes o rock clássico é a sua melhor audição - seja qual for a ocasião.
"Eu me levantei hoje e estava me sentindo um pouco velho, ranzinza e resolvi fazer uma massagem. Enquanto estava recebendo a massagem fiquei escutando o álbum duplo do LED ZEPPELIN, ‘Physical Graffiti’ (1975), inteiro, da 1ª até a última música, porque é uma obra-prima do caralho, sabe? Outra coisa excelente sobre a música é que, uma vez lançada em um álbum, ela irá viver para sempre... A única coisa que irá prova-la é somente a sua longevidade”.

Nova guitarra signature Kirk Hammett em edição limitada
29/10/2017

A ESP apresenta dois novos modelos com assinatura de Kirk Hammett, em caráter de edição limitada. Você ja deve ter visto guitarras com o mesmo 'desenho' porém, essa nova edição apresenta como diferencial, a primeira vez em que uma guitarra 'Ouija' tem um tampo de quilted maple e o acabamento natural.

Os modelos são ESP KH Ouija Natural e LTD KH Ouija Natural (a LTD é uma 'submarca' da ESP e fabrica guitarras a um valor mais acessível, digamos) e serão comercializados em pouca quantidade. A ESP terá apenas 25 unidades produzidas (Custom Shop) com os desenhos presentes nos captadores também. Enquanto a LTD vai ter 666 unidades (Kirk e seus hábitos diabólicos), cada uma delas com o número de série na parte traseira (001 ao 666). Todas as unidades acompanham case personalizado, carta de autenticidade assinada pelo guitarrista (os modelos ESP acompanham também uma foto e uma cópia da ordem de serviço utilizada pelos luthiers na Custom Shop). Os valores são US$ 12.000 para a ESP e US$ 1.399 para a LTD.Confira algumas especificações técnicas dos modelos:
-ESP KH Ouija Natural
Madeira do corpo: Alder (conhecida no Brasil como Amieiro)
Madeira do tampo: Quilted Maple (5mm)
Acabamento: Natural Gloss Top (Preto na parte traseira)
Madeira do braço: 3Pc Maple
Fingerboard: Ebony
Escala: 25.5”
Tipo de nut: Floyd Rose R2 Locking
Ponte: Floyd Rose Original
Captador do braço: EMG 60 / capa do captador em Maple
Captador da ponte: EMG 81 / capa do captador em Maple
-LTD KH Ouija Natural
Madeira do corpo: Alder
Madeira do tampo: Quilted Maple
Acabamento: Natural Gloss Top (Preto na parte traseira)
Madeira do braço: 3Pc Maple
Fingerboard: Macassar Ebony
Escala: 25.5”
Tipo de nut: FR Locking
Ponte: Floyd Rose
Captador do braço: EMG 60
Captador da ponte: EMG 81
Maiores informações sobre os modelos nos links: http://www.espguitars.com/videos/2033534; http://www.espguitars.com/pages/ouija-natural-ltd e http://www.espguitars.com/pages/ouija-natural-esp.

Queen: ouça "All Dead, All Dead" com Freddie no vocal
29/10/2017

Sai no dia 17 de novembro uma versão comemorativa de 40 anos do "News Of The World", lançado originalmente pelo Queen em 1977. E dentre as músicas extras consta uma versão alternativa de "All Dead, All Dead" que no álbum da época contava com Brian May no vocal, mas nesta nova versão disponibilizada conta com o saudoso Freddie Mercury, confira no player abaixo: https://www.youtube.com/watch?v=fxQHi1QXboo.Ouça também a versão original da música, composta por Brian em homenagem a um gato do guitarrista que havia falecido: https://www.youtube.com/watch?v=P9VXjFzWIgE.

Os shows mais épicos do Slipknot foram no Brasil, diz Joey Jordison
29/10/2017

Joey Jordison, que toca no Brasil com sua banda Vimic como abertura nos shows de abertura do Megadeth em 31 de outubro de 2017 no Espaço das Américas de São Paulo e no dia 1º de novembro no Vivo Rio do Rio de Janeiro, contou ao Wikimetal que está muito empolgado em retornar ao país: "Eles [Megadeth] são uma das maiores bandas de Metal de todos os tempos e estão nos levando ao Brasil. Todas as vezes que visitei o país com o Slipknot fizemos os shows mais épicos da minha vida. Então estou muito ansioso e animado para voltar", disse.

Ian Gillan ficou "horrorizado" com mixagem de Born Again
29/10/2017

O vocalista Ian Gillan, consagrado pelo trabalho com o Deep Purple, comentou sobre "Born Again", único disco que ele gravou com o Black Sabbath, em 1983. Ele discutiu o assunto em entrevista ao canal do site Loudwire no YouTube (transcrição por Ultimate Guitar). Durante o bate-papo, Ian Gillan não escondeu a sua decepção pela polêmica sonoridade do álbum. "Eu fiquei horrorizado com a mixagem. Sim, adorei as músicas, amo compor com Tony (Iommi), ainda somos grandes amigos e ainda escrevemos juntos ocasionalmente", afirmou. O cantor diz ter algumas fitas de gravação sem a mixagem final. "Peguei algumas trilhas do monitor em uma fita, as quais ainda tenho, e ainda soam incríveis. Então, ouvi a mixagem e a produção pela primeira vez. Era como se alguém colocasse um cobertor em cima de tudo", pontuou.
Ainda que a produção seja creditada a Robin Black, em parceria com o próprio Black Sabbath, Ian Gillan encontrou um curioso culpado para a situação: o baixista Geezer Butler. "Ele vai negar isso, mas Geezer foi até Londres para supervisionar a remixagem, e foi isso que ele conseguiu. Acho que ele teve alguma leve influência no som final, sendo o baixista da banda", afirmou. Veja, a seguir, a entrevista na íntegra (em inglês e sem legendas): https://www.youtube.com/watch?v=lFgIFC9Ui10.

Bruce Dickinson: pistas sobre novos materiais do Iron Maiden e solo
29/10/2017

O vocalista Bruce Dickinson deu pistas de que tanto o Iron Maiden quanto sua carreira solo lançarão novas músicas em um futuro próximo. A informação foi revelada pelo cantor durante uma sessão de perguntas e respostas que promove a sua autobiografia, "What Does This Button Do?", a ser lançada ainda este mês. Dickinson fez a revelação após ler uma pergunta escrita por um fã, antes do evento. "Agora que você escreveu a sua autobiografia, é isso?", leu Bruce. Em seguida, ele deu uma pausa e levantou uma faca de plástico. Em tom de brincadeira, ele "considerou" um pouco e disse: "não, hoje não". Em seguida, ele leu a pergunta na íntegra: "É isso? Ou teremos mais músicas solo e do Iron Maiden?". A resposta de Bruce foi breve para cada tópico. "Não é isso, sim e sim", afirmou. Logo após, ele olhou para os lados e colocou a mão na boca, como se tivesse revelado um segredo.
O disco lançado mais recentemente pelo Iron Maiden foi "The Book Of Souls", de setembro de 2015. Já o último trabalho solo de Bruce Dickinson gravado em estúdio foi "Tyranny Of Souls", de 2005. Confira, a seguir, o vídeo da sessão de perguntas e respostas (em inglês e sem legendas): https://www.facebook.com/ironmaiden/videos/10154816848382051/.

Linkin Park: assista ao show em homenagem a Chester Bennington
29/10/2017

O Linkin Park realizou, na noite da última sexta-feira (27), um show em homenagem a Chester Bennington, que cometeu suicídio em julho deste ano. A apresentação ocorreu no Hollywood Bowl, nos Estados Unidos, e contou com a presença de diversos convidados. Assista: https://www.youtube.com/watch?v=9VoLHdADma8. Foram mais de três horas de show, transmitidos na íntegra pelo YouTube. Músicos das bandas Korn, Avenged Sevenfold, No Doubt, Blink-182, System Of A Down, Bring Me The Horizon e Bush, além da cantora Alanis Morissette e muitos outros, participaram da homenagem.

Ao longo do repertório, uma música inédita foi apresentada pelo Linkin Park. A canção se chama "Looking For An Answer" e foi composta após a morte de Chester Bennington. Alguns artistas e bandas que não puderam comparecer, como Paul McCartney, Duff McKagan, Metallica, U2 e Thirty Seconds To Mars, gravaram depoimentos em tributo a Chester Bennington. A viúva do cantor, Talinda, também discursou próximo ao fim do show. Veja o repertório tocado pela banda:
1. Robot Boy / The Messenger / Iridescent (Medley)
2. Roads Untraveled (estreia ao vivo)
3. Numb (plateia cantando a música inteira)
4. Shadow of the Day (participação de Ryan Key, do Yellowcard, e trecho de With Or Without You, do U2)
5. Leave Out All the Rest (participação de Gavin Rossdale, do Bush)
6. Somewhere I Belong (participação de Takahiro “Taka” Moriuchi, do ONE OK ROCK)
7. Castle of Glass
(participação de Alanis Morissette e Adrian Young, Tom Dumont e Tony Kanal, do No Doubt)
8. Rest (música de Alanis Morissette)
9. Nobody Can Save Me (participação de Steven McKellar, do Civil Twilight, e Jon Green)
10. Battle Symphony (participação de Jon Green)
11. Sharp Edges (participação de Ilsey Juber)
12. Talking to Myself (participação de Ilsey Juber e trecho de All Along the Watchtower, de Bob Dylan)
13. Heavy (participação de Kiiara e Julia Michaels)
14. One More Light
15. Looking For An Answer (música inédita, feita após a morte de Chester)
16. Waiting for the End (participação de Steven McKellar e Sydney Sierota)
17. Crawling (participação de Oliver Sykes, do Bring Me the Horizon, e Zedd)
18. Papercut (participação do Machine Gun Kelly)
19. One Step Closer (participação de Ryan Shuck e Amir Derakh, do Julien-K e Dead by Sunrise, e Jonathan Davis, do Korn)
20. A Place for My Head (participação de J.M., do A Day To Remember)
21. Rebellion (participação de Daron Malakian e Shavo Odadjian, do System of a Down, e Frank Zummo, do Sum 41)
22. The Catalyst (participação de Deryck Whibley e Frank Zummo, do Sum 41, e Jon Green)
- Depoimentos de bandas e músicos como Paul McCartney, Duff McKagan, Metallica, U2 e Thirty Seconds To Mars
23. I Miss You (música do Blink-182)
24. What I've Done (participação do Blink‐182)
25. In the End (público cantando a parte de Chester)
- Discurso de Talinda Bennington
Bis:
26. Iridescent
27. New Divide (com vocais gravados de Chester)
28. A Light That Never Comes (participação de Steve Aoki, Bebe Rexha e Frank Zummo)
29. Burn It Down (participação de M. Shadows, do Avenged Sevenfold)
30. Faint (participação de M. Shadows e Synyster Gates, do Avenged Sevenfold)
31. Bleed It Out + The Messenger (todos participam, exceto Jonathan Davis)

Por que Ian Gillan não aprendeu as letras do Black Sabbath
29/10/2017

O vocalista Ian Gillan, consagrado pelo trabalho com o Deep Purple, relembrou a sua breve passagem pelo Black Sabbath em entrevista ao canal do site Loudwire no YouTube (transcrição por Ultimate Guitar). Em determinado momento do bate-papo, Ian Gillan comentou sobre a dificuldade que tinha para memorizar algumas letras do Black Sabbath. "Desculpe, mas 'Iron Man' simplesmente não entrava. Não entendia. Minha cabeça não estava ajustada. Não era sobre as notas ou o estilo, eram as palavras, como se fosse... ahh!!", disse, concluindo com um gesto com as mãos envolvendo seu rosto, como se estivesse ficando louco.O cantor reconheceu que foi uma atitude pouco profissional da parte dele. "Eu me guiava por uma cola. Consegui deixar folhas plastificadas com as letras. Ou os prompts", afirmou.
Caos em turnê: Gillan comentou, ainda, sobre o palco da turnê que divulgava o disco "Born Again". A cenografia contava com uma réplica de Stonehenge, além de um anão vestido como se fosse o filho de Satanás. "Lembro quando os caras da produção perguntaram: 'alguém tem uma ideia para o palco'. E Geezer Butler disse: 'Stonehenge'. Eles disseram: 'boa ideia, como você visualiza isso?'. E ele disse: 'tamanho natural, é claro' (risos). Então fizeram isso, mas em uma escala de dois terços, ainda que fosse enorme o bastante. Foi feito de fibra de carbono ou fibra de vidro", disse.
Ele continua: "Tínhamos esse anão vestido como o bebê do Diabo, rastejando ao som de gritos. Deveria haver um ensaio para isso. Nesse ponto, o anão deveria cair atrás da bateria, em um colchão. Os roadies, então, chegam vestidos como druidas. [...] E havia o gelo seco, que também não foi ensaiado, inundando o palco". A partir daí, tudo deu errado logo no início da turnê. "Foi o meu fim. O anão caiu, os druidas vieram, mas os gritos não paravam. E alguém da banda retirou o colchão. Fui para a frente do palco, tentando manter seriedade, e fui dominado pelo gelo seco. Não conseguia nem lembrar a letra da próxima música. As luzes do chão acenderam e não conseguia nem ver as folhas. Então canto só algumas palavras. Foi um momento mágico", afirmou, em tom de ironia ao fim.

Linkin Park: ouça a música inédita "Looking For An Answer"
29/10/2017

Durante o show em homenagem a Chester Bennington realizado na última sexta-feira (27), no Hollywood Bowl, Estados Unidos, o Linkin Park também apresentou uma música inédita. A canção, intitulada "Looking For An Answer", foi composta após a morte do cantor, que cometeu suicídio em julho deste ano. Na performance no Hollywood Bowl, "Looking For An Answer" foi apresentada apenas por Mike Shinoda, guiada por voz e teclado. Ainda não se sabe se a faixa entrará em algum disco futuro ou se mesmo o Linkin Park continuará suas atividades, confira: https://www.youtube.com/watch?v=labrkIEGxyA.

Moonspell: uma releitura digna de "Lanterna dos Afogados"
29/10/2017

Os MOONSPELL nunca foram preocupados em demonstrar suas influencias incomuns fora do metal. Já passaram por Depeche Mode, Madredeus, Joy Division entre outros artistas. Agora a surpresa neste novo disco foi uma versão de "Lanternas do Afogados" do PARALAMAS DO SUCESSO, banda brasileira de pop rock, que foi metalizada pela banda e estará presente no próximo disco da banda "1755" e você pode ouvir no link: https://hearthis.at/napalmrecords/moonspell-1755-10-moonspell-lanterna-dos-afogadosdrowned-mans-lantern/xnc/.

Fim da banda foi "romantizado demais", diz Robert Plant sobre o Led Zeppelin
29/10/2017

O vocalista Robert Plant disse, em entrevista ao programa de TV "Charlie Rose" (transcrição por Blabbermouth), que o fim do Led Zeppelin foi romantizado demais. O cantor não cita quem tratou o encerramento das atividades da banda dessa forma, entretanto, imagina-se que ele esteja falando sobre a percepção de parte do público e da imprensa. Inicialmente, Robert Plant foi questionado sobre o 50° aniversário de formação do Led Zeppelin, a ser celebrado em 2018. "É verdade que, em 1968, houve uma colisão de mentes e talentos. E foi assim. Mas isso aconteceu há tempos... há 37 anos, isso chegou ao fim", afirmou, já tratando de encerrar qualquer conversa sobre uma possível reunião.
Plant também falou sobre o motivo pelo qual o Led Zeppelin não seguiu suas atividades após a morte do baterista John Bonham, em 1980. "Houve muito romance em torno disso, porque não nos afundamos, não durou tempo demais; apenas paramos", afirmou. O cantor disse que o fim sob aquela condição era algo já combinado pelos integrantes. "Aquele era o acordo quando nos juntamos no início, que seria daquela forma. Se não pudéssemos seguir, nós quatro, então seria assim. Quando você tem apenas quatro pessoas, é muito difícil começar pensando em substituições permanentes", pontuou.
Page concorda sobre fim em 1980: Conforme lembrado pelo Blabbermouth, os comentários de Robert Plant, sobre a sequência do Led Zeppelin sem John Bonham, coincidem com a opinião do guitarrista Jimmy Page, de acordo com uma entrevista dada por ele ao "The Daily Beast" em 2015. Na ocasião, ele também reforçou que era impossível seguir sem Bonham. "O Led Zeppelin era uma força criativa que você não pode simplesmente estalar os dedos e criar. Era uma mistura desses quatro grandes músicos e cada um era importante para a soma total do que era a banda. Gosto de pensar que se fosse eu a não estar mais lá, os outros também tomariam a mesma decisão em não seguir adiante. Além disso, não poderíamos chamar alguém (para a vaga de baterista) e dizer: 'faça isso, dessa forma?'. Não seria honesto, nem teria a mesma natureza criativa pela qual sempre nos esforçamos", afirmou Page, na época.

Iron Savior: "Reforged - Riding On Fire" lançamento em Dezembro!
28/10/2017

A banda de power metal de Hamburgo IRON SAVIOR estava encarando um problema: o que fazer quando os seus primeiros álbuns não estão mais disponíveis mas uma reedição não é possível por causa de problemas legais? Bem, a decisão foi feita para usar esta situação para dar o material uma melhoria sônica. "Nós não podemos re-lançar nossos álbuns dos anos na Noise Records na sua forma inicial", o chefe da banda Piet Sielck fala, "mas nós somos livres para re-gravar músicas destes álbuns. Nós abordamos este desafio com muito entusiasmo".

O que Sielck se refere, se tornou um álbum forte duplo agora de 19 faixas, intitulado "Reforged - Riding On Fire", do qual consiste das melhores e mais populares músicas que o IRON SAVIOR lançou até agora. Estas re-gravações de 2017 vêm com um som muito mais poderoso é claro, mas a banda manteve o caráter e os sentimentos das músicas. A procura está de forma constante aumentando: especialmente após o último álbum da banda 'Titancraft' (2016), do qual se tornou o maior sucesso nas paradas na sua história, novos fãs queriam descobrir o catálogo do IRON SAVIOR. Eles vão agora conseguir as melhores 19 músicas com um som melhorado - é claro mixadas por Piet Sielck. 'Reforged - Riding On Fire' altamente um prazer agradável para velhos e novos fãs.
Faixas: 01. Riding On Fire; 02. Battering Ram; 03. Brave New World; 04. Prisoner Of The Void; 05. Titans Of Our Time; 06. Eye To Eye; 07. For The World; 08. Mindfeeder; 09. Watcher In The Skye; 10. Mind Over Matter; 11. Warrior; 12. Iron Savior; 13. Tales Of The Bold; 14. No Heroes; 15. Break The Curse; 16. Condition Red; 17. Protector; 18. I’ve Been To Hell e 19. Atlantis Falling. O lançamento na Europa em 8 de Dezembro, disponível em DIGIPACK duplo evinil duplo. Fonte: Priscila Kinuta - Valhall Music / AFM Brasil.

Gavin James lança novo single, "Hearts on Fire"
28/10/2017

Após lançar seu álbum de estreia Bitter Pill, alcançar meio bilhão de reproduções no Spotify e fazer 500 shows para mais de 3 milhões de fãs em uma turnê que passou pelos Estados Unidos, Europa, América Latina, Ásia e Austrália, Gavin James se estabeleceu como um dos maiores artistas do último ano. Com todas essas conquistas alcançadas tão cedo em sua carreira, é difícil acreditar que Gavin James não é um nome reconhecido mundialmente. Porém, isso está prestes a mudar com o lançamento de “Hearts On Fire”, o primeiro single de seu novo álbum que tem previsão de lançamento para o ano que vem. Produzido por Steve Robson (One Direction, John Legend e James Bay) e co-escrito por Sam Romans (Little Mix, Mary J Blige e Rag ‘n’ Bone Man), “Hearts On Fire” tem um refrão contagiante e já é um favorito de seus fãs quando escutam ao vivo.
Com suas apresentações cativantes, não é uma surpresa que Gavin James encontrou fãs entre alguns de seus colegas músicos. O resultado foi convites para tocar com Ed Sheeran, Sam Smith e Niall Horan, entre outros. Ele também foi convidado a colaborar na faixa “Tired” do Alan Walker e “Moments” dos australianos Bliss n Eso. Não há dúvidas que com esses sucessos e seu hit “Nervous”, que chegou a número um em todo o mundo, Gavin James está no caminho de se tornar um astro global em 2018.
Ouça "Hearts on Fire": https://formusic.lnk.to/HeartsOnFire.
Assista: https://drive.google.com/file/d/0B-CF9VQmkpqnMTZkSjRMa0NVQ2s/view.
Mais informações: www.gavinjamesmusic.com; www.facebook.com/gavinjamesmusic; www.twitter.com/gavinjames; www.instagram.com/gavinjameslive e https://www.youtube.com/user/gavinjamesofficial.
Fonte: Marketing e Promoção no Brasil: ForMusic. Informações para Imprensa: Catto Comunicação - Simone Catto Joia.

Noel Gallagher´s High Flying Birds lança nova música intitulada Fort Knox
28/10/2017

Noel Gallagher's High Flying Birds esteve no Brasil para uma série de apresentações abrindo os shows do U2 em São Paulo. E os ingleses acabam de lançar “Fort Knox”, segunda faixa de seu novo álbum "Who Built the Moon?", que será disponibilizado mundialmente dia 24/11. Ouça e baixe aqui: https://umusicbrazil.lnk.to/FortKnox. O primeiro single do disco foi a ótima “Holy Mountain” (https://umusicbrazil.lnk.to/HolyMountain), que já ganhou um vídeo no canal da banda no YouTube (https://youtu.be/BIQdUJ04iNY) e vem conquistando antigos e novos fãs do cantor. “Holy Mountain” foi o primeiro single de Gallagher desde o disco “Chasing Yesterday”, lançado em 2015. O novo álbum já está disponível para pré-venda. Para mais informações, acesse: www.noelgallagher.com. Fonte: Universal Music Brasil: Departamento de Imprensa e Comunicação / PR - Jennifer Mello. www.instagram.com/umusicbrasil; www.twitter.com/umusicbrasil www.facebook.com/umusicbrasil www.youtube.com/universalmusicbrasil e www.universalmusic.com.br.

“Nat King Cole & Me" novo álbum de Gregory Porter está disponível
28/10/2017

O álbum “Nat King Cole & Me” do cantor Gregory Porter já está disponível nas plataformas digitas e lojas físicas de todo o país. Ouça e baixe aqui: https://umusicbrazil.lnk.to/NKCandMe. Esperado pelos amantes do Jazz e da black music, o novo trabalho traz releituras de clássicos do mestre Nat King Cole e já teve algumas músicas liberadas previamente por Porter. “Quizas, Quizas, Quizas” (https://umusicbrazil.lnk.to/Quizas), escrita pelo cubano Osvaldo Farrés - e gravada por Nat King Cole em 1958 - é a única faixa em espanhol no disco. O novo projeto chega apenas um ano após o lançamento de “Take Me To The Alley”, que rendeu o GRAMMY® de “Melhor Disco Vocal de Jazz”, em 2017. Gregory Porter esteve no Brasil no início do mês para shows em São Paulo e no Rio de Janeiro. Fonte: Universal Music Brasil: Departamento de Imprensa e Comunicação / PR - Jennifer Mello. www.instagram.com/umusicbrasil; www.twitter.com/umusicbrasil www.facebook.com/umusicbrasil www.youtube.com/universalmusicbrasil e www.universalmusic.com.br.

Rage Against The Machine: se eleitos, irão se apresentar no HOF/2018?
28/10/2017

RAGE AGAINST THE MACHINE foi anunciado recentemente como um dos candidatos para indução ao Rock and Roll Hall of Fame em seu 1º ano de elegibilidade. A classe de 2018 será anunciada em Dezembro/2017 e apesar de terem lançados somente 04 álbuns de estúdio - sendo 01 só de covers - a banda é indubitavelmente merecedora da indução. RAGE AGAINST THE MACHINE é parcialmente responsável pela explosão do rapcore no final dos anos 90 e início dos anos 2000, com bandas como LIMP BIZKIT, LINKIN PARK e DEFTONES - onde mais tarde essas 02 últimas desencadearam o new metal.

Enquanto bandas como o PEARL JAM, NIRVANA e ALICE IN CHAINS foram altamente influentes quando o assunto se tratava de grupos pós-grunge, o RAGE AGAINST THE MACHINE ajudou a formar um subgênero do rock que continua a respirar até hoje. Se você é um fã de todas as bandas que eles influenciaram ou não, independente disso eles definitivamente deixaram um grande impacto. RAGE AGAINST THE MACHINE originalmente encerrou as suas atividades em 2000 - dando origem logo na sequência ao AUDIOSLAVE - mas a banda mais tarde se reuniu para várias apresentações e turnês entre 2007 a 2011. Apesar da esperança de alguns membros do grupo em gravar material novo, infelizmente isso nunca aconteceu e o RAGE AGAINST THE MACHINE se separou novamente após a apresentação no LA Rising Festival em Julho/2011, na sua cidade natal, Los Angeles.
Os 04 membros fundadores tomaram caminhos separados, até Tom Morello (guitarrista), Tim Commerford (baixista) e Brad Wilk (baterista) se reunirem para formarem o PROPHETS OF RAGE em 2016, com Chuck D (do PUBLIC ENEMY) e B-Real (do CYPRESS HILL) como vocalistas. Zack de La Rocha lançou uma nova música em 2016 chamada "Digging for Windows", mas o seu álbum solo de estreia continua sendo uma lenda. PROPHETS OF RAGE lançou o seu álbum de estréia em 2017 e a insinuação em entrevistas foi que a banda se formou porque Zack de La Rocha não estava disposto a continuar com o RAGE AGAINST THE MACHINE. Poderia haver uma chance do RAGE AGAINST THE MACHINE se reunir para uma performance única no Rock and Roll Hall of Fame/2018, já que, apesar da falta de novas músicas e álbuns, Zack de La Rocha fez aparições esporádicas como convidado especial por outras bandas e artistas nos últimos anos - e ele não perdeu uma vírgula da sua performance.
Os seus ex-companheiros de banda não têm nada a fazer, além de elogiá-lo em entrevistas e mencionando que falaram com Zack para receber a sua benção antes de decidirem formar o PROPHETS OF RAGE. Enquanto um novo material e uma turnê de reunião não pareçam realistas em um futuro próximo, o RAGE AGAINST THE MACHINE se reunindo por apenas 01 noite na cerimônia do Hall of Fame para homenagear o seu legado parece ser uma possibilidade definitiva, com os 04 membros ainda vivos e no topo de suas carreiras como músicos. Brad Wilk havia dito em uma entrevista lá em 2016: "Todos nós fazemos coisas separadas. Quando o PROPHETS OF RAGE surgiu, é claro que gostaríamos que Zack fizesse parte disto, mas ele estava trabalhando em seu próprio álbum solo e fazendo o seu próprio bem. Eu amo Zack como um ser humano e como amigo, e ele é um amigo para mim antes de tudo, sabe? A idéia de tocar com ele sempre esteve viva... A porta estará sempre aberta para isso". Ele acrescentou: "Estou aberto a fazer qualquer coisa com Zack a qualquer momento..., eu amo o cara, sabe? Eu acho ele um ser humano incrivelmente talentoso". Então, Zack? As cartas estão (sempre esteve) com você...

The New Black em turnê com Extreme
28/10/2017

Os heavy rockers alemães do THE NEW BLACK foram anunciados como abertura para dois shows da nova turnê Européia do EXTREME. Com esses concertos, THE NEW BLACK vai emendar o ciclo de turnê para o seu último álbum, 'A Monter's Life' produzido por Jacob Hansen, lançado em Fevereiro de 2016.
EXTREME + THE NEW BLACK: 4.12. D-Frankfurt, Batschkapp e 7.12. D-Stuttgart, LKA Longhorn. Ingressos: http://bit.ly/TNBEXTix.
O guitarrista Christof Leim comenta: "Sim! Nós vamos tocar mais dois shows esse ano. Isso vai ser muito legal. Alguns de nós somos mais nerds de música... eu amo o EXTREME desde o primeiro álbum até o Saudades, e eu me lembro com carinho em como eu falhei gloriosamente em tocar o solo de "Get The Funk Out" aos 18. Além do mais, eu amo o Fludid irritante com "More Than Words" sempre que eu tenho um acústico na minha mão. Nós estamos muito ansiosos, e hey, assistindo á dois shows do EXTREME em uma semana é muito bom. Saiam, queridos Blackies e Blackettes, e vistam suas cores do TNB com orgulho." Fonte: Priscila Kinuta - Valhall Music / AFM Brasil. 

Ozzy Osbourne: fazer ou não fazer um disco, eis a questão!
28/10/2017

Durante conversa com o San Bernardino County Sun, Ozzy Osbourne confessou que se sente inseguro em lançar um novo álbum. "Eu estava (trabalhando em um álbum solo) e tinha quatro ou cinco ideias. Mas, você sabe, não compensa mais fazer estas coisas, na verdade você perde dinheiro pois as pessoas não compram mais discos. Algumas músicas, talvez eu grave algumas e as lance (de alguma forma). Vou até Sharon (Osbourne, esposa e empresária) e digo 'Quero fazer um álbum', e depois eu volto pra ela e mando 'Não quero fazer um álbum'. Não consigo me decidir".

Avenged Sevenfold: assista a performance no Loudwire Music Awards
28/10/2017

No dia 24 de outubro aconteceu o Loudwire Music Awards 2017, e o Avenged Sevenfold ganhou os prêmios de "Melhor Artista de Metal do Ano" e "Melhor Álbum de Metal do Ano" com The Stage. Além disso, a banda tocou como atração principal da noite, você pode conferir o vídeo completo: https://www.youtube.com/watch?v=wnwaio0Ue2U.

Tom Morello descarta teorias sobre morte do amigo Chris Cornell
28/10/2017

A morte de Chris Cornell tem sido alvo de muita especulação desde que ocorreu. Especialmente nas redes sociais, afirma-se que o músico, que tirou a própria vida em maio deste ano, teria sido assassinado em vez de cometido suicídio. Em entrevista ao "The Blairing Out With Eric Blair Show" (transcrita por Blabbermouth), o guitarrista Tom Morello, com quem Chris Cornell tocou no Audioslave, rechaçou qualquer teoria relacionada à morte do amigo. Ao ser questionado se houve alguma "mão sinistra" envolvida no caso, ele foi direto ao responder: "A única mão sinistra foi o vício de uma vida inteira que finalmente lhe pegou". Durante o bate-papo, Tom Morello também disse que sofreu muito ao lidar com a morte de Chris Cornell, a quem ele chamou de "um amigo próximo, um grande artista e um dos grandes cantores de rock da história". "Ele era ótimo, fantástico. Amava a vida, a família, a música, e isso é uma tragédia", afirmou.

Gestos Grosseiros: aventuras e desventuras da turnê Norte/Nordeste em um belo texto
28/10/2017

O GESTOS GROSSEIROS já está em casa e celebra mais uma bem-sucedida parte de sua ‘Turnê da Hipocrisia’, que já passou pela Europa e por todo o Brasil e logo irá para a América do Sul. Para nos contar sobre tudo que aconteceu de positivo - e negativo - a banda publica um grande e completo texto sobre toda a turnê. Leia:

“Saudações! Bem vindos a turnê da hipocrisia!
“Após as turnês pela Europa (junho 2017), Sudeste, Sul e Centro Oeste (agosto, setembro 2017), chegava a hora de encarar a terceira turnê do ano, que ocorreria pelas regiões Nordeste e Norte do Brasil. Uma turnê que foi negociada desde fevereiro, nos mínimos detalhes, e estávamos ansiosos, pois sabíamos da responsabilidade que teríamos e que não seria fácil, pois 66,3% das viagens ocorreriam de avião, já que as distâncias entre as cidades não permitiam que fôssemos por terrestre devido ao tempo para chegar de um show a outro ou, por não existir estradas para o deslocamento, como é o caso entre as cidades de Macapá e Belém.
“Dia 6 de outubro embarcamos de Guarulhos para Recife, às 6h30min. Por volta das 9h30min, o irmão Cesar da Paganus Produções nos recepcionou no aeroporto de Recife. Nos levou até a rodoviária, onde almoçamos e embarcamos num ônibus que levou a banda para a cidade que ocorreu o primeiro show, em Surubim/PE. Vale ressaltar que o Cesar organizaria o show em Recife no dia 7, mas por problemas de saúde, ele optou por encaixar a banda no Hammer Fest, na cidade de Santa Cruz do Capibaribe/PE. Ou seja, quando a pessoa é profissional e comprometida, tenta fazer acontecer e foi o que o Cesar fez, mesmo não podendo organizar mais o show em Recife, deu todo suporte para a banda. Parabéns, Cesar e melhoras!
A viagem de Recife até Surubim levou aproximadamente 3h30min, chegamos cansados e fomos para o hotel descansar. Fomos recepcionados pelo irmão Denis, um dos organizadores. O show aconteceu na sede do moto clube Lobos do Asfalto, onde somente nós tocamos, mas o grande público nos surpreendeu, pois conheciam a banda, conheciam as músicas da banda e ficamos mais surpresos quando, ao término da última música, pediram bis e sabiam que as vezes, o nosso bis era a música Extreme Aggression do Kreator, uma versão da Gestos Grosseiros que foi registrada no segundo álbum da banda, Satanchandising. “Os organizadores Dênis Coelho e Andre disseram que pretendem organizar mais eventos por Surubim e colocar a cidade como uma rota para as bandas que irão fazer turnê pelo Nordeste. Estão de parabéns pela organização, hospitalidade e todo suporte. Obrigado!
“Dia 7 foi uma aventura a parte, pois precisávamos chegar em Santa Cruz do Capibaribe a tarde, mas só tinha ônibus no início da noite entre Surubim e Sta Cruz. Então, o plano foi ir com um transporte denominado de Toyota, uma espécie de lotação aqui em Guarulhos. Os organizadores ficaram preocupados, pois uma banda viajar em um Toyota com várias bagagens, não seria algo comum. Mas, em turnê é assim, ou encara ou fica em casa. E foi o que fizemos, embarcamos na Toyota por volta das 12h e foi, diga-se de passagem, um dos melhores momentos de descontração da turnê. Pudemos apreciar as paisagens entre Surubim e Sta Cruz. O legal foi que a Toyota nos levou direto para o hotel, onde produtor Nidislei Costa recepcionou a banda e já levou para um almoço.
“Tivemos a honra de tocar no único festival anual de Santa Cruz do Capibaribe, em Pernambuco, dividindo o palco com 5 bandas excelentes, dentre elas o War Cursed, de Campina Grande, Paraíba. Deixamos aqui o agradecimento para os caras do War Cursed, simpatia e humildade, pois deram suporte no nosso show e emprestaram toda a ferragem de bateria. Valeu, Marsell Senko! Tocamos bem tarde no Hammer Fest, mas o público insano por Metal, ficou até o final e agitou durante todo o nosso set list. Claro que teve Bis.
“No dia seguinte, partimos para João Pessoa, Paraíba. Se não fosse a correria do organizador Nidislei em nos arrumar um carro para ir até João Pessoa, teríamos que fazer uma verdadeira maratona de ônibus e chegaríamos em cima da hora. Mas deu tudo certo e chegamos em João Pessoa por volta das 15h. Aguardamos uns minutinhos e o organizador Mauro (que também é da banda Necrohunter), recepcionou a banda. O show não estava lotado, por ser num domingo, mas o público que compareceu agitou, comprou merchandising e nos cobrou para voltar em breve. Podem ter a certeza que voltaremos.
“Dia 9 começaria a maratona pelos aeroportos malditos, malditos pelo seguinte fato: os funcionários não sabem dar informações certeiras, principalmente funcionários das empresas aéreas, as quais cada hora falavam uma coisa no que diz respeito as bagagens que a banda levava. Viajamos 9 noves de avião nessa turnê, e nas 9 vezes teve treta. Até bagagem nossa foi extraviada, (pela Latam), até a Polícia Federal foi chamada para a banda (já em Guarulhos). Esses funcionários precisam entender que instrumentos, além de caros, são frágeis, não podem e nem devem ser jogados de qualquer jeito. “Saímos de João Pessoa às 15h30min, demos uma passadinha em Brasília e tivemos 5h45min de conexão, até embarcamos no voo de Brasília para Macapá, onde chegamos na madrugada e fomos recebidos pelo produtor Romerito Miranda. O show de Macapá foi um dos mais insanos de toda turnê, tocamos no Bar do Pop, lotado. Praticamente vendemos todas as camisetas em Macapá. Dica para quem for tocar em Macapá: se prepare para o calor. Não temos palavras suficientes para agradecer o carinho dos fãs de lá, não tínhamos noção do quanto as pessoas gostavam da banda em Macapá.
“Dia seguinte, correria para Belém. Voo rápido, 40min aproximadamente, e o grande irmão Hugo, da banda Thunder Spell foi ao aeroporto nos buscar. Hotel, somente para um banho rápido e, em seguida, fomos para o local do show. “O público compareceu em massa e, num piscar de olhos, os bangers de Belém fizeram esgotar as nossas camisetas. Isto significaria que os fãs de Rio Branco e Porto Velho ficariam sem camisetas. Assim como em Macapá, o show de Belém lotou e também destacamos o calor que estava por lá.
“Bom, agora, uma pausa de shows, para um fato desagradável. Quando se organiza uma turnê, a banda conta com a palavra (todos do Underground sabem disso, ou deveriam saber) de cada produtor. Funciona assim: produtor da cidade X, compra as passagens para a cidade Y.. produtor da cidade Y, compra as passagens para a cidade Z.. e assim por diante). Já sabíamos que o produtor de Manaus havia cancelado o show do dia 13, o que complicou, pois, para a banda chegar em Rio Branco, estava contando com as passagens de Manaus. Sabemos que os custos são altos e, muitas vezes, fazemos acordos, pois temos consciência do sacrifício que é para organizar um show. Mas também, não podemos aceitar que um produtor cancele o show depois de estar tudo okay por parte da banda e dos outros produtores, prejudicando não só a banda, mas também os outros. E foi isso o que aconteceu. Tivemos que arcar com 100% das passagens para Rio Branco, ou teríamos que cancelar toda a turnê, prejudicando todos os outros produtores que já haviam comprados outras passagens. Não achamos isso justo, e resolvemos encarar. O problema não é nem cancelar o show, mas cumprir com a palavra e pelo menos arcar com parte dos gastos. Mas não foi o que vimos por parte do produtor de Manaus. Não vamos entrar em detalhes, mas bater no peito dizendo que é Underground , isso e aquilo, é fácil, mas acima do Underground, estão pessoas envolvidas que dependeram da sua palavra. Sentimos muito, pois foi a segunda vez que esse mesmo produtor cancelou um show nosso por lá. Infelizmente, a banda não irá mais se apresentar em Manaus. Enfim, a banda está aberta para esclarecer dúvidas sobre o cancelamento de Manaus, recebemos muitas mensagens de pessoas que queriam nos ver, perguntando o motivo do cancelamento. Isso deveria ter sido feito a nível nacional por parte da produção. Nós, da banda Gestos Grosseiros, não iremos ficar calados com produtores RIP OFF, mesmo que tenham mais de duas décadas na cena.
“Por fim, fomos para Rio Branco onde tocamos no dia 14 no ótimo Studio Beer, com a organização do Igor (PI produções) e suporte do Bala (Studio Beer). Foi a primeira vez da banda em Rio Branco, no Acre, e foi gratificante a recepção dos fãs. Tivemos todo suporte por parte da organização e recomendamos que mais bandas de todo Brasil tentam tocar por lá.
Dormimos pouco e logo cedo embarcamos no voo para Porto Velho, em Rondônia. Esse show foi diferente, especial, pois após anos, iríamos nos apresentar em um evento ao ar livre. Desde o início das negociações com os organizadores Newton e Marcondes, fomos informados por eles da dificuldade em organizar um evento por lá. Mas, esses dois irmãos fizeram a diferença, conseguiram parcerias e apoio da prefeitura e fizeram um evento maravilhoso, com suporte total, do início ao fim. O evento foi num domingo e tocamos por volta das 22h30min. E o público? Foi embora? NADA DISSO! Porto Velho ficou em massa para nos assistir, foi um show memorável. Após o show, não conseguíamos guardar os instrumentos, pois as pessoas faziam questão de irem nos cumprimentar. Pra nós, ficou claro que, quando banda e organização se unem, a coisa sai, e sai bem feita. Porto Velho, nosso muito obrigado e podemos dizer que o show do dia 15 de outubro de 2017, foi um dos melhores da nossa carreira.
“Pela frente teríamos mais 3 shows, sendo nas cidades de Fortaleza/CE, Mossoró/RN e Campina Grande/PB. Infelizmente, por motivos financeiros oriundos pelo furo do produtor de Manaus/AM, foi preciso cancelar esses três shows. Pedimos desculpas para as pessoas que queriam nos assistir, mas algumas coisas não dependeram exclusivamente da banda. “Deixamos aqui o nosso agradecimento aos fãs, amigos e a todos os organizadores, sem os quais não seria possível ter feito essa turnê. Ahhh… se todos os organizadores fossem comprometidos, dedicados e respeitosos como os irmãos Cesar (Recife/PE), Dênis e Andre (Surubim/PE), Nidislei (Santa Cruz do Capibaribe/PE), Mauro (João Pessoa/PB), Romerito (Macapá/AP), Hugo (Belém/PA), Igor e Bala (Rio Branco/AC), Newton e Marcondes (Porto Velho/RO), Gino e Fabrício (Fortaleza/CE), Marcondes (Mossoró/RN) e Diego (Campina Grande/PB).
“A banda Gestos Grosseiros tem orgulho do Metal nacional e da cena a qual pertence. Antes de falar da cena, viaje, caia na estrada, conheça a cena e veja que o Metal é mais forte do que redes sociais. A rede social é uma ferramenta forte para divulgação, mas o Metal, ainda é olho a olho. “Obrigado! Kleber Hora (guitarra) / Edu Ossuco (baixo) / Andy Souza (bateria e voz)”
Uma galeria com fotos da turnê também foi liberada: https://goo.gl/nrM1qu. Mais shows estão sendo preparados e colocados na agenda do GESTOS GROSSEIROS! O GESTOS GROSSEIROS liberou em seu canal todos os seus discos. Estão disponíveis o debut ‘Countdown to Kill’ de 2008, o visceral ‘Satanchandising’ de 2011 e o recém lançado ‘World’s Hypocrisy’, disco que vem sendo celebrado como o ápice dos quase 20 anos da banda. Ouça: ‘Countdown to Kill’: https://goo.gl/gCZkJM; ‘Satanchandising’: https://goo.gl/WHeBex; ‘World’s Hypocrisy’: https://goo.gl/mWeXme.  Contato: gestosgrosseirosband@gmail.com. Sites Relacionados: www.facebook.com/gestosgrosseiros e www.metalmedia.com.br/gestosgrosseiros. Fonte: Metal Media.

W.A.S.P.: ex-baixista Johnny Rod critica banda atual e propõe reunião
28/10/2017

O baixista Johnny Rod, que integrou o W.A.S.P. entre os anos de 1986 a 1989 e 1992 a 1993, criticou a atual formação da banda, que conta apenas com o frontman Blackie Lawless como integrante original. Em entrevista à Duke TV (transcrita por Sleaze Roxx), ele chegou a sugerir uma reunião com membros antigos da banda. "Eu faria uma reunião do W.A.S.P., sabe? Você tem Chris (Holmes) e eu na frente. Poderíamos ter Steve (Riley), Stet (Howland), Frankie (Banali), quem puder tocar (bateria), sabe? Algum deles poderia ser o baterista, seria ótimo", disse o músico.
Rod também comentou que a situação é "triste", porque ele adoraria participar de uma reunião. "Acho que deveríamos fazer pelos fãs. Muitos deles querem isso. É o show de Blackie Lawless agora. Não é W.A.S.P. mais. Ei, Blackie, se você estiver ouvindo, vamos fazer isso de novo. Que diabos? Somos homens mais velhos. Qualquer problema que tivermos, apenas deixe para lá, cara. Vamos sair e agitar essa p*rra de mundo mais uma vez, porque eles (fãs) querem isso. E você sabe que podemos fazer isso", afirmou. Atualmente, o W.A.S.P. é formado por Doug Blair na guitarra (desde 2006), Mike Duda no baixo (desde 1995) e Aquiles Priester na bateria (desde este ano) - além, claro, de Blackie Lawless nos vocais e guitarra. Veja a entrevista de Johnny Rod na íntegra (em inglês e sem legendas): https://www.youtube.com/watch?v=74TZi2ZIknM.

Roger Waters no Rio de Janeiro em outubro de 2018
27/10/2017

Já divulguei aqui que o eterno líder floydiano lá em fevereiro último tinha pedido aos seus agentes para incluir o Rio de Janeiro no roteiro de sua atual turnê mundial Us + Them. “Não tocar no Rio é como não ter ido ao Brasil”, disse Waters. (alfinetada no Gilmour?). Recentemente publiquei também que seus empresários reservaram o Estádio Mané Garrincha na capital do nosso Distrito Federal, entre os dias 6 e 21 de outubro de 2018. Agora o colunista Ancelmo Gois, do Jornal O Globo, divulgou em meio a um texto sobre a contenda entre o Governo do Estado do Rio de Janeiro e a Odebrecht envolvendo a licitação do Maracanã, que o Estádio encontra-se reservado em 2018 nos meses de fevereiro, para Phil Collins, Foo Fighters, março para Pearl Jam e Roger Waters em outubro. Juntando uma peça na outra o quebra-cabeça vai se completando.

Obscurity Vision anuncia nova formação
27/10/2017

Prestes a lançar seu debut álbum, “Dark Victory Day”, a banda de Death/Black Metal OBSCURITY VISION anunciou sua nova formação. Trata-se do novo baixista Altamiro Matos, que já havia passado por bandas como Malice Garden, Necrofilia e Posthumous. O ingresso do músico ao grupo se deu após a saída de Nery Bauer, que havia trabalhado na gravação do vindouro álbum. Com isto, a formação que seguirá divulgando o novo trabalho - previsto para novembro/dezembro de 2017 - se estabilizou com Rafael Vicente (vocal), Luiz Rodriguez (guitarra), João Rodriguez (guitarra), Altamiro Matos (baixo) e Luiz Trentin (bateria). O show de estreia da nova formação acontecerá neste fim de semana (28/10), onde o OBSCURITY VISION se apresentará na primeira edição do “Bisho Metal Fest”, que acontecerá na cidade de Tubarão/SC. O evento ainda contará com as bandas Alkanza, Threzor, Orkane e Dead Nation, confira mais informações sobre o festival: http://www.sanguefrioproducoes.com/n/1085. Em outras notícias, os catarinenses divulgaram em sua página oficial do Facebook o lyric video da música “Violência”, um dos destaques de “Dark Victory Day”, confira: https://www.facebook.com/obscurityvision.br/videos/2031159123766253/. Contato para assessoria de imprensa: www.sanguefrioproducoes.com/contato. Sites relacionados: https://www.facebook.com/obscurityvision.br; http://www.obscurityvision.com/ e http://www.sanguefrioproducoes.com/bandas/ObscurityVision/40. Fonte: Sangue Frio Produções.

Khrophus: “Spreading The Madness Tour” retorna à Argentina para mais três shows em novembro
27/10/2017

Aproveitando ao máximo o ano de 2017 e sua atual e bem sucedida turnê, o KHROPHUS já inicia os preparativos para mais uma passagem em território argentino. Serão três apresentações no país dos ‘hermanos’, passando por Rosário (17/11), Buenos Aires (18/11) e finalizando em Córdoba (19/11), esta última no, já conhecido “Criminal Metal Camp 2017”, onde a banda estará dividindo palco com outras 30 bandas. Confira abaixo mais informações:
- Rotten Fest 3 - Rosário/ARG - Data: 17/11/2017. Cartaz completo: https://goo.gl/wBLVhp. Evento no Facebook para mais informações: https://www.facebook.com/events/1227304900730081/.
- Vomitos de Mierda XI - Buenos Aires/ARG. Data: 18/11/2017. Cartaz completo: https://goo.gl/MHGJBc. Evento no Facebook para mais informações: https://www.facebook.com/events/493866314302758/.
- Criminal Metal Camp 2017 - Córdoba/ARG - Data: 19/11/2017. Cartaz completo: https://goo.gl/qTkZmc. Evento no Facebook para mais informações: https://www.facebook.com/events/407745882928324/. Vídeo de divulgação: https://www.facebook.com/CriminalMetalCamp/videos/1949528288637384/.
Em outras notícias, a “Spreading The Madness Tour” segue até o final deste ano de 2017 e ainda está com datas disponíveis. Produtores interessados em levar o KHROPHUS para sua cidade escreva para contato@sanguefrioproducoes.com ou khrophus@hotmail.com e solicite um orçamento. Contato para assessoria de imprensa: www.sanguefrioproducoes.com/contato. Sites relacionados: https://www.facebook.com/Khrophus/; http://khrophus.com/site/ e http://www.sanguefrioproducoes.com/bandas/Khrophus/30. Fonte: Sangue Frio Produções.

Five Finger Death Punch: Veja capa e track-list de coletânea
27/10/2017

FIVE FINGER DEATH PUNCH lançará um álbum de greatest-hits com duas faixas inéditas, "A Decade Of Destruction", em 1 de dezembro. Clipe de Trouble, uma das novas no link: https://www.youtube.com/watch?v=buDl_QY640k. Veja o  track-list de "A Decade Of Destruction": 01. Trouble (new song); 02. Gone Away (new song); 03. Lift Me Up; 04. Wash It All Away; 05. Bad Company; 06. Under And Over It; 07. Wrong Side Of Heaven; 08. House Of The Rising Sun; 09. I Apologize; 10. The Bleeding; 11. Jekyll And Hyde; 12. Remember Everything; 13. Coming Down; 14. My Nemesis; 15. Battle Born e 16. Far From Home.

Creptum: novo EP ‘Reborn In Flames’ sai na próxima semana
27/10/2017

Está tudo pronto para o lançamento de ‘Reborn In Flames’, novo EP do CREPTUM que trará uma música inédita, intitulada ‘Reborn in Darkness’ e uma versão para a música ‘Black Celebration’, um clássico do Depeche Mode! ‘Reborn In Flames’ será lançado de forma digital no dia 31 de outubro, próxima terça-feira, em seus canais oficiais. O EP foi gravado no Wax Studio, produzido pela banda, com capa por Raphael Grizilli (Tanatos). Enquanto o EP não sai, o CREPTUM convida a todos a conferir seu premiado debut álbum, ‘of lies, curses and blood’, disponível para audição gratuita pelo link: https://www.youtube.com/watch?v=KKvRo9Jo8H4.
O trabalho, lançado pela Mutilation Records, também está disponível em formato físico diretamente com a banda e em versão digital, confira alguns links: Amazon: https://goo.gl/P49DrL; PlayStore: https://goo.gl/jyPbze; iTunes: https://goo.gl/Jfvakb; Spotify: https://goo.gl/CJxhnR. Contato: creptum@gmail.com. Sites relacionados: www.creptum.com; www.facebook.com/creptum e www.metalmedia.com.br/creptum. Fonte: Metal Media.

The Wasted: invadindo São Paulo no festival Overdrive Metal
27/10/2017

O THE WASTED vai até a capital paulista levar seu Metal para os headbangers presentes no Overdrive Metal Fest. O festival acontece neste domingo, 29 de outubro, no Cranius Rock Beer (Av. Itaquera, 2437) e conta ainda com as bandas Toxic Carnage, Spirit Crusher, Sanguinário, Kadabra Kadabra e Facing Fear. O evento está marcado para começar às 14h e os ingressos custam apenas R$8,00. Mais detalhes e como chegar no local podem ser conferidos pelo link: https://goo.gl/Nup5JU. O THE WASTED divulga o álbum ‘Rotten Society’, lançado este ano e vem sendo elogiado pela crítica especializada com citações como “um nome muito promissor” pela renomada página A Música Continua a Mesma.
A versão física do álbum e todo o material oficial estão disponíveis para venda. Para comprar basta entrar em contato com a banda por e-mail ou Facebook. ‘Rotten Society’ também está nas distribuidoras de música digital, confira alguns links: iTunes: https://goo.gl/QKEdOH; Spotify: https://goo.gl/otQs89; Amazon: https://goo.gl/X5rdc0; PlayStore: https://goo.gl/hZklW0. Um clipe para a música ‘Everything is Under Control’ foi lançado, assista: https://www.youtube.com/watch?v=0hT9e_nduSk. Contato: weare@thewasted.com.br. Sites relacionados: www.thewasted.com.br; www.facebook.com/TheWastedMetal e www.metalmedia.com.br/thewasted. Fonte: Metal Media.

NX Zero lança DVD ao vivo na próxima semana
27/10/2017

Com mais de uma década de carreira, o NX Zero lança no dia 31 de outubro seu novo DVD, “Norte Ao Vivo”. O show, gravado na Audio (São Paulo) em junho desse ano, faz parte da turnê do seu último disco “Norte” (Deck/ 2016). As imagens foram produzidas pela MB Filmes, com direção de Derick Borba. Mais de 30 cinegrafistas estavam presentes para captar a energia da apresentação e dos fãs. No repertório de 24 músicas, estão as canções do disco mais recente, entre elas “Meu Bem”, “Fração de Segundo” e “Modo Avião”. Eles também interpretam sucessos da carreira, como “Razões e Emoções” e “Cedo ou Tarde”. E, ainda as novas “Nessa Cidade” e “Sintonia”, apresentadas ao vivo pela primeira vez nesse DVD. As canções já estarão disponíveis a partir dessa sexta-feira (27) nas plataformas digitais e em CD duplo no começo de novembro.

Com patrocínio do Wacken Foundation, Uganga inicia gravações de novo álbum, "Servus"
27/10/2017

Em mais de 20 anos de carreira, o Uganga lançou cinco álbuns - alguns licenciados no exterior -, fez duas turnês pela Europa, centenas de shows por quase todas as regiões do Brasil e mais recentemente lançou seu primeiro DVD. Boa parte dessas produções do Uganga, sejam projetos de gravação ou circulação (turnês), têm recebido incentivo através de políticas públicas de cultura, comprovando a relevância do trabalho da banda, seja em seu sentido artístico/subjetivo ou social. E o dia 26 de Outubro marca o início das gravações do novo álbum do grupo, intitulado “Servus”, que será mais uma vez patrocinado por um programa de incentivo à cultura, dessa vez um internacional, o Wacken Foundation.
O Wacken Foundation é uma organização alemã sem fins lucrativos criada para apoiar projetos de hard rock e heavy metal de todas as partes do mundo. A organização foi idealizada em 2008 pelos produtores do Wacken Open Air (W:O:A), o maior festival de hard rock e heavy metal do planeta, e tem a missão de manter ativa a produção criativa nesse segmento e estimular novas bandas e projetos. Desde 2010 o Wacken Foundation passou a fazer contribuições em Euros para projetos de gravações de discos, turnês e até mesmo festivais. Os projetos podem ser enviados durante todo o ano e uma comissão de curadores avaliam os mais relevantes que virão a receber o apoio. A vocalista alemã Doro Pesch figura entre a equipe de curadores. Entre os doadores estão nomes como o de Alice Cooper que fez recentemente uma doação de US$ 10 mil à fundação.
O Uganga apresentou um projeto de gravação de “Servus” ao Wacken Foundation no começo desse ano e foi contemplado com uma soma em Euros que vai ajudar a financiar a produção. “A parceria com o Wacken Foundation foi mais uma vitória da banda e equipe à custa de muito suor, estrada, planejamento e amor à camisa” - declarou o vocalista Manu Joker. “Servus” será o quinto disco de estúdio do Uganga e será gravado no estúdio Rock Lab em Goiânia onde a banda registrou seu disco anterior, o aclamado “Opressor”. A produção será assinada por Gustavo Vazquez e pelo próprio Manu Joker.
"Os nomes dos álbuns do Uganga sempre aparecem logo no início do processo, algumas vezes antes mesmo de qualquer música ou arranjo. A parada vem de uma vez, tipo psicografada, e com o Servus não foi diferente”, explica Joker sobre o título do novo trabalho. “O conceito tem a ver com duas coisas distintas: escravidão e respeito. Servus em latim quer dizer "escravo" e é uma representação das referências históricas que vêm nos inspirando neste trabalho, entre elas a ascensão e queda do império romano. A questão do respeito tem a ver com servir. Não no sentido serviçal, adulador, mas sim servir ao próximo como um semelhante sem esperar nada em troca. Acredito que somos parte de um todo muito maior e que precisamos trabalhar juntos pela sua continuidade."
O Uganga publicará fotos e vídeos em suas mídias sociais com mais informações sobre o andamento das gravações. Entre outras novidades, o DVD “Manifesto Cerrado”, lançado recentemente em versão digital, vai ganhar sua edição física em Dezembro. Lançado para celebrar os 20 anos de carreira do grupo, “Manifesto Cerrado” reúne um documentário de longa-metragem que conta a história da banda e um show inédito realizado na histórica estação ferroviária Stevenson em Araguari/MG. "Manifesto Cerrado" foi financiado pelo Programa Municipal de Incentivo à Cultura (PMIC) de Araguari/MG e o seu lançamento online, totalmente gratuito, é uma tentativa de ampliar e democratizar o acesso ao material produzido. Assista online o documentário: https://youtu.be/FLgcH9dN-OQ e assista também o show na estação ferroviária Stevenson: https://youtu.be/vMtQBqmoNrM. Mais Informações: www.uganga.com.br; www.facebook.com/ugangaband; www.youtube.com/ugangamg; www.twitter.com/uganga; www.wacken-foundation.com. Fonte e Gestão Cultural: Eliton Tomasi - SOM DO DARMA - eliton@somdodarma.com.br e www.somdodarma.com.br.

Gwar: BälSäc The Jaws 'o Death diagnosticado com câncer
27/10/2017

Michael Derks, guitarrista que toca com o GWAR com o pseudônimo BälSäc the Jaws 'o Death, foi diagnosticado com mielofibrose, uma forma grave de leucemia. Michael comentou sobre a doença: "Se eu não enfrentasse isso os médicos disseram que eu poderia sobreviver mais 3 a 5 anos. Existe um tratamento com uma chance de cura, um transplante de medula. Esse procedimento consiste em destruir a minha medula doente com altas doses de quimioterapia e receber uma nova medula de um doador.

Eu farei o transplante no próximo ano. Passarei um mês no hospital e depois pelo menos um ano em recuperação. Durante esse tempo meu sistema imunológico será praticamente inexistente. O procedimento tem um índice de mortalidade de 30%, mas o Massey Center conseguiu baixar esta taxa para próxima a 15%. Com a ajuda de minha família e apoio de meus amigos vencerei isso!"

Bull Control: a agenda encorpada é reflexo de um trabalho honesto e focado
27/10/2017

Ainda em divulgação do EP "Mundo Paralelo" lançado em Maio deste ano e do videoclipe de mesmo nome lançado a menos de um mês, o Bull Control continua focado em levar sua música para o maior número de pessoas possível, sendo que a agenda do grupo é um reflexo de um trabalho honesto e focado. Mesmo sendo uma banda nova por ter sido formada em 2015, se engana quem julga por conta disso, pois essa formação atual do grupo é considerada a mais experiente até o momento, fazendo com que os quatros membros olhem para o mesmo horizonte e mesclem suas ideias de acordo com o futuro da banda. Um reflexo da aceitação e do ótimo lançamento do "Mundo Paralelo" é as datas que vem aparecendo para o grupo cearense, que cada vez mais vai se consolidando no cenário local e adquirindo um novo publico que acompanha a banda. Sobre essa fase do Bull Control, o vocalista Rodrigo "Digão" comenta:
"Acho que o trabalho desde a conclusão do EP até o videoclipe da música (que dá título a esse trabalho) é fruto de muito esforço e dedicação de todos os envolvidos dentro e fora da banda. Já estamos com uma boa visibilidade do videoclipe e uma aceitação maior por parte de toda a galera. Como a gente mesmo conversa internamente, este videoclipe é o fim do ciclo do EP, que foi lançado a cinco meses atrás e o início de uma nova saga.
O ano de 2017 em si pra banda foi de um todo proveitoso. Participamos do Garage Sounds, Forcaos e outros eventos onde a galera chegou mesmo com vontade em todas as apresentações da gente. Resolvemos fechar o ano tocando em locais que ainda não tínhamos tocado (ficamos devendo ainda a toca Good Garden, ano que vem quem sabe) como as cidades de Limoeiro do Norte , Maracanaú e aqui em Fortaleza no Estúdio Nuclear, após essas apresentações vamos focar em mais novidades para quem nos acompanha."
ASSISTA AO VIDEOCLIPE DE "MUNDO PARALELO": https://www.youtube.com/watch?v=MUTuHZVSzOY. Links relacionados: Groove Music: http://migre.me/wzEF6; Deezer: http://migre.me/wzEFy; Play Store: http://migre.me/wzEHj; ONErpm: http://migre.me/wzEJc; Bandcamp: http://migre.me/wzEO9; SoundCloud: http://migre.me/wzEMW; Spotify: http://migre.me/wzEP8 e Napster: http://migre.me/wzEQw.
Redes sociais: Facebook: http://facebook.com/bullcontrolhcce; Instagram: http://instagram.com/bullcontrolhccebr e YouTube: https://youtube.com/channel/UCAeh4mHuEd0rg74u8qTqMtw.
Bull Control agradece os apoios: Gambiarra Homestudio, Estúdio Esconderijo, Pea Muita Produções, Associação Cearense de Rock, Movimento Underground Fortaleza e a todos os amigos que os acompanham nessa jornada. Fonte: MK Assessoria.

Angra Fest: músicos do Angra convidam fãs para a 1ª edição do festival
27/10/2017

​Os músicos do Angra, Rafael Bittencourt, Felipe Andreoli e Bruno Valverde, convidam em vídeo os fãs da banda para o primeiro “Angra Fest”. Os ingressos para a 1ª edição do “Angra Fest” estão à venda pelo site da Ingresso rápido e sem taxa de conveniência na loja Consulado do Rock e no Tom Brasil. O festival acontece dia 26 de Novembro no Tom Brasil, em São Paulo, e conta com as bandas Angra, Massacration, Geoff Tate e Noturnall. Assista o convite do Angra: https://www.facebook.com/AngraOfficialPage/videos/1809698605737004/
Atualmente, o Angra é formado por Fabio Lione (vocal), Rafael Bittencourt (guitarra), Marcelo Barbosa (guitarra), Felipe Andreoli (baixo) e Bruno Valverde (bateria). Conhecida por estar entre os maiores nomes do heavy metal brasileiro no mundo, a banda Angra lançou aclamados álbuns e construiu uma gloriosa carreira.O Massacration está em sua nova turnê histórica “Metal Milf World Tour”. A banda é formada por Detonator (vocal), Metal Avenger (guitarra), Headmaster (guitarra), Redhead Hammet (baixo) e Jimmy The Hammer (bateria).
O grande vocalista Geoff Tate (ex-Queensryche) se apresenta no primeiro “Angra Fest” mostrando sua versatilidade musical e alto potencial vocal. O cantor é amigo de longa data do Angra e o show promete ser um dos pontos altos no evento. A banda Noturnall está de volta com o terceiro álbum "9" (um dos discos mais vendidos em 2017 segundo a revista Roadie Crew). Os músicos prometem um show avassalador com a participação do guitarrista Mike Orlando (Adrenaline Mob) e do baterista Henrique Pucci (ex-Project46). O primeiro “Angra Fest” também contará com as participações especiais de Luis Mariutti e Ricardo Confessori (ex-Angra e Shaman), Bruno Sutter, Alírio Netto (ex-Age of Artemis), Pompeu (Korzus), Dani Nolden (Shadowside) e Edu Ardanuy (ex-Dr.Sin).

Top Link Music orgulhosamente apresenta ANGRA FEST
Bandas: Angra, Massacration, Geoff Tate e Noturnall

Data: 26 de Novembro de 2017 (domingo)
Local: Tom Brasil - Rua Bragança Paulista, 1281, São Paulo - SP
Horário: 19h (abertura da casa)
Evento Facebook: https://www.facebook.com/events/1439147006174553/?fref=ts
Censura: Livre
Estrutura: ar-condicionado, acesso para deficientes
# COMPRA PELA INTERNET - https://www.ingressorapido.com.br/venda/?id=1601#!/tickets 
# PONTOS DE VENDA AUTORIZADOS em São Paulo, no Tom Brasil e na loja Consulado do Rock na Galeria do Rock. Mais informações em http://grupotombrasil.com.br/angra-fest
(Formas de Pagamento: Dinheiro, Débito, Cartões de crédito Visa, MasterCard, American Express e Dinners Club)
# SETORES/VALORES
- Pista 2º Lote - R$ 55,00 (meia-entrada) e R$ 110,00 (inteira)
- Pista 3º Lote - R$ 60,00 (meia-entrada) e R$ 120,00 (inteira)
- Pista Vip 2º Lote - 110,00 (meia entrada) e 220,00 (inteira)
- Cadeira Alta Vista Parcial - R$ 70,00 (meia-entrada) e R$ 140,00 (inteira)
- Camarote - R$ 100,00 (meia-entrada) e R$ 200,00 (inteira)
- Frisas - R$ 85,00 (meia-entrada) e R$ 170,00 (inteira)

*Para a compra de ingressos para estudantes, aposentados e professores estaduais, os mesmos devem comparecer pessoalmente portando documento na bilheteria respectiva ao show ou nos pontos de venda. Esclarecemos que a venda de meia-entrada é direta, pessoal e intransferível e está condicionada ao comparecimento do titular da carteira estudantil no ato da compra e no dia do espetáculo, munido de documento que comprove condição prevista em lei.

Links relacionados: http://www.angra.net/; https://www.facebook.com/AngraOfficialPage e http://www.toplinkmusic.com​.
Fonte: DAMARIS HOFFMAN - Hoffman & O'Brian - marketing artístico/entretenimento - www.hoffmanobrian.com.br.

Edu Falaschi: segunda perna da “Rebirth of Shadows Tour” conta com 23 datas, superestrutura e tour bus
27/10/2017

O vocalista Edu Falaschi (Almah) em parceria com as produtoras EV7 LIVE, EF4 MUSIC, PISCA PRODUTORA e MGB ENTERTAINMENT, orgulhosamente anuncia todas as datas da “Rebirth of Shadows Tour” que ocorrerá em Dezembro de 2017 e Janeiro de 2018. A turnê contará com uma superestrutura e um tour bus com muitas surpresas no repertório. Em julho deste ano, Edu Falaschi fez sete apresentações cantando exclusivamente o repertório da banda em que foi vocalista por mais de dez anos. Agora, o músico anuncia mais datas entre 8 de dezembro e 21 de janeiro por todo o Brasil. Serão 23 shows em 40 dias. A novidade é que todas as apresentações contarão com uma superestrutura e surpresas no setlist com músicas pedidas pelos fãs em muitos anos.
Tanto as pequenas cidades quanto as grandes capitais terão a mesma estrutura de som e luz graças ao “tour bus”, destinado ao transporte de todo equipamento, recurso que o Angra dispunha em sua fase áurea, em 2003 e 2004. “Vai ser emocionante levar essa turnê para nossos fãs”, fala o músico com empolgação. No setlist, Edu promete incluir faixas jamais executadas mesmo nas turnês do Angra. Ao lado de Edu estarão os músicos Aquiles Priester (bateria) e Fabio Laguna (teclado), membros originais das turnês dos álbuns “Rebirth” e “Temple Of Shadows”, além de Diogo Mafra (guitarra) e Raphael Dafras (baixo), ambos do Almah, e do guitarrista Roberto Barros. Confira as datas da turnê “Rebirth of Shadows Tour”:
08.12.17 - Americana/SP:
Ingressos - https://www.sympla.com.br/edu-falaschi-rebirth-of-shadows-tour-em-americana-sp__186274
09.12.17 - São João Del Rei/MG:
Ingressos - https://www.navip.com.br/evento/edu-falaschi-rebirth-of-shadows-tour_09_12_2017/
10.12.17 - Juiz de Fora/MG:
Ingressos - https://ticketmais.com.br/evento/view/20443/edu-falaschi
14.12.17 - Uberlândia/MG:
Ingressos - http://www.clubedoingresso.com/edufalaschi-uberlandia
15.12.17 - Campo Grande/MS:
Ingressos - https://www.sympla.com.br/edu-falaschi-rebirth-of-shadows-tour__184950
16.12.17 - Brasília/DF:
Ingressos - http://www.clubedoingresso.com/edufalaschirebirthofshadows-brasilia
17.12.17 - Goiânia/GO:
Ingressos - https://www.sympla.com.br/edu-falaschi-rebirth-of-shadows-tour-goiania__186375
19.12.17 - Varginha/MG: (Ingressos no local)
21.12.17 - Belo Horizonte/MG:
Ingressos - https://www.centraldoseventos.com.br/events/show/edufalaschi
22.12.17 - Rio de Janeiro/RJ:
Ingressos - http://www.clubedoingresso.com/edufalaschi-rj
04.01.18 - Manaus/AM: (Ingressos no local)
06.01.18 - Belém/PA:
Ingressos - https://ticketbrasil.com.br/show/5496-edufalaschi-belem-pa/
07.01.18 - Salvador/BA:
Ingressos - www.compreingressos.com (A partir de 31 de Outubro)
11.01.18 - Teresina/PI:
Ingressos - http://www.clubedoingresso.com/edufalaschirebirthofshadows-teresina
12.01.18 - Fortaleza/CE:
Ingressos - http://www.clubedoingresso.com/festivalrockwillneverdie-edufalaschi
13.01.18 - Natal/RN:
Ingressos - http://www.clubedoingresso.com/edufalaschirebirthofshadows-natal
14.01.18 - Campina Grande/PB:
Ingressos - http://www.clubedoingresso.com/edufalaschi-campinagrande
16.01.18 - Florianópolis/SC:
Ingressos - http://www.blueticket.com.br/21287/Edu-Falaschi-Rebirth-of-Shadows-Tour/?obj=busca
17.01.18 - Itajaí/SC:
Ingressos - http://www.blueticket.com.br/grupo/edufalaschi
18.01.18 - Blumenau/SC:
Ingressos - http://www.blueticket.com.br/grupo/edufalaschi
19.01.18 - Curitiba/PR:
Ingressos - http://www.clubedoingresso.com/edufalaschirebirthofshadows-curitiba
20.01.18 - Bebedouro/SP:
Ingressos - http://www.clubedoingresso.com/edufalaschirebirthofshadows-bebedouro
21.01.18 - São Paulo/SP:
Ingressos - http://www.clubedoingresso.com/edufalaschirebirthofshadowstour
Links relacionados: http://www.edufalaschi.com.br/ e https://www.facebook.com/edufalaschi.officialpage. Assista vídeo oficial da “Rebirth of Shadows Tour”: https://youtu.be/xxpTFfaTJnA.

Stage News 2017
Dezembro Novembro Outubro Setembro Agosto Julho
Junho Maio Abril Março Fevereiro Janeiro

 

Stage News 2016
Dezembro Novembro Outubro Setembro Agosto Julho
Junho Maio Abril Março Fevereiro Janeiro

 

Dezembro Novembro Outubro Setembro Agosto Julho
Junho Maio Abril Março Fevereiro Janeiro

 

Stage News 2013
Dezembro Novembro Outubro Setembro Agosto Julho
Junho Maio Abril Março Fevereiro Janeiro

 

Stage News 2012
Dezembro Novembro Outubro Setembro Agosto Julho
Junho Maio Abril Março Fevereiro Janeiro

 

Stage News 2011
Dezembro Novembro Outubro Setembro Agosto Julho
Junho Maio Abril Março Fevereiro Janeiro

  Fonte: www.rockonline.com, www.rockbrigade.com.br , www.brasilmusicpress.comwww.msmetalpress.com 
www.metalmedia.com.br, www.roadiecrew.com.br  e www.whiplash.net 
 Além das que são enviadas por jornalistas, músicos, parceiros e amigos.